RÁDIO CIDADE AO VIVO

sexta-feira, dezembro 14, 2012

Eleitos da 35ª Zona foram diplomados nesta sexta feira


Aconteceu na manhã desta sexta-feira (14) a diplomação dos eleitos dos municípios de Apodi, Itaú, Rodolfo Fernandes, Severiano Melo e Felipe Guerra, pertencente a 35ª Eleitoral no Fórum Desembargador Newton Pinto em Apodi-RN.

Dr. Márcio Silva Maia - Juiz


A cerimônia começou por volta das 10:10h com a composição da mesa, em seguida a execução do Hino Nacional, logo após o Juiz Presidente da Justiça Eleitora Dr. Marcio Silva Maia realizou o discurso de abertura falando sobre a importância da democracia. 

Sílvio Ricardo Gonçalves - Promotor


Terminada suas colocações a palavra foi passada ao Promotor Eleitoral Silvio Ricardo Gonçalves de Andrade Brito.

Flaviano Monteiro
(Prefeito Eleito - Apodi/RN)

O prefeito eleito de Apodi Flaviano Monteiro deu procedimento a cerimônia, sendo o responsável em nome de todos os prefeitos presentes, direcionando seu discurso aos diplomandos e presente no fórum.

A solenidade deu-se iníciou com a diplomação dos prefeitos e vice-prefeitos:

Flaviano Monteiro e José Maria da Silva - Apodi-RN

 Aroudo Ferreira de Morais e Paulo Guilherme Gurgel Cardoso – Felipe guerra

Ciro Gustavo Alves Bezerra e Paulo Cesar Maia Fernandes

Dagoberto Bessa Cavalcante e Jacinto Lopes de Carvalho – Severiano Melo

Cícero Monteiro Neto e Maria Perpetua do Socorro Silva - Rodolfo Fernandes

Após diplomados os prefeitos e vice-prefeitos dos cinco (05) Municípios foi a vez dos vereadores de cada um deles receberem seus diplomas.

Vereados de Itaú sendo diplomados













A cerimônia foi encerrada pelo Juiz Dr. Marcio Silva Maia que agradeceu os presentes e desejou um Feliz Natal.

Vejas todas as fotos do diplomação clicando no nosso álbum a seguir:


Arlindo Maia da Redação do Cidade News Itaú
Leia Mais ››

"PAIZAO" É PRESO PELA DENARC TRAFICANDO DROGAS NO BAIRRO PAREDÕES EM MOSSORÓ


  Policiais da Delegacia Especializada em Narcóticos prenderam na tarde desta sexta feira, 14 de Dezembro de 2012, o elemento conhecido como Patrício Davi Soares, 35 anos de idade, mais conhecido como “Paizão”.
   A DNARC que tem como titular o Dr. Denys Carvalho recebeu denuncias anônimas de populares informando que o “Paizão” estaria comercializando drogas em sua residência localizada na Rua Anatália de Melo Alves, 54, bairro Paredões.
   Os agentes na noite desta quinta feira (13) fizeram uma campana no local, onde flagraram o tráfico de drogas, na qual os consumidores negociava a venda.
   Na tarde de hoje (14) os policiais civis realizaram a abordagem e encontraram “Paizão” dormindo e realizaram a prisão do mesmo. Na residência foram encontrada 100 pedras de crack e R$1.500,00 em dinheiro.
   Segundo o Dr. Denys, O acusado já tem passagem pela Polícia por tentativa ode homicídio, tráfico de drogas, porte ilegal de arma e embriaguez ao volante.
   Ele foi encaminhado para a DENARC onde será atuado em flagrante pelo Dr. Denys Carvalho por tráfico de drogas.


Fonte: Passando na Hora/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Homem provoca acidente com carro tomado de assalto em Mossoró


Wellington Bezerra da Costa, 32 anos, residente na Avenida Rio Branco no Bairro Santo Antônio em Mossoró, foi preso após uma perseguição policial no final da tarde de sexta feira 14 de Dezembro de 2012. Wellington estava em um veículo tipo Eco Sport de cor prata, placas HXX 5437 tomado de assalto na ultima quarta feira, na Rua Dona Lurdes Monte no Alto de São Manoel. Segundo informações registradas na Central de Operações da Policia Militar, dois indivíduos invadiram a residência fizeram duas mulheres de reféns e levaram vários objetos pessoais e fugiram levando o carro da família. Na tarde de hoje o individuo se envolveu em um acidente no bairro 12 anos. Ele atropelou um motoqueiro que vinha em uma pop e fugiu sem prestar socorro. O motociclista foi socorrido por uma equipe do Samu e não corre riscos de morte. Na fuga Wellington, colidiu na traseira de um gol branco, perdeu o controle e bateu em uma residência na Rua Joaquim Nabuco. No bairro Boa Vista. Segundo informações o indivíduo tentou se esconder dentro da residência, mas foi detido pelo Policial Militar “Erionaldo” que estava de folga e passava no local. Wellington disse à polícia que encontrou o Eco Sport parado com a chave na ignição e resolveu leva-lo. Policiais da Viatura de Radio Patrulha, 225 levaram o fugitivo para a Delegacia de plantão. Após os procedimentos o mesmo deverá ser reconduzido para o Complexo Penal Mário Negócio. 








