Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

Loading ...

terça-feira, maio 08, 2012

Dupla aplica golpe conhecido como "Conto Do vigário" em Apodi e leva cerca de 9 mil reais da vítima


Agência bancária onde os bandidos iniciaram a ação

  Aconteceu na manhã desta terça-feira em Apodi um crime conhecido como "Conto Do Vigário", onde na ocasião dois homens não identificados ludibriaram um jovem que preferiu não se identificar e levaram dele cerca de nove mil reais.
  O crime ocorreu por volta das 11h00min quando o jovem estava no interior da agência do Banco Do Brasil de Apodi para depositar um dinheiro pertencente a uma empresa de contabilidade que o mesmo trabalha. O jovem contou que enquanto ele esperava na fila para fazer o depósito um homem de idade aproximada de 50 anos passou por ele e deixou cair um envelope, o jovem apanhou o envelope e devolveu ao homem que por sua vez o agradeceu e disse que era agente de uma empresa de calçados e que pelo fato do mesmo ter devolvido seu envelope com dinheiro iria lhe dar uma premiação. O homem que estava acompanhado de um comparsa convidou o jovem para ir pegar um par de tênis como prêmio que estava em seu carro, do lado de fora da agencia e o mesmo aceitou o convite e os acompanhou.
  Chegando na parte externa da agencia os dois homens e o jovem caminharam a pé até as proximidades da Igreja Matriz, onde estaria o suposto "carro" com o suposto "prêmio".  chegando lá um dos homens deixou o jovem esperando com o comparsa enquanto ele ia até o carro pegar os tênis para presenteá-lo. Durante esse intervalo de tempo o outro homem que estava com o jovem disse que estava passando mal e pediu que o mesmo fosse até o carro onde estava o companheiro dele para lhe entregar um cheque no valor de 14 mil reais, porém o jovem teria que deixar sua pasta como garantia de que não fosse roubar o cheque dele. Foi o que o mesmo fez, porém, ele não encontrou o "carro" e quando voltou não encontrou o outro homem que disse estar passando mal, o mesmo tinha fugido com sua pasta contendo nove mil reais.

E o cheque que ficou na mão do jovem?  precisa dizer que não tinha valor algum?


NOTA: Fica aqui o ALERTA para todos os leitores do Plantão Apodi que devem ficar atentos a esse tipo de golpe que antes acontecia em grandes centros urbanos mas que esta cada vez mais comum em pequenas e médias cidades do interior. 

Fonte: Plantão Apodi
Leia Mais ››

Consórcio que matou F Gomes, planejou envenenar todos os funcionários da Rádio Caicó AM



Um dos detalhes que chamou a atenção de todas as pessoas presentes no auditório Siloé Capuxú do Fórum Amaro Cavalcante, no final da manhã desta terça-feira, (08), durante a entrevista da delegada Sheila Freitas, sobre a elucidação da morte do jornalista F Gomes, foi o informe que antes de executarem o crime, os seis suspeitos presos planejaram envenenar todos os funcionários da Rádio Caicó AM.

A informação foi passada pela delegada Sheila Freitas, na entrevista. Segundo ela, antes do crime, eles planejaram encomendar uma cesta de café da manhã, e envenenar os bolos, biscoitos, sucos e os demais produtos, depois encaminhar para a Rádio, dizendo que era oferta de um dos anunciantes da emissora para os funcionários.

O plano não foi executado, e semanas depois planejaram e executaram a morte de F Gomes, tendo o moto-taxista João Francisco dos Santos, o Dão, como a pessoa que puxaria o gatilho. O crime, ocorreu no dia 18 de outubro de 2010.

Fonte: Sidney Silva
Leia Mais ››

Durante a investigação, Sheila Freitas foi ameaçada




A delegada Sheila Maria Freitas, que investigou a morte do jornalista F Gomes, confirmou na entrevista coletiva que concedeu no final da manhã desta terça-feira, em Caicó, que recebeu ameaças para parar.

Quando indagada pelos repórteres se foi verdade as investidas para que abandonasse o caso, ela disse que não iria fazer isso, até porque já passou por situações bem mais difíceis e não desistiu.

Mesmo não dando detalhes ele confirmou as ameaças.

