Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

domingo, maio 14, 2017

Conmebol pune Felipe Melo com seis jogos de suspensão; Palmeiras vai recorrer

Conmebol pune Felipe Melo com seis jogos de suspensão; Palmeiras vai recorrer

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) puniu o volante Felipe Melo, do Palmeiras, com seis jogos de suspensão por conta da participação dele na briga generalizada com os jogadores do Peñarol, em partida realizada no último dia 26 de abril, em Montevidéu, no Uruguai, pela quarta rodada do Grupo 5 da Libertadores. O volante também foi multado em 10 mil dólares.
Por conta da suspensão preventiva de três jogos, Felipe Melo já estava fora da partida contra o Tucumán, dia 24, em São Paulo. Se o Palmeiras avançar na competição, o volante só estaria liberado para voltar nas semifinais. Assim, ele, que já cumpriu um jogo, ficaria fora também das oitavas e das quartas de final.
O Palmeiras tem sete dias para entrar com recurso. O clube já decidiu que vai recorrer, mas é certo que Felipe Melo ainda ficará fora dos dois próximos jogos, já que havia pego três partidas de gancho como suspensão preventiva. Se o recurso do Verdão for bem sucedido, o volante voltaria a jogar na partida de volta das oitavas de final.
Caso o Palmeiras seja eliminado ainda na fase de grupos (precisaria perder por dois gols de diferença em casa para o Tucumán e ainda ver o Jorge Wilstermann arrancar um ponto do Peñarol no Uruguai), a suspensão passaria a valer na Copa Sul-Americana.
Segundo o site do jornal Ovación, do Uruguai, os jogadores Lucas Hernández, Nahitan Nandez e Matías Mier foram punidos com cinco partidas de suspensão e mais 10 mil dólares de multa.
A punição aos clubes, ainda de acordo com o Ovación, sairá na quarta-feira (17).
A defesa do Palmeiras
O Palmeiras vem sustentando que Felipe Melo e os demais jogadores do Verdão foram "vítimas" de uma emboscada do Peñarol. Os advogados do clube usaram um vídeo que mostra os atletas uruguaios começando a briga logo depois do apito final. Eles afirmam também que os portões que dão acesso aos vestiários estavam trancados, o que, segundo eles, reforça o teor de "emboscada".

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!