Fonte: O Câmera/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Presidente do Fla admite dívida com CSKA, mas espera permanência de Vagner Love


Flamengo deve parcelas ao CSKA e permanência de Vagner Love não está garantida
Com a maior parte das receitas dos direitos de televisão antecipadas e penhoras por conta de dívidas, o Flamengo terá um orçamento apertado em 2013. E se as contratações ainda não começaram no time carioca, até mesmo quem já está no elenco corre o risco de saída. Devendo parcelas ao CSKA-RUS referentes ao pagamento pela contratação do atacante Vagner Love, o time carioca avaliará a situação do jogador com a chegada da nova diretoria.

"Sei que a gente deve uma parcela razoável para o CSKA pela compra do Vagner Love, mas não posso precisar exatamente o valor. Vamos nos inteirar sobre isso. E vamos ter que pagar, não tem jeito", declarou o novo presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, em entrevista à rádio Globo.

O atacante foi 'cabo eleitoral' de Patrícia Amorim, derrotada no pleito presidencial realizado neste mês. O apoio à chapa da situação, porém, não dificultará a continuidade do jogador na Gávea, diz o mandatário do clube, que reconheceu o bom desempenho do jogador durante a temporada.

"Temos todo interesse em manter o Love. Nunca estive pessoalmente com ele, acho que nem o Pelaipe [diretor executivo] e Wallim [vice de futebol]  tiveram, mas o Love é ídolo da torcida, eu gosto dele, meus filhos gostam e tenho maior interesse em manter. Li uma declarações dele de que não teria problema em continuar no Flamengo independente do resultado das eleições, vamos aguardar", disse o presidente do Flamengo.

Se a expectativa é de que o clube faça um esforço para manter Vagner Love, as renovações do lateral Léo Moura e do volante Renato Abreu ainda não são certas. A definição será tomada em conjunto com o diretor executivo Paulo Pelaipe e com o técnico Dorival Júnior, que está voltando ao Brasil.

"Não posso adiantar nada. Pessoalmente gosto muito dos dois [Léo Moura e Renato Abreu], sempre honram a camisa do Flamengo e são excelentes profissionais dentro e fora de campo. Isso vai ser avaliado pelo Pelaipe e pelo Wallim. A opinião deles vai ser mais levada em consideração que a minha. É uma gestão profissionalizada", encerrou Bandeira de Mello.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Presidente do Tigre não desiste, e diz que vai pedir impugnação do título do São Paulo


Presidente do Tigre, Rodrigo Molinos, não desistiu de contestar a taça do São Paulo
O presidente do Tigre, Rodrigo Molinos, ainda não desistiu de contestar o título do São Paulo na Copa Sul-Americana. Ele disse que irá pedir a impugnação da partida desta quarta-feira no Morumbi e sanções ao Tricolor.

“Pedimos que se dê por perdida a partida pelo clube local, que gerou os incidentes. Sabemos que é difícil, mas vamos nos manifestar porque foi gravíssimo”, falou para a Rádio Cooperativa, em declarações reproduzidas pelo Diário Olé.

O presidente do Tigre aproveitou para reforçar a sua versão sobre a polêmica. “Existiam seguranças na porta do vestiário para bater nos nossos jogadores como nunca havia visto”.

Ele ainda falou de como vivenciou a situação. “No intervalo vieram 12 pessoas com paus e alguns armados, e nos disseram: ‘quero vocês se vocês argentinos vão manter essa banca agora’”.

Segundo Molinos, o Tigre não voltou para a partida porque “os jogadores não estavam em condições físicas e psíquicas de continuar na partida”.

Fonte: Uol Esporte/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Queda de elevador em universidade deixa sete feridos em Niterói


Sete pessoas ficaram feridas na queda de um elevador na Universidade Estácio de Sá, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio, na noite desta sexta-feira (14). As vítimas sofreram ferimentos leves e foram levadas pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Azevedo Lima, no Fonseca.
Segundo testemunhas, o elevador caiu quando estava no sétimo andar. O acidente aconteceu por volta das 19h, horário de grande fluxo de estudantes na universidade.
Procurada pelo G1, a assessoria de comunicação da Universidade Estácio de Sá informou que  ainda apura as causas da queda.
Elevador cai em Botafogo
Em 5 de dezembro, um elevador despencou do nono andar de um prédio em Botafogo, na Zona Sul do Rio. Na queda, sete pessoas se feriram. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-RJ) notificou a empresa responsável pela manutenção do elevador.
A entidade explicou que a empresa realizava manutenções no prédio de Botafogo sem atualizar as Anotações de Responsabilidade Técnica (ARTs).