Fonte: Sidney Silva
Leia Mais ››

Pastor Gilson usou dinheiro de igreja para financiar parte da morte de F Gomes


A Delegada Sheila Freitas, diretora da Divisão Especial de Investigação e de Combate ao Crime Organizado – DEICOR que investigou a more do jornalista F Gomes, disse na entrevista coletiva nesta terça-feira, (08), em Caicó, que o pastor evangélico Gilson Neudo Soares do Amaral, repassou 3 mil reais para João Francisco dos Santos, o Dão. O objetivo era que ele pegasse o dinheiro para fugir da cidade no dia do crime, o que não aconteceu.

A informação confirmada pela delegada, é que o dinheiro teria sido retirado da Igreja Batista Regular, da qual ele era pastor. O dinheiro seria do dizimo dos fiéis, e foi usado para pagar parte do valor estipulado para a prática do crime.

O dinheiro teria sido entregue ao advogado Rivaldo Dantas, que repassaria para Dão, e isso não teria ocorrido. A não entrega do dinheiro por parte de Rivaldo teria provocado uma discussão entre ele e o pastor.

Fonte: Sidney Silva
Leia Mais ››

Polêmica: Desacato à autoridade deixará de ser crime


A comissão de juristas que debatem no Senado a reforma do Código Penal aprovou, nessa segunda-feira,  a descriminalização do desacato a autoridade, que passará a ser um agravante para o crime de injúria. O código em vigor, criado em 1940, fixa pena de seis meses a um ano de prisão para quem insulta ou ofende outra pessoa. O novo texto irá prever de um a dois anos de detenção quando a injúria for cometida contra servidor público.

“Revogamos o crime de desacato. Prevaleceu o entendimento de que o desacato não é outra coisa a não ser uma ofensa à honra do funcionário público praticada em razão da função que ele exerce. Portanto, foi realocado para a condição de crime contra a honra. É um crime de injúria com a pena aumentada”, destacou o procurador Luiz Carlos dos Santos Gonçalves, relator da comissão.Ele acrescentou que a pena pode ser ainda maior se houver agressão contra o servidor. “Se for uma injúria real, o que a gente chama de partir para as vias de fato, que é dar um tapa, por exemplo, a pena será de um a três anos”, disse Gonçalves.

Celular

Na reunião realizada ontem, a comissão decidiu, ainda, criminalizar o uso do telefone celular por detentos em presídios. A pena será de até um ano. Atualmente, a legislação estabelece punição somente para quem facilita a entrada ou ingressa com o aparelho nas penitenciárias. “O objetivo no caso é proteger pessoas que são vitimadas com ligações vindas dos presídios. Até então, não havia pena nenhuma”, explicou o relator da comissão.

A criação desse tipo penal foi debatida em virtude das inúmeras irregularidades verificadas em presídios. São frequentes as ligações feitas por detentos para aplicar golpes e forjar sequestros, exigindo da vítima a transferência de dinheiro.

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ Gilson Dipp, presidente da comissão que debate a reforma do código, anunciou ontem que irá pedir a prorrogação de um mês dos trabalhos do grupo. Até então, o anteprojeto de reforma do Código Penal estava previsto para ser entregue aos senadores até o fim deste mês. Dipp observou que o grupo ainda irá debater as leis do colarinho branco, dos crimes ambientais, do tráfico de entorpecentes e dos crimes cibernéticos. "Ainda hoje vou levar ao presidente da Casa (José Sarney) o pedido de prorrogação para dar um fôlego a mais. Até 25 de junho teremos o projeto pronto", assegurou.

Fonte: DN Online
Leia Mais ››

Jovem que tentou tomar moto de assalto em Pau dos Ferros é menor de idade


O jovem que foi apreendido por PMs na noite de ontem (07), na cidade de Pau dos Ferros/RN após contratar um moto taxista para fazer uma corrida até São Francisco do Oeste/RN e no trajeto anunciou o assalto, não conseguindo seu intento devido a vitima se livrar e imediatamente solicitar apoio no 4º DPRE e  em uma ação rápida da PM conseguiram deter o jovem e apreender uma arma de fogo em seu poder, só na tarde desta terça-feira o jovem que disse ter 30 anos, na verdade ainda é adolescente tendo apenas 17 anos de idade, residente em Alexandria/RN, nesse caso foi lavrado o flagrante por pratica de ato infracional.

