Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

Loading ...

quarta-feira, junho 28, 2017

Descarrilamento de metrô em NY deixa 36 pessoas levemente feridas

Foto cedida pelo Sindicato dos Trabalhadores de Transporte mostra funcionários da Companhia de Transporte Metropolitano de NY no local onde um trem de metrô descarrilou na terça (27) (Foto: Transport Workers Union, Local 100 via AP)

Trinta e seis pessoas sofreram ferimentos leves, nesta terça-feira (27), no metrô de Nova York, depois que um dos trens descarrilou na estação do Harlem, informaram os bombeiros.
O acidente, que aconteceu no meio da manhã na Linha A, fez com que várias pessoas ficassem presas nos trens por mais de uma hora entre as estações das ruas 135 e 125, relatou à AFP um porta-voz da brigada contra incêndios.
"Trinta e seis pessoas tiveram que ser levadas a hospitais nos arredores, todas com ferimentos leves", disse. "Demorou entre uma hora e uma hora e meia para que todas as pessoas pudessem ir à superfície".
A causa do acidente, que continuava causando problemas no tráfego até o fim do dia, não foi revelada. "Estão investigando", afirmou a empresa MTA, que maneja o transporte público em Nova York.

Passageiros são vistos em vagão sem iluminação após descarrilamento de trem do metrô perto da parada da rua 125 no Harlem, em NY, na terça (27) (Foto: Jackie Faherty via AP)
Passageiros são vistos em vagão sem iluminação após descarrilamento de trem do metrô perto da parada da rua 125 no Harlem, em NY, na terça (27) (Foto: Jackie Faherty via AP)

Segundo o novo presidente da MTA, Joseph Lhota, citado pela emissora New York 1, o descarrilamento pode ter sido precedido pela ativação dos freios de emergência do trem por motivos que ainda não foram esclarecidos.
Muitas pessoas entraram em pânico quando os túneis se encheram de fumaça. Isto aconteceu, segundo Lhota, por resíduos que estavam nos trilhos que pegaram fogo com o incidente.
Tudo isto trará à tona a polêmica sobre as condições do metrô de Nova York, que contabiliza mais de 5,6 milhões de viagens diárias, e a necessidade de uma renovação.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!