Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

domingo, outubro 07, 2012

ELEIÇÕES 2012: Resultado Oficial Prefeito e Vereadores

TSE Divulga resultado oficial das eleições municipais 2012 em Itaú e consagra Ciro Bezerra Prefeito de Itaú-RN com maioria de 674 votos

confira clicando no quadro abaixo:


Vereadores Eleitos



Arlindo Maia da Redação do Cidade News

Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Resulta Extra Oficial


Zé Filho Melo 1811 votos
Ciro Bezerra  2485 votos

Retificação da Maioria

Prefeito Eleito  CIRO BEZERRA com maioria de 674 votos

Vereadores Eleitos

Fáfa Maia
Jailson Brito
Toinho Galego
Paulo Moreira
Reykson Brasil
Alex Bruno
Gildo Pinheiro
Márcio Lima
Ítalo Medeiro

Em seguida traremos o resultado oficial!

Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: 3ª Parcial



A redação do Cidade News fez um levantamento nas seções eleitorais e apresenta o resulta do total de votantes até as 16h (4 horas) desse domingo (7).

VOTAÇÃO 2012
COLÉGIO PRAXEDES MARTINS
SEÇÃOVOTANTESURNA
066329385
111342355
112340389
118336387
140332380
TOTAL1.6791.926 APTOS A VOTAR


VOTAÇÃO 2012
COLÉGIO JOSÉ PORTO
SEÇÃOVOTANTESURNA
59342383
60342388
61350384
62330378
63348387
64342377
65338382
148364385
TOTAL2.7563064 APTOS A VOTAR

Praxedes - 1.679 votante
José Porto - 2.756 votantes
TOTAL DE ELEITORES QUE JÁ VOTARAM - 4.435 ELEITORES

TOTAL DE ELEITORES APTO A VOTAREM - 4.990 ELEITORES
AINDA NÃO VOTARAM - 555 ELEITORES

Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: 2ª Parcial



A redação do Cidade News fez um levantamento nas seções eleitorais e apresenta o resulta do total de votantes até as 15h (3 horas) desse domingo (7).

VOTAÇÃO 2012
COLÉGIO PRAXEDES MARTINS
SEÇÃOVOTANTESURNA
066288385
111281385
112301389
118291387
140284380
TOTAL1.3451926 APTOS A VOTAR


VOTAÇÃO 2012
COLÉGIO JOSÉ PORTO
SEÇÃOVOTANTESURNA
59312383
60309388
61320384
62304378
63321387
64317377
65296382
148339385
TOTAL25183064 APTOS A VOTAR

Praxedes - 832 votante
José Porto - 1926 votantes
TOTAL DE ELEITORES QUE JÁ VOTARAM - 3.863 ELEITORES

TOTAL DE ELEITORES APTO A VOTAREM - 4.990 ELEITORES
AINDA NÃO VOTARAM - 1.127 ELEITORES

Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Ciro Bezerra votou na manhã deste domingo


O candidato da coligação "Vontade do Povo" Ciro Bezerra votou por volta das 10:40h, mesmo estado cedo no colégio eleitoral preferiu esperar um pouco mais para depositar seu voto na urna eletrônica.

confira:






Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Nota de Agradcimento



A equipe do blog Cidade News Itaú e a Rádio Cidade agradece ao amigo blogueiro Rômulo Brasil, por estar junto conosco, auxilando-nos no que for necessário para melhor informar aos amigos internautas.

Valeu amigo Rômulo do blog Atualidades, nossa gratidão.


Arlindo Maia a Redação do Cidade News Itaú
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: 1ª Parcial


A redação do Cidade News fez um levantamento nas seções eleitorais e apresenta o resulta do total de votantes até as 12h (meio dia) desse domingo).

