Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

Loading ...

segunda-feira, abril 15, 2013

Garibaldi não confirma apoio a Rosalba e lança Henrique candidato a governador


garibaldi henrique parelhas
O nome do PMDB para disputar o cargo de governador do Rio Grande do Norte, em caso de rompimento com o DEM, é o do atual presidente da Câmara dos Deputados, o deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB). A informação é do ex-governador e atual ministro da Previdência, Garibaldi Alves, em entrevista no último sábado ao jornal Gazeta do Oeste.

De acordo com o jornal mossoroense, Garibaldi foi taxativo ao afirmar que, “para o governo do Estado pelo PMDB, eu veria o nome de Henrique”, declarou. “Henrique está muito feliz, conforme o que se percebe, é uma coisa que se vê a olho nu, pois é uma coisa muito evidente que ele quer se manter no cenário nacional onde ele desfruta de um grande prestígio. Mas, o candidato mais viável do PMDB para disputar o governo do Rio Grande do Norte é o deputado Henrique Eduardo Alves, no caso de um rompimento na aliança entre o PMDB e o DEM aqui no Estado”, afirmou Garibaldi.

A declaração do ministro desautoriza a declaração do próprio Henrique, também à imprensa mossoroense neste fim de semana, afirmando que não existe possibilidade de rompimento do PMDB com o DEM, da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). “A possibilidade de rompimento não existe”, descartou Henrique, afirmando que a ele não chegou rumor de rompimento do seu partido com o governo de Rosalba e lembrando que as reclamações públicas do PMDB não passaram de “dificuldades políticas”.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Idoso é encontrado morto na cidade de São José do Seridó nessa tarde




O idoso por nome Joaquim Nazário da Silva, 78 anos, morador da rua Pedro Medeiros de Brito, nº 218, foi encontrado sem vida, por volta das 14 horas da tarde de hoje (15), aparentando sinais de enforcamento, contudo não provas técnicas, apenas sinais óbvios.

Informações chegadas ao nosso blog dão conta que o filho da vítima quando adentrou a residência do pai e o encontrou sem vida pendurado por uma corda. sem mais detalhes sobre o fato, a polícia militar daquela cidade levantou informações e registrou o fato na DP de Caicó.

Reprodução Cidade News Itaú via José Marcos/Jair Sampaio
Leia Mais ››

Acidente de moto deixa uma vitima fatal na RN-233 estrada de Paraú/RN


Na tarde de hoje 15 de abril por volta das 16:40hs morreu vitima de acidente de moto  a pessoa mais conhecida por Inácio do cassino que residia na rua, Francisco Galdino em Paraú/RN. 
As informações são que o mesmo seguia na RN-233 Paraú e teria sobrado em uma curva próximo a cidade de Paraú, o mesmo viajava na moto titan 150 e na queda teria batido a cabeça em uma pedra tendo morte no local.


Reprodução Cidade News Itaú via Focoelho
Leia Mais ››

Prefeitura de Coronel João Pessoa abre licitação para contratar empresa para realização de concurso público


O Município de Coronel João Pessoa-RN, publicou na Imprensa Oficial o aviso de licitação com finalidade de contratação de empresa para realização de concurso público para provimentos de diversos cargos efetivo de nível fundamental, médio e superior. 

O certame está marcado para acontecer no próximo dia 18 de abril de 2013 às 09:00h no setor de licitações, localizado a rua São José, 05 – Centro- Coronel João Pessoa/RN.

A escolha da proponente interessada será através da modalidade Convite do tipo Melhor Técnica e Preço, com intuito de escolha a proposta mais vantajosa para o Município e uma prestação de serviço de alta qualificação.

As empresas interessadas em participar da licitação ou obter informações poderá entrar em contato via e-mail: licitacaocjp@hotmail.com ou através do telefone: (84) 3357-0159, como também no endereço citado de segunda à sexta das 07:00h às 12:00h.

Reprodução Cidade News Itaú via Eugênio Freitas
Leia Mais ››

Ministro do Esporte garante que Arena das Dunas não será um “Elefante Branco”


Aldo Rebelo visitou o estádio e está confiante de que o Arena das Dunas será entregue antes de dezembro. Foto: José Aldenir
O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, visitou o Estádio Arena das Dunas, na manhã desta segunda-feira (15), acompanhado da governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, e demais autoridades estaduais e municipais. Durante a visita, o ministro participou de uma reunião, de portas fechadas, com a diretoria do Consórcio Arena Natal, responsável pela construção do estádio, e representantes do Governo do Estado e da Prefeitura de Natal. Atualmente, a Arena das Dunas está com mais de 61% da obra executada, sendo 9% a mais que o cronograma original apresentado a FIFA, o que corresponde a uma folga de 45 dias no prazo final de entrega que é de 31 de dezembro de 2013.

Durante a reunião, foi apresentado ao ministro do Esporte o andamento das obras, bem como a situação das obras de mobilidade urbana que serão realizadas para a Copa do Mundo. A imprensa não pode acompanhar a visita do ministro do Esporte, mas após conhecer as dependências do Estádio, concedeu uma entrevista coletiva. Aldo Rebelo afirmou que mesmo a obra da Arena das Dunas estando em estágio pouco acima do previsto no cronograma, é preciso manter o ritmo e, alguns momentos, até acelerar para garantir que tudo estará pronto para o Mundial. A primeira visita do ministro ao estádio foi há aproximadamente um ano, quando foi fincado o primeiro pilar. “Nós pudemos testemunhar que a obra evoluiu muito”.

“A nossa visita é para verificar, junto às autoridades locais e os responsáveis pelas obras, o andamento da preparação da Copa do Mundo em Natal e o balanço que fizemos nos dá uma perspectiva bastante otimista e segura. Quando muito se falou do hipotético atraso nas obras de construção da Arena das Dunas, o que nós testemunhamos agora, hoje e aqui, é que as obras estavam previstas para 52% e estão 9% acima daquilo que estava planejado na sua evolução. Mantido esse cronograma, o mais provável é que a Arena das Dunas seja entregue antes de dezembro, o que para nós é uma grande notícia, ou seja, a Arena está com as suas obras adiantadas. A beleza do projeto arquitetônico, que conhecemos apenas por maquete, é uma coisa extraordinária. Nós teremos um estádio com personalidade, com identidade inconfundível, uma beleza singular”, destacou.

Em relação às obras de mobilidade, que seriam o legado da Copa 2014 para as cidades sedes, o ministro afirmou que pretende conversar com a governadora e o prefeito de Natal em busca de eventuais soluções, mas garantiu que mesmo aquelas obras não concluídas devem ser continuadas após a Copa do Mundo. As obras de matriz de responsabilidade da Copa devem ser entregues até maio do próximo ano.

