RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net

Ouça pelo Listen 2 My Rádio

Imagem relacionada
Loading ...
Loading ...

quarta-feira, outubro 02, 2013

ÔNIBUS ESCOLAR DA CIDADE DE IPANGUAÇU VIRA LOTADO DE ALUNOS NO RIO ASSU

No final da tarde de hoje 02 de outubro por volta das 17:10hs um ônibus Escolar da cidade de Ipanguaçu completamente lotado de alunos na faixa etária de 10 a 16 anos virou no rio Assu deixando vários alunos em pânico.
Policiais da cidade de Ipanguaçu e Assu socorreram os alunos para o hospital regional de Assu.
Não sabemos se por irresponsabilidade do motorista ou se uma falta de fiscalização por parte da administração atual.
O ônibus seguia de Assu com destino a Ipanguaçu com mas de cem alunos, informações essas dadas pelos próprios alunos.
TEMOS O VÍDEO DE ALGUNS ALUNOS dizendo que o motorista era a pessoa de Gilberto e que estava completamente lotado.
O site Focoelho.com recebeu a informação que o motorista Gilberto da cidade de Ipanguaçu não tem qualificação para dirigir ônibus, com isso fica caracterizado o descaso e a falta de compromisso da prefeitura de Ipanguaçu com os alunos e a população da cidade.
A PREFEITURA DE IPANGUAÇU DEVERIA fiscalizar esta barbaridade que quase coloca fim a vida de vários alunos.
MERECE NOSSOS PARABÉNS:  A primeira VTR  a chegar no local foi a comandada pelo Cb Pascoal e auxiliados pelos PMs Edno e Jeferson, que foram de total importância, pois esta VTR socorreu a professora que tinha bebido muita água, e a experiência do PM Edno e Jeferson que fizeram respiração boca a boca, com isso a professora conseguiu respirar graças a Deus.
NOTA 10 PARA ESTES POLICIAIS e NOTA 0 PARA A ATUAL ADMINISTRAÇÃO DE IPANGUAÇU.




Reprodução Cidade News Itaú via Focoelho
Leia Mais ››

Cláudia Regina é afastada e vice-presidente da Câmara Municipal assume Prefeitura de Mossoró

Prefeita do DEM sofreu a terceira cassação dela no ano mas, desta vez, o afastamento do cargo é imediato. Foto: DivulgaçãoUma notícia de cassação da prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, do DEM, não é novidade. Afinal, ela já foi cassada outras duas vezes só este ano. A novidade é que, na tarde de ontem, a juíza da 34ª zona eleitoral, Ana Clarisse Arruda, determinou não só a perda do mandato da chefe do Executivo municipal e do vice-prefeito, Wellington Filho, do PMDB, como decidiu também que isso teria efeito imediato. Ou seja: Cláudia Regina, na manhã de hoje, já não responde pela Prefeitura e ficará assim até que seja realizada uma nova eleição na cidade, onde ela não poderá concorrer por estar inelegível por oito anos.

Pelo menos, era essa a situação até o fechamento desta edição d’O Jornal de Hoje. A Justiça Eleitoral já havia notificado Cláudia Regina e Wellington Filho da decisão, afastando-os do cargo e, também, determinado à Câmara Municipal de Mossoró a posse imediata do chefe do Legislativo no cargo de prefeito até a realizada da nova eleição. “O presidente da Câmara, Francisco José Júnior (PSD), está viajando, então foi notificado o responsável pela Casa naquele momento, que era o vice-presidente Alex Moacir (PMDB). A Câmara ainda não se manifestou sobre o assunto, mas a decisão tem efeito imediato”, afirmou, por telefone, um servidor da 34ª zona eleitoral.

Claro que não foi fácil encontrar o vereador peemedebista que é, inclusive, do mesmo partido do vice-prefeito de Mossoró e apoiador da gestão de Cláudia Regina. Segundo relatos de fontes mossoroenses, vários vereadores “sumiram” na manhã de hoje, já com o intuito de não serem notificados e a Câmara não ter a obrigação de, imediatamente, cumprir a cassação.

Até porque, enquanto não marca a posse do novo prefeito, a Câmara dá tempo para que a defesa de Cláudia Regina recorra da decisão (no Tribunal Regional Eleitoral) e entre com uma liminar para que seja suspensa a sentença e ela possa responder ao recurso no cargo de prefeita.

“Esse afastamento imediato foi consequência do tipo da ação. Nas outras duas vezes que foi cassada, Cláudia Regina respondia a uma AIJE (Ação de Investigação Judicial Eleitoral). Agora foi diferente. Foi uma representação contra conduta vedada”, ressaltou o advogado Marcos Araújo, da coligação que foi encabeçada pela deputada Larissa Rosado e que foi derrotada para Cláudia Regina na última eleição. Araújo foi o autor da representação.

Como se tratou de outro tipo de ação, o efeito é imediato e a decisão – de afastamento da prefeita, inelegibilidade dela por oito anos, posse do presidente da Câmara e realização da nova eleição – não precisa, como nas AIJEs, ser confirmada no TRE. “Foram várias condutas vedadas consideradas, entre elas, principalmente, a utilização do avião oficial do Governo para levar a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) para várias viagens à Mossoró para participar da campanha”, afirmou Marcos Araújo, ressaltando que a decisão “já era totalmente esperada”.

É importante lembrar que os abusos de poder econômico e político na campanha de Mossoró não chegam a ser, necessariamente, novidades. A prefeita Cláudia Regina já foi cassada três vezes pelo mesmo assunto. A única diferença é que, desta vez, a autora da decisão foi Ana Clarisse e não o juiz Herval Sampaio, que já cassou a prefeita duas vezes, pelos mesmos motivos.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Jovem santa-helenense perde a vida após sofrer um choque de 3 mil volts no Ceará

Jovem santa-helenense perde a vida após sofrer um choque de 3 mil volts no Ceará; ConfiraFaleceu na última segunda-feira (30), o jovem Rafael Rolim Pereira, 26 anos, natural da cidade de Santa Helena, Sertão da Paraíba.