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

MPF denuncia 24 investigados na Operação Porto Seguro


O Ministério Público Federal de São Paulo (MPF-SP) denunciou à Justiça 24 pessoas investigadas pela Polícia Federal (PF) na Operação Porto Seguro, que apurou suposto esquema de venda de pareceres técnicos do governo em favor de empresas privadas.
A denúncia foi oferecida nesta sexta-feira (14). Caberá agora ao juiz que analisará o processo decidir se os denunciados serão transformados em réus e julgados pelos crimes. O relatório da investigação foi entregue à Justiça Federal na sexta-feira (8).

Arte quem é quem operação Porto Seguro (Foto: Editoria de Arte / G1)
De acordo com a Procuradoria, foram denunciados por formação de quadrilha o ex-diretor da Agência Nacional de Águas (ANA) Paulo Vieira, o ex-diretor da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) Rubens Vieira e o irmão deles Marcelo Vieira. Também pode responder pelo mesmo crime a  a ex-chefe do escritório da Presidência em São Paulo Rosemary Noronha, e os advogados Marco Antonio Negrão Martorelli e Patrícia Santos Maciel de Oliveira.
Os demais 18 denunciados vão responder por corrupção ativa e passiva, tráfico de influência e falsificação de documentos.

O ex-auditor do Tribunal de Contas da União (TCU) Cyonil Cunha Borges, que fez o relato que deu origem à operação Porto Seguro, foi denunciado por corrupção passiva.

A denúncia é assinada pelos procuradores Suzana Fairbanks Oliveira Schnitzlein, Roberto Antonio Sassiê Diana e Carlos Renato Silva e Souza.
Formação de quadrilha
Nas 53 páginas do relatório do inquérito, o delegado da PF Ricardo Hiroshi Ishida aponta que "a quadrilha" agia para obter "facilidades junto a órgãos públicos por meios ilícitos", cometendo "crimes de corrupção" para "atender interesses de empresários".
Ainda de acordo com o documento, Paulo Rodrigues Vieira, ex-diretor da Agência Nacional de Águas, tinha "a função de chefia".
O esquema funcionava assim, segundo o relatório: um empresário precisava de facilidades num órgão público onde Paulo tinha influência. Paulo acionava seus contatos, entre eles, seu irmão Rubens Vieira - diretor afastado da Agência Nacional de Aviação Civil - considerado o conselheiro da quadrilha. Os advogados Marco Antonio Martorelli e Patrícia Maciel ajudavam servidores públicos corruptos a escrever pareceres ou relatórios de interesse da quadrilha.

A PF chama tanto Martorelli quanto Patrícia de "testa de ferro jurídico". Marcelo Vieira, irmão caçula de Paulo e Rubens, era quem levava e trazia pacotes para fazer depósitos em dinheiro. Também no nome dele eram registrados imóveis e outros bens. Para a PF, Marcelo atuava como laranja. O grupo criminoso pedia ou oferecia vantagens indevidas para funcionários públicos, como o "pagamento de viagem de navio".
No inquérito, a PF indiciou 22 pessoas, excluindo Cyonil Cunha Borges, o delator do esquema, e o vice-presidente jurídico dos Correios, Jefferson Carlos Carus Guedes. A procuradora Suzana Fairbanks, porém, decidiu denunciá-los por corrupção passiva.
"[Cyonil] realmente solicitou as vantagens indevidas", explicou. Ela afirma que em diversos e-mails o ex-auditor pede a Paulo Vieira, em código, dinheiro em troca de um parecer fraudulento. Pesa contra ele, ainda, a comprovação que recebeu R$ 100 mil de Paulo.
No caso de Guedes, a procuradora diz que há provas de que ele solicitou propina. A assessoria dos Correios informou que o vice-presidente jurídico da estatal, Jefferson Guedes, está afastado de suas funções na empresa desde o dia 3 de dezembro, até que seja concluída a auditoria interna sobre os fatos. Os Correios só irão se pronunciar sobre a denúncia após serem oficialmente comunicados.