“As obras de mobilidade estão em curso, as aeroportuárias também, mas sempre tivemos uma confiança muito grande na capacidade do Rio Grande do Norte. Estamos confiantes de que Natal possa realizar uma Copa e ter um Mundial à altura da expectativa do Brasil e do Mundo. Nunca tive dúvida disso, pois Natal e o RN quando precisou de gente ousada, capaz e inteligente, não precisou trazer de fora, criou aqui mesmo no estado”, destacou o ministro em referência a Clara Camarão, Felipe Camarão e Nísia Floresta. “O RN tem tradição de gente com capacidade, coragem e ousadia e nos mostra essa tradição na preparação da Copa do Mundo, com os engenheiros, operários e com os gestores”.

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, rechaçou a possibilidade de que a Arena das Dunas, bem como outros estádios construídos para a Copa do Mundo se tornem os chamados “elefantes brancos”, ou seja, grandes obras sem utilidade após o evento. “Eu não partilho da tese de que parte dos estádios se tornarão ‘elefantes brancos’. O Brasil passa por um processo de modernização do nosso futebol. Quando se fala em ‘elefante branco’ só se referem as áreas mais afastadas. Mas acredito que não teremos nenhum ‘elefante branco’ e o Arena das Dunas, com sua possibilidade de sustentação, não é apenas um campo de futebol e, sim, uma arena multiuso. Além disso, está à altura das necessidades e dos desafios da cidade e do Estado”, destacou.

A governadora Rosalba Ciarlini relembrou que, quando assumiu o Governo do Estado, em 2011, a Copa era dada como perdida e outros estados se preparando para ficar no lugar do Rio Grande do Norte. “Sentíamos por onde passávamos que as pessoas não acreditavam muito em nossos projetos. Assumimos o compromisso com a FIFA, com a CBF e o Ministério porque vimos que tínhamos condições de fazer. E o ministro sempre foi solidário para agilizar os projetos, pois não podíamos perder a oportunidade de ter a Copa do Mundo em Natal, pela força do que isso representa em termos de visibilidade e de legado. Não somente o legado da mobilidade, mas de todo o investimento que será feito. Hoje estamos bem adiantados, com 45 dias de antecipação, o que nos dá uma garantia ainda maior de que até dezembro a obra será entregue. Hoje, a Copa em Natal já está consolidada”, destacou.

Rosalba Ciarlini disse que as obras do Pró-Transporte, que estavam paradas há anos, já estão em licitação e serão iniciadas ainda este ano. “Os acessos do novo aeroporto já são uma realidade. E hoje, temos a certeza de que não teremos apenas um pequeno acesso, mas, conseguimos, através de um projeto bem elaborado, colocar um segundo acesso, que vai interligar todas as BRs de Natal. Além disso, Natal vai receber a maior obra de saneamento básico da sua história saindo de 32% para 90% da área saneada, o VLT, a obra de reestruturação da avenida engenheiro Roberto Freire e o Museu da Rampa. Essas são estruturas fundamentais para o turista que vem à nossa cidade não assista apenas um jogo, mas que conheça a nossa cidade, a nossa cultura e história”, ressaltou a governadora.

O titular da Secopa/Natal, Luiz Eduardo Machado, representou a Prefeitura de Natal durante a visita do ministro, e disse que a Copa do Mundo em Natal, devido a um esforço conjunto entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Natal, hoje é uma realidade. “A cada dia que passa, sentimos essa realidade e esse sonho se concretizar, através de uma obra belíssima, que terá um dos estádios mais belos do Brasil”, destacou.

Luiz Eduardo Machado ressaltou a importância da assinatura da ordem de serviço, realizada na semana passada, para drenagem no entorno da Arena das Dunas, que resolverá os problemas de alagamentos na região. “A Prefeitura de Natal está tentando recuperar o tempo em que a cidade foi penalizada, onde essas obras não foram tratadas com a devida importância, para que Natal tenha de fato um grande legado da Copa 2014. Não tenho dúvida de que Natal é uma cidade hoje e será outra depois do Mundial. Uma cidade mais moderna, muito mais funcional”, destacou o representante do Município.



Construção do estádio segue em ritmo acelerado

O Estádio Arena das Dunas segue acima do cronograma apresentado à FIFA e alcançou no mês de março a marca dos 61% das obras concluídas. Nos três primeiros meses de 2013, o avanço foi de 11 pontos percentuais. De acordo com o governo do Rio Grande do Norte, o cronograma aprovado pela FIFA previa que o índice de execução fosse de 52,7% neste momento da obra.

Em março, há nove meses do prazo de conclusão previsto, os trabalhos se concentraram na futura arquibancada superior. A montagem da estrutura segue em andamento nos setores leste e oeste. Mais algumas frentes de trabalho são executadas no canteiro de obras, sobretudo ligadas às instalações internas. A OAS, construtora responsável pela obra, trabalha na construção dos camarotes, vestiários, banheiros e centro de mídia. Além disso, a empresa deu início à montagem elevadores e do sistema de ar condicionado. As instalações elétricas e hidrossanitárias também já estão em andamento.

Hoje, a Arena das Dunas tem aproximadamente 1,8 mil trabalhadores. Com capacidade para 42 mil pessoas durante a Copa e 32 mil após o torneio da FIFA, o projeto da Arena foi feito para receber convenções, exposições e espetáculos nacionais e internacionais. A conclusão da obra está prevista para dezembro deste ano.

Orçado em R$ 350 milhões, o estádio está em construção desde agosto de 2011 e deve ser entregue em dezembro deste ano. Na Copa do Mundo de 2014, o local será palco de quatro jogos, todos válidos pela primeira fase.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Ações do MPF sobre Pecado Capital já somam R$ 1,6 milhão em pedidos de reparação


Três novas denúncias e três novas ações civis públicas por improbidade administrativa, relacionadas à chamada Operação Pecado Capital, foram entregues à Justiça Federal em março, pelo Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN). Com essas, desde junho de 2012 já totalizam 17 as ações impetradas pelo MPF contra o ex-diretor geral do Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte (Ipem/RN), Rychardson de Macedo Bernardo, e o grupo envolvido em irregularidades cometidas na autarquia, entre 9 de abril de 2007 a 24 de fevereiro de 2010.

Nas ações, assinadas pelo procurador da República Rodrigo Telles de Souza, o Ministério Público Federal requer a reparação dos prejuízos, aplicação de multas e penalidades que vão de prisão à perda dos direitos políticos. Ao todo, somente os pedidos de restituição dos valores desviados já somam R$ 1.611.646,46, ainda não atualizados. De acordo com o procurador, há ainda 29 procedimentos investigativos relacionados ao assunto, tramitando na Procuradoria da República no Rio Grande do Norte, e que ainda poderão resultar em novas ações.