Rafael foi vítima de uma forte descarga elétrica na capital do Ceará, Fortaleza. Ele era funcionário de uma empresa terceirizada, Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor), o qual perdeu a vida ao tocar em um fio de alta tensão por acidente.

De acordo com informações da polícia, o acidente aconteceu presidamente nas obras da Estação Mondubim, o qual tentava naquele momento retirar uma raia (pipa), que estava presa na fiação elétrica.

Pensando que a rede elétrica estivesse desligada, o jovem Rafael foi surpreendido por um choque de 3 mil volts tendo morte imediata no local.

A vítima era casada e pai de uma criança recém nascida de apenas 12 dias de vida. O corpo de Rafael foi enterrado no Ceará na tarde da terça-feira (01).

Reprodução Cidade News Itaú via Folha do Sertão
Leia Mais ››

Veículo carregado com cigarros bate em poste e pega fogo

Policiais Militares da ROTAM de Toledo se depararam na tarde de hoje (02) com um veículo carregado com cigarros contrabandeados do Paraguai.
O fato teve início por volta das 17h, quando os PMs realizavam patrulhamento rotineiro nas proximidades de São Camilo, após avistarem o veículo foi dado voz de abordagem porém não foi obedecida pelo condutor.
Foi iniciado um acompanhamento tático que só terminou no Bairro João XXXIII quando o GM/Vectra de placas ASG-2771 de São Paulo/SP  colidiu contra um poste as margens da rodovia PR-182, o carro logo pegou fogo o deixando completamente destruído.
O veículo será encaminhado para a Receita Federal em Cascavel e o condutor, que por sorte não sofreu ferimentos graves, para a Delegacia de Polícia Federal.


Reprodução Cidade News Itaú via Intervalo da Notícia
Leia Mais ››

Polícia Civil apreende carga de cigarro roubada avaliada em mais de R$ 17 mil

 Polícia apreende carga de cigarro roubada em Campina Grande
Policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) em Campina Grande apreenderam nessa terça-feira (1º) mais de 300 maços de cigarro que haviam sido roubados da empresa Souza Cruz. O assalto aconteceu no bairro do Jardim Dinamérica, e a carga foi encontrada numa casa no bairro de Bodocongó III. Não havia ninguém na residência. 

De acordo com o delegado Danilo Orengo, da DRF, o material é avaliado em mais de R$ 17 mil. “Como nós tínhamos certeza de que a carga estava dentro da casa, entramos no imóvel e nos deparamos com o material, que foi apreendido. Sabemos que um casal mora no imóvel e ele deve responder, no mínimo, por receptação dolosa”, disse o delegado.

Um apenado do regime semiaberto é suspeito de ter participado o crime. A Polícia Civil tem informações de que pelo menos outras três pessoas podem estar envolvidas no assalto.

A DRF está em diligências para localizar os demais acusados. Qualquer informação que contribua com a polícia, pode ser repassada através do número 197. O sigilo é absoluto.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Agentes penitenciários protestam durante visita da presidente Dilma ao RN

Os agentes penitenciários do Rio Grande do Norte realizaram um protesto durante a visita da presidente Dilma Rousseff ao município de Ceará-Mirim, no início da tarde desta quarta-feira (2). 

De acordo com André Jucá, secretário geral do Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN (Sindasp), o objetivo a manifestação foi pressionar a presidente para sancionar a medida provisória 615, que concede porte de arma aos agentes penitenciários do Brasil. 

Segundo o secretário geral do Sindasp, a medida já foi votada pela Câmara e pelo Senado, faltando apenas ser sancionada pela presidente Dilma Rousseff. “Soubemos que o ministro da justiça, José Eduardo Cardoso, orientou a presidente para vetar a medida. Viemos aqui para pressioná-la e pedir para que sancione o projeto”, disse. 

Ainda segundo André Jucá, caso a presidente vote pelo veto da medida, os agentes penitenciários do Brasil farão greve por tempo indeterminado, segundo orientação da Federação Nacional dos Agentes Penitenciários do Brasil (Fenaspen).

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Ex-delegado é acusado de maus-tratos a cão no Sul de MG


A Polícia Civil de Poços de Caldas (MG) abriu um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) para apurar um caso de maus-tratos contra um cachorro cometido, segundo denúncias, pelo delegado aposentado Lacy de Souza Moreira. Ele é suspeito de ter amarrado um cão no engate traseiro do próprio carro e ter arrastado o animal, com o veículo em movimento, pelas ruas do bairro Conjunto Habitacional Pedro Affonso Junqueira (Cohab).
O caso foi registrado na última segunda-feira (30) depois que o delegado aposentado procurou o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para deixar o animal no local.
Lacy de Souza Moreira foi procurado, mas não quis se manifestar sobre as denúncias de agressão. Por telefone, ele só disse que o cachorro era de rua e que ele tinha recolhido o animal para levá-lo ao Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

Cachorro foi amarrado no engate do carro do delegado aposentado (Foto: Reprodução EPTV)

Segundo a coordenadora do órgão, a veterinária Sheila Patresi, Moreira ameaçou matar o animal diante da recusa do CCZ em abrigá-lo. De acordo com ela, o cão não pode ser acolhido, já que não apresentava ferimentos e o local não recebe animais sadios.  “O ex-delegado chegou com o animal e disse que o cão tinha mordido outro cachorro. Nós explicamos que não recolhíamos animais sadios. Existe uma política que nos impede de ficar com o cachorro que não está ferido ou doente. Dissemos que ele tinha que procurar algum adestrador para fazer a sociabiliziação dos animais e ele falou claramente que daria um jeito, da maneira dele, no cachorro. Ele é delegado e sabe, pela lei 9.605/98, que abandono e maus tratos são crimes. Ele não era uma pessoa leiga e não poderia ter feito isso de forma alguma", pontuou.
Moradores da região viram quando o ex-delegado amarrou o animal e o arrastou pelas ruas do bairro. “Eu vi aquele carro descendo e enxerguei a corda amarrada atrás. Quando eu vi o cachorro, fiquei muito desesperada. O animal estava muito machucado, com a língua de fora, entre a vida e a morte”, disse a dona de casa Maria Julieta Ferreira Moreira.

