Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

segunda-feira, julho 03, 2017

Com dois de Fred e apagão, Galo vira sobre o Cruzeiro e passa rival na tabela


No quinto encontro entre Atlético-MG e Cruzeiro nesta temporada, os dois principais rivais mineiros fizeram mais um grande clássico. Após 90 minutos de muita emoção, entradas ríspidas e belas jogadas, melhor para o Galo, que virou sobre o Cruzeiro e venceu o jogo por 3 a 1, no Independência, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Thiago Neves colocou o time azul em vantagem, logo aos cinco minutos no primeiro tempo, aproveitando início ruim do Galo. No entanto, ainda na primeira etapa, Cazares, em bela cobrança de falta, e Fred, viraram o jogo. Após o intervalo, os autores dos gols do trabalharam juntos, com o equatoriano mandando uma bola na medida para o camisa 9 fechar o placar.

PRIMEIRO TEMPO
A tarde começou da pior maneira possível para os atleticanos. Maioria no Horto, viram Leonardo Silva sentir uma lesão muscular logo aos três minutos e dar lugar a Bremer. Para piorar, dois minutos depois, Alisson cruzou e Thiago Neves guardou o primeiro do jogo. O próprio meia quase ampliou aos oito, em cobrança de falta defendida por Victor.

Completamente superior em campo, o Cruzeiro diminuiu o ritmo, proporcionando ao Atlético-MG a chance de crescer na partida. A última chance da equipe azul na etapa foi em cruzamento rasteiro, que Gabriel quase marcou contra. A partir daí só deu Galo, que encurralou o Cruzeiro. Aos 29, Cazares chutou para o gol, e a bola pegou no braço de Diogo Barbosa, mas Anderson Daronco nada marcou. A pilha com a arbitragem resultou em vontade dos jogadores e virada ainda no primeiro tempo. Aos 47, Cazares cobrou falta com perfeição e deixou tudo igual. Dois minutos depois, Alex Silva foi até a linha de fundo e cruzou para Fred só empurrar para às redes e colocar o time alvinegro na frente.


SEGUNDO TEMPO
O ritmo eletrizante do primeiro tempo deu lugar a um jogo mais cadenciado na segunda etapa. Com a vantagem, o Atlético-MG administrou a vantagem e se fechou, com Roger Bernardo, Yago e Elias. Com campo, o Cruzeiro não conseguiu manter o ritmo do início do primeiro tempo e se mostrou sem reação. Para alterar o time, Mano Menezes colocou Ábila e Elber, mas de nada adiantou.

De olho nos contragolpes, o Galo encontou a chance que queria aos 33 minutos. Pela direita, Cazares passou por Léo e achou Fred sozinho na segunda trave. O camisa 9 só teve o trabalho de deslocar Fábio e partir para o abraço, matando o jogo. Antes do fim, para completar o clássico quente no Horto, a luz do estádio acabou, paralizando a partida por cerca de dez minutos. Foi início da festa atleticana.


LEI DO EX SEGUE EM ALTA
Autor de dois gols, Fred foi um dos destaques no clássico deste domingo. Já são três tentos diante do Cruzeiro, ex-clube do atacante. Nesta temporada, ele já balançou as redes 22 vezes.


MAESTRO CAZARES
Juanito vive ótima fase pelo Atlético-MG. No clássico de hoje, ele empatou e deu belo passe para Fred fazer o terceiro e decretar a vitória do Galo. Até aqui, são 8 gols e 14 assistências na temporada.


E A TABELA? COMO FICA?
Com os três pontos, o Atlético-MG superou o rival na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, chegando aos 16 pontos e no sétimo lugar. O Cruzeiro caiu para 13º, com 14.

BOA FASE, MAS NÃO SUFICIENTE PARA A VITÓRIA
Thiago Neves também vive boa fase pelo Cruzeiro. Foi dele o gol que abriu o placar no Independência. É o segundo diante do Atlético e o 10º na temporada. Porém, o tento não foi suficiente para evitar a derrota da Raposa, por 3 a 1.


AGENDA
Atlético-MG e Cruzeiro voltam a campo no próximo domingo e jogam às 16h (de Brasília). Em Belo Horizonte, a Raposa recebe o Palmeiras, no Mineirão, enquanto o Galo vai até o Engenhão para encarar o Botafogo. Coincidentemente, são os mesmos confrontos das quartas de final da Copa do Brasil.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!

RadiosNet