A verba desviada dos cofres federais é oriunda de dois convênios de cooperação técnica e administrativa, celebrados entre o Ipem/RN e o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). O primeiro, de 2005, resultou em repasses de R$ 16.607.854,30 ao longo de cinco anos, enquanto o segundo, celebrado em 2010, previa o repasse de R$ 21.775.000.

A maior parte das denúncias e ações civis públicas incluem entre réus e denunciados, além de Rychardson de Macedo, seu irmão Rhandson Rosário de Macedo Bernardo; o ex-diretor administrativo do Ipem/RN, Adriano Flávio Cardoso Nogueira; o ex-servidor e apontado como diretor financeiro “de fato” do instituto, Aécio Aluízio Fernandes de Faria; e o ex-coordenador jurídico do órgão, Daniel Vale Bezerra.

Os desvios de recursos promovidos pelo grupo ligado a Rychardson de Macedo se concretizou através de contratações ilegais de empresas e pessoal, dispensas indevidas de licitação, dezenas de fraudes em documentos, irregularidades na fiscalização, ilicitude na arrecadação de multas, superfaturamento de obras e vários casos de corrupção ativa e passiva.

Ao longo da gestão de Rychardson de Macedo, o Inmetro realizou auditorias financeiras, contábeis e administrativas no Ipem/RN, nas quais registrou a ocorrência das irregularidades, tanto de natureza administrativa quanto penais. Investigações promovidas pelo Ministério Público Estadual (MP/RN) resultaram na deflagração da Operação Pecado Capital, realizada em 12 de setembro de 2011 junto com a Polícia Militar.

Na ocasião, Rychardson, Rhandson e a mãe dos dois, Maria das Graças de Macedo Bernardo; além de Adriano Flávio, Aécio Aluízio Fernandes e Daniel Vale chegaram a ser presos. O processo originário da Pecado Capital tramitou inicialmente junto à 7ª Vara Criminal de Natal, através de denúncia do Ministério Público Estadual, porém foi remetido à Justiça Federal em 4 de novembro de 2011, e desde então é acompanhado pelo MPF.

Além das 17 ações impetradas pelo Ministério Público Federal, outras originalmente propostas pelo MP Estadual tramitam ou tramitaram na Justiça Federal no Rio Grande do Norte, incluindo uma ACP (nº 0004403-36.2012.4.05.8400) e quatro ações penais (0007297-19.2011.4.05.8400; 0007296-34.2011.4.05.8400; 0008536-58.2011.4.05.8400; 0008126-97.2011.4.05.8400).

As sentenças de primeira instância dessas duas últimas ações, proferidas ambas em junho de 2012, determinaram uma a condenação de Rychardson e Adriano Flávio por apropriação indevida de diárias, com pena de prestação de serviços e multa; e a outra a do ex-diretor geral por “coação no curso do processo”, prevendo três anos de reclusão e multa. Os réus já recorreram de ambas.

Cidade News Itaú com informações da PR/RN
Leia Mais ››

Polícia Militar registrou 14 homicídios em apenas dois dias


Final de semana violento no Rio Grande do Norte, com 14 pessoas assassinadas em apenas dois dias. Um dos crimes chocou as pessoas que testemunharam o homicídio, pela forma como a vítima foi abordada pelos algozes, no município de Extremoz, ontem à noite. Conforme informações do 11º Batalhão da Polícia Militar, Francisco Xavier de Lima, estava dentro de casa com os familiares quando foi executado por dois homens que chegaram ao imóvel pedindo um copo de água.

Francisco entrou na residência, pegou uma garrafa de água dentro da geladeira e, ao se aproximar do portão para atender os homens, que aguardaram na calçada, foi recebido a balas por eles. Pego de surpresa, ele não teve chance de se defender ou correr para se proteger e morreu no local. Logo após, os assassinos fugiram sem deixar rastro.

Alertados pelo barulho dos disparos, os familiares de Francisco Xavier correram para tentar socorrê-lo, sem sucesso, e teriam dito aos policiais que a suspeita é que a vítima tenha sido morta por causa de uma disputa de terrenos no município. Seu corpo foi levado para o Instituto Técnico Científico de Polícia do Estado (Itep/RN), onde passou por perícia e foi liberado hoje para sepultamento.

Já no Distrito de Mangabeira, em Macaíba, uma discussão entre três pessoas terminou com a morte de Jackson Rairon Cabral, de 31 anos. O crime aconteceu no sábado à noite e foi presenciado por várias pessoas que estavam no local onde ele foi morto com vários disparos de arma de fogo.

De acordo com informações do 11º BPM, a vítima estava discutindo com dois desconhecidos, quando foi até sua casa buscar uma arma. No entanto, ao sair do imóvel, foi surpreendido pelos tiros e ainda tentou correr, mas caiu morto no jardim de casa. O caso chamou a atenção das pessoas que moravam próximo a ele pela banalidade.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

PM tem média de duas armas apreendidas por dia em todo o RN


A ação ostensiva da Polícia Militar do RN está sendo refletida nos números de apreensões de armas, munições e drogas em todo o Estado. Somente na primeira quinzena de abril, a Polícia Militar retirou de circulação 32 armas de fogo, de diversos calibres, e ainda apreendeu dois simulacros de armas (armas de brinquedo) utilizados para cometer delitos.

Com as apreensões de armas, a PMRN tem uma média de mais de duas armas de fogo apreendidas por dia e cerca de dez munições por dia, contabilizando 147 munições de diversos calibres apreendidas nesses primeiros quinze dias, além materiais utilizados para fabricação de munições apreendidos na última semana.

Em relação ao combate ao tráfico de drogas, a Polícia Militar do RN realizou a apreensão de cerca de 4,5 kg de drogas e entorpecentes, dos quais aproximadamente 3,8 kg de maconha, 500 gramas de crack e 120 gramas de cocaína, além de materiais utilizados na fabricação e armazenamento das drogas e entorpecentes.

Ainda na primeira quinzena de abril a Polícia Militar do RN capturou 12 foragidos da Justiça, reconduzindo os mesmos às respectivas Unidades Prisionais do Estado para o cumprimento de penas determinadas pela Justiça norte-riograndense.

