RÁDIO CIDADE AO VIVO

terça-feira, março 05, 2013

PM de Apodi prende homem suspeito de vários assaltos em Apodi e região


  A polícia militar de Apodi, sob o comando do Cap. Inácio Brilhante, realizou no fim da tarde desta terça-feira a prisão de Antônio Marcondes Salviano Da Silva, suspeito de praticar vários assaltos na cidade de Apodi e região, com o mesmo a policia apreendeu um revolver Cal. 32 com cinco munições intactas.
  Segundo a polícia, "Marcondes", como é mais conhecido, já vinha sendo monitorado, pois o mesmo foi identificado como sendo o autor do assalto ocorrido no ultimo dia 24 de fevereiro na cidade de Apodi, onde o mesmo teria tomado uma moto tipo Fan de cor vermelha de um moto-taxista e hoje após ser verificado que Marcondes estava na casa de sua mãe, localizada no conjunto Bacural I, policiais ficaram de campana, esperando o momento certo para agir.
  Feita a abordagem foi localizado em posse de Marcondes um revolver cal.32 com cinco munições intactas.   O acusado e a arma apreendida foram conduzidos até a delegacia de Polícia Civil da cidade de Apodi onde o mesmo assumiu aos policiais ter cometido o assalto ao moto-taxista em Apodi e outro assalto cometido na zona rural de Severiano Melo no final do ano passado. Ambas as motos foram recuperadas pela polícia.

  NOTA: A polícia fez seu trabalho e tirou de circulação um homem suspeito de vários assaltos, porém, agora cabe a justiça fazer sua parte.



Participaram da operação:  Cap. Brilhante, Sgt. Xavier e os soldados Valério e Cavalcante. 


Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

POLÍCIA CIVIL DE PAU DOS FERROS PRENDE SUSPEITOS DE PARTICIPAR DO ASSALTO AOS CORREIOS DE FRANCISCO DANTAS E AO ARMAZEM SÃO JOÃO EM PAU DOS FERROS.


Uma operação denominada de ARMAZÉM foi deflagrada na manhã do dia de hoje por policiais civis das delegacias de Pau dos Ferros, Patu, São Miguel e Umarizal. A operação visa dar cumprimento a uma série de mandados de prisão e busca e apreensão expedido pela Vara Criminal da Comarca de Pau dos Ferros.  A investigação apontou que pessoas da cidade de Patu estariam se deslocando para a cidade de Pau dos Ferros para realizar assaltos no comércio local. Uma das vítimas teria sido o depósito de bebida Armazém São João, que no dia 09/02/2013 foi assaltado por dois elementos armados que renderam proprietários e funcionários para subtrair a quantia de R$ 3.000,00. Durante 24 dias de investigação, policiais da 4ª Delegacia Regional de Pau dos Ferros identificaram alguns suspeitos e passaram a trocar informações com policiais da delegacia de Patu para identificar todo o grupo criminoso. No dia 01.03.2013, os Correios da cidade de Francisco Dantas foi assaltado por dois homens que invadiram a agência com armas em punho levando dinheiro e pertences dos clientes. Novas informações foram colhidas e novamente apontavam para as mesmas pessoas que teriam assaltado o Armazém São João. Identificados os suspeitos, e de posse das determinações judicias, a polícia prendeu as pessoas de ALAN DOUGLAS DINIZ PINTO E VANDEILSON DE PAIVA SOUSA.  Na casa de João Camelo a polícia apreendeu 01 revolver cal. 38 com várias munições, além de 02 aparelhos celulares, 01 pertencente a uma vítima do assalto ao Armazém São João, e 01 pertencente a um cliente que estava na fila dos Correios no momento do assalto em Francisco Dantas. Na casa de Madson a polícia apreendeu 01 aparelho celular subtraído no Armazém São João.  Na casa de Alan foi apreendida uma moto Titan de cor preta e vários celulares ainda não identificados pelas vítimas do grupo.  No momento que policias realizavam trabalhos de varredura na cidade de Patu atrás de localizar mais objetos roubados das vítimas dos assaltos, a polícia localizou a pessoa de JOÃO CAMELO DANTAS, que teria vendido um dos parelhos celulares roubados no Armazém São João. Dois dos quatro presos na operação foram reconhecidos CATEGORICAMENTE pelas vítimas como sendo as pessoas que teriam realizados os assaltos ao ARMAZÉM São João e aos Correios de Francisco Dantas. As pessoas reconhecidas foram ALAN DOUGLAS DINIZ PINTO E VANDEILSON DE PAIVA SOUSA, que agora ficaram presos e serão responsabilizados por seus atos criminosos. O Dr. Inácio Rodrigues ressaltou ao blog que essa é uma demonstração que as cidades do Alto Oeste vêm trocando informações sobre os crimes que tem ocorrido na região, pois criminosos estão saindo de suas cidades para assaltar em cidades vizinhas acreditando que não serão reconhecidos, mas este trabalho fica como alerta para esses maus intencionados que a polícia da Região do Alto Oeste está de olho em cada um deles, e irá aonde for preciso para responsabilizá-los por suas condutas criminosas.”     


 ALAN DOUGLAS DINIZ PINTO RECONHECIDO PELAS VÍTIMAS DO ASSALTO AOS CORREIOS E AO ARMAZÉM 
 VANDEILSON DE PAIVA SOUSA RECONHECIDO PELAS VÍTIMAS DO ASSALTO AOS CORREIOS E AO ARMAZÉM

 JOÃO CAMELO  DANTAS TAMBÉM FOI PRESO NA  OPERAÇÃO
 MADSON LENO DE LIMA TÁMBEM FOI PRESO NA OPERAÇÃO


Reprodução Cidade News Itaú via Datanse News
Leia Mais ››

Governadora determina que perfuração de poços no interior do RN seja intensificada


“Vamos dobrar o esforço e aumentar a quantidade de equipes envolvidas no trabalho de perfuração e instalação de poços no interior do Rio Grande do Norte. O mais importante é termos água”. Foi com esta frase que a governadora Rosalba Ciarlini concluiu a reunião de Avaliação do Comitê de Combate à Seca, realizada na Governadoria, na noite desta segunda-feira (4).

