RÁDIO CIDADE AO VIVO

terça-feira, novembro 20, 2012

Mulher denuncia que dois funcionários do Hospital Regional de Catolé do Rocha, estavam fazendo sexo dentro de ambulância


Hoje pela manhã no programa de rádio PANORAMA NOTÍCIAS que é transmitido pela Rádio Panorama FM de Catolé do Rocha, uma ouvinte que reside no sitio Bujari, município de Catolé do Rocha, ligou fazendo uma denúncia grave.

Ela afirmou que na entrada do sitio no último sábado, havia uma ambulância do Hospital Regional Doutor Américo Maia de Vasconcelos, que é estadual, e que dentro da ambulância estava o motorista e uma técnica de enfermagem  fazendo sexo em plena luz do dia, e que ela estava com suas crianças que também viram a ambulância no local.A ouvinte também afirmou que ficou no local papel higiênico e camisinha e que se sentiu indignada já que com tantos problemas na saúde, uma ambulância estava servindo de local de prática de sexo.Ela, após a equipe da rádio fazer a denúncia, mas não tendo divulgado os nomes dos funcionários, ligou e perguntou o porque da equipe não ter citado o nome dos denunciados, prontamente a equipe do programa explicou que não poderia dizer nomes e que ela, como denunciante é que poderia dizer.A denunciante citou o nome de dois funcionário: um conhecido por Carlinhos motorista, e Luciane  que após contatos feitos pela equipe do blog ao Hospital Regional constatou que ela é técnica de enfermagem..
O denunciado no caso o Carlinhos, foi até a rádio Panorama FM se defender e disse que no dia, ou seja no último sábado não estava de plantão na ambulância e que apenas tinha ido fazer um procedimento levando um paciente numa clínica em Catolé e que em momento nenhum havia saído em outro procedimento.Ele também deixou o telefone para a denunciante ligar para ele e pediu que a mesma se retratasse da denúncia feita sob pena de ser processada criminalmente, ele também demonstrou preocupação pelo fato de ser casado e que a denúncia poderia prejudica-lo tanto no seu casamento, como no seu trabalho.
Nossa equipe entrou em contato com o Hospital Regional de Catolé do Rocha e fomos informados que, no livro de frequência , consta o nome do Carlinhos como substituto de outro motorista nesse mesmo dia.
De acordo com um funcionário do Hospital Regional, a diretora daquele nosocômio está em João Pessoa e quando chegar irá tomar as providências cabíveis.
Informações extra-oficias,dão conta que os dois denunciados não são funcionários efetivos do quadro da Secretária de Saúde do Estado.

Fonte: Panorama Notícias/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Corpo carbonizado em Jenipabu semana passada é de PM aposentado


O Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (ITEP) confirmou que o corpo encontrado carbonizado no matagal da estrada de Jenipabu é do cabo aposentado da Polícia Militar, José Lira Batista de Mendonça. O cadáver foi encontrado em uma localidade conhecida como Comunidade Grutas no último dia 14 de novembro.

Corpo carbonizado é encontrado próximo à estrada de Jenipabu. O filho e o genro da vítima reconheceram o corpo do PM na tarde de hoje, após irem ao Instituto Técnico de Polícia (Itep). O corpo foi encontrado ainda em chamas e a polícia identificou marcas de estrangulamento no pescoço.

Ainda não há informações de quem tenha cometido o crime e a motivação do mesmo.

Fonte: Tribuna do Norte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Colisão entre carro e moto na BR-427 deixa Militar do 1º BEC ferido


Aconteceu no final da tarde de hoje (20) na RN-427, entrada de Caicó que dá acesso a Campina grande, um acidente tipo colisão, envolvendo uma moto Titan 150cc, de cor azul, pertencente ao soldado Roberto (1º BEC) e um Fiat Uno, de cor branca, ano 2006/2007, e placas MZI-3537, de Serra Negra do Norte, pertencendo a Cadmo Allisson Moreira de Araújo.

O militar teve escoriações pelo corpo e foi levado ao H.R.C por uma equipe do Corpo de Bombeiros local, não sendo observado nenhum trauma de maior preocupação clínica, mas diante da forte colisão envolvendo os dois veículos, o militar deverá se submeter a Raio-x para se constatar lesões ósseas.

Fonte: Jair Sampaio/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Homem morre afogado em lagoa de captação na Zona Norte


No final da manhã desta terça-feira, um homem identificado como Marcos Célio Ferreira, 36 anos, morreu afogado na lagoa de captação do Pajuçara, na Zona Norte.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a vítima estaria sob efeito de álcool e mergulhou na lagoa que teria água suja com esgotos. Após o mergulho, Marcos Célio não conseguiu retornar a superfície e seu corpo permanece desaparecido.

O Corpo de bombeiros só deverá fazer o resgate na manhã desta quarta-feira com o equipamento adequado.

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Mulher faz aborto e é condenada pelo Tribunal de Justiça


O Tribunal do Júri de Taguatinga condenou, nesta terça-feira (20/11), uma mulher acusada de fazer um aborto em 2004. Segundo o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), ela foi condenada a um ano de prisão, a ser cumprido em regime inicial aberto.

De acordo com o texto da denúncia, em setembro de 2004, a acusada, em casa, fez uso de medicamento abortivo. A ação expulsou o feto, que tinha cinco meses. A criança nasceu no dia seguinte e resistiu durante 73 horas antes de morrer.

O homem que teria comprado os comprimidos e que era pai da criança insistiu para que a grávida tomasse o medicamento. Ele foi interrogado pela Justiça e recebeu uma proposta para que seu processo fosse suspenso desde que ele cumprisse obrigações judiciais. Por causa disso, ele não foi punido.

A mulher, segundo o TJDFT, não cumpriu as tarefas prometidas e teve o benefício revogado. De acordo com o processo, ela estaria proibida de “frequentar boates, inferninhos e congêneres e de ausentar-se do DF sem autorização do juízo”. Deveria também “prestar serviços à comunidade pelo período de oito horas semanais, pelo período de dois anos no Hospital Regional de Taguatinga”.