Atuação política
O relatório da PF destaca ainda a atuação da ex-chefe do gabinete da Presidência da República em São Paulo, Rosemary Noronha, como um braço de influência política na estrutura da quadrilha. Inicialmente, ela foi indiciada por tráfico de influência, corrupção passiva e falsidade ideológica. Mas, ao analisar o material apreendido no escritório da presidência, o delegado da Polícia Federal decidiu indiciá-la também por formação de quadrilha.
De acordo com os procuradores, as investigações chegaram a um total de 15 episódios que envolvem "favores pedidos, vantagens solicitadas, cobradas ou recebidas por Paulo Vieira a Rosemary". Ainda foram apresentadas 27 situações nas quais Rosemary pediu favores aos irmãos Vieira, segundo o MPF.
O Ministério Público denunciou Rosemary por formação de quadrilha, corrupção passiva, tráfico de influência e duas vezes por falsidade ideológica. Segundo a procuradora Suzana, Rosemary pediu a Paulo Vieira um certificado de conclusão de curso para seu ex-marido, o que, de acordo com as investigações, foi providenciado. Paulo também teria fornecido a Rosemary um atestado de capacidade técnica falso.
Questionada sobre a relação próxima entre a ex-chefe de gabinete da Presidência e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a procuradora disse não haver indícios da participação de Lula no esquema. "Ela usava mais o seu cargo. [...] ela não se apresentava por ele [o presidente]."
Ainda de acordo com a procuradora, o uso do cargo ficou evidente nas trocas de favores que ela fazia com os irmãos Vieira, cujas provas foram adquiridas nas interceptações de e-mails trocados entre eles. "Uma coisa é fazer contato vinculado ao cargo dela. Isso é totalmente legal. [...] o problema é que ela não fazia para atendimento ao trabalho dela, mas para terceiros."

Outro lado
Em sua única manifestação sobre o caso, Rose, como é conhecida, negou ter praticado tráfico de influência e corrupção e disse que nunca fez nada "ilegal, imoral ou irregular" quando ocupava o cargo.

O advogado de Rosemary Noronha disse que o indiciamento dela é improcedente - e baseado em premissas equivocadas. A defesa de Paulo Vieira declarou que não há hipótese de o cliente dele ter chefiado quadrilha - e que vai esclarecer os fatos no momento oportuno.
Os advogados de Marcelo Vieira, de Marco Antonio Martorelli e de Gilberto Miranda disseram que ainda não conseguiram examinar o relatório. Já a defesa de Rubens Vieira e de Patricia Maciel preferiram não se manifestar.

A operação envolveu 180 agentes nas cidades paulistas de Cruzeiro, Dracena, Santos, São Paulo e em Brasília. Foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão em São Paulo e 17 na capital federal. De acordo com a PF, o grupo cooptava funcionários de segundo e terceiro escalões para obter pareceres fraudulentos, a fim de beneficiar empresas privadas.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Santander informa demissão de 1.280, diz confederação de bancários


A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) informou nesta  sexta-feira (14) que recebeu do Santander uma lista com um total 1.280 funcionários demitidos no início de dezembro em todo o país, após determinação da procuradora regional do Trabalho da 10ª Região do Ministério Público do Trabalho (MPT), Ana Cristina Tostes Ribeiro, durante audiência de mediação realizada na quarta-feira (12), em Brasília.
"As demissões realizadas pelo Santander aconteceram sem qualquer discussão prévia com o movimento sindical e sem nenhuma justificativa", afirmou, em comunicado, Ademir Wiederkehr, funcionário do banco e secretário de imprensa da Contraf-CUT. 
Procurado pelo G1, o Santander não comentou a lista e manteve o mesmo posicionamento divulgado na semana passada, no qual confirma a demissão de "cerca de 1.000 pessoas de seu quadro de funcionários".
"Considerando que o banco emprega 55.000 pessoas, essa redução representa aproximadamente 2% de sua força de trabalho", diz o comunicado do Santander.
Segundo o banco, as mudanças organizacionais "visam preparar o banco para acompanhar o processo de transformação do sistema financeiro nacional e à nova realidade de competitividade da indústria".

Na audiência no MPT, a Contraf defendeu a reversão de todos os desligamentos ocorridos em dezembro e cobrou a abertura de um processo de negociação sobre emprego com o Santander.
A confederação destaca ainda que, durante a audiência em Brasília, o secretário de Relações de Trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Manoel Messias, propôs a suspensão das demissões efetuadas em dezembro e a abertura de um processo de diálogo e negociação coletiva, resguardando as medidas já tomadas pelas entidades sindicais.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Alunos são filmados fazendo sexo em sala de aula de colégio, em Manaus

Video foi publicado no Youtube e retirado do ar após denúncias (Foto: Reprodução/Youtube)
Video foi publicado em canal no Youtube e retirado do ar após denúncias (Foto: Reprodução/Youtube)


Dois alunos foram filmados fazendo sexo em uma sala de aula do Colégio Brasileiro Pedro Silvestre, localizado no Centro de Manaus. O vídeo foi publicado na internet e teve mais de 300 visualizações.
Nas imagens, a aluna aparece sentada no colo do estudante, ambos fardados, em frente à lousa da sala de aula. Eles faziam sexo próximo à porta. A filmagem tem duração de pouco mais de um minuto.
De acordo com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), a diretoria da escola teve conhecimento da gravação na quarta-feira (13), antes da publicação na internet, e realizou reunião com os pais e alunos envolvidos.