Atualmente, o Governo do Estado conta com oito equipes de duas empresas trabalhando neste serviço. Entretanto, com a determinação da chefe do Executivo Estadual para que o trabalho seja intensificado deverá ser realizado um aditivo de contrato visando a participação de mais equipes. As prioridades para a instalação de poços são para os municípios que estão em situação de emergência ou até de colapso e para aqueles em que os poços terão atendimento comunitário.


Durante a reunião também ficou acertado que será feito um encaminhamento ao Gabinete Civil para que a contratação de créditos para os não-pronafianos seja prorrogada, pelo menos, até o próximo mês de maio. Os membros do Comitê de Combate à Seca decidiram, ainda, que será encaminhado ao Governo Federal (Casa Civil, Ministério do Desenvolvimento Agrário e Ministério da Agricultura e Integração) um convite para que eles enviem representantes destes órgãos para verificar, in loco, os efeitos da estiagem no Rio Grande do Norte.

Cidade News Itaú com informações da Assecom-RN
Leia Mais ››

Governo garante parceria com TRE para cadastramento biométrico em 40 municípios do Estado


A governadora Rosalba Ciarlini recebeu, na tarde desta terça-feira (5), a visita do presidente do Tribunal Regional Eleitoral, João Batista Rebouças, e do vice-presidente e corregedor eleitoral, Amílcar Maia, que apresentaram o projeto de Revisão Eleitoral com Coleta Biométrica e o devido cronograma para cadastramento. Ao final desta nova etapa do projeto, o Rio Grande do Norte será o estado brasileiro com maior número de municípios revisados biometricamente, o que corresponderá a 54% do eleitorado potiguar, incluindo os maiores colégios eleitorais que são Natal e Mossoró.

Durante a audiência, a governadora garantiu que o Governo do Estado irá apoiar o TRE disponibilizando espaços públicos para a instalação de pontos de atendimento para cadastramento biométrico, além de segurança para estes locais. “Este projeto é muito importante porque mostra que o Rio Grande do Norte avança cada vez mais na modernidade para dar mais segurança ao processo eleitoral. O Governo do Estado será parceiro nesse projeto e apoiará o TRE”, afirmou Rosalba Ciarlini.


Na primeira etapa do projeto, realizada no ano anterior, foram cadastrados 14 municípios do Estado, nos quais o cadastramento biométrico já foi utilizado na última eleição. Nesta segunda etapa, mais 40 municípios serão cadastrados, o que tornará o RN o estado com maior abrangência em número de municípios revisados, atingindo mais de 1 milhão de eleitores.

A previsão do TRE é para que o cadastramento seja iniciado no próximo mês de abril e prossiga até março de 2014. Na primeira fase serão contemplados 15 municípios. Os eleitores natalenses deverão fazer o cadastro na terceira fase, que começará em junho e seguirá até dezembro. Já em Mossoró, o cadastramento será feito entre os meses de janeiro e fevereiro.

Cidade News Itaú com informações a Assecom-RN
Leia Mais ››

Inscrições para o concurso 2013 da Caern serão iniciadas no dia 25 de março


A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) divulgou na tarde desta segunda-feira (4), edital de seu concurso público 2013 para provimento de 27 cargos, organizado pela Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do Rio Grande do Norte (Funcern). As inscrições iniciam em 25 de março e seguem até 12 de abril, pelo site www.funcern.br.

Serão oferecidas funções de níveis fundamental, médio-técnico e superior, sendo de R$ 100,00 a taxa de inscrição para os cargos de nível superior, R$ 80,00 para os de nível médio e R$ 60,00 para os de nível fundamental. As provas serão aplicadas dia 05 de maio nos municípios de Natal, Mossoró, Pau dos Ferros e Caicó, com resultado final previsto para o dia 17 julho.

As funções que exigem a escolaridade fundamental são: Auxilar/Auxiliar de Enfermagem do Trabalho, Auxiliar/ Eletromecânico, Auxiliar/Mecânico de Manutenção, Auxiliar/Mecânico Geral, Auxiliar/Operador de Sistema de Água e Esgoto, Auxiliar/Operador de Sistema de Água e Esgoto e Veículo Médio, Auxiliar/Operador de Sistema de Água e Esgoto e Veículo Pesado, Auxiliar/Sondador. 

Para o nível médio: Técnico em Contabilidade/ Técnico em Contabilidade, Técnico em Segurança do Trabalho/ Técnico em Segurança do Trabalho, Técnico em Engenharia/Controle Ambiental, Técnico em Engenharia/Edificações, Técnico em Engenharia/Eletrotécnica, Técnico em Engenharia/Mecânica, Técnico em Engenharia/Topografia, Técnico em Geologia/Técnico em Geologia, Técnico em Manutenção de Computadores/Técnico em Manutenção de Computadores.

E para o nível superior: Advogado, Analista Ambiental, Analista de Sistema, Analista de Suporte, Arquiteto, Biólogo, Contador, Engenheiro Civil, Engenheiro Mecânico e Engenheiro Eletricista.

De acordo com o presidente da Comissão do Concurso, Vicente de Paula, o Concurso 2010 é válido até 2014, com convocações de acordo com a demanda da Companhia. Em setembro de 2012 a Caern iniciou o Programa de Aposentadoria para os servidores e possui uma crescente demanda de serviços, o que justifica a realização de um novo Concurso. Do certame de 2008 foram mais de 400 convocações e, do concurso de 2012, mais de 140 novos admitidos.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Adolescente é baleado após assalto no Bairro Abolição IV em Mossoró


A central de Operações da Policia Militar registrou na noite de Terça Feira 05 de Março de 2013, um tentativa de assalto na Avenida Presidente costa e Silva no Bairro Abolição IV em Mossoró.

Segundo informações o adolescente J.P.O de 17 anos de idade, morador da cidade de Itaú, tentou assaltar uma loja de moveis que fica localizada próximo a praça do Bairro, no momento do assalto o menor estava em companhia de outro individuo que fugiu, o menor estava armado com um revolver que segundo ele jogou fora no momento da fuga.O adolescente já tem passagem por porte ilegal de arma.

Na fuga o menor foi baleado, provavelmente pelo sue comparsa, o mesmos foi apreendido e socorrido por uma equipe medica do Samu para Hospital Regional Tarcisio Maia. 




Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

OPERÁRIO DA AFICEL EM MOSSORÓ TEM PERNA ESMAGADA E PARTE DELA DECEPADA POR UMA ESTEIRA ROLANTE.

ATENÇÃO IMAGEM MUITO FORTE ABAIXO 
AFICEL. - A. Ferreira Industria Comércio e Exportações Ltda. 
O operador de máquina de corte da Aficel, Márcio Fábio da Silva de 26 anos de idade, residente na Rua Antônio Rodrigues do Monte no Conjunto Habitacional Redenção, em Mossoró, RN, teve a perna direita completamente esmagada e parte dela decepada, por uma esteira rolante, fato ocorrido durante a manhã desta terça feira na AFICEL – A. Ferreira Indústria Comércio e Exportações Ltda, localizada as margens da BR 304 saída para Fortaleza capital alencarina. O operário foi conduzido as pressas por uma ambulância do SAMU a Bravo I para o Hospital Regional Tarcísio Maia, onde passou por um procedimento cirúrgico de urgência. A assessoria de comunicação e o setor técnico de segurança do trabalho da empresa, deverá se pronunciar a respeito do acidente.

IMAGEM MUITO FORTE ABAIXO





Reprodução Cidade News Itaú via Ferreira Monte
Leia Mais ››

Criança de 2 anos morre após ser atingida por televisão no RN


Caio Leandro (Foto: Acervo da família)Caio Leandro
(Foto: Acervo da família)
Está marcado para o final da tarde desta terça-feira (5) o sepultamento do menino Caio Leandro, de 2 anos e oito meses, que morreu com ferimentos na cabeça provocados por um aparelho de televisão que caiu sobre ele no domingo (3). Segundo a família, a criança estava sozinha no quarto dela, quando a cômoda caiu, derrubando também a  televisão de 21 polegadas. O enterro será em Jardim do Seridó, a 224 quilômetros de Natal, onde o acidente aconteceu.
Os pais da criança ouviram o barulho da cômoda, correram para o quarto e encontraram a criança desacordada e caída no chão. "Ele nem chorou. A minha irmã correu com ele para o hospital, mas o meu sobrinho nem respondia", lamentou a tia da criança, Adeilde Oliveira.
O menino, que era filho único (homem), foi transferido ainda com vida para o Hospital Walfredo Gurgel, em Natal, mas não resistiu aos ferimentos e morreu nesta segunda-feira (4). O corpo foi levado para Jardim do Seridó, onde acontece o velório. A missa de corpo presente está marcada para às 16h e, em seguida, será o enterro no cemitério público da cidade.
"A cidade toda está sofrendo com a gente. Minha irmã e meu cunhado estão inconsoláveis. Foi uma tragédia. Estamos muito abalados", finalizou Adeilde.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Namorada de universitário morto no RN tenta ajudar nas investigações


Fiat Uno de Manoel Teixeira ainda não foi encontrado (Foto: Amália Lima)Fiat Uno de Manoel ainda não foi encontrado
(Foto: Divulgação/Família)
Uma jovem de 17 anos publicou nesta terça-feira (5), no Facebook, a foto do carro do namorado Manoel Teixeira Neto, de 20 anos, encontrado morto na madrugada deste último domingo (3) à beira da estrada conhecida como 'Fava Seca', entre os municípios de Goianinha e Espírito Santo, a pouco mais de 50 quilômetros de Natal. O amigo dele, José Costa de Lima Júnior, de 21 anos, que estava no veículo, um Fiat Uno de cor vinho (MXV-2452/Várzea-RN), também foi assassinado. A polícia continua procurando pelo automóvel.
"Eu postei a foto para ajudar nas investigações. Se alguém vir este carro, em qualquer lugar que seja, peço que avise à polícia. Isso pode ajudar a encontrar quem fez isso com Manoel", enfatizou a adolescente.
A jovem disse que namorava Manoel há um ano e seis meses, completados na quarta-feira (27). "Ele veio na quarta para cá [Goianinha] e a gente saiu para jantar e comemorar nosso namoro. Depois ele dormiu na casa da tia dele e, na quinta (28), voltou para Espírito Santo", lembrou.

O casal planejava se reencontrar no domingo. "Ele me ligou no sábado (2), perguntando se eu iria pra Espírito Santo. Eu disse que só poderia ir no domingo. Ele, então, me disse que iria para o aniversário de um amigo no sábado e no outro dia me esperava lá", contou a namorada.
"Eu liguei para ele no sábado às 22h e ele não me atendeu mais. Então fui dormir. Acordei de madrugada com os telefonemas e minha mãe chorando e gritando. Foi horrível. A prima dele me pegou e eu fui pra casa dele. A família estava muito abalada. Foi uma tragédia. Ele não tinha inimigos. Não sei o que pode ter acontecido", desabafou a garota.

Foto tirada pela namorada de Manoel (Foto: Acervo da namorada)Foto tirada pela namorada de Manoel
(Foto: Acervo da namorada)
A adolescente disse que ainda guarda uma correntinha dada por ele, semelhante a que Manoel carregava no peito quando morreu.
A carteira de Manoel foi levada, mas o celular e o relógio os criminosos não levaram, segundo a namorada dele. A polícia continua procurando pelo carro da vítima e tenta identificar duas mulheres, suspeitas de terem participado do duplo homicídio.
Manoel Gomes é filho do vereador Wober de Souza Teixeira (DEM), eleito em Espírito Santo. O outro rapaz assassinado, José Costa, é  filho de um subtenente aposentado da PM.
Suspeitas
Duas mulheres, uma morena e uma loira, que estiveram em um bar de Espírito Santo com os rapazes - e que depois foram vistas no local onde os corpos viriam a ser encontrados - são as únicas pistas até o momento.
Para o delegado, as duas mulheres são peças importantes para a elucidação do crime que chocou a cidade. Parentes das vítimas foram chamados para dar declarações como forma de iniciar oficialmente a investigação. “Também estamos em busca de identificar as duas mulheres, o que será de suma importância para a investigação", afirmou Wellington Segundo.