Fonte: Correio Braziliense/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Mais de 580 mil estudantes farão o Enade neste domingo


O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) deste ano será aplicado a 587,3 mil alunos que estão concluindo o ensino superior. Nesta edição, 1.871 instituições de ensino superior inscreveram seus estudantes. Elas são responsáveis pelas inscrições no exame.

O estado com maior número de inscritos é São Paulo (160.197). Em seguida, vêm o Paraná (65.040), Minas Gerais (54.718), o Rio de Janeiro (51.580) e o Rio Grande do Sul (37.371). As informações foram divulgadas hoje (20) pelo Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

São considerados alunos concluintes aqueles que tenham expectativa de se formar até julho de 2013 ou que tenham cursado mais de 80% da carga horária mínima do currículo até o período da inscrição. No Enade deste ano não haverá processo de amostragem.

Todos os estudantes que concluem a graduação são obrigados a fazer a prova para receber o diploma, já que o exame é um componente curricular da graduação. O exame é usado pelo Ministério da Educação para avaliar a qualidade de cursos e instituições de ensino públicas e particulares de todo o país.

Neste ano, serão avaliados os cursos de administração, ciências contábeis, ciências econômicas, comunicação social, design, direito, psicologia, relações internacionais, secretariado executivo e turismo. Os cursos superiores de tecnologia das áreas de gestão comercial, gestão de recursos humanos, gestão financeira, logística, marketing e processos gerenciais também serão avaliados.

A prova será realizada às 13 horas (hora de Brasília) de domingo (25). Para saber o local, o aluno pode consultar o sistema do Enade com o número do CPF. O resultado do Enade será divulgado até 25 de dezembro.

Fonte: Agência Brasil/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

RN teve 284 impugnações de candidatura, 69 pela Lei da Ficha Limpa


Um total de 1.337 ações de impugnação do registro de candidatura, 75 de perda de cargo eletivo por infidelidade partidária, 72 representações por irregularidades na propaganda somente em Natal, além de 1.346 pareceres em ações que tramitam na Justiça Eleitoral. Esses são os números da atuação do Ministério Público Eleitoral durante o ano de 2012, no Rio Grande do Norte.

Das 1.337 ações de impugnação de registro de candidatura (AIRCs) ajuizadas, 284 foram julgadas procedentes, sendo 69 por conta da chamada “Lei da Ficha Limpa”, e outras 646 foram consideradas improcedentes a pedido dos próprios promotores eleitorais, após os candidatos, partidos ou coligações sanarem os problemas apontados.

“Os números iniciais das AIRCs normalmente são muito elevados, porque infelizmente ainda não existe uma cultura de os candidatos e os partidos políticos apresentarem seus pedidos de registro com toda a documentação devida. Só quando o MP Eleitoral age e que eles percebem que a candidatura pode não ser aceita é que juntam os documentos faltantes. Isso explica o porquê de os promotores eleitorais pedirem a improcedência das impugnações que eles mesmos ajuizaram”, explica o procurador regional eleitoral Paulo Sérgio Rocha.

Propaganda eleitoral irregular
Já as irregularidades na propaganda eleitoral resultaram no ajuizamento de 72 representações contra candidatos a prefeito e vereador em Natal, das quais mais de 90% foram acatadas pela Justiça. Ao todo, o MP Eleitoral ingressou com 37 representações relacionadas à propaganda antecipada e outras 35 depois do início oficial da campanha. As ilegalidades mais comuns incluíam a fixação de cartazes com foto e número dos candidatos, em estabelecimentos comerciais, e a distribuição de brindes, assim como reuniões em praças e outros espaços públicos, sem a devida autorização.

Perda de cargo
A atuação do MP Eleitoral em 2012 resultou também na perda de cargo eletivo de 48 políticos por desfiliação sem justa causa, a chamada infidelidade partidária. Ao todo, das 75 ações do tipo ajuizadas pela Procuradoria Regional Eleitoral, 66 já foram julgadas este ano e em 72% dos casos o Tribunal Regional Eleitoral julgou procedente o pedido do Ministério Público Eleitoral e cassou o mandato daquele que mudou de partido.

A Procuradoria Regional Eleitoral atuou ainda em outras 52 ações de infidelidade partidária das quais não foi a autora. Dessas, 42 já foram julgadas, sendo que em 38 o Tribunal decidiu em consonância com os pareceres do MP Eleitoral, um índice de 90%.

Paulo Sérgio Rocha considera que os percentuais elevados de êxito “comprovam a seriedade do trabalho realizado pelo MP Eleitoral, bem como o critério e a qualidade das manifestações dos promotores eleitorais e da própria Procuradoria Regional, em busca de um processo eleitoral mais sério e mais honesto. Além disso, esses números demonstram que o Poder Judiciário e o Ministério Público estão em crescente sintonia na busca por uma sociedade mais comprometida com valores de moralidade na política e probidade na vida pública”.

Fonte: PRRN/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Comerciante mata assaltante, fere outros dois e evita roubo pela nona vez


O comerciante identificado apenas por José Luís, morador do povoado Sangrador, zona rural de Timon, a 428 km de São Luís do Maranhão, indignado por ser vitima pela nona vez de assaltantes, decidiu resolver a situação por conta própria. Ele evitou que seu estabelecimento fosse roubado outra vez, matando um dos assaltantes e baleando os outros dois.

De acordo com as informações do Delegado do 2º Distrito de Polícia de Timon, Hermes José Bezerra, na noite desta segunda-feira (19), três suspeitos teriam chegado no comércio de José Luís, disfarçados de clientes e solicitaram um refrigerante. Logo após serem atendidos, o trio anunciou o assalto.

Os suspeitos foram identificados como Antonio Benício Pereira de Sousa, de 21 anos, que foi morto pelo comerciante e provavelmente estava armado com uma garruncha, Josenildo dos Santos Leal, de 26 anos, que foi baleado e está internado, e um adolescente de 17 anos, que também foi baleado na perna e está detido na Delegacia do Menor Infrator. Segundo testemunhas, José Luís, teria agido em legitima defesa, fato que segundo o delegado, não há como precisar ainda.

