Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

quinta-feira, julho 27, 2017

Adolescente de 14 anos com deficiência mental morre espancado pelo padrasto, diz polícia

Um adolescente de 14 anos, com deficiência mental, morreu nesta terça-feira (25) após ser espancado dentro de casa no bairro Vila Industrial, na zona leste de São José dos Campos. Segundo a Polícia Civil, o principal suspeito é o padrasto do menino. Ele foi preso e confessou o crime à polícia.

Agressão a adolescente de 14 anos aconteceu na casa da família (Foto: Reprodução/TV Vanguarda)
Agressão a adolescente de 14 anos aconteceu na casa da família (Foto: Reprodução/TV Vanguarda)

O espancamento teria acontecido por volta do meio-dia de terça. O padrasto, de 19 anos, teria trancado a mãe do adolescente, de 30 anos, e outros dois filhos dela em um quarto. A vítima foi levada para outro cômodo, onde ocorreram as agressões.
Segundo a avó do menino, que preferiu não ser identificada, o padrasto era agressivo e essa não foi a primeira vez que ele bateu no adolescente - os irmãos da vítima também apanhavam do companheiro da mãe. Por causa do problema, o pai da vítima tinha a guarda provisória dele no começo deste ano. Ele passava férias com a mãe.
A primeira informação recebida pela polícia sobre o caso dava conta que o adolescente havia apanhado de populares em uma rua do bairro. No velório dele, os agentes começaram a desconfiar da versão e chegaram ao padrasto do adolescente. A princípio, a mãe não é alvo do inquérito.
O padrasto já tem passagem pela polícia por roubo e estava junto com a mãe do adolescente há pouco mais de um ano. Ele deve ser indiciado por homicídio triplamente qualificado.
Óbito
Após ser espancado, o adolescente foi levado pela mãe para o pronto-socorro do hospital da Vila Industrial, onde foi encaminhado para o centro cirúrgico, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 16h. A administração do hospital acionou a polícia, que foi até o local e deu início às investigações.
A mãe do adolescente e o padrasto foram retirados do velório da vítima na tarde desta quarta-feira (26) para serem ouvidos na delegacia.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!