Sangue do animal ficou espalhado pela rua por onde ele foi arrastado (Foto: Reprodução EPTV)Sangue do animal ficou espalhado pela rua por onde
ele foi arrastado (Foto: Reprodução EPTV)
A Associação Protetora dos Animais de Poços de Caldas (APA) foi comunicada e acionou a Polícia Militar, que registrou uma ocorrência. “Além de registrar a ocorrência nós procuramos o Ministério Público para representar a denúncia. O caso não pode ficar impune. Tentamos também um mandado de busca e apreensão para tentar localizar o animal, que infelizmente deve ter morrido, mas ainda não conseguimos”, disse a representante da associação, Vera Facci. 
De acordo com o delegado regional Gustavo Manzolli, o caso foi repassado à delegada Gisnéia Mirela Ramires, que vai ouvir todos os envolvidos. “Todas as testemunhas serão ouvidas e o  réu responderá pelo crime de maus tratos e se for condenado, poderá pegar até dois anos de cadeia, já que é um crime de menor potencial ofensivo”, destacou.
Ainda segundo os moradores do bairro e a APA, o animal foi procurado nas redondezas, mas não foi encontrado.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

DILMA DIZ NO RN QUE PRONATEC VAI TRANSFORMAR O PAÍS EM POTÊNCIA ECONÔMICA

A presidenta Dilma Rousseff afirmou, nesta quarta-feira (2), em Ceará-Mirim (RN), durante inauguração de três novos campi do Instituto Federal do Rio Grande do Norte e formatura de 4,5 mil alunos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que o governo federal investe no ensino técnico e profissionalizante para gerar mais desenvolvimento para o Brasil e emprego e renda para a população. 

 No discurso, a presidenta disse que o governo vainvestir R$ 14 bilhões até o final de 2014 para capacitar 8 milhões de alunos. Dilma voltou a comemorar a aprovação do uso dos royalties do petróleo para a educação. Segundo ela, no caso do Pronatec, o recurso adicional vai contribuir para melhorar o programa e torná-lo permanente. Ela destacou ainda a necessidade de se valorizar o professor, oferecendo melhor formação e capacitação. 

A presidenta disse que deseja ter a educação como a marca de seu governo e citou a inauguração dos campi de Ceará-Mirim, Canguaretama e São Paulo do Potengi como parte importante do processo de interiorização do ensino superior. 

Reprodução Cidade News Itaú via Serrinha de Fato
Leia Mais ››

PRF apreende carga com toneladas de maconha em caminhão de esterco

Motorista foi preso em flagrante (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)Um caminhão foi apreendido no início da tarde desta quarta-feira (2), na BR-163, em Quatro Pontes, no oeste do Paraná, carregado com cerca de sete toneladas de maconha. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a droga estava escondida dentro de um tanque que serve para transportar esterco.
A apreensão foi realizada após uma fiscalização de rotina. Segundo a PRF, o motorista apresentou nervosismo e o caminhão foi vistoriado. Um homem de 33 anos, que dirigia o caminhão, foi preso e contou aos policiais que pegou a maconha em Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul, e que levaria para Toledo, também no oeste. Ele receberia R$ 10 mil pelo transporte.
O motorista foi preso em flagrante e será encaminhado à Polícia Federal (PF) de Cascavel, juntamente com a carga de maconha e o caminhão. A PRF informou que a droga só deve terminar de ser pesada no começo da noite desta quarta.
De acordo com a PRF, esta foi a maior apreensão de maconha registrada em rodovias federais em 2013. Em setembro, foram apreendidas 5,1 toneladas em Mato Grosso do Sul, e, em julho, 4,3 toneladas, em Santa Terezinha de Itaipu, também no Paraná.

Segundo a PRF, esta é a maior apreensão do ano em rodovias federais (Foto: Marcos Machado/RPCTV)

Droga seria levada para Toledo, no oeste do Paraná (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

HOMEM QUE ATROPELOU E MATOU UMA CRIANÇA E DUAS MULHERES NO BAIRRO AEROPORTO SE APRESENTA A AUTORIDADE POLICIAL ACOMPANHADO DE UM ADVOGADO.

Castegiane quando saia da Delegacia de Defesa da Mulher, onde foi ouvido pelo delegado.



Entrando no carro do advogado.


Dr. Nivaldo Floripes falando a imprensa.

Cópia da identidade do acusado. 
Fotos: Nas Garras da Polícia.


O  condutor do Uno Mille de cor prata de nome Castegiane Roberto Pinto de Souza, de 31 anos de idade, residente na Rua Dom Helder Câmara no bairro Belo Horizonte em Mossoró, no RN,  que atropelou e matou três  pessoas, dentre elas uma  criança de apenas 07 anos de idade, de nome  Erick, se apresentou  durante a tarde desta quarta feira, 02 de outubro de 2.013, acompanhado de um advogado, ao delegado Nivaldo  Floripes titular da 2ª Delegacia de Polícia Civil, responsável  pelo inquérito que apura o caso, ocorrido na última sexta feira, 27 de outubro do corrente  ano.

Ao ser ouvido pelo delegado, Castegiane negou  a intenção  de atropelar  o menino, a avo dele e a tia, e disse  que teria ido ao bairro com o objetivo de olhar um imóvel que pretendia compra-lo, e na volta teria entrado pela contra mão,  que teria sido  ofuscado por um carro que trafegava na mão contrária, e que não teria visto as pessoas, e sem querer terminou atropelando-as, que conseguiu   fugir e depois ficou escondido em Apodi.

Quanto ao fato de que estaria dirigindo sob o efeito de bebida alcoólica, o delegado disse que ele também negou, informando que não bebe,  que só bebe raramente, e que  quando do atropelamento não  estava bebendo, em decorrência de uma atestado médico.