Fonte: Nosso Paraná RN
Leia Mais ››

RN já vacinou 20% da população contra a gripe


A Coordenação de Imunização da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou, nesta terça-feira (8), os primeiros números da Campanha de Vacinação contra a Gripe, iniciada no último dia 5 de maio.

Um total de 20% dos grupos elegíveis para a campanha já foi vacinado, o que representa 100.943 pessoas em todo o Rio Grande do Norte. Deste total, gestantes e trabalhadores de saúde atingiram um percentual um pouco acima dos 20%, tendo sido vacinados até o momento, 8.196 gestantes e 7.341 trabalhadores de saúde. Um total de 63.484 idosos já foram vacinados, o que representa 20% da meta. A imunização em crianças alcançou 30% do esperado, sendo 22.226 crianças já vacinadas.
A Campanha de Vacinação contra a Gripe segue até o dia 25 de maio em diversos postos de saúde em todo o estado. Podem se vacinar as pessoas com 60 anos e mais de idade, os trabalhadores de saúde das Unidades que fazem atendimento para a influenza, as crianças da faixa etária de 6 meses a menores de 2 anos, as gestantes, os povos indígenas e a população prisional.

A meta da Sesap é imunizar cerca de 80% dos grupos elegíveis para a vacinação, o que representa 484.283 pessoas em todo o estado.

Fonte: Umarizal em fotos
Leia Mais ››

Prefeito ameaça devolver ônibus dos estudantes


Infelizmente as notícias são de que o prefeito de Portalegre, Euclides Pereira de Souza, ameaça devolver o ônibus dos estudantes para o Governo do Estado.
Pelo menos essa é a informação que teria partido do próprio Secretario de Educação do município na oportunidade em que um aluno tentava fazer sua “ficha de inscrição”, que a princípio, lhe daria direito ao uso do transporte. 
As informações são de que o motivo estaria relacionado ao repasse em dinheiro que o Governo vinha fazendo para Portalegre. 
O blog da Prefeitura publicou uma nota hoje, onde diz que: "O referido ônibus é de propriedade do governo do estado, veio por meio de permissão de uso de forma precária, e paga".
Segundo a nota, “o governo do estado tem o direito de pedir a devolução do ônibus a qualquer tempo”. 
Acrescentando que, “pela permissão de uso, o governo do estado descontará da Prefeitura, através dos repasses do Programa Estadual de Transportes Escolar Rural do Rio Grande do Norte”. 
E finaliza: “decidimos que o ônibus só será aceito se houver uma redução nos valores a serem pagos".

Fonte: Blog do Edielson Soares
Leia Mais ››

Fábio Faria cobra do governo solução para o problema da falta d’água no Alto Oeste.



O sofrimento da população de Luís Gomes e de moradores da região Alto Oeste pela falta de abastecimento d’água foi levado ao Plenário da Câmara pelo deputado federal, Fábio Faria, primeiro vice-líder do PSD. 

Em pronunciamento, Fábio Faria lembrou que as obras do Sistema Adutor do Alto Oeste estão paralisadas, segundo o governo, por falta de recursos.

“Sem chuvas, sem o sistema adutor funcionando, os moradores só têm acesso a água tratada através de carros-pipa. A população de Luís Gomes e de toda a região do Alto Oeste espera providências do Governo do Estado para que conclua, o quanto antes, a adutora, importante para milhares de potiguares que vivem naquela região”, disse Fábio Faria. 

PROJETO

O Sistema Adutor do Alto Oeste começou a ser construído em março de 2009 e a previsão de conclusão era julho de 2012. 

O projeto, segundo registrado no Ministério da Integração, beneficiará uma população de 137 mil habitantes dos municípios Água Nova, Alexandria, Antônio Martins, Frutuoso Gomes e Itaú.

Fonte: Política Pauferrense
Leia Mais ››

CHOQUE ELÉTRICO MATA SOLDADOR NA RUA ALMIR DE ALMEIDA CASTRO NO CENTRO.