A PMRN ainda contabilizou 34 veículos recuperados e devolvidos aos seus respectivos proprietários nos primeiros quinze dias do mês, dos quais 17 foram recuperados em Mossoró e os demais na Região Metropolitana do Estado.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Policiais civis confirmam paralisação para esta terça-feira


O Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública (Sinpol-RN) confirmou que a haverá uma paralisação da Polícia Civil, nesta terça-feira (16), em de todo o Rio Grande do Norte. A decisão foi tomada no início deste mês, em virtude do retorno de presos para as delegacias.

De acordo com a categoria, a situação é inaceitável, visto que a custódia deve ser feita pelo sistema prisional, ou seja, por agentes penitenciários. Com isso, a paralisação está sendo denominando de: "O dia do resgate da Polícia Civil". A partir das 8h, serão feitas mobilizações por todo o Estado, com assembleias no auditório do Sinpol-RN, na Cidade Alta, em Natal, e em cidades-pólo, como Mossoró e Caicó.

Ainda de acordo com os policiais civis, a situação se tornou insustentável com as recentes decisões judiciais de interdições de cadeias públicas e presídios, notadamente nos municípios de Caicó, Goianinha, Mossoró e Macau.

Os policiais civis, que há pouco tempo conseguiram acabar com os presos em delegacias na Grande Natal, informam que não vão admitir o retrocesso vindo do interior. O desvio de função é considerado ilegal no Brasil, com várias decisões judiciais, que apontam que policial civil não deve custodiar presos de justiça, situação que atrapalha o papel que possuem: de investigar e solucionar crimes.

MAIS
A paralisação também acontece por outras razões. Os policiais farão greve na busca pela convocação dos 306 policiais concursados, que aguardam desde 2010 a nomeação, uma vez que o Governo do Estado apenas está fazendo substituições com as vacâncias por aposentadorias ou falecimentos. Eles lutam ainda pelo curso de formação de 290 suplentes aprovados no concurso de 2009 e realização de outro processo seletivo.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Jornalista Carlos Santos Mente a respeito de Postagem sobre a morte do estudante Cearense


O Jornalista Carlos Santos, tido como um dos mais respeitados blogueiro político de Mossoró e região, utiliza uma informação errada e atribui ao Câmera. O Câmera foi o único meio de informação presente no local da abordagem final, realizada pela equipe do Departamento de Transito Estadual.

Em nenhum momento informamos o local onde ocorreu a abordagem e o estado de saúde do Rapaz, pois o mesmo foi socorrido pela própria policia e todo socorro não excedeu os cinco minutos. Não temos conhecimento técnico, mas o rapaz saiu do local consciente e orientado. A informação que o rapaz não apresentava gravidade não foi dada pelo Câmera.

A informação de que o rapaz se negou a fazer o teste de etilômetro e o local para onde o veiculo foi conduzido também não foi dada pelo Câmera.

Nenhuma das informações a que o blogueiro se refere foi publicada aqui no Câmera e sim em outro site que após a confirmação do óbito alterou as informações.

As informações do Câmera são oficiais e foram adquiridas no local, não houve alteração na nossa postagem, apenas retiramos algumas fotos a pedido da família.

As nossas informações foram obtidas através do Sargento Roberto e do Cabo Crisvaldo que comandavam as operações do dia de sábado(13). 

Portanto senhor blogueiro se quiser mentir, inventar ou enfeitar, faça-o em nome de outro. Nossa assessoria jurídica esta ciente e tomara as devidas providencias a respeito desse ocorrido. 

Vejam que a postagem foi retirada do blog de Ismael de Souza. Não entendo porque foi creditada ao Câmera.

Motorista fura barreira da "Lei Seca", atropela três pessoas e é baleado.

Um rapaz de 19 anos, motorista de um Honda Civic, foi baleado na noite deste sábado (13) no bairro Nova Betânia, em Mossoró. A perseguição contou com policiais do 2º DPRE, da Polícia Militar.

De acordo com os policiais que participaram da ocorrência, José Fernandes Costelo, conduzia o veículo e teria furado um bloqueio da Lei Seca, montado estrategicamente na Avenida Leste Oeste. Após desobedecer a ordem policial, houve perseguição. Durante a tentativa de fuga, o jovem atropelou três pessoas. Já no bairro Nova Betânia, policiais efetuaram vários tiros de contenção contra os pneus do veículo.

O jovem foi atingido nas proximidades do Lions Club e encaminhado sem gravidade para o HRTM. O veículo foi removido para o pátio do 2º DPRE. De acordo com o Capitão Maximiliano, o condutor após ser preso, negou fazer o teste do etilômetro. O mesmo deverá comparecer ao Distrito Policial após receber alta.

Texto Ismael Souza 
Foto O câmera

Leiam a matéria extraída do blog: http://blogcarlossantos.com.br/ hoje, 15 de Abril de 2013 ás 18:45 hrs.

O comando da PM do Rio Grande do Norte determinou instauração de Inquérito Policial Militar e afastou, nesta segunda-feira (15), seis policiais envolvidos na morte do universitário cearense José Fernandes Castelo, de 19 anos, que levou um tiro nas costas durante uma perseguição ocorrida na noite do último sábado (13), em Mossoró.

Os nomes dos PMs afastados e investigados não foram divulgados.
Segundo informações da própria PM, o jovem conduzia um Honda Civic quando furou uma barreira policial, tendo sido perseguido por mais de oito quilômetros sem atender as ordens para parar o carro.

“Na fuga, ele atropelou três pessoas, deixando duas delas, uma idosa e um motociclista, em estado grave no hospital”, afirmou o capitão Rabelo, do 12º BPM.

Perícia preliminar realizada pelo Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) aponta que sete tiros atingiram os pneus e a traseira do carro. Um deles perfurou a lanterna traseira direita, atravessou o banco do motorista e atingiu as costas do rapaz.

Castelo ainda foi socorrido ao Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), mas não resistiu ao ferimento.

Outra versão

Segundo o “Blog O Câmera”, especializado na abordagem de notícias do universo criminal de Mossoró e região, o jovem vítima de disparo policial “foi atingido nas proximidades do Lions Club e encaminhado sem gravidade para o HRTM”.

E atesta ainda na mesma postagem: “O veículo foi removido para o pátio do 2º DPRE. De acordo com o Capitão Maximiliano, o condutor após ser preso, negou fazer o teste do etilômetro. O mesmo deverá comparecer ao Distrito Policial após receber alta.”

Nota do Blog – Que caso triste e confuso temos diante de nós. Emitir juízo de valor, sem conheceder detalhes do caso, é precipitado e leviano. Mas muitos esclarecimentos precisarão ser feitos, sim.

O universitário assumiu o risco quando desobedeceu o comando policial, dirigiu com imprudência e causou vítimas num semáforo no bairro Santo Antônio.