VOTAÇÃO 2012
COLÉGIO PRAXEDES MARTINS
SEÇÃO VOTANTES URNA
066 158 385
111 156 355
112 176 389
118 173 387
140 169 380
TOTAL 832 1896 APTOS A VOTAR


VOTAÇÃO 2012
COLÉGIO JOSÉ PORTO
SEÇÃO VOTANTES URNA
59 204 383
60 194 388
61 186 384
62 196 378
63 214 387
64 189 377
65 154 382
148 217 385
TOTAL 1554 3064 APTOS A VOTAR

Praxedes - 832 votante
José Porto - 1554 votantes
TOTAL DE ELEITORES QUE JÁ VOTARAM - 2.386 ELEITORES

TOTAL DE ELEITORES APTO A VOTAREM - 4990 ELEITORES
AINDA NÃO VOTARAM - 2.574 ELEITORES

Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Eleições seguem a todo vapor


A movimentação ainda é bastante intensa em todos os colégios eleitoras, as filas ainda estão enormes, alguns candidatos já registram seu voto.

confira algumas imagens no nosso álbum de fotos deste domingo:

Eleições 2012 - Itaú-RN dia 7 de outubro de 2012


Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Policia recolhe excesso de cores em ruas


A Polícia do Município de Itaú está fazendo o recolhimento de matérias em excesso nas residências de eleitores e candidatos, várias bandeiras, TNT da cor azul e vermelha já foram retirados de prédios, bares, residências, etc.

Arlindo Maia da Redação do Cidade News Itaú
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Candidatos da coligação "Unidos para Fazer Melhor" registram seus votos


Já esta computado nas urnas eletrônicas os votos dos Candidato Zé Filho Melo e Fernanda Diógenes. Por voltas das 8:10 a candidata a vice-prefeita já estava registrando seu voto, já o candidato a prefeito Zé Filho Melo votou as 9:20 na Escola Estadual Praxedes Martins seção 66, dentro de instantes você confere as fotos feitas por nossa equipe durante as eleições 2012.

O ex-prefeito informou a reportagem que votariam por volta das 11:30h.







Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Candidatos da coligação vontade do povo votam as 10h


O candidato da coligação "Vontade do Povo" Ciro Bezerra e Paulo César votarão às 10h da manhã, registramos a candidata Márcia Maia que já compareceu ao colégio Eleitoral Praxedes Martins na seção 66 e registou seu voto por volta das 9h

Arlindo Maia da Redação do Cidade News
Leia Mais ››

ELEIÇÕES 2012: Colégios Eleitorais abrem seus portões


Os portões dos colégios eleitorais foram abertos pouco mais de 8h da manhã deste domingo (7), as filas são intensas, tudo transcorrendo em plena calma; os eleitores se comportam de maneira pacata, sem muita manifestação.

Arlindo Maia da Redação do Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Dois sargentos da PM de PE são detidos no interior do RN


Dois sargentos da Polícia Militar do Estado de Pernambuco, sendo um da ativa e outro da reserva foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil em Jardim de Piranhas/RN, na noite dessa sexta-feira, (05), por volta das 20h. De acordo com informações confirmadas pelo major PM Niltoildo Dantas, comandante da 5º CIPM naquela cidade, os dois foram abordados por policiais e o juiz eleitoral André Melo Gomes. Ambos estavam em um caminhonete. Quando foram identificadas as armas, duas pistolas, uma de calibre Ponto 40 e a outra de calibre 380, percebeu-se que os registros estavam vencidos. 

Ambos foram conduzidos para a delegacia de Polícia onde foram autuados em flagrante. O delegado arbitrou fiança que foi paga para a liberação dos dois.

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

BP Choque encontra dois explosivos, objetos e droga em Alcaçuz


Uma vistoria do BP na penitenciária estadual de Alcaçuz, localizado no município de Nísia Floresta, foi realizada por volta das 9h deste sábado, e  resultou no encontro de dois artefatos explosivos, quatro celulares e uma pequena quantidade crack. 

Segundo o tenente Tales, oficial em serviço, o procedimento foi realizado a pedido da direção da unidade prisional.

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Grande quantidade de droga é apreendida no Alecrim; suspeito é preso

Ilustração

O 1º Batalhão de Polícia Militar apreendeu uma grande quantidade de droga na manhã dessa sexta-feira (5), por volta das 10h30, no bairro do Alecrim, Zona Leste de Natal. De acordo com o subtenente Marcos, oficial em serviço, os policiais chegaram até o flagrante após uma denúncia através do Centro Integrado de Operações e Seguranças Públicas (Ciosp) para atendimento de desordem no local. Na ocasião, Francisco de Assis de Sousa, de 44 anos, suspeito de consumo de tóxico, foi detido e convidado a se dirigir até a sua residência para resgate de seus documentos. No local, a surpresa: pelo menos 4kg de drogas, balança de precisão, celulares,uma quantia não revelada em dinheiro, além de sete perfumes de marca. O material foi todo apreendido e encaminhado para a Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc).