O soldador Francisco Avelino de Assis de Melo, de 24 anos de idade, morreu vítima de uma descarga elétrica, fato ocorrido terça feira 08/05/12 por volta das 12 horas em um prédio localizado na Rua Almir de Almeida Castro por traz de J. F. Souza no centro da cidade de Mossoró.
De acordo com as primeiras informações que conseguimos colher, Francisco Avelino estava trabalhando como soldador no referido prédio, e ao tentar tirar uma  telha de um local para outro, terminou batendo em um fio de alta tensão.
Uma viatura do SAMU prestou os primeiros atendimentos no local, e depois o conduziu ainda com vida para o Hospital Regional Tarcísio Maia,  aonde   lamentavelmente veio a óbito.
O corpo passou pelo Itep, foi examinado pelo médico legista de plantão, e em seguida entregue aos familiares para o sepultamento.

Fonte: Blog Nas Garras da Polícia
Leia Mais ››

Cai helicóptero que participava de reconstituição de chacina em Goiás



O helicóptero da Polícia Civil que participava da reconstituição da chacina em Doverlândia, Goiás, caiu na tarde desta terça-feira (8), enquanto voltava para a capital. O acidente aconteceu próximo a Piranhas, na região de Doverlândia.
A confirmação foi dada pelo Corpo de Bombeiros, que enviou um helicóptero para atender a ocorrência. A Polícia Civil confirmou que oito pessoas estavam na aeronave, entre elas dois delegados e o principal suspeito, mas os bombeiros ainda não confirmaram se há vítimas.
A Polícia Civil de Goiás retomou, na manhã desta terça-feira, a reconstituição da chacina. O crime aconteceu no dia 28 de abril, em uma fazenda onde sete pessoas morreram degoladas.
O superintendente da Polícia Judiciária em Goiás, o delegado Antônio Gonçalves, e o delegado de Doverlândia, Vinícius da Silva, estavam responsáveis por conduzir o segundo dia dos trabalhos de reprodução simulada dos fatos. Na primeira parte da reconstituição, realizada na última quinta-feira (3) com a coordenação da delegada-geral de Polícia Civil, Adriana Accorsi, os investigadores teatralizaram, com ajuda de dublês, as duas primeiras mortes: do proprietário da fazenda e do filho dele, mortos dentro da casa.

Nesta terça, a polícia decidiu usar manequins para representar as cinco vítimas mortas na área externa da propriedade. Segundo Antônio Gonçalves, o mudança tem como objetivo facilitar os trabalhos. "Nestas cenas, os corpos serão arrastados no pasto. Com manequins fica mais fácil", explicou o delegado.

Suspeito
Assim como no primeiro dia da reconstituição, o principal suspeito do crime, Aparecido Souza Alves, 22 anos, foi a Doverlândia acompanhar os trabalhos.  "Ele vai falando o que aconteceu, enquanto os peritos vão encenando, filmando e fotografando", detalha Gonçalves. Segundo ele, como não há nenhuma testemunha visual dos fatos, essa é uma importante prova técnica para desvendar o caso.

Aparecido, que confessou ser o autor da chacina, chegou a dizer que matou as sete vítimas sozinho. Mas, durante o primeiro dia da reconstituição, disse ter tido ajuda no pai durantes as execuções. A hipótese, apesar de ainda estar sendo investigada, é considerada "difícil", pela polícia. "O pai dele alega que esteve em uma cooperativa até as 15h. Ele teria que ter andado 15 quilômetros a pé em menos de uma hora para estar na fazenda na hora em que o crime começou", diz o superintendente.

Nesta segunda-feira (7), Aparecido passou por novos exames psicólogos. O objetivo é traçar o perfil psicológico do suspeito, que já mudou a versão dos fatos por diversas vezes, tanto sobre a participação de pessoas quanto à motivação. Até agora, segundo o superintendente, a única certeza é que o jovem cometeu os crimes, pois com ele a polícia encontrou o celular de uma das vítimas, roupas sujas de terra e de sangue, além dele ter deixado na casa do pai duas armas, uma delas roubada na fazenda.

O superintendente classifica o caso como emblemático. "Não dá para confiar no que ele diz. Primeiro, disse que seria pago. Depois, que pegaria um dinheiro na casa. Incluiu o próprio pai. Ficou seis horas no local e não levou quase nada", pontua Gonçalves .