Segundo a Seduc, os responsáveis pelo casal foram informados que os alunos infringiram as regras da escola e poderiam ser punidos, mas os pais pediram que o caso fosse resolvido no âmbito da família. A aluna era do 9º ano e os pais decidiram que ela será matriculada em outra escola para evitar bullying. Já o jovem frequentava o 3º ano do Ensino Médio e se formou.
O aluno que filmou o casal também foi identificado. Os estudantes contaram que ele ficou na porta para evitar que alguém entrasse na sala e atrapalhasse o ato. O jovem também era do 3º ano e já foi aprovado.
A diretoria da escola acredita que o caso tenha acontecido na terça-feira (12). Para eles, os alunos se aproveitaram da baixa frequência de estudantes na unidade, devido ao período de recuperação, para realizar o ato. Segundo a diretoria, esta é a primeira vez que um caso do tipo acontece no Colégio Brasileiro.
A Seduc informou ainda que os pais dos alunos e a diretoria da escola decidiram não denunciar o caso à polícia. No entanto, como a estudante é menor de idade, a divulgação das imagens infringe o Estatuto da Criança e do Adolescente, que prevê pena de quatro a oito anos de reclusão para quem "produzir, reproduzir, dirigir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, cena de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo criança ou adolescente".

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Locutores que deram trote em enfermeira são ameaçados de morte



Os apresentadores de uma rádio australiana que participaram do trágico trote telefônico a um hospital de Londres em que estava internada a duquesa de Cambridge, Katherine Middleton, receberam ameaças de morte e foram levados para locais seguros, informou a polícia nesta sexta-feira (14).
A informação sobre as ameaças aos dois apresentadores foi divulgada depois da revelação em Londres que de a enfermeira que atendeu a ligação da dupla, Jacintha Saldanha, se enforcou poucos dias depois.

A polícia da Austrália abriu uma investigação sobre as ameaças depois que teve acesso a uma carta enviada ao apresentador Michael Christian, da rádio 2Day FM, na qual uma pessoa não identificada alertava que "existem balas com seu nome".
A empresa Southern Cross Austereo, dona da emissora, denunciou ter recebido ameaças a semana inteira.

Locutores de radio que passaram trote em enfermeira que se matou (Foto: Reprodução Globo News)
Locutores de radio que passaram trote em enfermeira que se matou (Foto: Reprodução Globo News)

"A polícia está investigando o caso. Os detetives já têm em seu poder uma carta com várias ameaças. Estamos trabalhando na questão e tentando descobrir o autor da carta", disse uma fonte policial do estado de Nova Gales do Sul.
De acordo com o jornal britânico "Daily Telegraph", os apresentadores e outros funcionários foram levados para hotéis. Dez executivos da emissora recebem proteção de agentes de segurança privada.
Christian e a apresentadora Mel Greig, responsáveis pelo trote que terminou em tragédia, continuam afastados do trabalho e não aparecem em público desde segunda-feira, quando pediram desculpas e choraram diante das câmeras de televisão.
A indiana Saldanha, de 46 anos, foi encontrada morta na sexta-feira da semana passada, três dias depois de receber em um hospital de Londres uma ligação telefônica de uma pessoa que alegava ser a rainha da Inglaterra e que desejava falar com Catherine, esposa de seu neto, o príncipe William, hospitalizada por complicações provocadas pela recente gravidez.

Fonte: G1/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Alvo de atirador de Connecticut seria classe onde mãe lecionava; ela está entre os mortos


Mulher espera para ouvir sobre sua irmã, em frente à escola
O atirador que disparou contra crianças nesta sexta-feira (14), na escola primária Sandy Hook na cidade de Newtown, no Connecticut (EUA), teria como alvo a classe onde sua mãe lecionava, de acordo com as agências internacionais. Nancy Lanza está entre as vítimas do ataque, que são 27, das quais 20 são crianças.

Ryan Lanza, de 24 anos, foi primeiramente identificado como o atirador. Entretanto, uma fonte oficial teria corrigido a informação e dito que o atirador era seu irmão mais novo, Adam, de 20 anos, segundo a imprensa americana. Ryan mora em Hoboken, em Nova Jersey, e estaria sendo interrogado no Estado, sem ser suspeito do crime. A polícia diz oficialmente que só irá confirmar a identidade do assassino neste sábado (15).

