Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

quarta-feira, abril 19, 2017

Homens ateiam fogo no corpo de suspeito de matar policial militar no Ceará


O corpo de Daniel Amaro da Silva foi vilipendiado durante o velório, realizado na tarde dessa segunda-feira (17), em Morada Nova, a 155 quilômetros de Fortaleza. Homens encapuzados invadiram a casa onde era realizada a cerimônia, expulsaram os parentes e amigos e tocaram fogo no cadáver, após derramar um líquido inflamável.

As informações são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Em nota, a pasta ainda informa que a Delegacia Municipal de Morada Nova apura o caso. Nenhum suspeito do crime foi preso até o momento.

Daniel morreu em confronto com policiais na noite de domingo (16). Segundo relatório do 9º Batalhão da PM, policiais foram acionados após denúncia de que suspeitos de matar o policial Menandro Cavalcante Nunes, de 33 anos, estavam em uma residência do bairro Vazantes, em Morada Nova.

Segundo o relato, Daniel atirou contra a composição, que reagiu e atingiu-o. Ele chegou a ser socorrido ao hospital, mas não resistiu. Com ele, a PM apreendeu um revólver calibre 38, com cinco munições — uma deflagrada. Segundo a SSPDS, Daniel tinha 21 anos e respondia a oito inquéritos policiais, entre roubo, furto, posse ilegal de armas e corrupção de menores

Menandro Cavalcante Nunes havia sido morto na madrugada daquele dia, em uma festa do distrito de Capim Grosso, em Russas. Oito homens armados invadiram o recinto e passaram a disparar. O soldado reagiu, assim como um outro policial que estava na festa. Menandro foi atingido no peito e morreu. Ele era lotado no Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio).

O colega de farda foi atingido de raspão na cabeça e, medicado, já foi liberado. Dois dos suspeitos também foram atingidos e morreram. Um outro participante da festa também foi morto no tiroteio.

Fonte: Tribuna do Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!