A Polícia Militar confirmou que um policial chegou a ver duas mulheres, uma morena e uma loira, paradas numa moto, no mesmo local onde os corpos dos jovens universitários. Segundo o capitão Fábio Sandrine, o policial que passou pelo local disse que viu uma loira e uma morena, muito bonitas, paradas com uma motocicleta na beira da pista. "Ele não desconfiou de nada. Até porque, naquele momento, as duas estavam sozinhas e os rapazes não haviam chegado ao local”, acrescentou.
Universitários
Familiares de Manoel confirmaram que ele estudava Matemática na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). "Na próxima semana ele iria ingressar na Marinha", disse Marilene Carvalho Teixeira, mãe do rapaz. Já José Costa, estudava Fisioterapia, afirmou um tio que preferiu não se identificar.

Entenda o caso

Bar onde os rapazes estavam antes de morrer (Foto: Matheus Magalhães/G1)Bar onde os rapazes estiveram em Espírito Santo
(Foto: Matheus Magalhães/G1)
Os corpos de Manoel Gomes Teixeira Neto, de 20 anos, e José Costa de Lima Júnior, de 21, foram encontrados na madrugada deste último domingo (3), por volta de 1h30, com perfurações de tiros. Eles estavam estirados na beira de uma estrada conhecida como 'Fava Seca', entre os municípios de Espírito Santo e Goianinha.
Segundo o capitão Fábio Sandrine, comandante do policiamento ostensivo de Goianinha, cada um levou um tiro na cabeça. Ainda de acordo com o oficial, informações preliminares dão conta de que os dois rapazes saíram de Espírito Santo em um Fiat Uno. O carro ainda não foi encontrado.
“Se foi latrocínio ainda não sabemos. Só posso afirmar que eles foram executados. Tiros na cabeça são características claras de execução”, disse Sandrine.
A mãe de Manoel contou ao G1 que, ainda na noite do sábado (2), estava com o marido (o vereador Wober) e os dois rapazes em um bar na cidade de Espírito Santo, onde residem. “Não fiquei mais que dez minutos com eles. Fui embora e meu marido ficou com os dois”, afirmou. Antes de partir, ainda segundo ela, duas moças chegaram numa motocicleta e foram direto para a mesa onde eles estavam. “Nunca tinha visto elas antes. Mas ouvi dizer que elas são de Jundiá”, recordou.
Depois de ir embora, Marilene contou que o marido deixou os rapazes acompanhados das duas mulheres e também se retirou do bar, já por volta das 22h. Uma sobrinha de Marilene, que também foi ao Itep, confirmou a versão da tia. “As duas mulheres saíram numa moto e os dois foram de carro atrás delas”, disse Amélia Teixeira, prima de Manoel.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Votação de vetos dos royalties do petróleo é adiada para amanhã


O Congresso Nacional decidiu adiar a votação dos vetos aos royalties do petróleo, que só deverão entrar na pauta amanhã, quarta-feira (6), às 9 horas. Hoje, a sessão do Congresso está mantida, às 19 horas, quando serão lidos os dois vetos que estavam faltando.

Segundo o deputado Marcelo Castro (PMDB-PI), o adiamento é para que o Congresso tome conhecimento das modificações feitas pela presidente Dilma Rousseff à mensagem original e que gerou divergências de interpretação com a Mesa Diretora do Congresso. Faltavam dois incisos na cédula de votação impressa, que deverão ser incluídos para a votação de amanhã.

Mais cedo, deputados do Rio de Janeiro e do Espírito Santo haviam pedido o adiamento da votação com promessas de obstruí-la. Para o deputado Alessandro Molon (PT-RJ), favorável à manutenção dos vetos, por exemplo, a votação parcial dos vetos poderia gerar um novo questionamento no Supremo Tribunal Federal, a exemplo do que ele mesmo fizera em novembro passado.

Marcelo Castro é um dos negociadores para a derrubada do vetos e um dos autores da emenda original que redistribuía os vetos para estados e municípios.

Essa é a sétima vez que o Congresso discute redivisão de royalties do petróleo nos últimos anos. A discussão começou com a emenda Ibsen, que começou a ser discutida no âmbito da regulamentação do pré-sal, em 2009. Aprovada na Câmara, a proposta foi alterada pelo Senado e votada novamente pela Câmara até ser vetada pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O veto deu origem ao projeto de lei do senador Wellington Dias, que foi aprovado no Senado e na Câmara e posteriormente vetado pela presidente Dilma Rousseff. No ano passado, os estados produtores conseguiram aprovar a urgência para os vetos da proposta. São seis votações em que Rio de Janeiro e Espírito Santo foram vencidos pelos Estados não produtores.

"Votar hoje é dar jeitinho", diz deputado do Rio
Hoje à tarde, o deputado Alessandro Molon (PT-RJ) havia dito que o Congresso daria um "jeitinho" se mantivesse a votação dos vetos à lei de redistribuição dos royalties do petróleo mesmo com a republicação dos vetos nesta terça-feira pela Presidência da República. A presidente republicou os vetos porque dois dispositivos rejeitados pelo Executivo não foram considerados pela Mesa do Congresso porque não foram acompanhados das razões do veto.

Segundo o líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), o erro só foi detectado na segunda-feira (4) pela equipe do governo durante a análise da cédula de votação.

Molon disse que os deputados do Rio de Janeiro e do Espírito Santo vão exigir o adiamento da votação e a reabertura de prazo para discussão de todos os vetos, inclusive com a instalação de uma comissão mista, como manda a Constituição Federal. "Não há razão para se manter essa votação e realizar duas votações diferentes, uma com 140 vetos e outra com os dois vetos que faltam. Isso é dar um jeitinho, não é solução regimental", criticou.

Rio de Janeiro e Espírito Santo são os estados mais prejudicados com a derrubada dos vetos. A queda dos vetos vai permitir o rateio, entre todos estados e municípios, dos recursos arrecadados em royalties dos contratos vigentes. Os vetos querem manter esses recursos dos contratos atuais nas mãos dos estados produtores.

"Kit obstrução"
Horas antes da votação dos vetos, deputados federais, prefeitos e o vice-governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), se reuniram na Câmara para discutir quais seriam as estratégias a ser adotadas durante e depois da votação para evitar a eminente derrota.