"Nós não vamos deixar pedra sobre pedra enquanto investigamos todos os aspectos da investigação", disse em pronunciamento.o tenente da polícia de Connecticut, J. Paul Vance. Em pronunciamento, o presidente Barack Obama disse que seu "coração está despedaçado".

Lanza é um dos mortos e seu corpo foi encontrado na escola; ainda não se sabe se ele tirou a própria vida ou se foi morto pela polícia. Segundo fontes da CNN, a mãe foi encontrada morta na casa de Lanza, em Newtown.

O tiroteio aconteceu por volta das 13h (horário de Brasília), e a escola já foi evacuada. Uma segunda pessoa suspeita de participar do tiroteio teria sido presa no local. Segundo os policiais, Lanza entrou na escola usando máscara, roupa escura e um colete à prova de balas.

Dezoito crianças teriam morrido na escola e duas no hospital. A maioria delas era da classe em que Nancy dava aula. Alunos de outra classe também estão entre as vítimas.

Este já seria o segundo maior massacre da história do país, com menos mortos apenas que o atentado que matou 32 pessoas na Virginia Tech em 2007. O suspeito teria entrado na escola com duas armas, que já foram recolhidas pelos policiais. Uma delas, de acordo com a AP, seria um rifle calibre 223.

Governador horrorizado
Em pronunciamento oficial, um porta-voz disse que o governador de Connecticut, Dannel Patrick Malloy, está horrorizado e prestando apoio às famílias das vítimas. Ele também disse que estão trabalhando, junto à polícia, para reunir informações sobre o que aconteceu o mais rápido possível e que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, já ligou para o governador e enviou suas condolências. "Você nunca está preparado para esse tipo de acontecimento", disse Malloy.

Entre as vítimas adultas, segundo depoimentos de pais de estudantes à CNN, estariam a diretora e uma psicóloga da escola. Polícia e ambulâncias estão no local do tiroteio, além de pais e alunos.

Um dos socorristas disse que uma professora ficou ferida e foi levada ao hospital Danbury. Não foram divulgadas informações sobre o seu estado de saúde.

A estudante Alexis Wasik, 8, disse à WTNH, afiliada da CNN, que estava assistindo a aula quando reparou que havia vários policiais cercando a escola. "Nós ouvimos os policiais no telhado e subindo os muros". 

A primeira ligação para o serviço de emergência foi feita às 9h41 (horário local). 

A escola Sandy Hook Elementary fica em uma área residencial, cerca de 90 minutos de Nova York e tem 650 alunos, do jardim de infância até a quarta série, com idades que variam de 5 a 10 anos, e 39 professores.

As demais escolas da região foram imediatamente fechadas após a notícia do ataque.

No site da instituição, um recado avisa que as atividades da tarde no jardim de infância foram canceladas para hoje.

Newtown é uma cidade com uma população de aproximadamente 27 mil pessoas, que fica no condado de Fairfield, no norte do Estado de Connecticut, a cerca de 70 km a sudoeste da capital Hartford e a 130 km a nordeste de Nova York.

Os Estados Unidos já tiveram uma série de tiroteios em locais públicos este ano. No mais recente, um atirador abriu fogo em um shopping no Estado do Oregon, matou duas pessoas e depois se suicidou, na terça (11).

Em julho passado, em uma sessão da meia-noite de um filme de Batman, no Colorado, que matou 12 pessoas. (Com agências internacionais)

Fonte: Portal Uol/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Atirador mata 20 crianças e 6 adultos em escola primária nos EUA; criminoso está morto


Policiais do Estado de Connecticut (EUA) levam crianças em fila após um atirador disparar
A polícia de Newtown, no Estado americano de Connecticut, informou que o atirador que disparou contra crianças em uma escola primária da cidade morreu no local, nesta sexta-feira (14). Também foi confirmada a morte de 20 crianças e 6 adultos, o que totaliza 27 mortos. Este seria o segundo maior massacre da história dos EUA, atrás do atentado que matou 32 pessoas na universidade Virginia Tech em 2007.

Ryan Lanza, de 24 anos, foi primeiramente identificado como sendo o atirador. Entretanto, uma fonte oficial teria corrigido a informação e dito que o atirador era seu irmão mais novo, Adam, de 20 anos, segundo a imprensa americana. Ryan mora em Hoboken, em Nova Jersey, e estaria sendo interrogado no Estado, sem ser suspeito do crime. A polícia diz oficialmente que só irá confirmar a identidade do assassino neste sábado (15).

O atirador entrou na escola com pelo menos duas armas, que já foram recolhidas pelos policiais. Uma delas, de acordo com a AP, seria um rifle calibre 223. O alvo do atirador seria a classe em que sua mãe lecionava na escola; ela está entre os mortos.