Vítimas
No último dia 28 de abril, sete pessoas foram degoladas em uma fazenda na zona rural de Doverlândia. Morreram o dono da fazenda e o filho dele, um caseiro da propriedade e dois casais que haviam ido visitar o fazendeiro. Além do principal suspeito, outras três pessoas estão presas. Segundo a polícia, eles foram ouvidos e negaram participação no crime.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Vamos nos preocupar com recuperação total de Pedro, diz Thiago


O cantor sertanejo Pedro, filho de Leonardo (Foto: Divulgação)O cantor sertanejo Pedro, filho de Leonardo
(Foto: Arquivo/Divulgação)
O cantor Thiago Costa, primo de Pedro Leonardo Dantas, disse nesta terça-feira (8) estar otimista com a recuperação do companheiro. Em mensagem publicada em sua conta no Twitter, Thiago pediu aos fãs que se preocupem com “a recuperação total” de Pedro.
“Acordar totalmente e ficar acordado é com o passar do tempo, mas ele já abriu os olhos várias vezes”, disse por meio do serviço de microblog.
Pedro está internado no Hospital Sírio-Libanês, na região central de São Paulo, em estado grave, porém estável. Ele sofreu um acidente de carro em 20 de abril, após sair de um show em Minas Gerais. Ele chegou a ficar internado em Goiânia, mas foi levado ao centro médico paulistano no fim de abril.
Ede Cury, assessora do pai de Pedro, o também cantor Leonardo, confirmou que o jovem “de vez em quando abre um pouquinho os olhos”. Ela acrescentou que os parentes permanecem diariamente no hospital acompanhando sua recuperação.
Nesta segunda (5), Pedro passou pela primeira ressonância magnética desde o acidente. Segundo Ede, uma junta médica deve se reunir ainda nesta terça para avaliar o resultado deste exame e decidir como o tratamento deverá proceder. A equipe que o atende é coordenada pelos médicos Roberto Kalil Filho, Milberto Scaff, Paulo Cesar Ayroza Galvão e Marcos Stávale.
No domingo (6), o cantor foi submetido a uma traqueostomia. No último boletim médico divulgado, o hospital informou que o procedimento ocorreu com sucesso e sem intercorrências. A traqueostomia é indicada quando um paciente passa muito tempo respirando com a ajuda de aparelhos. Um orifício no pescoço serve para mudar a posição do tubo de ar e não interferir mais em suas cordas vocais.

Fonte: G1
Leia Mais ››

CPI decide fechar depoimentos de delegados e procuradores



Os integrantes da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que apura o envolvimento de políticos e empresários com o grupo do bicheiro Carlinhos Cachoeira decidiram, nesta terça-feira (8), realizar de forma fechada os depoimentos à comissão de delegados da Polícia Federal e procuradores da República.
Na tarde desta terça, será ouvido o delegado da Polícia Federal Raul Alexandre Marques Sousa, responsável pela Operação Vegas, primeiro depoente da CPI. O depoimento do delegado será a portas fechadas. A Operação Vegas, que Sousa conduziu, foi a precursora da Operação Monte Carlo, que resultou na prisão de Cachoeira.
Os parlamentares decidiram pelo depoimento fechado do delegado depois de votarem um requerimento de autoria do deputado Luiz Pitiman (PMDB-DF) e da senadora Kátia Abreu (PSD-TO), que pedia a sessão secreta para delegados e procuradores da República que ainda serão ouvidos. O requerimento foi aprovado por 17 votos favoráveis e 11 contrários.

Na quinta-feira (10), está previsto o depoimento do delegado da Polícia Federal Matheus Mella Rodrigues, responsável pela Operação Monte Carlo.
Na próxima quinta também estão previstos os depoimentos dos procuradores da República Daniel Rezende Salgado e Lea Batista de Oliveira, responsáveis pela investigação da Operação Monte Carlo. Pelo requerimento aprovado, todos os depoimentos serão fechados.
Debates
O requerimentos que pedia o sigilo para os depoimentos de delegados e procuradores foi alvo de críticas de parte dos parlamentares. O deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) defendeu a abertura dos depoimentos. "Quero lhe comunicar que tudo que aqui for falado vai vazar", disse Teixeira.
Já o deputado Paulo Teixeira (PT-SP) defendeu as sessões secretas para delegados e procuradores. "Elas [sessões] serviram para nos preparar para as próximas sessões da comissão. Só desta maneira os delegados se sentirão à vontade para fazer os relatos à comissão", disse.