Já o delegado, informou que tem provas  que  Castegiano  estava dirigindo o carro com fortes sintomas de embriaguez, inclusive um proprietário de um bar, onde ele teria procurado  bebida, e não foi atendido, porque o proprietário do bar, repito,  percebeu  que ele já apresentava fortes sinais de embriaguez.

Quanto ao pedido de prisão preventiva do acusado, o delegado disse que vai  analisar os fatos, e provavelmente este final de semana poderá pedir a preventiva dele.

O delegado disse também que antes de atropelar  a criança e as duas senhoras, ele por pouco não atropelou também outra pessoa, que conseguiu se livrar do acidente e anotar a placa do carro.

Dr. Nivaldo Floripes  disse que o motorista trabalha em uma empresa que presta serviço a Petrobrás, e que tem residência fixa.

Segundo o delgado, o acusado poderá responder por homicídio doloso, e que vai solicitar que seja feito uma perícia no local.

Finalizando, o delegado  disse que o que Castegiane falou pra ele,  é completamente contrário ao que ele, o delegado, já tem nos autos.

Reprodução Cidade News Itaú via Ferreira Monte
Leia Mais ››

Submarino falso aparece no meio da rua na Itália e surpreende pedestres

Uma cena incrível surpreendeu moradores e turistas em Milão, na Itália, no último mês. Os pedestres que passaram pela Via dei Mercanti puderam conferir de perto um submarino no meio da rua, entre vários destroços. Um vídeo postado nesta terça-feira (1º) no YouTube revelou o mistério por trás do momento inusitado.

Tudo não passou de uma campanha para a seguradora Europ Assistance Italia. A intenção era mostrar que “tudo pode acontecer”. A ação publicitária acabou mobilizando autoridades locais que não sabiam da gravação.

“Venha nos visitar, a primeira loja de proteção da Itália, para ajudá-lo a com todas as soluções que protegem os aspectos de sua vida”, diz a descrição do vídeo postado no canal da seguradora no YouTube.


Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Morreu no Hospital Regional jovem baleado por PM após tentar matar desabeto em Caicó

Faleceu por volta de 15h30 desta quarta-feira na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional do Seridó em Caicó o jovem Manoel Raimundo da Silva Neto o "Neto Mossoró" que foi alvejado com tiros na cabeça após ter tentado matar um outro jovem e em seguida atirar contra um Policial Militar nas imediações do CAIC no Bairro Paulo VI na zona oeste da cidade de Caicó.

Neto Mossoró foi atingido por tiros na região da cabeça e devido a gravidade das lesões não resistiu aos ferimentos vindo a óbito no Hospital Regional do Seridó na cidade de Caicó.

O outro jovem envolvido na ocorrência trata-se de Lucas Gabriel dos Santos, 18 anos, conhecido como Lukinha que foi alvejado por Neto Mossoró com um tiro na perna e não corre risco de morte. 

De acordo com informações, Neto Mossoró acompanhado de outro indivíduo chegou nas imediações do CAIC com capacete e "capuz" e atirou contra a pessoa de Lukinha, neste momento um Policial Militar que trabalha no CAIC, ao ouvir tiros, saiu do prédio e foi surpreendido por tiros disparos efetuados por Neto Mossoró. 

O Policial Militar reagiu aos tiros efetuados em sua direção e acertou Neto Maranhão que caiu com ferimentos graves na cabeça. O outro comparsa que estava com ele  evadiu-se do local sem deixar pistas. O caso deverá ser investigado como morte em confronto com a Policia.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Carreta tomba e capota na PB-400 e deixa condutor preso as ferragens; Veja fotos

Carreta tomba e capota na PB-400 e deixa condutor preso as ferragens; Veja fotosO resgate de um motorista durou quase quatro horas na PB-400, na denominada Serra de Monte, no Alto Sertão do Estado.

O acidente aconteceu por volta das 10h  desta quarta-feira (2), quando o condutor  conhecido como, Adalberto, dirigia uma carreta carregada com milho.

O veículo sobrou em uma das curvas da ladeira, capotou e ficou com os pneus para cima. Com a gravidade do impacto o motorista, que viajava sozinho, ficou preso às ferragens da carreta e só foi resgatado após quase 4h, pelo Corpo de Bombeiros.

O  veículo ficou totalmente destruído. A carga seria descarrega no comércio de São José de Piranhas.

A mega-operação de resgate envolveu Corpo de Bombeiros, Policiais militares de São José de Piranhas, Monte Horebe, Bonito de Santa Fé, Polícia de Trânsito e Samu.

A vítima saiu com vários ferimentos e pancadas pelo corpo, mas não corre risco de morrer. Ele foi socorrido pelo Samu para o Hospital Regional de Cajazeiras.

O trecho da rodovia ficou interditado por cerca de 4h e o trânsito só foi liberado após a vítima ser conduzida para o hospital. Muitos populares aguardavam a retirada da vítima  para saquear a grande quantidade de milho de ficou espalhada na pista.

A Polícia não soube explicar o que provocou o acidente.



Reprodução Cidade News Itaú via Folha do Sertão
Leia Mais ››

Família percebeu arranhões no rosto de suspeito de matar jovem

A polícia continua as investigações que apuram a morte da jovem Aline Moreira, 18 anos e tenta localizar o principal suspeito do crime: o padrasto da menina.

O homem trabalhava como mecânico.  José Ademir Radol, 48 anos, mantinha um relacionamento recente com a mãe da jovem assassinada, Leonilda Kurlapski.

O último contato dele foi com os irmãos que o ajudaram a rebocar o carro de Leonilda, usado na viagem ao estado de Santa Catarina.

Segundo um primo do suspeito, durante o contato, a família percebeu que o mecânico teria vários arranhões no rosto, mas ninguém imaginava o motivo.