O líder do PR, deputado Anthony Garotinho (RJ), afirmou que a bancada do Rio usaria todos os expedientes regimentais para questionar cada veto, separadamente. "Imagina, vão ser 145 questões. Se cada uma tiver cinco minutos para discussão de quem é favor e contra, não vai terminar hoje. Inclusive podemos colocar alguém para falar a favor para protelar ainda mais o tempo", declarou.

O objetivo dos deputados é fazer com que a questão não seja votada nesta terça-feira. "Lá pelas 3h da manhã vai faltar quórum e vamos conseguir paralisar". Garotinho ressalva que esta saída é paliativa. "Vamos montar um 'kit obstrução'. Mas precisamos saber quais são as nossas pendências jurídicas. Temos limites", afirmou.

O deputado Alessandro Molon (PT-RJ) disse que, além travar a pauta, seria preciso tentar convencer outros parlamentares. "Vamos tentar levar até às 4h e 5h da manhã. E de dia vamos buscar demover deputados de Estados que podem perder indiretamente com a queda do veto", ressaltou. De acordo com ele, parlamentares de São Paulo já se mostraram dispostos para apoiar a manutenção dos vetos. "Eles demoraram, mas vão nos apoiar", acredita.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Kaká retorna à seleção, e Ronaldinho fica fora de lista para amistosos




O meio-campista Kaká foi a principal novidade na lista de convocados apresentada nesta terça-feira por Luiz Felipe Scolari para os amistosos na Europa contra Itália e Rússia, em 21 e 25 de março, respectivamente. O meia do Real Madrid não havia sido incluído na relação do treinador para o amistoso contra a Inglaterra, em fevereiro. A surpresa ficou por conta da exclusão do meia Ronaldinho Gaúcho, que havia começado como titular no amistoso frente aos ingleses.

A ausência do jogador do Atlético-MG chega a surpreender, pois o atleta tem feito boas partidas pelo clube mineiro. Na derrota da seleção em Wembley por 2 a 1, Ronaldinho perdeu um pênalti.

Para a vaga de Ronaldinho, Felipão deu chance a Kaká, que segue tendo altos e baixos na Espanha. Kaká voltou a ter espaço no time do técnico José Mourinho, mas ainda não ostenta posição fixa entre os titulares.

Indagado sobre a opção de usar Kaká e deixar Ronaldinho de lado, Felipão informa que tem tempo para analisar cuidadosamente os atletas, mas não assegura futuras convocações com os dois atletas juntos.

"Um foi no primeiro jogo [Ronaldinho], o outro vai a dois jogos [Kaká]. E não sei se vou chamar os dois [juntos] no futuro. Primeiro vou observar os quatro jogos para saber o que vou fazer para a Copa das Confederações", respondeu o técnico.

O primeiro amistoso da seleção será contra a Itália, no estádio de Genebra, na Suíça. Já no dia 25 o adversário será a Rússia, em Stamford Bridge – estádio do Chelsea -, em Londres. 

Os confrontos fazem parte do planejamento feito por Felipão e por Carlos Alberto Parreira, coordenador técnico da seleção, como preparação à Copa das Confederações, em junho. 

O Brasil também terá amistosos contra o Chile, em abril, e França e Inglaterra, em junho, em sua preparação para a Copa das Confederações.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Justiça ordena intervenção do MP em processo sobre jogos do Corinthians com portões fechados


A punição dada ao Corinthians pela morte de Kevin Douglas Beltran virou caso para o Ministério Público de São Paulo. Em decisão publicada nesta terça no Diário Oficial, a Justiça determina que o MP averigue se há crime contra a economia popular no fato de consumidores não poderem entrar nos jogos após comprarem ingressos.

A ordem do juiz Christopher Alexander Roisin, da 11ª Vara, refere-se à ação civil pública movida pela Associação SOS Consumidor contra a Conmebol.

Para ele, há a necessidade de o Ministério Público intervir “como fiscal da lei” para checar se houve infração.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Polícias do Brasil e do Paraguai se unem para recapturar "Maníaco da Cruz"


Dionatha Celestrino, atualmente com 21 anos, em imagem quando tinha 16 anos e cometeu 3 homicídios
As polícias Civil e Militar de Mato Grosso do Sul e a Polícia Nacional do Paraguai se uniram, desde o último fim de semana, na recaptura de Dionathan Celestrino, 21, conhecido como "Maníaco da Cruz".

O empenho das forças de segurança se deve ao perfil do jovem, considerado um assassino em série. Em 2008, quando tinha apenas 16 anos, ele confessou ter matado três pessoas na cidade de Rio Brilhante, a 160 km de Campo Grande, com requintes de crueldade.

O jovem fugiu da Unidade Educacional de Internação (Unei) de Ponta Porã, cidade que faz fronteira com o Paraguai.

A direção da unidade diz acreditar que a fuga tenha ocorrido depois das 18h de sábado (2), mas só foi descoberta na manhã do dia seguinte, por volta das 8h, quando foi feita uma nova contagem dos internos. Celestrino fugiu arrombando a janela.

Todas as vítimas do fugitivo --o pedreiro Catalino Gardena, 33, a frentista Letícia Neves, 24, e a estudante Gleice Kelly da Silva, 23-- foram esfaqueadas ou estranguladas e tiveram os corpos colocados em forma de cruz.

Celestrino se considerava uma espécie de justiceiro, elegendo suas vítimas depois de interrogá-las sobre a crença em Deus e sobre a vida sexual.

Para Celestrino, pessoas consideradas "impuras" deveriam ser mortas. Na época, uma adolescente de 17 anos conseguiu escapar da morte depois de convencer o assassino de que era virgem.

Medo
Para facilitar a localização de Celestrino, a Polícia Militar na região de fronteira está distribuindo cartazes com duas fotos do jovem.

"Solicitamos a todos os cidadãos que, caso tenham alguma informação que leve a esse sujeito, que liguem para o 190 e repassem para a Polícia Militar", reforça o coronel Ulisses César Alcarás, subcomandante do 4º Batalhão da PM.

Nas cidades da região de fronteira e em Rio Brilhante, onde moravam as vítimas do maníaco, a sensação é de insegurança.

O comerciante Amarildo Balastrin, que mora há 20 anos na cidade, diz que as duas filhas, de 11 e 14 anos, não querem sequer ficar sozinhas em casa. "Ontem [segunda-feira] elas me ligaram enquanto eu trabalhava dizendo que estavam com medo".