Obrigou a polícia a persegui-lo, sob a crença – acredito – de que se tratava de um marginal portando armas, drogas, produto de roubo ou sequestrando alguém etc.

O final não poderia ser pior, contribuindo mais ainda para essa situação: temos um cadáver, versões desencontradas e pessoas hospitalizadas que correm perigo de morte.

P.S - Veja o detalhe da foto publicada pelo Blog O Câmera que o uninversitário está no chão, provavelmente morto, mas é noticiado na mesma página que ele “após ser preso, negou fazer o teste do etilômetro.”

Reprodução Cidade News Itaú via O Câmera
Leia Mais ››

Prisão de assassino de taxistas choca vizinhos e traz alívio à categoria


Câmeras de segurança suspeito de matar taxistas RS (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A prisão do homem que confessou ter assassinado seis taxistas no Rio Grande do Sul chocou vizinhos e trouxe alívio para uma categoria que estava revoltada e com medo de trabalhar. O rapaz de 21 anos foi detido na tarde de sábado (13), em Porto Alegre, segundo anunciou a Polícia Civil neste domingo (14).
Os crimes foram cometidos no final de março. Na madrugada do dia 28, o jovem assaltou e executou três taxistas em Santana do Livramento, na Fronteira Oeste, sua cidade natal. Viajou de ônibus para Porto Alegre e repetiu a série de três crimes dois dias depois.

Os vizinhos da família do jovem, que viveu com a avó em Santana do Livramento até os 19 anos, estão perplexos com a confissão dos assassinatos. “Foi um choque as mortes dos taxistas. Agora a gente tenta entender o que leva uma pessoa fazer isso, será que é doente, precisa de ajuda?”, questiona uma vizinha, que prefere não se identificar.
Para um motorista de táxi em Santana do Livramento, que conhecia as três vítimas do jovem, a prisão do suspeito tranquilizou os colegas. “Ele sempre chegava cedo, era uma pessoa de bem, e foi morto por pouca coisa. A gente fica tranquilo agora com a prisão do jovem. Dessa vez, graças a Deus, a polícia conseguiu fazer um bom trabalho”, diz o homem.  
Já em Porto Alegre, a prisão do jovem surpreendeu a categoria. De acordo com o diretor administrativo do Sindicato dos Taxistas (Sintaxi), Adão Ferreira de Campos, ninguém acreditava na ligação entre os crimes. “Nos surpreendeu muito, jamais pensaríamos que o mesmo indivíduo fosse atuar na capital. Achamos que fosse um assunto de Fronteira lá”, diz.
O suspeito morava há dois anos em Porto Alegre. Ele veio para a capital depois de ser expulso do Exército, em 2010, por problemas disciplinares, segundo informou o capitão Allan Dias Mercês à Rádio Gaúcha. Ele servia na 2ª Bateria de Artilharia Antiaérea, em Santana do Livramento.
Na capital, o jovem trabalhou como motoboy e corretor de imóveis. O perfil no Facebook diz que ele estudou Gestão Imobiliária na Ulbra. Estava desempregado quando cometeu a série de crimes. Depois, arrumou emprego como instrutor de informática em uma escola da capital. Dava aulas para crianças. 
De acordo com o chefe da Polícia Civil, delegado Ranolfo Vieira Júnior, os crimes tiveram motivação financeira. Em depoimento, o suspeito relatou que precisava de dinheiro para pagar o aluguel do apartamento onde morava, no bairro Santa Cecília.
“Ele reside em um apartamento que o locatício é R$ 1 mil, mais R$ 250 de condomínio. Esse valor estaria atrasado há 10 dias e ele precisava do dinheiro para pagar a locação. É claro que a investigação vai provar ou não a veracidade disso”, comentou Ranolfo.
As suspeitas de que o jovem era o assassino começaram a ser investigadas pela Polícia Civil de Santana do Livramento. Imagens de câmeras de segurança indicaram a presença do jovem nos locais dos crimes. Digitais dele encontradas em um dos veículos das vítimas e o rastreamento dos celulares também confirmaram a identificação.
“Mediante um mandato de busca na casa da vó dele, onde ele ficou em Santana do Livramento, foi encontrada a jaqueta que ele utilizou lá, suja de sangue. Foram encontradas digitais, em um dos carros das vítimas, que confrontadas com as dele, indicam que ele esteve no veículo”, disse o delegado Roger Tavares, responsável pelas investigações na Fronteira.
De acordo com a polícia, o suspeito viajou para Santana do Livramento no domingo, dia 24 de março. Na quinta-feira, dia 28, por volta das 2h, chamou o primeiro taxista por telefone. Foi até um local próximo de um lago onde executou a primeira vítima, com um tiro na cabeça. O carro foi abandonado em Rivera, no Uruguai.
Após o primeiro latrocínio, ele retornou ao Brasil, tentou pegar outros dois táxis, sem êxito. Seguiu, então, até um ponto de táxis, abordou outro motorista, levou para um local distante, e cometeu o segundo crime. retornou ao centro e dali foi para rodoviária, onde pegou o terceiro táxi, e executou o motorista em um local distante.
Às 23h da noite da quinta-feira, véspera de feriado, o suspeito pegou um ônibus na rodoviária em direção a Porto Alegre. E 48 horas depois, na madrugada do dia 30, matou, com tiros na cabeça, outros três taxistas. Os corpos foram encontrados na Vila Ipiranga, no Passo D’Areia e no bairro Mario Quintana, na Zona Norte.
Com a ajuda de câmeras de vigilância, a polícia identificou o suspeito próximo aos locais de dois crimes na capital. Ele vestia calças claras, casado escuro e carregava uma mala de viagem na mão. Essas roupas foram encontradas no apartamento delem, e a perícia revelou que tinham manchas de sangue. Celulares das vítimas e uma passagem de Santana do Livramento para Porto Alegre também foram achados.
“Ele, lisamente, admitiu, em detalhes, a prática dos três crimes ocorridos em Santana do Livramento e, posteriormente, a prática dos três crimes ocorridos em Porto Alegre, dando detalhes. Em poder desse indivíduo, foram apreendidos bens subtraídos das vítimas, foram apreendidas roupas com vestígios de sangue e uma passagem que ônibus”, explicou o delegado Ranolfo.
O passo a passo dos crimes
- 24 de março - O jovem de 21 anos viaja de Porto Alegre para Santana do Livramento. Na sua cidade natal, ele fica hospedado na casa da avó.

- 28 de março (primeira víttima) - Por volta das 2h, ele chama o primeiro taxista por telefone. Vai com ele até um local próximo de um lago, onde o executa com um tiro na cabeça. O carro é abandonado em Rivera, no Uruguai.