O corpo de Aline foi encontrado ontem à tarde (1º) com um ferimento na testa o que pode indicar a causa da morte. A jovem teria pegado carona com o padrasto para voltar a Curitiba, onde morava com um rapaz.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Americanas pagará R$ 250 mil por trabalho escravo em cadeia produtiva

A rede Lojas Americanas terá de pagar R$ 250 mil para entidades assistenciais sem fins lucrativos por comprar roupas infantis de um fornecedor quarteirizado, em Americana (SP), onde foram apuradas condições trabalhistas análogas às de escravo. Em janeiro, uma fiscalização constatou que cinco bolivianos atuavam no local sem condições adequadas.

Segundo o Ministério Público do Trabalho (MPT), a Lojas Americanas também se comprometeu a fiscalizar as condições trabalhistas dos fornecedores. O acordo foi assinado em 25 de setembro e prevê multa para a empresa, caso ela não realize a doação ou deixe de cumprir itens do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). A oficina responsável pela produção foi denunciada ao órgão trabalhista pela Polícia Federal, que em 2012 fez diligências para apurar a situação dos vistos de permanência dos estrangeiros no país.

O MPT terá 180 dias para definir as instituições ou órgãos públicos que poderão receber o valor a ser pago pela empresa. A partir de então, a Lojas Americanas deverá repassar a verba em 30 dias. Procurada pelo G1, a empresa informou que não irá comentar o assunto.

Fiscalizações e irregularidades
Segundo o MPT, os trabalhadores bolivianos costuravam peças de vestuário infantil para uma empresa, por encomenda das Lojas Americanas, única cliente e que também comercializava os produtos. A oficina foi montada de forma clandestina por um boliviano, que mantinha parentes na linha de produção e recebia R$ 2,80 para cada peça produzida para a empresa fornecedora. Na sequência, o produto era vendido para a Lojas Americanas.

Os fiscais apuraram que os trabalhadores eram submetidos a jornadas diárias de 12 horas, sem registro em carteira. Além disso, constataram que eles moravam em duas casas com risco de desabamento e higiene precária. No local de trabalho, segundo o MPT, havia riscos de incêndio por causa da ausência de medidas de proteção e saídas de emergência.

Segundo o MPT, a fornecedora recebeu 23 multas pelas irregularidades, entre elas, terceirização ilegal e falta de segurança e saúde do trabalho, e também indenizou cada boliviano em R$ 5 mil pelos danos. A empresa também assinou um TAC, onde se comprometeu a não intermediar a mão de obra para outras empresas.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Ladrões tentam roubar casa e trocam tiros com morador em Ribeirão Preto

Policiais militares conseguiram capturar dois dos quatro suspeitos que tentaram assaltar família no Jardim Sumaré (Foto: Reprodução/EPTV)Dois homens foram baleados durante uma tentativa de assalto a uma casa no bairro Jardim Sumaré, na Zona Sul de Ribeirão Preto (SP), na noite de terça-feira (1º). Segundo informações da Polícia Militar, o dono do imóvel chegou a trocar tiros com quatro ladrões, sendo dois menores. O bando foi preso e um deles foi baleado.

Ainda de acordo com a PM, o filho da vítima também levou um tiro de raspão na cabeça, foi socorrido, mas não corre risco de morrer. O homem, que não quis se identificar por segurança, contou que a família foi abordada quando um dos filhos entrava em casa.
"Meu filho saiu do trabalho e foi buscar meu neto, que estava em casa. Minha esposa e minha filha saíram e, nesse meio tempo, minha filha entrou em casa gritando que estávamos sendo assaltados. Fiquei apavorado e saí para ver o que estava acontecendo", relatou.

Segundo o morador, todos os assaltantes estavam armados com revólveres e entraram dizendo que queriam roubar objetos do imóvel. "Eles foram muito violentos. Mandaram todo mundo deitar no chão e disseram que iriam nos matar. Depois, saíram correndo e atiraram", afirmou.

O homem reagiu ao disparos e  atirou contra os ladrões. Um dos suspeitos foi atingido e levado para uma unidade de saúde, onde recebeu atendimento médico e liberado. Os outros três suspeitos conseguiram fugir, mas foram capturados pela PM no mesmo bairro. Dois homens foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória de Ribeirão e dois adolescentes ao Núcleo de Atendimento Integrado (NAI).

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Helicóptero usado por Dilma tem nova pane ao tentar decolar

Pela segunda vez em menos de uma semana, um dos helicópteros a serviço da presidente Dilma Rousseff sofreu nesta quarta-feira (2) uma pane e não levantou voo.

Dilma tem por hábito usar helicóptero para transporte de distâncias maiores do que o percurso entre o Palácio da Alvorada, sua residência oficial, e o Palácio do Planalto, que é a sede do governo. Ela ia, nesta manhã, por volta das 8h, do Palácio da Alvorada para a Base Aérea de Brasília pegar um voo para Natal (RN), mas acabou sendo forçada a se deslocar de carro.

Em nota, a FAB (Força Aérea Brasileira) afirmou que o helicóptero "apresentou um problema no motor de partida durante o acionamento de um dos motores". "A aeronave não chegou a decolar e não houve qualquer risco à segurança dos ocupantes do H-34, que já se encontra novamente em operação, após ter passado pela devida manutenção", informou o texto.

Na quinta-feira passada (26), uma aeronave do mesmo modelo, H-34 (Super Puma), também apresentou problemas ao tentar decolar, desta vez sem a presidente, do Palácio da Alvorada. Na ocasião, o GSI (Gabinete de Segurança Institucional) informou que o problema aconteceu na bateria que auxilia a partida dos motores.

A FAB disse apenas que o modelo de aeronave usado nesta quarta-feira é o mesmo da semana passada, mas não soube dizer se é o mesmo helicóptero.

Segundo o GSI, o grupo de transportes especiais da Aeronáutica dispõe de duas aeronaves VH-34 (Super Puma) e duas VH-35 (EC135).