O delegado Hermes, revelou porém que, de acordo com a perícia feita no local, um dos assaltantes, de fato estaria armado, o que provavelmente teria ocasionado a reação do comerciante.

"A principio, nós podemos averiguar que o Antonio Benício, estaria armado e o José Luís, conforme relato dos familiares resolveu reagir por ser a nona vez que seu comérco era assaltado", afirma o delegado.

O comerciante, que logo após o ocorrido, fugiu com a ajuda de vizinhos, ainda não se apresentou à policia para prestar depoimento, o que segundo o delegado, deverá acontecer em breve.

"Nós queremos ouvir os envolvidos até o fim da semana para elucidar o caso, que tem fortes indícios de legitima defesa, mas nada conclusivo", realtou o delegado Hermes.

Fonte: O Imparcial/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Mega-Sena sorteia R$ 15 milhões nesta quarta


A Mega-Sena segue acumulada e pode pagar cerca de R$ 15 milhões, nesta quarta-feira (21), para quem acertar os seis números do concurso 1.444. O sorteio será realizado no Caminhão da sorte da CAIXA, estacionado na Rua Dr. Carlos Haasis, no centro de Quatis (RJ). O sorteio será transmitido ao vivo pelo programa Momento da Sorte, exibido pela TV Bandeirantes e Band News, a partir das 20h25 (horário de Brasília).

Se apenas um apostador acertar os seis números e aplicar o valor do prêmio na Poupança da CAIXA, receberá mais de R$ 64 mil em rendimentos mensais. Ou, se preferir, poderá comprar 50 imóveis de R$ 300 mil cada, ou dois carros populares por mês apenas com o rendimento da poupança.

A aposta mínima na Mega-Sena é de R$ 2 e pode ser efetuada até as 19h desta quarta-feira (horário de Brasília), em qualquer uma das mais de 11.900 lotéricas da CAIXA no país. Clientes com acesso ao Internet Banking CAIXA (IBC) podem fazer suas apostas sem sair de casa. Basta apenas ter conta corrente no banco e ser maior de 18 anos. O serviço funciona das 8h às 22h (horário de Brasília), exceto em dias de sorteios (quartas e sábados), quando as apostas se encerram às 19h, retornando às 21h para o concurso seguinte.

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Brasileiro que lutava MMA e já fez segurança de Messi é morto


O brasileiro Vagner Luís Cardoso, de 34 anos, foi morto na noite do último sábado no apartamento em que morava com um amigo, em Zurique, na Suíça. Segundo amigos, uma mulher atirou pelo menos seis vezes contra Vagner e pelo menos três disparos o atingiram. Ele trabalhava como segurança no país e também lutava MMA. A imprensa suíça informa que uma mulher de 31 anos foi presa e confessou o crime.

Amigo do lutador há sete anos, o engenheiro Deividson de Souza, de 32 anos, treina na mesma academia que o brasileiro frequentava. Ele conta que Vagner era carioca, morava há cerca de dez anos no país e tinha um filho de dois anos com uma suíça. Segundo ele, a mãe e os familiares já foram informados do crime.

- Ele era segurança particular, ele fez até segurança do Lionel Messi quando ele veio para receber a Bola de Ouro aqui - disse Deividson.

- Ele estava sozinho em casa, no bairro de Affoltern. O amigo tinha saído. Ela entrou e, depois, os vizinhos escutaram seis tiros e três o acertaram. Os vizinhos o encontraram no corredor do prédio e chamaram a polícia. Não sei se ele tentou pedir ajuda, fazer alguma coisa. A polícia não deu muita informação, não sabe se foi uma ex-namorada. Só tem especulações - completou.

Deividson diz que o amigo nunca falou de nenhuma namorada e diz que o brasileiro era galanteador.

- Além de ser uma pessoa muita calma, ele era namoradeiro. Tinha 1,90m, era um tipo que chamava atenção.

Vagner chegou a viajar a países como Lituânia, Rússia, Alemanha e Itália para participar de competições de MMA, segundo o amigo. Deividson informa que o carioca comparecia à academia para treinar pelo menos duas vezes por semana.

Na página do Facebook da academia em que Vagner treinava, um amigo deixou uma mensagem.

“Perdemos esta noite um de nossos membros. Nosso grande garoto nos deixou com o coração extremamente quebrado! Godizila ..... Não era para ser assim. É triste que você tenha nos deixado tão cedo. Vamos sentir sua falta”, diz a mensagem em que o amigo afirma ainda que Vagner era um aluno ótimo e leal.

O apartamento está lacrado e nem o amigo que morava com o carioca pode entrar no local. No dia do crime, duas ambulâncias chegaram a ir ao prédio, mas Vagner já estava morto. Nenhum parente dele mora na Suíça.

O Ministério das Relações Exteriores, que confirmou o nome de Vagner, informou que a polícia suíça entrou em contato com as autoridades brasileiras no país para comunicar a morte. O Itamaraty informou a família do brasileiro sobre o crime, mas não soube dizer se algum parente está a caminho de Zurique. O consulado brasileiro está acompanhando o caso, mas ainda não recebeu mais informações da polícia local.

Fonte: Agência O Globo/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Sueca é acusada de utilizar ossos humanos em práticas sexuais


Uma sueca é acusada de ter armazenando ossos humanos em sua casa para utilizá-los em práticas sexuais, anunciou a Procuradoria nesta terça-feira (20/11).

A mulher, de 37 anos e desempregada, mantinha em seu apartamento em Gotemburgo (oeste) pelo menos seis crânios, uma coluna vertebral e "um grande número de outros ossos", segundo a ata de acusação.

De acordo com um jornal local, a mulher tinha reconstituído um esqueleto no chão de seu apartamento. Detida em setembro, a mulher é julgada em virtude de uma lei que pune com uma pena de dois anos de prisão as "violações do repouso dos mortos."