A senadora Kátia Abreu, autora do depoimento, disse que o pedido é para evitar que os investigados saibam o que os delegados e procuradores falaram no depoimento.
"A sugestão é para que aqueles que estão sendo investigados não se municiem das perguntas que vão nos basear nos próximos depoimentos", disse a senadora.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Cidades da Paraíba cancelam festas de São João por conta da estiagem no Nordeste


Prefeitos de duas cidades do interior da Paraíba anunciaram nesta terça-feira (8) o cancelamento das festas juninas deste ano em decorrência da estiagem que afeta o Estado e a região Nordeste. Na Paraíba, 170 municípios estão em situação de emergência.

O prefeito de Maturéia (270 km de João Pessoa), Daniel Dantas Wanderley (PMDB), foi hoje à Câmara Municipal para fazer o cancelamento oficial da festa de junho. O prefeito anunciou também um corte de 30% no seu salário para ajudar na “distribuição de alimentos”. As medidas, segundo Wanderley, vão resultar em uma economia de aproximadamente R$ 300 mil.

No município de Ouro Velho (330 km da capital), os festejos de São João também foram cancelados. O anúncio foi feito pelo prefeito Inácio Amaro Filho (PDT). Na cidade, a situação é preocupante: agricultores já venderam mais de 60% do rebanho de bovinos, caprinos e ovinos devido à seca. 

Durante o anúncio oficial, Inácio Júnior disse que "apesar de ser uma festa importante, seria uma incoerência promover um evento de comemoração diante da seca que assombra a população”.

Pernambuco 
A seca também aflige a população de Pernambuco, onde todos os municípios do sertão estão em situação de emergência. Nesse Estado, entretanto, que também é famoso pelas festas juninas, nenhum evento foi cancelado até o momento.

O decreto de emergência foi assinado na sexta-feira (4) pelo governador Eduardo Campos (PSB). Na região, cerca de meio milhão de pessoas são afetadas diretamente pela estiagem.

Na semana passada, o governo de Pernambuco liberou cerca de R$ 5 milhões para obras de combate à seca nos municípios do interior. O governador assinou uma ordem de serviço para a perfuração de 250 poços artesianos em várias regiões do Estado. As obras devem ficar prontas em seis meses. 

Fonte: Portal Uol
Leia Mais ››

Traficante pediu para mãe sequestrar a ex por desconfiar de infidelidade


Vítima foi levada para a Favela do Arrastão, onde foi espancada e teve a cabeça raspada (Foto: Márcia Foletto / Agência O Globo)Vítima foi levada para a Favela do Arrastão, onde foi
espancada e teve a cabeça raspada
(Foto: Márcia Foletto / Agência O Globo)
Um homem que está preso em Bangu I, na Zona Oeste do Rio, é suspeito de mandar sequestrar a própria mulher, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio. Carlos Renato da Conceição, de 19 anos, cumpre pena por tráfico de drogas e porte de arma. Ele está detido desde outubro de 2010.
Segundo o delegado Jorge Veloso, da 74ª DP (Alcântara), ele pediu à mãe que sequestrasse a mulher e lhe desse uma "esculachada", por ela não querer mais visitá-lo na cadeia e por achar que o filho do casal, de 1 ano, não fosse dele. A mãe do preso, a filha dela, de 16 anos, e dois homens foram detidos em flagrante, quando torturavam a jovem.
O delegado informou que todos vão responder pelos crimes de sequestro e tortura, o que para os adultos pode render uma pena de até 20 anos de prisão. A adolescente, encaminhada ao Juizado da Infância e Juventude, deverá ser internada numa instituição para menores.
O sequestro e tortura da jovem ocorreu na manhã de segunda-feira (7), segundo o delegado Jorge Veloso. Ela contou que foi arrancada da casa da família pela sogra, na frente de parentes e vizinhos por volta das 11h. A mãe da jovem chamou a polícia, que duas horas depois identificou o carro que a sequestara na Favela do Arrastão, em São Gonçalo e conseguiu libertar a jovem.
“Todos foram pegos em flagrante. As lesões na jovem mostram que ela sofreu tortura física e psicológica e ainda teve o cabelo raspado. Ela contou que não queria mais visitar o companheiro que está preso e que isso começou a gerar problemas. Ela queria se separar dele e a família dele começou a dizer que o filho poderia não ser dele. Diante da desconfiança, o traficante pediu que a mãe 'esculachasse" a mulher", detalhou o delegado, ressaltando que a jovem está bastante abalada.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Carro de funerária atropela e mata sargento da PM em Itumbiara, diz PRF