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Rosalba é vaiada em discurso e Dilma pede respeito

Autoridades do estado acompanham presidente DIlma em solenidade (Foto: Fernanda Zauli/G1)Chamada para falar ao público na solenidade de inauguração de três Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia no Rio Grande do Norte, a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) foi vaiada nesta quarta-feira (2) em Ceará-Mirim, na Grande Natal.
Durante os quase dez minutos em que discursou, Rosalba ouviu vaias de estudantes insatisfeitos com a gestão estadual. Ao final, a governadora foi defendida pela presidente Dilma Rousseff, que pediu respeito.


"Nós também respeitamos as pessoas, a gente pode discordar delas, mas tem que deixá-las dizer o que pensam. Vamos respeitar a governadora que está aqui. Isso é feio [ao ouvir vaias]. O reitor do IFRN esteve aqui e falou em cidadania, cidadania é respeito. Ninguém respeita quem não se respeita e respeita os outros. Por isso eu cumprimento a governadora Rosalba Ciarlini", afirmou a presidente.

Em sua fala, a governadora exaltou a inauguração dos Institutos Federais de Educação e parabenizou os alunos que receberam os diplomas do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).
Já no fim do discurso, ainda sob vaias, a governadora afirmou que o governo vem se esforçando para tirar o Rio Grande do Norte da posição de "lanterninha" na educação em todo o país. “O tempo é o senhor da razão e a verdade não tardará", disse a líder do Executivo Estadual.

As novas unidades do IFRN inauguradas nesta quarta ficam nos municípios de Ceará-Mirim, São Paulo do Potengi e Canguaretama. Além de inaugurar as unidades, a presidente fez a entrega de certificados de conclusão de cursos profissionalizantes a cerca de 3.500 alunos do Pronatec. Os cursos foram oferecidos pelo IFRN, pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), além de instituições do Sistema S, como Senac, Senat e Senai.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Globo anuncia data da saída de André Marques e Ana Furtado do "Vídeo Show"

Ana Furtado e André Marques celebram o programa 6.000 do "Video Show" André Marques apresentará sua última edição do "Vídeo Show" (Globo) na sexta-feira (4).

O anúncio foi feito pela emissora na tarde desta quarta-feira (2), em comunicado enviado à imprensa.

De acordo com o texto, o programa vai ter um clima de homenagem e relembrar os melhores momentos dele na atração.

André ficou no programa por 13 anos e disse que vai aproveitar a folga para cuidar da saúde.

"Cheguei no 'Vídeo Show' de paraquedas para substituir o grande Miguel Falabella e tive uma ótima oportunidade", disse. "Nesse tempo, descobri que a grande estrela é o programa e as pessoas que o assistem."

"Agradeço o carinho das pessoas que me assistiram nesses anos todos", afirmou. "Volto com novidades em breve e vou aproveitar esse intervalo para cuidar da minha saúde."

Ana Furtado continua à frente do programa até o final deste mês, quando também se despede para se dedicar a novos projetos.

Ela ficou no programa por oito anos, alternando as funções de repórter e apresentadora.

"Foi um prazer e uma honra fazer parte da história do programa!", disse.

O "Vídeo Show", que agora tem direção de núcleo de Ricardo Waddington, está sendo reformulado.

Em novembro, passará a ser apresentado por Zeca Camargo e deve apresentar novidades.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

"Amor à Vida" desiste de suposto incesto

Mudança de rota na novela "Amor à Vida", da Globo.

A partir deste sábado (5) será revelado que o novo administrador do hospital San Magno, Hebert (José Wilker), não é o pai biológico de Gina (Carolina Kasting).

Os dois personagens já iniciaram um envolvimento romântico, o que iria configurar incesto e gerar grande polêmica na novela de Walcyr Carrasco.

Anos atrás, Hebert teve um caso com a mãe de Gina, Ordália (Eliane Giardini). Ele não sabe que a jovem é filha da enfermeira.

Com a revelação, Gina e Herbert darão sequência ao relacionamento, o que deve criar conflito entre a cozinheira e sua mãe.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

HOMEM TEM PERNA ESMAGADA POR CAÇAMBA NA ESTRADA DO RIO ASSU

Na manhã dessa quarta-feira (02), ocorreu um grave acidente na estrada que dá acesso ao Rio Assu. Segundo populares que estavam no local, por volta das 10h, duas pessoas, mãe e filho, que vinham de Ipanguaçu para Assu, caíram da motocicleta Honda Biz de cor vermelha que estavam no mesmo instante que uma caçamba trafegava no sentido contrario passava.
Ainda segundo populares o rapaz ao cair, teve a sua perna esmagada pela roda da caçamba, chegando a girar junto com o pneu. Sua mãe que também caiu da Biz quebrou o braço.
O motorista do caminhão conhecido por Tourinho ausentou-se do local, e segundo seu advogado o mesmo tentou buscar socorro, mais entrou em estado de choque e buscou atendimento no hospital de Assu.
Mãe e filho foram socorridos pelas unidades do SAMU e encaminhados para Mossoró.





Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Inquérito conclui que Amarildo foi submetido a choques elétricos

Major Edson Santos, que comandava UPP da Rocinha, é um dos dez PMs indiciados Foto: Domingos Peixoto / Agência O GloboAmarildo de Souza foi submetido a choques elétricos e asfixiado com saco plástico. Segundo investigação da Divisão de Homícidios, que levou ao indiciamento de dez policiais militares pela morte do ajudante de pedreiro, Amarildo era epilético e não resistiu à sessão de tortura que ocorreu num dos contêineres da UPP. Ainda segundo o inquérito, o major Edson Santos e seus comandados pretendiam arrancar dele informações sobre a localização de armas e traficantes da parte baixa da favela, onde ele vivia com a família. Pelo menos, outros três moradores da comunidade denunciaram que foram torturados dentro da mesma unidade por policiais.