Os documentos do caso incluem dois CDs intitulados "Minha necrofilia" e "Minha primeira experiência", que não tiveram seus conteúdos revelados pela justiça.

A mulher admitiu que possuía esses ossos por interesse histórico e arqueológico, mas questionou os motivos do seu julgamento.

De acordo com o jornal Göteborgs-Posten (GP), a acusada havia reivindicado em um fórum na internet o seu direito de viver com um esqueleto.

"Desejo um homem como ele é, seja vivo ou morto. Permite que eu encontre a felicidade sexual paralelamente". A mulher disse que tinha um noivo quando fez essas afirmações. Um exame psiquiátrico preliminar concluiu que a mulher é juridicamente responsável. 

Fonte: Correio Braziliense/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Homem é preso após furtar peças de motocicletas apreendidas dentro da Delegacia de Caraúbas/RN


Equipe de Policiais Civis da Delegacia de Polícia Civil de Caraúbas, sob o comando da Delegada Bela. Michelle, capturaram no início da manhã desta terça-feira (20), Gledson de Santana, 25 anos, vulgo Bocão, por ter invadido o pátio externo da Delegacia de Caraúbas, na noite do sábado (10), e ter furtado peças de algumas motocicletas que se encontravam apreendidas na citada Unidade Policial.Após investigação, foram presos em flagrante delito, pelo crime de receptação, os mototaxistas SEVERINO DA SILVA, 59 anos, e FRANCISCO CÉZAR DE OLIVEIRA COSTA, 38 anos. Ambos foram encontrados com as peças furtadas em seu poder e, sem seguida, conduzidos a Delegacia para que fossem confeccionados os respectivos Termos de Prisão em Flagrante. Os mototaxistas afirmaram que compraram dois pares de amortecedores por R$ 7,00 e R$ 10,00, mas não sabiam que era roubado. 

Gledson de Santana 25 anos vulgo bocão


Fonte: Icém Caraúbas/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

ACIDENTE NA BR-304, RETA TABAJARA.


Uma colisão seguida de capotamento foi registrada na tarde de hoje (20/11/12) por Bruno Alexandre, leitor do blog, ele enviou as fotos e informou que dois carros se chocaram na reta tabajara na BR-304, e os motoristas saíram ilesos. Um dos veículos estava carregado de pescado, peixes de até 25kg que teve toda sua carga saqueada. Fica o registro.


Fonte: Bruno Alexandre/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Após assalto na Paraíba, criminosos trocam tiros com a polícia do RN. Um foi alvejado a bala e preso; outros três conseguiram fugir.


Policiais lotados no 8º BPM-RN entraram em confronto com criminosos na noite desta segunda-feira (19) na divisa da PB com o RN. A ação resultou em um homem alvejado e preso; dois veículos apreendidos e o material roubado recuperado.

Tudo começou quando cerca de quatro criminosos, em dois veículo, assaltaram um mercadinho em Cachoeirinha, município de Tacima-PB. O Copom foi acionado e a polícia do RN foi informada que os acusados teriam ter seguido no sentido Nova Cruz, via a localidade do Braga, e já próximo a Nova Cruz, foram interceptados por uma guarnição do 8º BPM-RN, comandada pelo Sargento PM Luciano, que após orientar que os ocupantes deixassem os veículos foram surpreendidos com disparos de arma de fogo, houve troca de tiros. Um foi alvejado e preso e outros três conseguiram fugir, abandonando os veículos.
Valdecí Araújo da Silva, Lula, 39 anos, residente no Conde-PB, alvejado por dois disparos de arma de fogo, conduzia o veículo Chevete, de cor branca, placas MMT 2480-PB. Com ele estava outro homem, não identificado, que teria sido o autor dos disparos contra os policiais.
O segundo veículo, um Voyage, de cor verde, placas MMX 1147-PB, possivelmente estava ocupado por outros dois homens que se embrearam no matagal, deixando para traz o veículo com todo o material roubado do mercadinho.
Lula foi levado para Nova Cruz e disse que apenas estava dando uma carona para o acusado dos disparos e negou conhecê-lo. Disse ainda que trabalha com tampógrafo e confessou já ter respondido por crime de receptação em Belém-PB.

O caso foi encaminhado para a polícia civil para seguir as investigações.









Fonte: Junior Campos/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

122° Homicídio em Mossoró em 2012.


  Elinton Miguel de Araújo, 58 anos de idade, morreu vítima de quatro cutiladas de faca na tarde desta terça feira, 20 de Novembro de 2012, fato ocorrido próximo a unidade básica de saúdo do bairro Nova Vida em Mossoró.
  A vítima sofreu duas cutiladas de faca na região do abdômen e outras duas nas costas por um elemento ainda desconhecido. Viaturas da Polícia Militar foram até o local e nada foi colhido sobre o que teria provocado esse homicídio.
  A vítima ainda chegou a ser socorrida pela ambulância ALFA do SAMU para O Hospital Regional Tarcísio Maia onde não resistiu e veio a óbito na sala de cirurgia.

Fonte: Passando na Hora/Cidade News Itaú

Leia Mais ››

Governo estuda alternativa para venda Balcão de milho


O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Mendes Ribeiro Filho, informou durante reunião nesta terça-feira, 20 de setembro, que o Governo Federal busca alternativas para auxiliar as cadeias produtivas de suínos e aves para aumentar a oferta de milho para ração. O encontro contou com a participação de parlamentares e representantes dos segmentos de suínos e aves.

De acordo com Mendes Ribeiro Filho, o Mapa está trabalhando para adquirir uma quantidade maior de milho para a venda Balcão, programa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) que comercializa milho em grãos a preço subsidiado para pequenos criadores rurais e agroindústrias de pequeno porte. De janeiro a agosto, o resultado das negociações dessa operação alcançou 326,9 mil toneladas, valor 147% superior as 132,2 mil toneladas arrematadas no mesmo período de 2011.

