RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net

Ouça pelo Listen 2 My Rádio

Imagem relacionada
Loading ...
Loading ...

terça-feira, junho 13, 2017

Reservas aproveitam "peneira de luxo", e Brasil goleia a Austrália em Melbourne


 A “peneira de luxo” de Tite para analisar possíveis convocados para a Copa do Mundo teve bons momentos. O Brasil goleou a Austrália por 4 a 0, em Melbourne, gols de Diego Souza (duas vezes), Thiago Silva e Taison, e pôde esclarecer algumas dúvidas do treinador. E ampliar outras. Sem encantar, a equipe se aproveitou do erro adversário nos primeiros segundos, e das mudanças e o cansaço na etapa final, para vencer com segurança. Entre aqueles que precisam cavar lugar na lista, destaque para Rodrigo Caio, Taison e Diego Souza. Jogadores garantidos, ou quase, como Paulinho, Coutinho, Fernandinho e Willian, foram o suporte da equipe enquanto estiveram em campo. David Luiz, como volante, deu assistência para um gol impedido e uma cabeçada na trave, mas mostrou-se impaciente na marcação, com um número excessivo de botes (tentativas de roubar a bola) que resultaram em faltas.

1º TEMPO
Doze segundos, e o Brasil já estava à frente. E olha que a saída de bola foi da Austrália, mas, bisonhamente, o zagueiro Wright errou o passe, Giuliano achou Diego Souza e o atacante fez 1 a 0, com direito a mão mole do goleirão Langerak. Daí para frente, os donos da casa dificultaram a saída de bola brasileira e mostraram qualidade para sair de uma pressão desentrosada da equipe modificada de Tite. A defesa deu conta do recado e, na frente, Coutinho, Giuliano e Diego Souza tiveram bons momentos individuais. A melhor chance foi perdida por Paulinho, após lance pela esquerda escorado pelo atacante do Sport.


2º TEMPO
A Austrália mexeu no time, se cansou, e deu campo ao Brasil, que não perdoou. Com Giuliano centralizado e Coutinho aberto, diferente em relação ao início, o jogo fluiu melhor. Thiago Silva fez o segundo numa jogada toda de zagueiros, e Taison ampliou o placar em lance belíssimo, com participação de Willian, Diego Souza, e assistência de Paulinho. Nos acréscimos, Diego Souza fechou a goleada ao aproveitar escanteio cobrado por Willian. Tite aplaudiu bastante e pôde dar minutos a todos os convocados, menos o goleiro Ederson.


PÚBLICO
O Melbourne Cricket Ground recebeu público de 48.847 pessoas. Praticamente metade das quase 96 mil que assistiram à derrota para Argentina, na última sexta-feira.

PRÓXIMOS JOGOS
O Brasil voltará a campo agora pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Líder e classificada, a equipe receberá o Equador, em Porto Alegre, no dia 31 de agosto. Logo depois, em 5 de setembro, vai enfrentar a Colômbia, na cidade de Barranquilla.

PRIMEIRA VEZ
Diego Souza, em dose dupla, e Taison marcaram seus primeiros gols pela seleção brasileira. Ambos disputam uma vaga na Copa do Mundo. O atacante do Sport, que fez o gol mais rápido da história da Seleção nesta terça (o recorde anterior pertencia a Neymar, na Olimpíada do Rio), tem um duro rival pela frente: Roberto Firmino. Já o veloz jogador do Shakhtar Donetsk teve uma passagem melhor do que a de Douglas Costa, seu concorrente direto, nesses amistosos em Melbourne.


ZAGUEIROS?
O segundo gol do Brasil teve finalização de David Luiz e assistência de Rodrigo Caio antes que Thiago Silva completasse para a rede. Tudo de cabeça, todos zagueiros.


SUPER WILLIAN
Ao entrar no segundo tempo, ele abriu ainda mais vantagem na lista de jogadores que mais atuaram desde a Copa do Mundo de 2014. Agora, o meia do Chelsea participou de 35 dos 37 jogos da seleção brasileira entre agosto de 2014 e junho de 2017.


Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!