Dez policiais militares, da UPP da Rocinha, entre eles o major Edson dos Santos, foram indiciados pelos crimes de tortura seguida de morte e ocultação de cadáver. Oficial formado pelo Bope, Santos era o comandante da unidade quando ocorreu o sumiço, em 14 de julho. E foi ele quem disse à família de Amarildo que o pedreiro teria deixado a sede da UPP, pouco depois de ter a identidade checada.
A partir do sumiço de Amarildo, foram instaurados quatro inquéritos na Polícia Civil. Enquanto a Divisão de Homicídios conclui a investigação sobre sua morte, a 15ª D (Gávea) apura outros casos de tortura que teriam acontecido durante as investigações da Operação “Paz Armada”, e a Corregedoria de Polícia Civ investiga desvio de conduta durante os primeiros dias de investigações sobre desaparecimento do pedreiro, que levaram ao conflito entre o delegado titulada da 15ª DP, Orlando Zaccone e o seu ex-adjunto Ruschester Marreiros que chegou a pedir, em relatório, a prisão da mulher de Amarildo, Elisabete Gomes da Silva.
A corregedoria da PM também apura paralelamente, inclusive, o desvio de recursos da UPP, que veio à tona em depoimentos colhidos na DH. A parte relacionada ao crime de apropriação indébita vai ficar com a PM.
O promotor do Ministério Público do Rio (MPRJ) Homero Freitas recebeu o inquérito da Divisão de Homicídios na noite desta terça-feira. Ele deve oferecer a denúncia à Justiça nos próximos dias.
Os policiais negam envolvimento no sumiço e dizem que liberaram Amarildo, no dia 14 de julho, depois de constatar que não havia qualquer mandado de prisão contra ele.
Para a sobrinha de Amarildo, Michelle Lacerda, que participou ativamente de campanhas para denunciar o desaparecimento do pedreiro, o caso servirá para que a polícia aprenda a respeitar moradores que vivem em comunidades pobres da cidade:
— A prisão desses policiais servirá para que entendam que na comunidade moram seres humanos, que também têm direitos e que sabem correr atrás para garantir o respeito a esses direitos — afirmou Michelle.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Instituto Butantan testará vacina contra dengue em humanos


O Instituto Butantan, em São Paulo, deve iniciar em novembro a segunda fase clínica de um estudo que busca comprovar a eficácia e a segurança em humanos de uma vacina contra a dengue. A partir desta quarta-feira (2), um grupo de 50 voluntários adultos começará a ser recrutado na capital paulista. No início de 2014, outras 250 pessoas devem ser convocadas.

Essa é a primeira vacina contra a dengue de produção 100% nacional a ser testada em humanos no país. A dose é tetravalente, ou seja, imuniza contra os quatro sorotipos do vírus, e foi desenvolvida há mais de uma década pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos (NIH), chegando ao Brasil por meio de transferência tecnológica – as conversas para isso começaram em 2006. Nos EUA, em uma primeira fase de estudo, a vacina foi testada em 750 indivíduos adultos. Antes disso, cada um dos quatro tipos do vírus foi aplicado separadamente em animais.

As reações adversas encontradas nos americanos foram apenas dor local e erupção cutânea (conhecida como exantema ou rash), o que para os pesquisadores é um bom sinal, pois mostra que o vírus realmente causou uma resposta imunológica no organismo.
Se os próximos resultados forem positivos, a previsão é que a vacina seja aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e possa fazer parte do Programa Nacinal de Imunizações em 2018. Além do Butantan, há outra iniciativa nacional para produção de vacina contra a dengue, encabeçada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em parceria com a farmacêutica GlaxoSmithKline (GSK). Mas essa pesquisa ainda não iniciou testes em seres humanos.
Para a segunda fase de testes do Butantan, houve um investimento de R$ 3,5 milhões, financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), pela Fundação Butantan e pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
Além do NIH, outros parceiros internacionais do Butantan são a Faculdade de Saúde Pública Bloomberg da Universidade Johns Hopkins e a organização Global Solution for Infectious Diseases. No Brasil, além do HC, o Instituto Adolfo Lutz e a própria USP vão colaborar na nova fase de testes. Ao todo, há cerca de 200 pesquisadores envolvidos, segundo o Butantan.

Pesquisadores Esper Kallás e Alexander Precioso (Foto: Luna D'Alama/G1)Kallás (esq.) e Precioso explicaram como será a
2ª fase de testes da vacina (Foto: Luna D'Alama/G1)
Única dose é 'trunfo'
Segundo o pesquisador Alexander Precioso, diretor da Divisão de Ensaios Clínicos e Farmacovigilância do Butantan, a grande diferença entre essa vacina e outras produzidas mundo afora é que ela usa o próprio vírus da dengue modificado por engenharia genética.
Outros trabalhos envolvem o vírus da febre amarela modificado, como o da farmacêutica francesa Sanofi Pasteur; o vírus da dengue "vivo", mas atenuado; o vírus inativado ("morto") ou partes/proteínas específicas do vírus da dengue.