- 28 de março  - De volta ao Brasil após atravessar a fronteira, o suspeito tenta pegar outros dois táxis, mas sem sucesso.

- 28 de março (segunda vítima) - O jovem vai até um ponto de táxi em Santana do Livramento, no centro da cidade. Ele vai com outro motorista até um local mais afastado, onde o executa exatamente como a primeira vítima. 

- 28 de março (terceira vítima) - O jovem embarca em um táxi que havia deixado uma passageira na estação rodoviária, no Centro, em um ponto da cidade ainda desconhecido pela polícia. O taxista é conduzido até outro local afastado, executado e roubado. O carro dele é dispensado em outro ponto. Depois disso, o suspeito volta para casa.
- 28 de março - Às 23h, o suspeito toma um ônibus de volta para Porto Alegre. Chega na capital na manhã de Sexta-Feira Santa. 

- 30 de março (quarta vítima) - Em Porto Alegre, o jovem começa a repetir a série de crimes. Por volta da 1h45, a primeira vítima é executada, no bairro Vila Ipiranga. O carro é abandonado na esquina das ruas Havana com Bogotá, na Zona Norte. 

- 30 de março - Câmera de segurança registra a passagem do jovem pela Rua Bogotá, à 1h57. Dois minutos depois, ele aparece em imagens feitas na Assis Brasil. 

- 30 de março - Em frente à casa noturna Feijão com Arroz, na Assis Brasil, o jovem toma outro táxi. O motorista pede para ele sentar no banco de frente. Em depoimento à polícia, o jovem disse que desistiu do assalto por causa desse fato.

- 30 de março (quinta vítima) - Após pegar outro táxi, o suspeito executa o motorista na Rua São Jerônimo, bairro IAPI, por volta das 2h25. O carro é abandonado na Rua Mata Bacelar. 

- 30 de março - Câmera de monitoramento registra a passagem do suspeito pela Rua Mariland, em direção à Avenida 24 de Outubro, depois de abandonar o segundo veículo.

- 30 de março (sexta vítima) - O terceiro taxista é morto por volta das 3h, na Travessa José Bonifácio, no bairro Mario Quintana. O carro foi abandonado ao lado do corpo.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Furacão 2000 continua com direitos sobre Lelekes e ‘Passinho do volante’


Furacão 2000 ganhar direito de explorar nome e música de MC Federado e os Leleke´s (Foto: Marcos Dias/ Furacão 2000)
A produtora Furacão 2000 continua sendo a detentora da marca MC Federado e os Leleke’s e da música “Passinho do volante”, conforme decisão da 49ª Vara Cível na sexta-feira (12). O juiz de plantão Luiz Umpierre de Mello Serra manteve a decisão de suspender a liminar que proibia a Furacão 2000 de explorar o nome, a marca e a música em suas apresentações.
No último sábado (13), o grupo se apresentou no TV Xuxa, da Rede Globo.
Desde março, a Furacão 2000, do produtor Rômulo Costa, e a Lek Produções, de Edimar Pedro Santana, disputam na Justiça o direito de explorar a marca e a música. Santana alega ter criado o grupo e ser o autor do hit que teve mais de 30 milhões de acesso no Youtube e virou trilha sonora de um comercial de carro.
Num contrato firmado em setembro de 2012, a Furacão 2000 passou a gerenciar três integrantes do grupo original: Paulo Vitor Conceição da Silva, Allan Johnson Braga da Silva e Alex Reis Peçanha Júnior, logo depois de o grupo ter gravado participação no DVD da produtora lançado em dezembro.
A Lek Produções entrou, então, com um processo para impedir o uso da marca e da música e conseguiu uma liminar, concedida em primeira instância pela juíza Rosa Maria Cirigliano Maneschy, da 16ª Câmara Cível. Mas no dia 22 de março a Furacão 2000 conseguiu a suspensão desta liminar com a mesma juíza.
Na última sexta-feira, Santana entrou com novo pedido de liminar, mas o juiz de plantão decidiu manter a decisão da juíza. Ou seja, a liminar que favorece a Lek Produções está suspensa até o julgamento do mérito da questão.
As produtoras estão impedidas pela Justiça de comentar o caso.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Delegado suspeito de atirar em adolescente é preso em BH


O delegado Geraldo Toledo, suspeito de atirar em uma adolescente de 17 anos, foi preso, na tarde desta segunda-feira (15) ao se apresentar à Corregedoria-Geral da Polícia Civil, em Belo Horizonte. O crime aconteceu na noite deste domingo (14), em Ouro Preto, na Região Central de Minas Gerais. De acordo com a Polícia Militar, a tentativa de homicídio aconteceu na estrada que liga a cidade histórica ao distrito de Lavras Novas.
O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) informou que expediu um mandado de prisão temporária pelo envolvimento do delegado, de 41 anos, na tentativa de homicídio da jovem baleada. De acordo com a Polícia Civil, Toledo responde a outros procedimentos na Corregedoria da corporação.

A jovem foi transferida para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, na capital mineira. De acordo com o hospital, ela passou por uma cirurgia e está internada no Centro de Terapia Intensiva (CTI) com quadro clínico gravíssimo.
Geraldo Toledo vai ser encaminhado para a Casa do Policial Civil, unidade prisional da instituição. Até às 18h40, nenhum representante do delegado havia sido encontrado para falar sobre a denúncia.

O crime


Segundo a Polícia Militar, uma testemunha viu os dois discutindo dentro de um carro e, depois, um veículo, com as mesmas características deixou a adolescente, baleada na cabeça, em uma unidade de pronto-atendimento de Ouro Preto. Ainda de acordo com a polícia, o motorista não se identificou e apenas disse que a moça teria tentado suicídio e foi embora.

Os militares informaram que a família da vítima disse que a moça é de Conselheiro Lafaiete e que ela havia saído na companhia do delegado. Os dois teriam um relacionamento e aparecem juntos em fotos na internet.

A Polícia Civil informou que, em março deste ano, ele foi indiciado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente por ter agredido a jovem que está internada. Ainda segundo a corporação, o caso será investigado pela Corregedoria-Geral, e a perícia criminal já efetuou exame residual na adolescente para confirmar se foi ela quem disparou a arma.

