RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net ou clique na imagem abaixo

Ouça pelo Listen 2 My Rádio ou clique na imagem abaixo

Imagem relacionada
Loading ...

terça-feira, junho 27, 2017

Corpos em decomposição são localizados em mata próxima a presídio em Manau

Centro de Detenção Provisória (CDPM2) fica na Zona Rural de Manaus; via de acesso ao local recebe fiscalização da Força Nacional (Foto: Ive Rylo/G1 AM)

Dois corpos em avançado estado de decomposição foram encontrados em uma área de floresta próximo ao Centro de Detenção Provisória (CDPM2), no km 8 da rodovia federal BR 174, em Manaus. Eles foram localizados pelo Comando de Operações Especiais (COE), por volta das 10h desta terça-feira (27).
De acordo com a polícia, por conta do avançado estado de decomposição, a estimativa é que as mortes tenham acontecido há cerca de cinco dias.
"Não dá para saber se tem alguma perfuração, no corpo. Quem achou foram as equipes o COE que estão fazendo varredura em todos os presídios, a cerca de 100 metros do perímetro de cada unidade prisional. A varredura é para verificar objetos suspeitos, rota de fuga", disse o delegado do 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Rodrigo Sá.
O Corpo de Bombeiros teve que auxiliar na remoção dos corpos. "Eles foram encontrados em uma área de mata fechada, atrás do CDPM 2, em um barranco, você anda cerca de 100 metros mata a dentro", disse o delegado.
Após a remoção, os corpos foram encaminhados à sede do Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte, para ser feita a identificação.
O caso será investigado pela Polícia Civil. "Pode ser detento, visitante, detentos do semiaberto, nada está descartado. O CDPM 2 é destinado para abrigar o pessoal que estava na Vidal. Não podemos descartar nada", disse Rodrigo Sá.

Barreira da Força Nacional fiscaliza via de acesso a unidade prisional (Foto: Ive Rylo/G1 AM)
Barreira da Força Nacional fiscaliza via de acesso a unidade prisional (Foto: Ive Rylo/G1 AM)

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!