"Nosso trunfo é que uma única dose parece ser capaz de proteger a pessoa contra o vírus. Outros estudos envolvem a aplicação de duas a três doses", compara Precioso. Segundo ele, faz 80 anos que se tenta fabricar uma vacina contra a dengue no mundo, e todo o processo entre o desenvolvimento de uma dose até ela chegar ao público-alvo leva cerca de 15 anos.
"E, mesmo com a vacina, as outras medidas de controle da dengue devem continuar. Esse é um instrumento forte, mas é só mais um, que deve ser associado a outras formas de combate à doença", destacou Precioso.
De acordo com o pesquisador Esper Kallás, professor associado de Imunologia Clínica e Alergia da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), um quarto da população mundial está suscetível à dengue, que provoca milhões de infecções e milhares de morte todos os anos nas regiões tropicais.
Como participar
Entre os critérios para participar da primeira parte do estudo do Butantan, estão: o voluntário (de ambos os sexos) deve morar na cidade de São Paulo, ter entre 18 e 59 anos de idade, não ter tido dengue, não apresentar doenças neurológicas, cardíacas, pulmonares, do fígado ou que comprometam o sistema de defesa do organismo, como diabetes e câncer. Mulheres grávidas, em fase de amamentação ou que pretendam engravidar também não devem se inscrever. Ao todo, cerca de mil pessoas devem ser analisadas para chegar aos 50 voluntários finais.
Após saber todos os detalhes dos testes, receber orientações e tirar dúvidas, os participantes devem assinar um termo de consentimento. Depois disso, eles serão acompanhados ao longo de cinco anos por uma equipe multidisciplinar do Hospital das Clínicas (HC) da FMUSP, formada por médicos, enfermeiros e farmacêuticos. A previsão é que, durante o estudo, os voluntários façam 28 consultas. Esse monitoramento servirá para ver como a resposta imunológica à dengue se mantém ao longo dos anos, e se será preciso aplicar uma dose de reforço.
Interessados devem ligar para os telefones (11) 2661-7214 ou 2661-3344, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. É possível também mandar um e-mail para o endereço vacinadengue@usp.br ou acessar o site www.vacinadengue.com.br.
Mais 250 voluntários
A segunda parte dessa fase da pesquisa terá início em 2014 e envolverá 250 voluntários. Eles serão recrutados por três instituições: a USP de Ribeirão Preto (SP), o HC de São Paulo e o Instituto da Criança, também em São Paulo. Nesse momento, pessoas que já tiveram dengue também poderão participar.
A terceira fase clínica deve começar em 2015, segundo os pesquisadores. Nessa etapa, que envolverá um número maior de pessoas em várias cidades e regiões do país, o objetivo é constatar se a vacina é de fato capaz de provocar a resposta imunológica esperada. É nesse período que ocorre o pedido de registro do produto à Anvisa.
Corrida pela vacina
Atualmente, a pesquisa que está mais próxima de atingir o resultado final é a da francesa Sanofi Pasteur. Em julho, a farmacêutica inaugurou uma fábrica que já começou a produzir doses experimentais da vacina contra a dengue. A planta será capaz de fabricar 100 milhões de doses por ano, segundo a indústria.
Atualmente, a Sanofi Pasteur aguarda a conclusão dos resultados de dois grandes estudos clínicos, que devem sair no fim de 2013 ou em 2014, para entender melhor a eficácia do produto. Cerca de 45 mil pessoas participaram dos testes na Ásia e na América Latina.

Vacina tetravalente contra dengue é 'liofilizada', ou seja, desidratada (fica em pó) para ter mais estabilidade (Foto: Luna D'Alama/G1)

Dengue sintomas (Foto: Arte/G1)

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››

Justiça decreta prisão preventiva de suspeito de atropelamento em Mogi

Paulo Henrique Mogi (Foto: Pedro Carlos Leite/G1)A Polícia Civil de Mogi das Cruzes faz nesta quarta-feira (2) diligências em busca de Paulo Henrique de Oliveira Mota Batista, de 23 anos, um dos motoristas suspeitos de participar de um racha que terminou em um atropelamento e levou à morte de seis pessoas em Mogi das Cruzes (SP). O juiz Robson Barbosa Lima acatou na noite de terça-feira (1º) o pedido de prisão preventiva do auxiliar de escritório.
Batista se apresentou à polícia na segunda-feira, prestou depoimento, mas foi liberado. Ele negou ter chamado o outro motorista para um racha.
Um dos fatores que levaram ao pedido por parte da Polícia Civil é a possibilidade de Batista atrapalhar nas investigações. O delegado Edson Gianuzzi revelou nesta quarta que o suspeito voltou ao local do atropelamento logo após o acidente. "Após o evento, depois de uns 40, 50 minutos, ele teria retornado ao local para tentar se apoderar da placa, tentando frustrar a coleta de provas. É um conjunto de fatores. O fato de estar num racha, e até aceitado a competição, de ter trazido uma fatalidade de seis vítimas. Tudo isso nos levou ao pedido de prisão preventiva”, afirmou o delegado.
O advogado de Batista, Francisco Alves de Lima, afirmou que vai pedir à Justiça a reconsideração da prisão preventiva. "A prisão é injusta porque o rapaz se apresentou à polícia, é réu primário e não tem antecedentes criminais", disse.
O outro motorista, que conduzia o veículo que atropelou as vítimas, Reginaldo Ferreira da Silva, de 41 anos, está preso desde sábado (28), quando o acidente ocorreu. De acordo com a polícia, ele dirigia embriagado e sem habilitação.
Batista é suspeito de disputar um racha com Reginaldo. Gianuzzi está confiante quanto à prisão do suspeito. “Já temos invetigadores em diligência, é questão de tempo até capturá-lo. Eu aconselho que ele se apresente, porque ele se apresentando a defesa dele vai ser muito mais eficaz. Vai ter a oportunidade de dizer novamente como foram os fatos, embora já tenha sido interrogado."
Polícia começou diligências para prisão, diz delegado. (Foto: Pedro Carlos Leite/G1)Polícia começou diligências para prisão, diz
delegado. (Foto: Pedro Carlos Leite/G1)
A Polícia Civil vem monitorando os movimentos do motorista. “Já estivemos na residência dele desde ontem à noite. É certo que desde o momento que ele foi interrogado não voltou mais para casa”, finaliza Gianuzzi.
Depoimento
Depois do depoimento na segunda-feira, Batista foi indiciado por homicídio doloso qualificado.
“Eu não desejo mal nenhum para esse rapaz. Mas ele tem que assumir, tem que ser homem”, disse Geraldino Ferreira Nunes, pai de Jeferson Andrade Nunes, de 17 anos, que morreu atropelado.
Batista disse ao G1 na segunda-feira que não teve responsabilidade no caso. “Não me sinto responsável pelo que aconteceu porque em nenhum momento chamei para o racha. Apenas ultrapassei porque ele estava devagar na pista. Eu estava mais ou menos a 80 quilômetros por hora na hora do acidente”, afirmou na manhã desta segunda-feira.

Reprodução Cidade News Itaú
Leia Mais ››