O comerciante afirma que os moradores revivem o temor espalhado pela cidade em 2008, quando os assassinatos foram cometidos.

Na época, segundo Balastrin, as pessoas evitavam sair de casa à noite. "A preocupação é porque ele [Celestrino] disse que a missão dele não estava cumprida. Uma pessoa assim não pode ficar solta".

Custódia
Réu confesso, a justiça determinou que Celestrino cumprisse medida socioeducativa em uma Unidade Educacional de Internação, destinada a menores infratores. A determinação foi cumprida desde 2008.

Pela lei, ao completar 18 anos, Celestrino poderia ganhar a liberdade, mas laudos atestam que ele tem problemas psiquiátricos.

A Justiça determinou que o jovem fosse encaminhado para um hospital de custódia. Mato Grosso do Sul não dispõe de uma unidade nesses moldes.

De acordo com o superintendente de Assistência Socioeducativa da Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública, Hilton Vilassanti, nenhuma clínica psiquiátrica do Estado aceitou a internação de Celestrino.

A busca por vagas em outros Estados também não teve sucesso. Falta de vagas e a periculosidade do jovem foram motivos alegados para a recusa.

O Estado ainda não sabe como custodiar o jovem caso ela seja recapturado. "É a grande pergunta. Para onde ele vai, se ele tem mais de 21 anos?", questiona Vilassanti.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Júri de Mizael será transmitido ao vivo por TV e rádio


Mizael Bispo é acusado pela morte da ex-namorada em 2010
A Justiça paulista vai permitir pela primeira vez na história a transmissão ao vivo de um júri por emissoras de televisão. A partir de segunda-feira, o público de todo o País poderá acompanhar o julgamento do advogado e policial militar aposentado Mizael Bispo de Souza, acusado de matar a ex-namorada, Mércia Nakashima, em maio de 2010.

Autor da ideia, o juiz Leandro Bittencourt Cano, do Tribunal do Júri de Guarulhos, acredita que a transmissão pode ajudar a tornar o procedimento mais imparcial e evitar que algumas pessoas fiquem na frente do fórum. O quarteirão do prédio será interditado. "Minha preocupação é a imparcialidade do jurado, que ele não chegue aqui com uma ideia predefinida. O fato de estar todo mundo acompanhando, vendo as provas e a parte técnica do júri, pode ajudar."

Acusação e defesa concordaram com a proposta do juiz. Empresas de TV, rádio e internet montaram um grupo para decidir como as imagens serão produzidas e distribuídas. Os jurados não poderão ser filmados. O juiz também pretende evitar a superexposição do réu.

O promotor Rodrigo Merli Antunes afirmou que é favorável à transmissão. "As sessões e julgamentos são públicos e qualquer pessoa deveria poder acompanhar. Por questões físicas, isso não é possível (não cabe todo mundo no plenário), então nada melhor que todos terem a oportunidade de acompanhar pela TV."

Advogado do ex-PM, Samir Haddad afirmou que, no início, tinha receio de que a transmissão pela TV prejudicasse o julgamento. "A gente temia porque poderia influenciar os jurados, viraria um Corinthians e Palmeiras em rede nacional", disse. Mas ele mudou de opinião e vê, hoje, aspectos positivos. "(O julgamento) Será um marco, o "big brother" do Judiciário." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Globo desiste de esticar "Salve Jorge"; novela de Walcyr estreia em maio


http://natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20130305150719.jpg
Com o objetivo de contornar os atrasos da próxima novela das 21h, que sequer nome definido ainda tem e cujas gravações ainda não haviam começado, a Globo tinha decidido esticar "Salve Jorge", mas já voltou atrás na decisão.

A novela de Glória Perez, que iria até o mês de junho com o esticamento, voltará a terminar no prazo previsto inicialmente. Já a sua substituta, que será escrita por Walcyr Carrasco, teve a estreia remarcada para o dia 20 de maio.

Wolf Maya, diretor de núcleo da trama seguinte, falou sobre as datas: "Tínhamos datas flexíveis e a primeira delas era 20 de maio. Existe um feriado no fim desse mês, o que comprometeria qualquer estreia".

As gravações da nova novela das nove começaram na semana passada em São Paulo. Houve tomadas no centro da cidade e no bairro da Liberdade. Já em abril, parte do elenco e o diretor-geral Mauro Mendonça Filho embarcarão para o Peru, onde outras sequências serão produzidas.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Corte de cabelo de Jefferson fere regra, e TJD promete analisar o caso


Desenho de peixe de Jefferson chamou atenção durante vitória do Botafogo sobre o Fla
O Botafogo venceu o Flamengo na semifinal da Taça Guanabara e teve Jefferson como o seu grande destaque. O goleiro alvinegro conseguiu parar os atacantes rivais e foi decisivo para a vitória por 2 a 0. Além das defesas, o goleiro chamou atenção também pelo estilo do cabelo. Homem de fé, ele fez homenagem com desenho de um peixe na cabeça. O símbolo religioso que significa prosperidade configura desrespeito às regras da Fifa. O TJD-RJ (Tribunal de Justiça Desportiva) promete analisar o caso com atenção para definir se cabe uma denúncia contra o jogador. Não há, porém, possibilidade de o jogador ficar fora da final do Campeonato Carioca em caso de uma possível punição.

De acordo com a International Football Association Board, entidade ligada à Fifa e que determina as regras do futebol, é proibida a divulgação de qualquer mensagem religiosa dentro de campo pelos atletas. O artigo destaca que o jogador que infringir tais regras será sancionado pelo órgão responsável pela organização do torneio.

O Código Brasileiro de Justiça Desportiva também não aceita tais manifestações. O TJD-RJ irá analisar o caso e não descarta denunciar Jefferson por causa do desenho na cabeça feito especialmente para o jogo contra o Flamengo. E o Botafogo confirmou a alusão à religião do goleiro, que é evangélico.

“É um caso novo e, a princípio, não tenho nenhuma objeção. Não vejo problemas de um cidadão explicitar a sua preferência religiosa. Mas o Código é extenso e não é possível saber todos os pontos dele”, destacou José Teixeira Fernandes, presidente do TJD-RJ. O mandatário ressalta, no entanto, que o assunto estará na pauta do Tribunal.