O ministro também destacou que o preço da carne de suíno no mercado nunca foi tão bom. “Graças à parceria entre governo e iniciativa privada o valor do produto aumentou nos últimos meses. Estamos resolvendo aos poucos solicitações do setor, que inclusive bateu recentemente recorde de exportações ao somar US$ 1,2 bilhão entre janeiro a outubro deste ano [alta de 4,1% sobre 2011]”.

Outro ponto ressaltado por Mendes é o preço atual do milho, avaliado no mercado entre R$ 27 e R$ 35. A aquisição para estoque só pode ser feita pela Conab no mercado quando o valor está abaixo do preço mínimo (estipulado entre R$ 12,6 R$ 20,1, dependendo da região).

A Companhia, aliás, vai aumentar o envio semanal da oleaginosa para Santa Catarina. Atualmente, a remessa tem variado entre 4 mil e 5 mil toneladas por semana, restando ainda 23,5 mil toneladas para ser encaminhada ao estado. Essa medida emergencial, segundo Mendes, auxiliará aos produtores enquanto alternativas estão sendo analisadas.

Fonte: Cidade News Itaú com informações da Assessoria de Comunicação Social
Leia Mais ››

Cerca de meia tonelada de maconha é achada em freezer na Grande Natal


Buscas realizadas na tarde desta terça-feira (20), em um imóvel localizado no município de Parnamirim, na Grande Natal, resultaram em uma surpresa para a polícia: "aproximadamente meia tonelada de maconha escondida dentro de um freezer", confirmou o tenente Flávio Peixoto, do 3º Batalhão da Polícia Militar. Toda a droga recolhida, algo em torno de 445 quilos, foi recolhida e levada para a 1ª Delegacia de Polícia, lá mesmo, em Parnamirim.

A apreensão é resultado de uma prisão ocorrida também nesta terça, quando um homem suspeito de tráfico de drogas foi detido. Com o suspeito, identificado como Antônio Laurentino da Silva – que também conhecido como 'Toinho do Morro' – foram recolhidos R$ 22 mil, sendo R$ 10 mil em dinheiro e o restante em peças de ouro. Um segundo suspeito foi detido logo em seguida.
Na ocasião da primeira prisão, a PM afirmou ter encontrado um colete à prova de balas, três pistolas (calibres 45 e ponto 40), além de munições de fuzil 762, uma balança de precisão e uma certa quantidade de cocaína ainda não pesada. “Toinho do Morro foi detido no bairro de Vida Nova, em uma residência localizada por trás da fábrica da empresa Dore”, acrescentou o tenente.
À polícia, o tenente revelou que o suspeito alegou que já cumpriu pena em regime fechado na Penitenciária Estadual de Alcaçuz por roubo e homicídio, mas afirmou que havia progredido para o semiaberto na Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP).

Droga apreendida em São José de Mipibu é recorde no RN (Foto: Cedida/PRF)Droga apreendida em outubro é recorde no RN
(Foto: Cedida/PRF)
Grandes apreensões
Esta é a terceira grande apreensão de drogas do ano no estado. No dia 30 de outubro, a Polícia Rodoviária Federal do Rio Grande do Norte realizou a maior apreensão de entorpecentes da história em território potiguar segundo a assessoria de imprensa da própria PRF: aproximadamente uma tonelada e 200 quilos de maconha e crack.
O entorpecente estava sendo transportado em uma Toyota Hilux com placas de Pernambuco. O veículo foi perseguido a partir do posto policial da BR-101, em São José de Mipibu, na Grande Natal, e tombou numa curva, espalhando a carga pela pista.

Ao todo, 340 quilos de maconha foram apreendidos em Mossoró (Foto: Divulgação/Polícia Civil)340 quilos de maconha é recorde em Mossoró
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Já no dia 8 deste mês, um recorde também foi batido em Mossoró, na região Oeste do estado,  segundo a Polícia Civil.
Na ocasião, foram apreendidos 340 quilos de maconha. Uma mulher de 18 anos foi presa em flagrante.
De acordo com o delegado Rafael Arraes, esta foi a maior apreensão de maconha já ocorrida na cidade de Mossoró.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Ex-PM apontado como líder de grupo de extermínio em Natal volta ao RN


João Maria da Costa Peixoto, o João Grandão (Foto: Fred Carvalho/G1)João Maria da Costa Peixoto, o João Grandão
(Foto: Fred Carvalho/G1)
O ex-soldado da Polícia Militar do Rio Grande do Norte João Maria da Costa Peixoto está de volta à penitenciária estadual de Alcaçuz, na Grande Natal. A informações foi confirmada pela diretora da unidade, a agente penitenciária Dinorá Simas. João Grandão, como é mais conhecido, retornou às carceragens da penitenciária na segunda-feira (12). Até então, ele cumpria pena por assassinato no presídio federal de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, desde setembro do ano passado.

Penitenciária Estadual de Alcaçuz (Foto: Ricardo Araújo/G1)
Penitenciária Estadual de Alcaçuz (Foto: Ricardo Araújo/G1)