Ainda não se sabe se o atirador foi morto por policiais ou se tirou a própria vida. Uma segunda pessoa suspeita de participar do tiroteio teria sido presa no local.

Dezoito crianças teriam morrido na escola e duas no hospital. A maioria delas seria da classe em que Nancy dava aula. Alunos de outra classe também estão entre as vítimas.

Em pronunciamento oficial, um porta-voz disse que o governador de Connecticut, Dannel Patrick Malloy, está horrorizado e prestando apoio às famílias das vítimas. Ele também disse que estão trabalhando, junto com a polícia, para reunir informações sobre o que aconteceu o mais rápido possível e que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, já ligou para o governador e enviou suas condolências.

Entre as vítimas adultas, segundo depoimentos de pais de estudantes à CNN, estariam a diretora e uma psicóloga da escola. Polícia e ambulâncias figuram no local do tiroteio, além de pais correndo em direção à escola.

Um dos socorristas disse que uma professora ficou ferida e foi levada ao hospital Danbury. Não foram divulgadas informações sobre o seu estado de saúde.

 A vice-diretora da escola foi atingida por tiros no pé e na perna. O número total de feridos e ainda não foi divulgado pela polícia. 

Depoimentos
A estudante Alexis Wasik, 8, disse à WTNH, afiliada da CNN, que estava assistindo a aula quando reparou que havia vários policiais cercando a escola. "Nós ouvimos os policiais no telhado e subindo os muros". 

"Nós tivemos que sair com uma dupla", disse Wasik. Ainda segundo as crianças, havia muitos pedaços de vidro espalhados pelo chão e mais de 100 disparos foram efetuados.

"Foi um susto. Recebi uma ligação no trabalho. Isso nunca aconteceu na cidade", disse o pai da garota em entrevista à CNN.

A primeira ligação para o serviço de emergência foi feita às 9h41 (horário local). 

A escola Sandy Hook Elementary fica em uma área residencial, a cerca de 90 minutos de Nova York e tem 650 alunos, do jardim de infância até a quarta série, com idades que variam de 5 a 10 anos, e 39 professores.

As demais escolas da região foram imediatamente fechadas após a notícia do ataque.

No site da instituição, um recado avisa que as atividades da tarde no jardim de infância foram canceladas para hoje.

Newtown é uma cidade com uma população de aproximadamente 27 mil pessoas e fica no condado de Fairfield, no norte do Estado de Connecticut, a cerca de 70 km a sudoeste da capital Hartford e a 130 km a nordeste de Nova York.

Os Estados Unidos já tiveram uma série de tiroteios em locais públicos este ano. No mais recente, um atirador abriu fogo em um shopping no Estado do Oregon, matou duas pessoas e depois se suicidou, na terça (11).

Em julho passado, em uma sessão da meia-noite de um filme de Batman, no Colorado, que matou 12 pessoas. (Com agências internacionais)

Fonte: Portal Uol/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Polícia Civil prende suspeitos de tráfico na Vila de Ponta Negra


Foto: Divulgação / Polícia Civil
Mário Sérgio e Alexandre "Vitinho".
Num trabalho de combate ao tráfico de entorpecentes, os policiais civis da 15ªDP, sob o comando do delegado Graciliano Lordão, prenderam em flagrante dois homens acusados de comercializar drogas na Vila de Ponta Negra. Ao todo foram apreendidas com os traficantes mais de 86 pedras de crack.

O primeiro a ser preso foi Alexandre Vitor, vulgo "Vitinho", na tarde de quarta-feira (12), na residência do acusado localizada na Rua da Floresta, Vila de Ponta Negra, onde foram encontradas 63 pedras de crack pequenas prontas para venda e mais quatro porções contendo pedras maiores da droga.

“Vitinho de imediato assumiu a propriedade da droga afirmando que havia adquirido por quatro reais e que venderia na rua do Currupio ao preço de cinco reais as pedras pequenas e que as porções maiores ainda seriam fragmentadas para venda”, contou o delegado Lordão. Vitinho também é suspeito de praticar um homicídio no loteamento José Sarney, Zona Norte de Natal.

A equipe da 15ªDP também prendeu em flagrante Mario Sergio de Assis, no final da tarde de ontem (13) após abordagem em via pública. Com ele foram apreendidas 23 pedras de crack prontas para venda. “O acusado afirmou que seriam vendidas por dez reais a unidade na rua morro do careca, na Vila de Ponta Negra”, completou. 

Fonte: Portal BO/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Trio é detido após assaltar caminhão da Ambev


Foto: Sérgio Costa
Dois homens foram presos, na noite desta quinta-feira (13), após um roubo a um caminhão da empresa Ambev. Antoni Silva de Oliveira, de 22 anos, Francisco Canindé da Silva, de 26 anos, o Tiquinho, e um adolescente de 17 anos foram detidos por policiais militares do Batalhão de Choque (BPChoque).