Segundo o subtenente Marcos, foram apreendidos quatro sacos plásticos com substância amarelada, três sacos com pó branco e ainda outro saco com essencia esverdeada, provavelmente crack. O material foi levado ao Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep) para a realização da perícia. 

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Polícia desvenda dois homicídios bárbaros na região Oeste


A Delegacia de Homicídios, criada recentemente em Mossoró, investiga oito processos, sendo dois por tentativa e seis homicídios qualificados. Dois crimes já foram desvendados e os acusados identificados e detidos.

O primeiro homicídio desvendado aconteceu domingo, 30 de Setembro, no antigo posto fiscal São Romão, na Maisa onde o acusado, Raimundo Leite da Silva, de 30 anos, foi preso em flagrante pela guarnição da Polícia Militar local. Ele confessou ter matado a pauladas, seu companheiro de trabalho, Marciel Francisco Alexandre, de 25.

O segundo caso desvendado pela DEHOM ocorreu no dia 26 de Setembro, no loteamento Juliana no Bairro Santa Delmira. Altiele Oliveira de Brito, de 19 anos, conhecido como "Branquinho", foi vítima de um disparo de arma de fogo e morreu no local.

O acusado, S.J.S. de apenas 15 anos foi identificado pelos agentes no final da tarde dessa sexta-feira (05). O menor foi conduzido para a delegacia e confessou a autoria do crime. O acusado disse ao delegado Roberto Moura que matou "Branquinho" porque ele teria roubado uma bicicleta que tinha emprestado a um amigo. Ele ainda disse que após assassinar seu desafeto, foi em casa trocou de roupa e voltou ao local para assistir os procedimentos de perícia.

O delegado Roberto Moura disse que chegou até o adolescente através de depoimentos das pessoas que foram vítimas de "Branquinho", que disseram que ele era viciado e praticava muitos furtos na região. 

Outros quatro crimes podem ser desvendados a qualquer momento. Na ocasião, três suspeitos já foram identificados. O delegado Roberto Moura já solicitou a justiça à prisão preventiva dos acusados e a qualquer momento espera prendê-los.

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Mega-Sena acumula e pagará prêmio de R$ 28 milhões na próxima quarta; veja dezenas


A Caixa divulgou na noite deste sábado (6) as dezenas sorteadas na cidade de São Marcos (RS) do concurso 1.431. Ninguém acertou as seis dezenas e o prêmio acumulado para o próximo sorteio, que deve ocorrer na quarta-feira (10), é de cerca de R$ 28 milhões.

Os números sorteados foram: 05 – 09 – 13 – 33 – 40 – 54. 

Foram 278 acertadores da quina, que vão levar o prêmio de R$ 10.432,48. Já a quadra teve 17.721 acertadores, que ganharão R$ 233,86 cada.

A aposta mínima custa R$ 2 e pode ser feita até às 19h do dia do sorteio.

Fonte: Portal Uol/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Ex-jogador Viola é preso na Grande São Paulo por porte ilegal de arma e violência doméstica


Viola foi detido em Santana de Parnaíba e será conduzido para cadeia de Carapicuíba
O ex-jogador de futebol Viola foi preso na noite desta sexta-feira na cidade de Santana de Paranaíba, na Grande São Paulo. Durante o período eleitoral, os eleitores só podem ser presos em flagrante, o que ocorreu com Viola.


O delegado responsável pela ocorrência, Ronald Luís da Silva Nascimento, registrou que o ex-atacante foi detido por desobediência, posse ilegal de arma de fogo e ameaça de violência doméstica.

Por volta de 22h30 desta sexta, um oficial de justiça foi até a residência de Viola, em Tamboré, mas não foi atendido. Viola teria descumprido ordem judicial que dava a guarda de seu filho à mãe da criança, que estava junto do oficial. Ele solicitou reforço e, acompanhado pelo delegado, continuou sem respostas de Viola. Com isso, a Polícia Civil foi acionada, invadiu a casa e realizou a detenção.

De acordo com o delegado, Viola teria ameaçado a esposa de morte e até disse que cometeria suicídio. Uma pistola, com registro, foi encontrada na casa, mas a polícia também encontrou uma espingarda sem registro e carregadores e um silenciador de pistola, que são de uso restrito.


