RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net ou clique na imagem abaixo

Ouça pelo Listen 2 My Rádio ou clique na imagem abaixo

Imagem relacionada
Loading ...

segunda-feira, julho 03, 2017

Com pênalti irregular, Sport vence o desfalcado e inoperante Atlético-PR


Personagem do Sport na semana por conta de uma proposta do Palmeiras, o meia Diego Souza foi o grande nome do jogo deste domingo do Leão contra o Atlético-PR. Ele não participou muito do jogo, mas foi decisivo ao converter o pênalti irregular que deu a vitória por 1 a 0 ao Sport. O Furacão pouco criou na Ilha do Retiro e ficou limitado a buscar contra-ataques, que não apareceram durante os 90 minutos.

COMO FICA?
Com a vitória, o Sport chega aos 15 pontos e ganha quatro posições na tabela. Agora é o 11º. Já o Furacão, fica com 10 pontos, perde dois lugares e está em 14º neste momento.

PRIMEIRO TEMPO
Fazendo valer o mando de campo, o Sport tentou construir uma vantagem positiva logo no começo do jogo. O Leão pressionou muito o Atlético-PR, que se preocupou primeiramente em defender para achar um contra-ataque. A estratégia foi boa por partes, já que os pernambucanos não acharam o gol, mas eles sequer chutaram no gol de Magrão. O Sport teve boas chances com Osvaldo, obrigando Weverton a defender, André, acertando a trave e Patrick e Rithely, em chutes para fora.

SEGUNDO TEMPO
A segunda etapa foi mais truncada. Sem a mesma velocidade, o Sport sofreu para chegar no gol de Weverton. André, que participou bem da primeira etapa, praticamente só assistia o jogo. As coisas começaram a melhorar na etapa final. Até então sumido, Diego Souza quase marcou de cabeça e no lance seguinte Rogério conseguiu um pênalti para o Leão. Com muita categoria, Diego Souza cobrou sem chances para Weverton, fez 1 a 0 e garantiu a vitória.

NÃO FOI
O jogo foi resolvido em um pênalti inexistente que Diego Souza converteu. O chute de Rogério que gerou o lance bateu na cabeça e no coxa do zagueiro Wanderson, que estava com os braços abertos.

FICA, DIEGO!
A torcida do Sport está disposta a segurar o meia Diego Souza na Ilha do Retiro. E vão apelar para a emoção. Assim que o time do Leão entrou em campo, os rubro-negros cantaram em alto e bom som o coro "Fica, Diego!", deixando de lado até o tradicional Cazá, Cazá e ignorando a execução do Hino Nacional Brasileiro. Durante o jogo, logo depois do seu gol, e no fim da partida, ele foi ovacionado pelos rubro-negros na arquibancada.

ABRAÇADO
O técnico Eduardo Baptista, ex-comandante do Sport, foi muito bem recebido na Ilha do Retiro neste domingo. Quando entrou em campo e se dirigiu para o banco de reservas, foi aplaudido pelos torcedores e retribuiu os gestos. Já em seu posto, foi abraçado pelos sete jogadores do Sport que trabalharam com ele no Recife. E também pelo atacante Osvaldo, que comandou no Fluminense.

VAIADO
Se Eduardo foi bem recebido na Ilha, o mesmo não se pode dizer de Grafite. Ídolo do Santa Cruz, o camisa 23 do Furacão foi muito vaiado e xingado quando entrou em campo para o aquecimento. Com a bola rolando, os torcedores do Sport vibraram muito com cada bola perdida pelo rival.

PÚBLICO E RENDA
Público: 11.031 torcedores
Renda R$ 253.766,00

Os próximos compromissos de Sport e Atlético-PR serão por competições internacionais. Na quarta-feira, pela Libertadores, o Furacão recebe o Santos, no Estádio Durival de Brito, em Curitiba. Na quinta, pela Sul-Americana, o Leão joga contra o Arsenal de Sarandi (ARG), na Ilha do Retiro.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!