“Faremos uma apuração mais profunda. Se houver alguma ofensa à regra, vamos fazer a denúncia. Vamos pesquisar e não descarto [punição]”, completou Fernandes. De acordo com o presidente, se for o caso de Jefferson ser denunciado, não há tempo para a definição do caso nesta semana pois o atleta terá que ser notificado. O prazo seria de dez dias para um hipotético julgamento - que poderia terminar com absolvição, multa, suspensão ou advertência. Portanto, não há risco de o goleiro ser baixa para a final com o Vasco.

Os penteados diferentes de Jefferson não são novidades. O camisa 1 alvinegro costuma fazer desenhos, que se destacam com a cabeça raspada. Ele já fez declaração de amor para a esposa Michele com um corte. Também deixou uma estrela na cabeça, para lembrar o Botafogo.

Classificado para a decisão do primeiro turno do Campeonato Carioca, o Botafogo inicia preparação para o duelo com o Vasco nesta terça-feira. O clube alvinegro precisa da vitória para levantar a taça, já que fez campanha pior que o rival na primeira fase. 

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Dayanne diz que Bruno relatou ameaças feitas por amigo de Eliza


Dayanne Souza, ex-mulher do goleiro Bruno Fernandes de Souza, afirmou em depoimento na noite desta terça-feira que o jogador disse estar sendo ameaçado de morte por um amigo de Eliza Samudio, sua ex-amante, antes da jovem desaparecer.

Segundo Dayanne, Bruno chorava no momento em que falou sobre as supostas ameaças e pediu que ela fosse embora do sítio do jogador por questão se segurança, na semana em que Eliza teria desaparecido. Ela contou que retornou ao local apenas alguns dias depois e encontrou a ex-amante do jogador no imóvel.

Já no local, Bruno teria dito à então mulher que que já estava "tudo acertado" com Eliza, que receberia um apartamento e um pagamento mensal de pensão. Segundo Dayanne, o jogador falou que sua ex-amante seria levada até o suposto apartamento.

O filho de Eliza com o jogador também estava no sítio, segundo Dayanne, que é acusada de envolvimento no sequestro e cárcere privado da criança.

Bruno também é réu do processo pelo suposto envolvimento no desaparecimento e morte de Eliza. Ele, porém, não acompanha o depoimento de Dayanne.

Com a dispensa do jogador pela juíza Marixa Rodrigues, ele foi levado de volta para a Penitenciária Nelson Hungria, onde está preso, no início da noite de hoje. Ele deverá voltar ao plenário apenas amanhã, terceiro dia de julgamento, quando será ouvido diante da juíza e dos jurados.

O promotor disse na tarde de hoje que espera que Dayanne seja utilizada como "bucha de canhão" pelos advogados do ex-goleiro Bruno Fernandes de Souza. "O interrogatório dela é a construção de defesa de Bruno", afirmou ele logo após o depoimento de Célia Aparecida Rosa Sales.

Segundo a defesa e a Promotoria, o primeiro depoimento deveria ser de Bruno, pela ordem da denúncia, mas houve um acordo para deixar depoimento do goleiro para quarta-feira, que deve ser o último dia de julgamento.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

‘Será um depoimento bombástico’, diz defesa sobre Bruno em júri


Jaílson deixa a Penitenciária Nelson Hungria no segundia dia de júri do caso Eliza Samudio. (Foto: Reprodução/TV Globo)
O advogado Tiago Lenoir disse nesta terça-feira (5) que Bruno Fernandes contará toda a verdade envolvendo o desaparecimento e a morte da ex-amante do jogador Eliza Samudio. “Será um depoimento bombástico”, disse sobre o momento em que goleiro falará ao júri. “Ele vai dizer o que teria ouvido e o que teria visto. Ele sabe de muita coisa. Ele é o Bruno. Ele é, em tese, o patrão. Ele é, em tese, quem tinha o dinheiro. Era ele quem sustentava aquele povo todo, então dizer que ele não sabia de nada seria ingenuidade”, afirmou.
Sobre a possibilidade de Bruno confessar ter mandado matar a modelo, Lenoir disse não ser uma orientação da defesa: “Se ele confessar será uma surpresa para nós”. O advogado também contou sobre a relação do jogador com os outros réus, os quais ele sustentava, de acordo com Lenoir. “Ele foi goleiro da nação rubro-negra, do Atlético-MG. O Bruno tem que ser goleiro dele mesmo. Ele foi goleiro de pelo menos nove famílias”, disse.
Em relação ao depoimento de Luiz Henrique Romão – o Macarrão -, em novembro de 2012, no qual o réu informou ter levado de carro a ex-amante do jogador até local indicado pelo goleiro, Lenoir disse que à época Bruno esperava a verdade do amigo. “Ele está muito chateado porque acreditava que o Macarrão também diria o que sabe, mas não falou”, contou nesta terça (5).
Na época, Macarrão também disse à juíza que não sabia o que iria acontecer com Eliza, mas que "pressentia" que a jovem seria morta. Macarrão afirmou ainda que alertou Bruno sobre o que podia acontecer, mas que o goleiro pediu para ele deixar "de ser bundão".

Durante a manhã desta segunda-feira (4), Bruno chorou e leu passagens da Bíblia enquanto estava na sala do júri. Lúcio Adolfo, advogado do goleiro, comentou sobre o momento em que o goleiro se emocionou: “Ontem eu quis abrir espaço para ele ser fotografado e criar um ambiente de simpatia. Queria ver quem não iria chorar diante de uma exposição como a que ele está sofrendo”.
Nesta segunda, o assistente de acusação, José Arteiro, disse ao G1 que havia a possibilidade de um acordo caso Bruno confesse o crime, o que foi negado na chegada para o segundo dia de júri. “Se ele confessar, estou perfeitamente disposto a ajudá-lo a cumprir uma pena menor. Mas, se ele quiser insistir na tese de empurrar toda a culpa para o Macarrão, ai eu vou lutar para ele ficar mais de 40 anos naquele presídio Nelson Hungria e sem direito a frigobar e nem whisky na cela”, disse José Arteiro. Porém, nesta terça-feira (5), disse não estar interessado se o goleiro vai admitir ou não ser o mandante do crime contra a ex-amante Eliza Samudio. “Não estou interessado na confissão dele, essa confissão para mim pouco importa. as provas do processo são muito boas e ele vai dançar”, disse.