Ainda neste sábado, Viola, que em 2006 já havia sido detido por porte ilegal de arma, deve ser conduzido até a cadeia pública de Carapicuíba. Posteriormente, o auto de prisão será analisado pelo juiz para determinar se o ex-jogador permanecerá detido ou será solto.

Viola teve seu auge no futebol nos anos 1990. Em passagem pelo Corinthians, foi campeão da Copa do Brasil e do Campeonato Paulista em 1995, um ano depois de integrar o elenco da seleção brasileira que conquistou a Copa do Mundo nos Estados Unidos. Depois de atuar pelo Palmeiras e pelo Santos, foi transferido para o Vasco e, em 2000, levantou o troféu do Campeonato Brasileiro e da Copa Mercosul.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Com talento de Lucas e dois gols de Luis Fabiano, São Paulo vence, dá baile e afunda Palmeiras


São Paulo3x0Palmeiras
Técnico: Ney FrancoTécnico: Gilson Kleina

As coisas já estavam bem difíceis para o Palmeiras antes de Lucas e Márcio Araújo ficarem frente a frente na grande área. Aí ficou impossível. O são-paulino de 20 anos driblou e deixou o palmeirense de 28 sentado no chão. Na conclusão da jogada, Luis Fabiano empurrou a bola à rede para abrir o placar no clássico.

O São Paulo venceu por 3 a 0, mas o Morumbi não comemorou apenas a vitória. Nem somente a magistral atuação de Lucas, que consolida cada vez mais sua condição de novo ídolo tricolor. Nem só os dois gols de Luis Fabiano, que volta à briga pela artilharia do Brasileiro. Nem o massacre, fato incomum na história do Choque-Rei.

Houve festa também pela contribuição dada a um possível rebaixamento do rival.

A derrota no Morumbi interrompe uma sequência de três vitórias do time que luta desesperadamente contra o rebaixamento. É o primeiro baque do técnico Gilson Kleina. Em campo, a cada gol tricolor, os palmeirenses reagiam com discussão áspera, gestos firmes, caras amarradas.

A equipe permanece em 18º com 26 pontos, seis atrás do Coritiba, o primeiro fora da zona da degola. Já o São Paulo, ainda não conseguiu chegar ao G-4 por causa da vitória do Vasco e continua na quinta posíção, quatro pontos atrás.

Mesmo assim, neste sábado, os são-paulinos foram genuína felicidade e um pouco de marra. Luis Fabiano, que voltou a comandar o ataque do time após três partidas no estaleiro, fez o primeiro gol e ficou olhando para torcida ensadecida com a mão no queixo, olhar blasé, parado na esquina. Mostrou que já se acostumou a ser tratado como um rei.

Denilson, volante brucutu, o jogador mais indisciplinado do Brasileiro, provou que também pode ter classe. No final do primeiro tempo, acertou um chute incrível, raro, impressionante, da intermediária direto para as redes. A bola morreu tranquila no ângulo do azarado goleiro Bruno. Golaço.

Na comemoração, Denilson ajoelhou-se sobre o escudo tricolor, levou a mãos aos céus e chorou. “Este gol foi dedicado à minha mãe, que está no céu nos abençoando”, disse entre lágrimas na saída para o intervalo. Os volantes também choram.

O domínio do São Paulo durante o primeiro tempo foi tanto, que mal se pôde percerber as principais armas palmeirenses em campo. Barcos, Valdivia e Daniel Carvalho (cuja titularidade foi a ousada aposta de Gilson Kleina) estiveram apagados durante os primeiros 45 minutos.

“Temos que ter mais organização e paciência, mas com 2 a 0 atrás fica muito mais difícil”, admitiu um desanimado Marcos Assunção no intervalo.

Kleina, arrependido de sua ousadia, mexeu no time para a etapa final. Sacou Daniel Carvalho e Márcio Araújo, o que ficou sentado para ver Lucas passar. As apostas eram Luan e Thiago Real.

Mas se havia esperanças, elas acabaram em menos de dez minutos. A derrota cristalizou-se quando o lateral Artur foi expulso por falta em Osvaldo no começo do segundo tempo. Ele já havia sido amarelado na etapa inicial também por derrubar o insinuante atacante tricolor.