Um sargento da Polícia Militar (PM) e ex-vereador da cidade de Itumbiara, no sul de Goiás, morreu após ser atropelado pelo carro de uma funerária, na noite de segunda-feira (7), na BR-153.
Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu próximo ao posto da polícia. O sargento de 44 anos estava em serviço pilotando uma moto quando foi atingido pelo veículo, que, segundo testemunhas, estava em alta velocidade. A moto conduzida pelo sargento ficou completamente destruída.
De acordo com informações do inspetor da PRF Newton Moraes, o motorista do veículo era funcionário da funerária e teria pegado o carro sem autorização. Ele também não possuia habilitação para dirigir.
“A informação que temos é que ele pegou o carro sem autorização. Então, fica caracterizado como roubo até porque ele abandonou o veículo nas proximidades do local do acidente. Nós recuperamos o carro que agora ficará à disposição da Polícia Civil”, explica o inspetor.
A delegada responsável pelo caso, Lúcia Aparecida Silvestre, informou que o suspeito vai ser indiciado por apropriação indébita e por homicídio doloso, quando a pessoa assume o risco de matar.
O sargento foi vereador entre 2001 e 2004, ficou afastado do serviço militar por mais de 10 anos e tinha retornado recentemente ao trabalho. Ele deixa dois filhos e uma neta. O corpo dele vai ser enterrado às 17 horas desta terça-feira no Cemitério Parque da Saudade em Itumbiara. O suspeito do crime já está preso.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Supremo adia análise do pedido de liberdade ao ex-goleiro Bruno


Goleiro Bruno (Foto: globo news)O goleiro Bruno (Foto: globo news)
A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal decidiu não analisar recurso protocolado pela defesa do ex-goleiro do Flamengo Bruno Fernandes das Dores de Souza em busca de liberdade para o jogador. A decisão foi tomada pelo grupo, composto por cinco ministros, na tarde desta terça-feira (8).
A defesa tentava reverter decisão do ministro Carlos Ayres Britto, publicada em fevereiro deste ano. Na época, Britto rejeitou um pedido liminar de habeas corpus feito pelos advogados do ex-jogador.
Nesta terça-feira, os ministros entenderam que a defesa não poderia ter recorrido da decisão provisória porque a liberdade do ex-jogador ainda será analisada pela turma quando for julgado o mérito do processo. Ainda não há data prevista para que o relator do caso, ministro Cezar Peluso, libere o processo para esse julgamento definitivo.
Bruno e outros réus devem ser levados a júri popular no processo sobre o desaparecimento e morte de Eliza Samudio, ex-namorada do atleta. Segundo a polícia, ela morreu em junho de 2010 na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O corpo nunca foi encontrado. O jogador se declara inocente.
Morte de Eliza
Em março, o advogado Rui Caldas Pimenta, que defende Bruno, disse que a estratégia de defesa do atleta no julgamento admitirá a morte de Eliza Samudio. De acordo com Pimenta, a tese é diferente da sustentada por outros defensores que já passaram pelo caso. Até então, a defesa do goleiro sustentava que a jovem estava viva, já que o corpo nunca foi encontrado.
A acusação argumenta que Eliza foi morta após tentar na Justiça o reconhecimento da paternidade de seu filho pelo goleiro.
De acordo com Pimenta, a tese de que “sem corpo não há materialidade” está incorreta. “Essa é tese há muito superada. Quando eu assumi (a defesa do goleiro), eu falei pro Bruno ‘Bruno, isso é fantasia’. Demonstrei a ele que a tese correta é a verdade. Admitimos que ela foi assassinada”.
Ainda segundo o advogado, o amigo do goleiro Luiz Henrique Romão, o Macarrão, tomou a decisão de matar a jovem. A defesa de Macarrão nega a acusação.

Fonte: G1
Leia Mais ››