Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

domingo, julho 23, 2017

Duas pessoas morrem e três ficam feridas após serem atingidas por descarga elétrica em Salvador

Dois homens morreram e três pessoas ficaram feridas, entre elas uma criança de dois anos, após serem atingidas por descarga elétrica no bairro de Plataforma, em Salvador, no início da tarde deste sábado (22). Das cinco vítimas, quatro eram da mesma família, incluindo as duas pessoas mortas.
Os dois homens que não resistiram à descarga elétrica foram identificados como Juarez Araújo da Silva, 47 anos, e Carlos Alberto da Silva Souza, 24 anos, cunhado de Juarez. Os feridos foram identificados como Sidney Souza de Santana, parente de Juarez, a criança J.G., de dois anos, filho de Juarez, e Aureliano Fonseca dos Santos, que é vizinho da família.

Uma das vítimas tentou usar cano de ferro para liberar o sofá dos fios, quando o cano tocou em cabo de alta tensão (Foto: Ramon Ferraz/TV Bahia)
Uma das vítimas tentou usar cano de ferro para liberar o sofá dos fios, quando o cano tocou em cabo de alta tensão (Foto: Ramon Ferraz/TV Bahia)

A família de Juarez estava se mudando do bairro de Paripe para a Rua Iguaçu, em Plataforma, neste sábado. Eles estavam tentando puxar um sofá pela varanda da nova casa, quando o móvel ficou preso em fios de baixa tensão. Para tentar soltar o sofá, Carlos Alberto utilizou um cano de ferro, que acidentalemnte encostou em um fio de alta tensão, provocando a descarga elétrica. Quando as outras pessoas tentaram ajudar, também foram eletrocutados.
As três pessoas que sobreviveram foram socorridas por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Elas foram encaminhadas para o Hospital do Subúrbio, entetanto não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.
O Corpo de Bombeiros, que também foi acionado para atender a ocorrência, informou que, ao chegar ao local, constatatou dois óbitos e duas vítimas feridas. Mais tarde, um terceiro ferido foi confirmado. Ainda segundo a corporação, o Samu já estava realizando o atendimento médico e os bombeiros não precisaram atuar na ocorrência.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!