Prisão por quadrilha
De acordo com polícia, ele havia sido preso, em abril de 2011, suspeito de fazer parte de uma quadrilha que roubava caminhões e falsificava documentos. Antes, em janeiro de 2011, foi denunciado pelo Ministério Público por prevaricação, que é quando um funcionário público comete desvio de conduta.
Ainda de acordo com as investigações, em 2007, ele foi indiciado por receptação de veículo roubado e formação de quadrilha. Na época, o delegado foi levado para a casa de custódia da Polícia Civil na capital.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Polícia encontra carro de gêmeas do nado sincronizado roubado no Rio


Bia e Branca tiveram o carro roubado na madrugada de sábado (13). (Foto: Reprodução / Twitter)
As gêmeas do nado sincronizado Bia e Branca Feres, que tiveram o carro novo roubado na madrugada deste sábado (13), na Tijuca, na Zona Norte do Rio, foram avisadas pessoalmente nesta segunda-feira (15) por um representante da Polícia Civil que o veículo foi encontrado. A informação é do empresário delas, Marcelo Magalhães.

“Nós estamos em São Paulo, um representante da polícia foi pessoalmente avisar sobre o aparecimento do carro que está em um depósito. Elas devem retirar o carro amanhã [terça] quando voltarmos para o Rio”, contou Marcelo.

A dupla foi assaltada quando voltava de uma boate na Zona Sul do Rio. De acordo com o empresário, três homens armados fecharam o carro, um BMW X1 vermelho adquirido na sexta-feira (12), no Elevado Paulo de Frontin, na Zona Norte, e levaram o automóvel.

Na manhã desta segunda, Bia e Branca postaram frases no Twitter indicando que ainda não haviam sido informadas do aparecimento do carro. “Diz a imprensa que nosso carro apareceu... Estamos esperando um aviso real. Não sabemos se é verdade. Se apareceu, só faltou avisar as donas né? É fácil falar que tá tudo resolvido e nada acontecer", escreveram.

Pátio Legal
A Polícia Civil disse que o carro das gêmeas foi recuperado na noite deste domingo (14) e o veículo foi encaminhado para o Pátio Legal da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), em Deodoro, no Subúrbio. O veículo está disponível para ser retirado pelo proprietário ou por algum responsável com procuração legal.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Explosões na chegada da maratona de Boston deixam mortos e feridos


A chegada da maratona de Boston nesta segunda-feira teve três explosões que aterrorizaram participantes e espectadores. Ainda não há informações sobre as causas do incidente, nem confirmação oficial do número de mortos e feridos. Segundo informações divulgadas no Twitter do Departamento de Polícia de Boston, pelo menos duas pessoas morreram, e outras 23 ficaram feridas após as explosões.

Aproximadamente três horas depois que os vencedores finalizaram a prova, a primeira explosão aconteceu perto de um hotel na Boylston Street, logo antes da linha de chegada. Antes da tragédia, a prova masculina foi vencida pelo etíope Lelisa Desisa, e a queniana Rita Jeptoo ficou com a vitória no feminino.

Minutos depois, veio a segunda explosão, que aconteceu a poucos metros da primeira. Mais tarde, a polícia confirmou uma terceira, na Biblioteca JFK, onde fica o memorial e um museu em homenagem ao ex-presidente norte-americano John F. Kennedy.

Oficiais de inteligência informaram à agência AP que outros dois dispositivos de explosão foram desmantelados nas proximidades da linha de chegada da maratona de Boston. 

Fontes dos órgãos federais de investigação contestaram os números da polícia de Boston e informaram ao jornal The New York Post que houve pelo menos 12 pessoas mortas. Já o Boston Globe divulgou que mais de 100 pessoas ficaram feridas.

O consulado brasileiro em Boston está de prontidão em relação a questão. Mas, até agora, não há nenhum pedido de ajuda ou emergência feito por brasileiro. A informação é corroborada pelo consulado em Boston e pelo Itamaraty. 

A princípio, nos Estados Unidos, esse tipo de informação costuma chegar rápido ao consulado, segundo o Itamaraty. Cerca de 130 brasileiros estavam inscritos na corrida de rua, considerada a mais antiga do mundo e que ocorre desde 1897 na terceira segunda-feira de abril, o Dia dos Patriotas no estado de Massachusetts.

Os feridos foram socorridos pelo serviço médico disponível no local para atender aos corredores exaustos. A espectadora Cherie Falgoust relatou à agência AP que ouviu as explosões enquanto aguardava seu marido: "Eu não sei o que havia naquele prédio, simplesmente explodiu, e então voaram cacos de vidro por toda a parte. Alguma coisa atingiu a minha cabeça, não sei o que era". 

O canadense Mike Mitchell, atleta que terminou a maratona, disse que estava olhando para trás na linha de chegada e viu uma "explosão massiva": "A fumaça subiu 15 metros. As pessoas começaram a correr e gritar após ouvirem o barulho. Todo mundo está assustado".

"Houve uma explosão, policiais, bombeiros e equipes de emergência médica estão no local. Não temos indicação de quantas pessoas estão feridas", disse uma porta-voz do Departamento de Polícia de Boston.

A polícia de Boston está no comando das operações de investigação, mas, segundo um policial relatou à ABC, o caso deve passar para a esfera federal.

"Logo que o incidente for identificado como um ataque terrorista, o FBI tomará conta do caso. Eles estão tentando identificar rostos que estavam próximo ao local no momento da explosão. Estão tentando identificar suspeitos", declarou o policial.

Segundo o oficial do FBI Bob Muller disse ao canal de TV norte-americano, a explosão foi intencional e criada a partir de pequenos dispositivos.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Partidos se mobilizam para evitar perdas com nova sigla


O deputado Roberto Freire e o ex-governador José Serra participaram da Conferência Política Nacional do PPS
Dirigentes de partidos que podem perder deputados para a nova sigla que nascerá da fusão do PPS com o PMN começaram a se mobilizar para evitar defecções em suas bancadas. A união das duas legendas está prevista para ser formalizada quarta-feira.

O PSD do ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab e o DEM, presidido pelo senador Agripino Maia (RN), são os dois partidos mais ameaçados de perder deputados para a nova legenda.

O objetivo da nova sigla, que deverá se chamar Mobilização Democrática, é aumentar o tempo de televisão e os recursos financeiros que a oposição terá na campanha presidencial do ano que vem.

No Congresso, calcula-se que o PSD poderá perder 15 de seus 48 deputados para a nova legenda, considerando as ligações que integrantes do partido de Kassab têm com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB).

Campos, que há dois anos ajudou Kassab a criar o PSD e agora deseja ser candidato a presidente da República, colaborou com o deputado Roberto Freire (PPS-PE) na organização da sigla que deve ser criada nesta semana.

Os dois se encontraram há cerca de um mês para discutir o assunto, num hotel em Brasília, e o governador ofereceu a assessoria de advogados do PSB para a organização do novo partido.