João Grandão ganhou notoriedade em 2005, quando foi apontado pela polícia potiguar como chefe de um grupo de extermínio. Segundo as investigações, João Grandão e outros 13 policiais detidos na época eram suspeitos de terem executado pelo menos 26 pessoas na região metropolitana da capital.
O G1 tentou contato com o advogado Marcus Alânio Martins Vaz, intercessor do preso. Contudo, ele não atendeu e não retornou as ligações. Em agosto, o Pleno do Tribunal de Justiça do RN negou recurso apresentado pela defesa de João Grandão e ele foi impedido de retornar ao estado. O TJ também não se pronuncia sobre o retorno de João Grandão ao RN.
Quando removido de Alcaçuz, o Departamento Nacional Penitenciário (Depen) do Ministério da Justiça, informou que o ex-policial havia sido foi transferido para Mato Grosso do Sul porque o presídio federal de Campo Grande dispõe de uma ala exclusiva para abrigar ex-policiais condenados.
Segundo informação da assessora Flora Matela Lobosco, da comunicação social do Ministério, a transferência de João Grandão foi solicitada pelo Estado do Rio Grande do Norte. Ela confirmou que o pedido de remoção foi assinado pelo juiz da 5ª Vara Criminal e corregedor da Penitenciária Federal de Campo Grande, magistrado Dalton Igor Kita Conrado. No comunicado, a assessora lembrou que o juiz federal é a autoridade competente para decidir quanto à inclusão, ou não, dos presos numa Penitenciária Federal  (atendidos os requisitos previstos na Lei 11.6710/2008 e decreto 6.877/2009)”.
"Um novo homem"
Em Alcaçuz, a diretora Dinorá Simas disse que o ex-PM está isolado e “aparenta ser um novo homem”. Ainda segundo ela, “João Grandão é evangélico agora”. Apesar disso, ele não teria feito qualquer exigência e ainda não recebeu visitas. “Nem o advogado dele apareceu aqui ainda. A família também não. Ele precisa passar duas semanas na adaptação para depois ter contato com os parentes”, acrescentou.
João Grandão
João Maria da Costa Peixoto, o João Grandão, foi preso em 2005 em decorrência da Operação Fronteira, deflagrada pela Polícia Civil após um ano de investigações. Na ocasião, ele foi apontado como líder de um grupo de extermínio que atuava na Grande Natal. Além dele, outros 13 policiais também foram indiciados. Alguns, inclusive, já respondiam a outros processos por tentativa de homicídio, porte ilegal de armas, tentativa de extorsão e adulteração de veículos. Segundo a polícia, o grupo era suspeito de ter cometido 26 assassinatos.
João Grandão voltou a ser detido em abril de 2009 ao ser acusado pelo Ministério Público pelo assassinato de José Cremildo Fernandes, executado a tiros no dia 26 de dezembro de 2008. Contudo, ele se entregou.
A morte de José Cremildo aconteceu em frente a uma borracharia na avenida Napoleão Laureano (Km 6), no bairro do Bom Pastor, na zona Oeste de Natal. O Ministério Público afirma que João Grandão matou para se vingar. No mesmo processo, o ex-PM também responde por tentativa de homicídio contra o filho de Cremildo, uma criança que na época tinha 13 anos. O garoto, segundo o próprio MP, acabou se tornando a peça chave da acusação. O garoto, segundo seu próprio relato, também teria sofrido um disparo, conseguindo fugir sem que a bala o atingisse. Daí a tentativa de homicídio contra João.
A vingança se dá pelo fato, ainda de acordo com a acusação, de que José Cremildo teria atentado contra a vida de João Grandão no dia 8 de setembro daquele mesmo ano, quando três homens o abordaram em frente da casa de sua mãe, localizada na rua Maceió, em Neópolis, na zona Sul da cidade.
Naquele dia, a Polícia Militar informou que criminoso haviam efetuado 23 tiros contra o carro do ex-PM, sendo que cinco tiros o atingiram. Dois acertaram os braços, uma bala penetrou a região lombar (abdômen) e outros dois disparos atingiram sua perna esquerda. No revide, João acabou matando um dos indivíduos. Dos dois que conseguiram escapar, apenas José Cremildo foi identificado e reconhecido por João.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Aposentados pelo Governo do RN deverão realizar recadastramento



Os servidores estaduais aposentados que ainda não realizaram o recadastramento no Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Rio Grande do Norte (Ipern), terão mais uma chance de comprovarem a regularização das suas respectivas situações. Para isto, as Centrais do Cidadão do Alecrim, Centro e Zona Norte (Shopping Estação), em Natal, além das Centrais no interior, são pontos de recadastramento para os servidores aposentados da administração direta e indireta do Poder Executivo.

O recadastramento deve ser feito para que o bloqueio dos benefícios não seja efetuado. O Ipern informa que os servidores aposentados devem comparecer a uma das Centrais do Cidadão, munidos dos seguintes documentos: Carteira de Identidade, CPF e um comprovante de residência. Os que não puderem comparecer aos locais de recadastramento podem fazê-lo através de uma procuração pública, estando a mesma dentro da validade de um ano.
O Instituto está dando mais uma, e última, oportunidade aos servidores aposentados para que façam o recadastramento e evitem o bloqueio dos benefícios. Para facilitar o acesso e agilizar o atendimento a esses beneficiários, o Ipern fez uma parceria com a Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (Sejuc) e com a Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh).

CENSO PREVIDENCIÁRO - GOVERNO DO ESTADO
IDADEINÍCIO DO RECADASTRAMENTOTÉRMINO DO RECADASTRAMENTONÃO SE
CADASTRANDO
Acima de 70 anos19/11/201221/12/2012Pagamento suspenso em janeiro
De 60 a 69 anos26/12/201231/01/2013Pagamento suspenso em fevereiro
Abaixo de 60 anos01/02/201301/03/2013Pagamento suspenso em março
O Censo Previdenciário Estadual foi instituído através do edital nº 001/2011 e publicado no Diário Oficial do Estado em 08 de abril de 2011. O objetivo do Censo, além da atualização da base de dados de previdência, é eliminar pagamentos indevidos de benefícios, sendo obrigatório e devendo ser realizado anualmente no mês em que o aposentado faz aniversário.
Horário de atendimentos nas Centrais do Cidadão
Natal
Zona Norte (Shopping Estação)
Segunda a sexta, das 9h às 20h.

Centro / Alecrim
Segunda a sexta, das 7h às 18h.

Parnamirim
Segunda e sábado, das 8 às 13h30
Terça a sexta, das 8h às 19h.

Mossoró / Caicó
Segunda e sábado, das 7 às 12h30
Terça a sexta, das 7h às 18h.