Com um a menos, o Palmeiras foi às cordas. Ainda tinha muito jogo pela frente. Só que não tinha mais Palmeiras. Tudo ficou ainda pior quando Valdivia se machucou numa dividida e ficou mancando em campo. Como o time já tinha feito as três substituições, Valdivia teve que sair e deixar a equipe com nove.

No meio desse drama, Luis Fabiano ainda fez o terceiro com um belo chute de primeira. Na comemoração, acabou sentindo a perna e foi substituído por precaução.

O resultado foi tão justo que passou despercebida a atuação do árbitro Paulo César de Oliveira, cuja escalação foi duramente questionada pela diretoria alviverde. Seguro, ele não influenciou no resultado do jogo. Se houve erros, houve para os dois lados.

No final, o São Paulo só ficou tocando de lado, a torcida gritando olé, comemorando uma das vitórias mais tranquilas dos últimos tempos.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Ralf faz contra, Náutico vence o Corinthians e aumenta série invicta no Recife


Náutico2x1Corinthians
Técnico: Alexandre GalloTécnico: Tite

O Náutico deve sua posição intermediária neste Brasileirão graças ao Aflitos. No estádio, o time conseguiu 10 de suas 11 vitórias no torneio. O Corinthians foi a nova vítima. A partida seguia empatada até os 39 min da 2ª etapa, mas Ralf fez gol contra, partida que terminou por 2 a 1, neste sábado.

Com este resultado, o Náutico soma oito partidas invictas em casa, com sete vitórias e um empate.

O clube da equipe do Parque São Jorge mantém 39 pontos. Já o Náutico soma agora 37 pontos. 

O clube pernambucano jogou ao seu estilo em casa: atuou em velocidade, explorou os lados de campo e fazia inversão de jogadas, surpreendendo o adversário. Cássio foi exigido na primeira etapa, fazendo duas boas defesas, em finalizações de Martinez e Kieza.

Melhor em campo na etapa inicial, o Náutico abriu o marcador aos 30 min, em um golaço de Kieza. A jogada começou com lançamento longo de Jean Rolt. Kieza matou a bola, deixou Fábio Santos pelo caminho e finalizou na frente de Cássio.

Foi o 10º gol de Kieza em 12 jogos pelo Náutico no Brasileirão.

O Corinthians acordou após o gol sofrido. Paulinho reclamou de mão na bola dentro da área de Jean Rolt, que ocorreu. Mas a arbitragem viu falta de Paulinho no lance.

O empate veio nos acréscimos do 1º tempo. Paulinho venceu disputa dentro da área, e a bola sobrou limpa para Guerreiro, que chutou com o pé esquerdo.

Kieza chegou a marcar na segunda etapa, mas estava em impedimento.

A equipe paulista cadenciou o jogo e trocava passes, aguardando a oportunidade de engatar contragolpe. Dessa forma o Corinthians reequilibrou o jogo e criou boas chances de virar o marcador.

Ralf impediu o gol de Kieza, tirando a bola em cima da linha.

As duas equipes alternavam lances de perigo. A seis minutos do fim, Ralf jogou contra sua própria. Ele tentou desviar a bola, marcando gol contra.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Santos e Inter oscilam, ficam no 1 a 1 e mantêm rotina de empates no Brasileirão


Santos1x1Internacional
Técnico: Muricy RamalhoTécnico: Fernandão

Santos e Internacional não fugiram de seus históricos no Brasileirão neste sábado, na Vila Belmiro. Sem Neymar de um lado e Damião de outro, o jogo foi marcado por gols perdidos e controle dividido e mantêm a sina dos times de empatar. Com gols de Bernardo e Cassiano, santistas e colorados repetiram o escore que mais conquistaram até aqui: um empate.

Para o Santos, o 1 a 1 significa o segundo lugar no ranking de empates no certame. O primeiro posto no quesito fica justamente com o Inter. Que acumula 12 resultados iguais. Na tabela, o time alvinegro chega aos 35 pontos e o Colorado pula para 42.

A ausência de Neymar não afetou tantou o volume ofensivo do Santos. Mesmo que a falta do camisa 11 fosse sentida, o time de Muricy Ramalho teve poder de fogo. Chegou no ataque e criou chances. Passou boa parte do primeiro tempo dominando o Internacional. O problema é que na etapa final o craque fez falta. Os gaúchos se aproveitaram disso.