Os três, de acordo com a polícia, assaltaram um caminhão de bebidas no bairro de Felipe Camarão. Logo em seguida, eles fugiram para um morro do bairro e começaram a atirar para o alto. Assustados, alguns moradores acionaram a polícia e informaram dos disparos.

O BPChoque foi até o local e subiu o morro apontado pela população. Os três suspeitos foram detidos, mas um quarto homem conseguiu fugir. Eles foram reconhecidos pelas vítimas do assalto e, com isso, receberam voz de prisão, sendo conduzidos para a Delegacia de Plantão da Zona Sul.

O soldado Cabral, do Batalhão de Choque, disse que Tiquinho é perigoso e já realizou diversos assaltos. Inclusive, ele era foragido da Justiça. A vítima do assalto conversou com a reportagem do Portal BO e disse que eles agiram de forma violenta e ameaçadora.

Fonte: Portal BO/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Homem é assassinado após ser assaltado na zona Norte de Natal


Foto: Sérgio Costa
Um jovem de 23 anos foi morto na noite desta quinta-feira (13), durante um assalto, no loteamento Cidade Praia, zona Norte de Natal. Weidson Antônio Agustinho de Lima foi baleado enquanto caminhava para a escola com a esposa. Ele foi socorrido, mas não resistiu ao ferimento.

De acordo com o tenente Roberto, oficial do 4º Batalhão, o casal foi surpreendido na rua Sampaio Corrêa por uma dupla armada que chegou e anunciou o assalto. Após entregar o celular dele e da esposa, Weidson acabou sendo alvejado no peito por um tiro disparado por um dos assaltantes. "Eles estavam escondidos só aguardando alguma vítima se aproximar. Ainda não sabemos se houve reação para resultar no crime", disse.

Após o crime, os bandidos fugiram com destino ignorado. Weidson que trabalhava como montador de móveis ainda foi socorrido para o hospital Santa Catarina, mas já chegou na unidade hospitalar sem vida. A mulher da vítima, que terá o nome preservado, preferiu não dar entrevista a reportagem do Portal BO, mas revelou que o marido não reagiu ao assalto e que os bandidos ainda assaltaram outras pessoas que passavam no local.

Ainda segundo o oficial, a polícia realizou diligências no local com a finalidade de prender os criminosos, no entanto não conseguiu encontrá-los. O caso será investigado no 6º Distrito Policial. 

Fonte: Portal BO/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Jovem é assassinado com quatro tiros na Grande Natal


Um jovem identificado como Jussier Gomes de Oliveira, de 23 anos, foi assassinado por volta de 0h34 desta sexta-feira (14), na rua do Amor Perfeito, no conjunto Cidade das Rosas, no município de São Gonçalo do Amarante, região metropolitana de Natal. De acordo com o Centro Integrado de Operações e Segurança Pública (Ciosp), a vítima foi morta com quatro disparos de arma de fogo, após ter sido abordado por dois homens em uma motocicleta, que efetuaram os disparos e fugiram com destino ignorado.

Segundo o Ciosp, informações dão conta que a vítima voltava para a sua residência, quando foi surpreendido pelos assassinos. Até o momento não se sabe o que a motivação do crime. O caso será investigado pela Polícia Civil. O corpo de Jussier Gomes de Oliveira foi removido da via pelo Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep) para o trabalho de realização da necropsia.

Fonte: DN Online/Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Homem é preso após ameaçar esposa com faca e estuprar cunhada grávida


Um homem de 30 anos foi preso em flagrante após ameaçar a esposa e abusar sexualmente da cunhada, grávida de três meses, no fim da noite de quinta-feira no Bairro Vila Cristina, em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

Militares do 33º Batalhão receberam uma denúncia informando que uma mulher estava sendo ameaçada pelo marido. Chegando ao local, os policiais encontraram a vítima, de 29 anos, na rua. Ela disse que o marido é usuário de crack e, armado com uma faca, queria obrigá-la a entregar dinheiro para comprar drogas. Descontrolado, ele colocou a mulher e o cunhado dela, de 20 anos, para fora de casa, e se trancou com a irmã dela, de 18 anos.

Os policiais foram até o endereço e a jovem atendeu a porta. Muito assustada, ela disse que o homem a ameaçou com uma faca e a estuprou. O suspeito foi detido ainda no local do crime e levado para a Delegacia de Plantão de Betim. A jovem foi levada para a Unidade de Atendimento Imediato (Uai) Sete de Setembro, onde foi medicada. 

Fonte: Estado de Minas/Cidade News Itaú
Leia Mais ››