Outras regiões
Alexandria / Apodi / Assú / Caraúbas / Ceará-Mirim / Currais Novos / Macaíba / Nova Cruz /São Paulo do Potengi/ Santa Cruz/ São José de Mipibu/ Pau dos Ferros
Segunda a sexta, das 7h às 13h.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

'Não se largavam', diz homem que flagrou casal se beijando em moto



O telespectador da RPC TV Fernando Nascimento, que flagrou um casal se beijando em uma motocicleta em uma rodovia de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, disse ao G1 que a dupla queria chamar a atenção. O flagra ocorreu na segunda-feira (19).
"Eles queriam se aparecer, só pode. Nunca tinha visto algo semelhante, primeiro porque é uma situação inusitada e depois porque é de muito risco", relatou.
Na imagem é possível perceber que o homem pilota a moto e a mulher está sentada na frente dele. Os dois se arriscam e se beijam com o veículo em movimento.

"Eu estava no banco do passageiro e resolvi filmar porque achei que era uma pessoa sem capacete. Mas quando percebi, vi que eram duas, e que estavam se beijando. Fiquei impressionado. Ele [o piloto] abria o olho de vez em quando para ver o movimento da pista, mas não se largavam. Eu consegui filmar por aproximadamente um minuto, mas sei que o beijo durou mais tempo, porque demorei um pouco para ligar a câmera", contou.
O telespectador relatou também que o casal trafegava na rodovia a cerca de 80 km/h. "O motoqueiro reduziu a velocidade para entrar à esquerda, foi quando não consegui mais filmar. Devem ter entrado em uma vila da região, não vi exatamente para onde eles foram".
"Tem louco para tudo. Por sorte, no final das contas não aconteceu nada de grave", acrescentou Nascimento.
Imprudência
O capitão da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) Sheldon Vortolin analisou a imagem e disse que a imprudência representou perigo não só para o casal, mas para todos os outros condutores da via. "Se o piloto tivesse perdido o controle, por exemplo, poderia sofrer ferimentos graves em virtude da velocidade e da falta de visibilidade".
"Além disso, eles cometeram várias infrações de trânsito, entre elas, trafegar sem o uso de capacete, dirigir sem atenção e sem os cuidados indispensáveis à segurança e conduzir passageiro fora da garupa ou de assento a ele destinado. Com isso, o piloto teria que pagar multa gravíssima de R$ 957,70 e teria a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa", avaliou o capitão.
"Resumindo, eles correram um risco desnecessário", conclui Vortolin.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Noivo que caiu sobre tulipa será enterrado nesta quarta em Manaus



O sargento da Marinha Fabio dos Santos Maciel, de 33 anos, que morreu na madrugada desta segunda-feira (19), durante a própria festa de casamento, na Ilha do Governador, no Subúrbio do Rio, será enterrado nesta quarta-feira, em Manaus, conforme informou o RJTV. Ele faleceu após cair sobre uma tulipa que estava em um dos bolsos.
De acordo com a Secretaria municipal de Saúde, um dos cacos de vidro cortou a veia femoral do noivo, que já chegou morto ao Hospital municipal Paulino Werneck, na Ilha, por volta de 2h30 da manhã.
Segundo uma testemunha, a festa já tinha terminado. Eram quase 2h da manhã e os noivos, alguns parentes e padrinhos estavam do lado de fora da casa de festa na Praia da Guanabara. Durante uma brincadeira com os amigos, Fabio tropeçou e caiu no chão.

Noivo colocou uma tulipa no bolso e morreu após cair sobre o copo e ter a perna cortada (Foto: Facebook/Reprodução)Noivo colocou uma tulipa no bolso e morreu após
cair sobre o copo e ter a perna cortada
(Foto: Facebook/Reprodução)
Fabio dos Santos Maciel e Geise Guimarães namoravam havia sete anos e construíram juntos uma casa na Ilha, que ficou pronta há menos de um mês.
Feliz com o casamento, cerca de cinco meses antes da data da cerimônia, Fabio contou a novidade para os amigos no Facebook. "Gente, vou casar dia 18 de novembro de 2012... em breve estarão sendo convidados formalmente", disse o noivo, no mesmo dia em que criou o perfil na rede social.
De acordo com o dono da casa de festas, Fabio era extrovertido e estava feliz e animado com o casamento. No perfil da rede social, os amigos lamentavam a tragédia nesta terça e também enviaram mensagens de apoio à família.
Segundo o Instituto Médico Legal, o corpo foi liberado às 12h25 desta segunda-feira e foi encaminhado para Manaus (AM), onde mora a família do sargento, que integrava o Corpo de Fuzileiros Navais.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Segundo dia do júri do caso Eliza tem troca de advogados, choro e beijo entre Bruno e namorada


O segundo dia do júri do caso Eliza Samudio, realizado em Contagem (região metropolitana de Belo Horizonte), foi marcado pela substituição de um dos advogados do goleiro Bruno Fernandes e terminou com um momento de intimidade entre o ex-jogador e sua atual namorada Ingrid Oliveira.

Ao final da sessão, ela se dirigiu até Bruno, o abraçou e começou a acariciar seu cabelo. O goleiro devolveu o afeto, passando a mão nos cabelos da companheira. Em seguida, deram-se um beijo contido. A cena durou menos de dois minutos.

Atrás de Bruno, Luiz Henrique Romão, o Macarrão, ganhou um abraço da avó também ao final da sessão. A juíza Marixa Fabiane autorizou o afeto, após pedido dela.

Choro
A sessão de hoje foi marcada também pelo choro de Dayanne de Souza , ex-mulher do jogador, e Fernanda de Castro, ex-amante do goleiro, ambas acusadas de participação no desaparecimento de Eliza Samudio.

Fernanda chorou durante o depoimento do detento Jaílson Alves de Olveira, que disse à Justiça, em abril de 2011, que Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, tinha um plano para matar várias autoridades ligadas à investigação do caso Eliza Samudio.

Enquanto chorava, a ex-amante de Bruno escondeu o rosto apoiada no encosto de uma cadeira á sua frente. Ela chegou a se retirar do plenário durante os momentos de choro.

Já Dayanne chorou durante um bom tempo pela manhã, no momento em que Bruno pediu a destituição do advogado Rui Pimenta, o que gerou o desmembramento do julgamento dela.