Felipe Anderson e André eram os principais nomes da equipe. Mas foi com Bernardo que saiu o gol. O camisa oito aproveitou a sobra dentro da área, após jogada combinada de Miralles e André, e marcou. O goleiro Muriel ainda chegou a tocar na bola, mas não evitou o gol aos 15 min.

A desvantagem afetou o rendimento do Inter. A equipe de Fernandão passou a errar mais passes, deixou a defesa exposta e deu margem para o Santos criar outras oportunidades de gol. Miralles desperdiçou duas vezes. Durval, de cabeça, obrigou Muriel a trabalhar. Assim como André.

A resposta do Inter só veio quase em cima do intervalo. Primeiro com Ygor, que surpreendeu e apareceu dentro da área. O volante encheu o pé depois de um cruzamento de Forlán e acertou a trave direita de Rafael. Logo depois Fred não aproveitou a falha da defesa rival e acabou desviando a bola com o joelho – dentro da grande área.

No segundo tempo o jogo teve uma troca de papéis. A suspensão de Neymar se fez notar. O Santos perdeu o domínio e o Inter melhorou, com a entrada de Cassiano na vaga de Fred e a mudança para um esquema próximo do 4-3-3.

 O avanço vermelho rendeu o empate logo aos seis minutos. Dátolo recebeu de Kleber e cruzou fechado. O atacante que saiu da reserva desviou de cabeça e marcou. Nos minutos seguintes, empolgado, o Inter chegou mais perto do gol.

A queda de produção no ataque fez Muricy mexer logo após o gol vermelho. Primeiro tirando André para a entrada de Pato Rodriguez. Depois sacando Miralles e colocando Bill. No Inter, Kleber deu lugar a Fabrício e Dátolo saiu para a entrada de Otávio. As trocas não mudaram o panorama e o placar.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Grêmio leva susto, mas suplentes viram o jogo contra o Cruzeiro e espantam jejum


Grêmio2x1Cruzeiro
Técnico:Técnico:

O Grêmio saiu atrás, terminou o primeiro tempo perdendo por 1 a 0, mas viu a vitória vir do banco de reservas. Os suplentes brilharam no Olímpico neste sábado, pela 28ª rodada do Brasileiro. Marcelo Moreno e Marquinhos saíram do banco de reservas para marcar os dois gols do time gaúcho sobre o Cruzeiro, que garantiu a vitória de virada por 2 a 1. Leandro, que também veio do banco, participou do segundo gol, e coroou a atuação dos reservas gremistas.

O jejum de vitórias era o maior no Brasileirão. Já fazia três jogos que o time portoalegrense não somava três pontos em uma rodada. Mas ao superar o Cruzeiro, três pontos a mais somados e a marca de 53 no Brasileiro. Mas se o jejum gremista terminou, o mineiro parece não ter fim. Com o deste sábado, são sete jogos sem vitória para a equipe de Celso Roth.

O Grêmio começou em cima. Logo a 1 minuto de jogo, Elano bateu falta e obrigou Fábio a uma difícil defesa. Com o campo molhado pela forte chuva que caiu em Porto Alegre, os chutes de fora da área tomaram conta. Kleber tentou aos 8, mas colocou para fora.

No entanto, o ímpeto gremista diminuiu aos 10 minutos. Elano deixou o campo lesionado, deu lugar a Marquinhos. Sem o meia, o time gaúcho perdeu força ofensiva, mesmo seguindo superior. Enquanto isso, o Cruzeiro se defendeu bem. E contou com uma jogada de contra-ataque para abrir o placar. Anselmo Ramon recebeu na ponta esquerda, driblou Pará e chutou forte vencendo Marcelo Grohe, aos 29 minutos.

Atrás no placar, o Grêmio voltou ao ataque total. Pará cruzou aos 38 minutos, Souza cabeceou forte, mas em cima do goleiro Fábio. Foi tudo que o time gaúcho conseguiu fazer. O silêncio tomou conta do Olímpico ao apito do árbitro. Numa mistura de tensão e desconfiança, a casa da equipe gaúcha esperava ansiosa pela conclusão do jogo.

"Era uma bola defensável. Acontece. É voltar para o segundo tempo e tentar virar", lamentou o goleiro Marcelo Grohe, do Grêmio. "Com certeza foi nosso melhor primeiro tempo no ano, tenho pouco tempo de clube, mas acredito nisso", opinou Borges, centroavante do Cruzeiro.