Os advogados de Bruno afirmam que não haverá acordo para a confissão de Bruno Fernandes. “Não existe acordo. Aquela imoralidade, indecência que aconteceu com o Macarrão é absolutamente irregular. Aquilo é ilegal, não existe no direito brasileiro”, disse Lúcio Adolfo.  Outro advogado do atleta, Tiago Lenoir, falou que a confissão de Bruno não é estratégia da defesa. "Se o Bruno quiser confessar, será ele confessando e não a defesa instruindo que ele confesse, até porque o trabalho da defesa é trabalhar com as provas dos autos. Não precisa de acordo para fazer isso. A defesa está agindo pela ausência de culpa por parte do Bruno", disse.

Bruno é acusado de planejar a morte da ex-amante Eliza Samudio, em crime ocorrido em 2010. Ele responde pela morte e ocultação de cadáver da modelo de 25 anos e pelo sequestro e cárcere privado do filho que teve com a jovem. O julgamento da ex-mulher de Bruno, Dayanne Rodrigues, também começou na manhã desta segunda-feira. Ela responde por sequestro e cárcere privado do filho de Eliza.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Após briga, Fernanda e Kamilla fazem as pazes


Fernanda e Kamilla fizeram as pazes na tarde desta terça-feira (5). As duas brigaram mais cedo por causa do jogo da discórdia da noite de segunda.

A advogada procurou a líder no quarto para convencê-la a voltarem às boas. "Eu não quero trufa e não quero água. Eu quero um beijo e abraço. Fica de bem de mim?", pediu. "Eu já estou de bem", respondeu a amiga.

"Você sabe que eu te amo", declarou a mineira. A modelo rebateu: "Não quanto eu, mas ama. Ontem já foi o suficiente. Esse assunto me chateia. Bora dormir".

Fernanda então disse que Kamilla era linda e que iria se declarar mais ainda para ela. "Eu já gravei várias fitas para você e vou gravar outra", brincou.

Kamilla riu e pediu que a amiga não escrevesse mais com pasta de dentes na janela do quarto do líder, como havia feito mais cedo para fazer as pazes com ela. "Usa batom, mas não pasta de dente. Demorei um monte para tirar e você não perder estalecas".

"Mas é bom que você leu direitinho a mensagem", riu Fernanda. "Com o trabalho que eu tive, gastei tanto papel e detergente e gastei toda a caloria da trufa", lembrou a paraense.

Com as duas rindo, a advogada se levantou e leu uma oração para a amiga: "Senhor, ela me ama, eu amo ela. Independente de aliança".

"Senhor, eu não sei o que é pior. Ela ter falado que era eu o galã. Porque se ela tivesse falado que era o galã ele também não ia entender", respondeu Kamilla.

Fernanda comemorou por Kamilla ter entendido o que se passou na cabeça dela na hora. "Senhor, ela entendeu!", gritou a sister, correndo para abraçar a miss. Mais cedo, a mineira desabafou com Natália sobre o assunto e disse que não poderia "dividir o coração em três".

"Quando eu estava brigada com o Eli e você com o galã, você falou "deixe esses homens para lá, agora somos nós duas". Mas agora voltou com o galã e esqueceu", disse a paraense.

Rindo, Fernanda esclareceu a situação: "Falei uma declaração de amor [no jogo da discórdia]. Amiga, a gente vai rir disso. E você vai rir disso falando que me ama".

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Boate que pertence a sócio da Kiss encerra atividades em Santa Maria


A boate Absinto Hall, que pertence a Mauro Hoffmann, um dos sócios da Kiss presos por envolvimento no incêndio do dia 27 de janeiro em Santa Maria, anunciou o fechamento definitivo. No início da tarde desta terça-feira (5), o site oficial do estabelecimento que funcionava há 13 anos na cidade da Região Central do Rio Grande do Sul comunicava a decisão, destacando que não havia problemas na documentação.
“Embora sejamos uma empresa de referência, portadora de um case de 13 anos de sucesso e tendo a sua parte documental completamente de acordo e apta, o Absinto Hall vem por meio deste, anunciar oficialmente o encerramento das atividades, diz o comunicado, que agradece a clientes, funcionários, artistas e empresas.
Hoffmann foi detido no dia 28 de janeiro, a segunda-feira posterior à tragédia que causou 240 mortes, após se entregar à Polícia Civil. Ele teve a prisão temporária prorrogada por 30 dias e, na última semana, convertida em preventiva, e está recolhido na área de isolamento da Penitenciária Estadual de Santa Maria.
Também foram presos por envolvimento no incêndio o sócio de Hoffmann na boate, Elissandro Spohr, o Kiko; o vocalista da banda Gurizada Fandangueira, Marcelo de Jesus dos Santos, e o produtor do grupo, Luciano Augusto Bonilha Leão.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Mais uma médica é indiciada sob suspeita de homicídio no PR


Mais uma médica foi indiciada pela Polícia Civil do Paraná sob suspeita de ter provocado a morte de pacientes na UTI geral do Hospital Universitário Evangélico.

Ao todo, são seis (cinco médicos e uma enfermeira) os indiciados no relatório final do inquérito, concluído na segunda-feira (4). Todos responderão por supostos crimes de homicídio qualificado e formação de quadrilha.

Krissia Wallbach foi residente na UTI e se apresentou ontem à polícia, após ter sido convocada. Ela estava nos Estados Unidos e não atua mais no hospital.

Ela responde em liberdade por estar colaborando com as investigações, segundo o delegado-geral Marcus Michelotto.

A médica Virgínia Helena Soares de Souza, chefa da UTI presa há duas semanas, e os outros quatro indiciados negam ter cometidos quaisquer crimes.

O Ministério Público está analisando a documentação e tem até a próxima segunda-feira para decidir se oferece ou não denúncia contra os indiciados.

O inquérito concluído ontem diz respeito a seis mortes. Segundo Michelotto, outros 21 casos estão sendo investigados, e mais de mil prontuários de pacientes mortos na UTI do hospital também estão sob análise de uma junta médica.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››