Bruno dispensa advogado
Além de Pimenta, que se declarou surpreso com a destituição, Bruno tentou dispensar  seu outro advogado, Francisco Simim. A juíza Marixa Fabiane, porém, avaliou que a manobra era uma tentativa para adiar o júri e aceitou apenas a dispensa de Pimenta.

Logo no começo da sessão de hoje, Bruno pediu uma reunião com seus advogados e os defensores de Dayanne de Souza, sua ex-mulher, e Fernanda Castro, sua ex-namorada, que também são rés no processo. Após o encontro, que durou cerca de 10 minutos,

Bruno disse à juíza que destituiu o advogado Rui Pimenta por insegurança. “Por me sentir inseguro, estou destituindo o senhor Rui”, afirmou o ex-goleiro. “Peço a senhora que me dê um prazo para que eu escolha outro advogado”, acrescentou Bruno.

Em seguida, a magistrada afirmou que não poderia dar um prazo porque o goleiro já está sendo defendido por outro advogado, Francisco Simim, que também defendia Dayanne. Bruno aceitou seguir no julgamento, mas minutos depois tentou destituiu Simim com o argumento de que não queria prejudicar a defesa de sua ex-mulher ao dividir com ela o mesmo advogado.

“Não entendi por que o senhor está destituindo, depois de claramente manter a defesa. Me parece uma tentativa de postergar o julgamento”, afirmou Marixa.

A juíza, então, atendeu a um pedido do promotor Henry Castro e decidiu desmembrar o julgamento de Dayanne, de modo que Simim passasse a defender apenas Bruno neste júri. Com isso, ela será julgada em outra data.

O argumento da promotoria foi o de que Dayanne responde ao processo em liberdade e a prioridade seria julgar os réus presos, como Bruno. Simim chegou a dizer que preparou a defesa de Dayanne e gostaria de realizá-la naquele momento, mas a juíza negou o pedido.

Agora, Dayanne será julgada em outra data, junto com Bola. Já Bruno escolheu um novo advogado, Tiago Lenoir, que ontem, no Twitter, comentou que o goleiro deveria confessar a autoria do homicídio e negar. Após a afirmação repercutir na imprensa, ele afirmou, ao final da sessão de hoje, que ele estava comentando o caso como uma pessoa comum e que falava de uma situação hipotética.

Testemunhas
A sessão teve início pouco depois de 9h, com a juíza Marixa Fabiane aplicando uma multa de R$ 18,7 mil para os três advogados de Bola, que ontem abandonaram o júri. São eles Ercio Quaresma, Zanone de Olveira Júnior e Fernando Magalhães. A magistrada considerou que faltou ética dos defensores.

O primeiro depoimento do dia foi de João Batista Guimarães, o ex-caseiro do sítio em Esmeraldas (MG), onde Eliza pode ter sido morta. Ele contradisse a versão de Cleiton Gonçalves, amigo e ex-motorista de Bruno, que ontem declarou ter afirmado sobre a morte de Eliza por estar sob pressão da polícia.

“Foi muito tranquilo”, disse. “Ele [Cleiton] estava à vontade”, acrescentou a testemunha, negando que Cleiton tenha sido ameaçado pelos policiais durante o interrogatório. Hoje, entretanto, ele disse que fez a afirmação porque estava “doidão”.

O segundo depoimento foi da delegada Ana Maria Santos, que participou das investigações do caso. Em quase três horas, ela afirmou que Jorge Rosa, primo do goleiro Bruno, se emocionou ao narrar como Eliza Samudio foi morta. Menor de idade à época dos fatos, Rosa confessou pelo menos em dois depoimentos, à Polícia Civil e à Justiça, ter participado da morte de Eliza, a qual descreveu com detalhes.

Dias depois, ele voltou atrás e negou o que tinha relatado. Afirmou, na época, ter feito a confissão sob pressão. Questionada hoje pelo promotor Henry Castro, a delegada, que participava das investigações do caso e colheu o depoimento de Rosa em junho de 2010, disse que a versão narrada por ele tinha “bastante credibilidade”.

“Sem dúvida nenhuma [tinha credibilidade]. Pela riqueza de detalhes, pelo tanto que ele se emocionou ao fazer a narrativa. Aquilo, inclusive, nos atingiu durante o depoimento”, disse. “Me passou bastante credibilidade.”

O terceiro e último depoimento foi do detento Jaílson Alves de Oliveira, que afirmou à Justiça que Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, tinha um plano para matar várias autoridades ligadas ao caso Eliza Samudio, disse no Tribunal do Júri, nesta terça-feira (20), ter sido ameaçado pelo goleiro Bruno Fernandes no último dia 13, no presídio Nelson Hungria.

Jaílson está recolhido na enfermaria da penitenciária, isolado de outros presos por razões de segurança. A ameaça, diz ele, ocorreu durante um banho do sol. “Tinha um agente escoltando o Bruno. Ele virou e disse: ‘o Jaílson, o que é seu tá guardado. Você não sabe com quem se meteu. Seus dias estão contados’”, relatou.

Na sequência Jaílson, se dirigiu a Bruno. “Foi ele ali. Falo na cara dele. Fala agora, Bruno?”. O ex-goleiro retrucou: “Nem te conheço, parceiro". Conforme a testemunha relatava a suposta ameaça, Bruno mexia a cabeça em sinal de negação.

A testemunha afirmou ainda que Bola disse que o plano era matar o filho de Bruno e Eliza, mas Dayanne intercedeu e levou a criança para uma mulher que morava em Ribeirão das Neves.

Ao final da sessão, o promotor Henry Castro pediu o afastamento de cinco ou seis testemunhas do caso flagradas usando celular no hotel em que estão hospedadas, o que é proibido. O pedido será apreciado amanhã pela juíza.

Quarta-feira
Amanhã, além da apreciação, o julgamento terá o depoimento de testemunhas arroladas pela defesa. Cada réu tem direito a usar cinco testemunhas.

Fonte: Portal Uol/Cidade News Itaú
Leia Mais ››