Vanderlei Luxemburgo foi ousado. No intervalo, Leandro entrou no lugar de Zé Roberto e a formação passou a ser 4-3-3. Com isso, a pressão foi grande nos minutos iniciais de jogo. Cruzamentos e passes rondaram a meta defendida por Fábio. Cobrando falta, Marco Antonio acertou a trave aos 7 minutos.

O Cruzeiro tratou de se defender. Celso Roth aproximou as linhas do time e o contra-ataque - que já era usado na etapa inicial - se tornou cada vez mais a única alternativa dos mineiros. Aos 19 minutos, Fábio salvou mais uma vez. Souza cabeceou e o goleiro colocou para escanteio.

Tanto pressionou que o Grêmio marcou. Marco Antonio deu uma cavadinha para Marcelo Moreno, aos 21 minutos. O boliviano entrou na área e encobriu Fábio empatando o jogo no Olímpico.

O apoio ficou mais forte, até que se tornou insuportável. Aos 32 minutos o Grêmio fez o gol da virada. Leandro driblou a marcação e chutou da direita, Fábio deu rebote para o meio e Marquinhos entrou de carrinho para marcar 2  a 1. Com chances alternadas, o jogo não teve nova movimentação de placar e acabou com vitória gremista.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Vasco repete rivais do RJ, vence Atlético-GO e mantém distância para o São Paulo


Atlético-GO0x1Vasco
Técnico: Artur NetoTécnico: Marcelo Oliveira

O Vasco não fez por menos e repetiu o desempenho dos rivais do Rio de Janeiro neste sábado. Com um a mais desde os 20min do 1º tempo, o time venceu o Atlético-GO por 1 a 0, no Serra Dourada, e seguiu o exemplo de Fluminense (4 a 1), Botafogo (2 a 1) e Flamengo (2 a 1), que também triunfaram sobre a equipe goiana fora de casa. O gol de Juninho, já no final da partida, foi fundamental para manter a vantagem de cinco pontos sobre o São Paulo na briga pela quarta posição. De quebra, o Cruzmaltino se garantiu antecipadamente por mais uma rodada no G-4. O Gigante da Colina e o Tricolor Paulista se enfrentam na próxima quarta-feira, às 22h, em São Januário.

Com maioria de torcedores vascaínos no estádio, o time carioca iniciou a partida comandando as ações. Juninho e Carlos Alberto eram os responsáveis pela criação de jogadas e contavam com a velocidade de Eder Luis para surpreender o adversário pelos lados do campo. Antes dos 10min, o Cruzmaltino teve duas boas chances para abrir o placar.

O Atlético-GO não conseguia se organizar e sair para o ataque. A situação ficou ainda pior aos 20min. O zagueiro Gustavo puxou Carlos Alberto pela camisa e recebeu o cartão amarelo. Na sequência, o jogador xingou o árbitro e foi expulso de campo. O episódio causou muita reclamação dos goianos e expressou a dificuldade emocional do lanterna da competição.

Mas uma sequência de desatenções do sistema defensivo do Vasco quase custou caro. Aos 36min, Felipe lançou Marinho, que invadiu a área e chutou com força por cima do gol. Aos 44, Eron recebeu do mesmo Felipe, bateu forte, mas Fernando Prass defendeu.  No último minuto, o goleiro Márcio cobrou falta e por pouco não marcou. Prass defendeu novamente. Foram os lances de perigo dos donos da casa na primeira etapa.

Com superioridade numérica, mas sem conseguir agredir como deveria nos primeiros 45 minutos, o Vasco voltou para o segundo tempo com Felipe e Fellipe Bastos nos lugares de Thiago Feltri e Jonas, respectivamente.  Aos 16min, Juninho chutou de fora na tentativa de surpreender o goleiro Márcio. Pouco depois, Eder Luis isolou um rebote dentro da pequena área. O técnico Marcelo Oliveira sacou Carlos Alberto e colocou o garoto Marlone em campo.

O Cruzmaltino partiu com tudo para o ataque, mas não conseguia concluir as oportunidades. Recolhido, o Atlético-GO se limitava aos contra-ataques e quase marcou aos 29min. Felipe disparou em velocidade, ajeitou para o pé esquerdo e a bola passou raspando a trave de Fernando Prass.