Outra dificuldade para Kassab é que muitos deputados do PSD são oriundos da oposição e não concordam com sua recente aproximação com a presidente Dilma Rousseff, que planeja concorrer à reeleição em 2014.

O ex-prefeito diz não se preocupar com a possibilidade de perder filiados. "O que todos têm, a começar por mim, é muita admiração pelo Eduardo [Campos], mas ninguém quer sair", afirmou.

O DEM, que perdeu mais de uma dezena de parlamentares para Kassab em 2011, está alarmado com a possibilidade de ver sua bancada de 28 deputados encolher mais.

Advogados da sigla entregaram ontem a Agripino Maia parecer que aponta um caminho jurídico para cassar os mandatos dos parlamentares que deixarem a legenda.

A legislação eleitoral pune com a perda do mandato os políticos que trocam de partido, mas abre exceções para a criação de novas agremiações e fusões de siglas.
Ao aprovar a criação do PSD de Kassab há dois anos, o Tribunal Superior Eleitoral decidiu que a nova sigla absorveria parte do tempo de TV e do dinheiro dos partidos que perderam deputados.

UM MINUTO

Segundo articuladores da fusão, Kassab agora quer acabar com a decisão que o beneficiou. Ele trabalha para aprovar amanhã na Câmara projeto de lei que proíbe a transferência de tempo de propaganda e recursos dos partidos nesses casos.

Juntos, PPS e PMN têm hoje 13 deputados. Os organizadores da fusão calculam que será possível chegar a 30, o suficiente para garantir cerca de um minuto extra na propaganda eleitoral na TV.

Os advogados do DEM dizem que, em caso de fusão, apenas os deputados filiados aos partidos que se uniram seriam beneficiados pela brecha na lei eleitoral. Para o PPS, o que valeu para Kassab também vale agora.

Deputados que quiserem migrar para o novo partido terão 30 dias para fazê-lo após a criação da sigla.

A movimentação preocupa Dilma e seus aliados, e é vista com simpatia no PSDB, maior partido da oposição.

O governador Geraldo Alckmin disse à Folha que a fusão é "positiva". O ex-governador José Serra, descontente no PSDB, foi convidado a migrar para a nova sigla e estuda a possibilidade.

QUEM JOGA A FAVOR E QUEM É CONTRA

Em busca de apoio para entrar na corrida presidencial, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), colaborou com o novo partido oferecendo assessoria jurídica

O ex-governador paulista José Serra foi convidado a deixar o PSDB, que quer lançar o senador mineiro Aécio Neves à Presidência, e ingressar no novo partido.

O ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD) teme defecções no partido que criou em 2011 e trabalha para tornar inviável a migração de descontentes para a nova sigla

Presidente do DEM, o senador Agripino Maia (RN) se prepara para processar dissidentes: "Alguns ingênuos imaginam que vão sair sem se submeter às regras da infidelidade partidária".

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Elefante vira veículo e fere casal de turistas em safári na África do Sul


Um casal de turistas chineses ficou gravemente ferido nesta segunda-feira depois que um elefante virou o veículo no qual viajavam pelo Parque Nacional Kruger, na África do Sul, informou a agência de notícias "Sapa".

Segundo o porta-voz do Kruger, William Mabasa, o homem fraturou várias costelas e teve hemorragia interna, enquanto a mulher, que se queixava de fortes dores nas costas, foi submetida a exames mais específicos.

As duas vítimas do ataque do elefante foram atendidas por um médico e por uma equipe de serviços de emergência, que chegaram ao lugar do incidente de helicóptero.

"Ainda não está claro o que fez o elefante adotar um comportamento agressivo", afirmou Mabasa.

"No entanto, gostaríamos de pedir aos visitantes para nunca perderem estes animais de vista e também que tentem não se aproximar demais deles quando os mesmos estiverem caminhado pela estrada", acrescentou o porta-voz do maior parque natural da África do Sul.

Nos últimos anos, vários acidentes deste tipo foram registrados no Parque Nacional Kruger, que possuí com 19 mil quilômetros quadrados e se mostra como um dos mais procurado pelos turistas que desejam realizar um safári. 

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Juiz nos EUA aplica multa a si mesmo por seu celular tocar em julgamento


Raymond Voet aplicou uma multa de US$ 25 (cerca de R$ 49) a si mesmo depois de seu celular tocar durante um julgamento que presidia
Um juiz de Michigan, nos Estados Unidos, aplicou uma multa a si mesmo depois que seu celular tocou durante um julgamento que presidia, segundo informações do "Daily Mail".

Raymond Voet é um juiz conhecido por "acessos de raiva" quando celulares tocam no tribunal de Ionia County. Ele ordenou a colocação de cartazes no local para desencorajar o uso de celulares, alertando que os aparelhos que tocassem durante os julgamentos poderiam ser confiscados e multas aplicadas a seus proprietários.

Mas na última sexta-feira (12), Voet percebeu que o toque de celular que interrompeu a sessão durante a fala final da promotoria pertencia, na realidade, a ele mesmo.

Ao canal "Michigan Live", o juiz disse que "ficou envergonhado" e que tem certeza de que seu rosto ficou vermelho na ocasião. No intervalo do julgamento, Voet aplicou a si mesmo a multa de US$ 25 (cerca de R$ 49), a mesma dada a quem não desliga o celular dentro da corte, e pagou o valor em seguida.

"Juízes são humanos. Mas não estão acima das regras. Eu quebrei a regra, e tenho de viver por ela", lembrou Voet.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Jogador do América-SP cobra pênalti bizarro e ganha repercussão internacional


O América-SP enfrentava o Votuporanguense precisando da vitória para não ser rebaixado na Série A-3 do Campeonato Paulista. Pênalti para a equipe. O camisa 10 Pilo parte para a cobrança. Parece que a situação do América começa a melhorar. Parece…

O meia escorregou no momento da batida e ‘chutou’ a bola para o lado, proporcionando uma das cobranças mais bizarras da história do futebol mundial. O lance ganhou repercussão também na Europa. Os jornais ingleses The Sun e Daily Mail publicaram o vídeo questionando se essa foi ‘a pior cobrança da história’.

O Daily Mail disse ‘não houve nenhuma habilidade típica brasileira no chute para trás’ na cobrança. O jornal fala também que ‘Pilo é o responsável pela pior cobrança de pênalti de todos os tempos’.

Para piorar a situação do time na partida, o América-SP ainda foi derrotado pelo Votuporanguense por 2 a 0 mas, graças a outros resultados, não foi rebaixado de divisão.

Após o jogo, Pilo tentou se explicar: “Infelizmente, o gramado estava um pouco molhado. E aconteceu a fatalidade”. Assista você mesmo e tire suas conclusões.





Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››