Após o susto, o Gigante da Colina continuou se expondo e apostando no poder de criação de Juninho. Nilton chegou a acertar uma pancada no travessão aos 39min. O Atlético-GO se defendia, mas não conseguiu evitar a derrota.  Aos 41min, o Vasco fez o seu gol após muita insistência. Felipe tabelou com Wendel pelo lado esquerdo e rolou para Juninho. O meia bateu de primeira e explodiu a torcida no Serra Dourada.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Fred mantém fama de carrasco do Botafogo, Flu vence e segue invicto em clássicos


Fluminense1x0Botafogo
Técnico: Abel BragaTécnico: Oswaldo de Oliveira

O Fluminense não foi brilhante, mas venceu o Botafogo na noite deste sábado, no Engenhão, da mesma maneira que tem garantido seus últimos resultados, sendo letal. Fred, com poucas oportunidades durante os 90 minutos, aproveitou quando teve a chance e marcou seu 14º gol neste Campeonato Brasileiro, se igualando ao atacante Bruno Mineiro, da Portuguesa, na artilharia da competição. De quebra, o Fluminense manteve a invencibilidade em clássicos cariocas no torneio nacional.

O camisa 9 também manteve a fama de carrasco do time alvinegro, chegando ao décimo gol em 12 partidas contra o Botafogo. A vitória do Fluminense mantém a vantagem de seis pontos para o Atlético-MG, segundo colocado, que também venceu na rodada. O Botafogo, que contou com boa exibição do meia Seedorf, fica cada vez mais distante do sonho de entrar no G-4 do Brasileirão.

Com público apenas razoável no estádio Engenhão para o 'Clássico Vovô', o Botafogo entrou em campo com duas surpresas na escalação. O volante Renato, com dores, foi vetado para a entrada do jovem Gabriel. Outra novidade foi o meia Fellype Gabriel, que ganhou a posição do uruguaio Lodeiro, titular nos treinos da semana. O Fluminense repetiu a equipe que venceu o clássico contra o Flamengo, no último domingo.

O Botafogo começou melhor na partida. Avançando a marcação e roubando bolas na defesa adversária, chegou com perigo logo no primeiro minuto. Após cruzamento, Seedorf ajeitou de cabeça para a área e Elkeson completou, mas Diego Cavalieri fez ótima defesa. Em grande fase, o goleiro ainda defenderia outro chute perigoso de Elkeson, sete minutos depois, segurando a pressão do adversário.

Com dificuldades na saída de bola, o técnico Abel Braga pediu que o meia Deco recuasse para armar o jogo, vindo buscar a bola no pé dos zagueiros. O Fluminense passou a ter mais posse, mas enfrentava dificuldades com a forte marcação do adversário. Apenas um chute de Thiago Neves, aos 10min, e outro de Fred, aos 14min, levaram algum perigo. O primeiro tempo também teve polêmicas. Carlinhos invadiu a área e caiu aos 37min, mas o árbitro mandou a partida seguir. Desatentos, os jogadores das duas equipes ficaram em impedimento oito vezes na primeira etapa, que caiu bastante de ritmo e foi para o intervalo com um justo zero no placar.

As equipes voltaram sem modificações para o segundo tempo, mas o Botafogo continuou um pouco superior. Seedorf cruzou, e Fellype Gabriel cabeceou sozinho aos 7 min, quase colocando o alvinegro em vantagem. Cansado, o meia foi substituído aos 22min por Lodeiro, na tentativa de Oswaldo de Oliveira  de dar mais velocidade ao Botafogo.

Naquele que tem sido o estilo do Fluminense nas últimas rodadas, o tricolor acordou para a partida e foi letal. Aos 27 min, Fred deu ótimo passe para Wellington Nem, que disparou pela direita e devolveu para o camisa 9. Com calma, Fred apenas escolheu o canto e marcou seu décimo gol em 12 partidas contra o Botafogo, se igualando ao atacante Bruno Mineiro, da Portuguesa, na artilharia do Brasileirão.

No fim, o técnico Oswaldo de Oliveira colocou o meia Vitor Júnior e o atacante Rafael Marques, e tentou o empate na base do 'abafa'. Bem postada, a defesa do Fluminense conseguiu segurar a vitória e os três pontos.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››