Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

domingo, julho 02, 2017

Polícia colombiana prende 9º suspeito de atentado terrorista em Bogotá

O atentado deixou 3 mortos e 8 feridos em um shopping de Bogotá em junho (Foto: AP Photo/Ricardo Mazalan)

As autoridades colombianas prenderam uma nona pessoa suspeita de ter participado do atentado terrorista que deixou três mulheres mortas e oito feridos no shopping Andino, em Bogotá, informou nesta sexta-feira (30) o Ministério Público do país. A identidade do detido não foi revelada.
O MP assegura ter provas para vincular o detido ao grupo Movimento Revolucionário Popular (MRP), que as autoridades suspeitam estar por trás do atentado.
Os outros oito suspeitos estão presos, após decisão do juizado penal de Bogotá. Os quatro homens e as quatro mulheres deverão responder pelos crimes de terrorismo, associação criminosa, homicídio e porte ilegal de armas.
Uma bomba foi colocada atrás de um vaso sanitário de um banheiro feminino do shopping e explodiu, matando a francesa Julie Huynh, de 23 anos, que trabalhava como voluntária em um colégio público da cidade, e as colombianas Ana María Gutiérrez, de 27 anos, e Lady Paola Jaime, de 31.
"A procuradoria capturou a nona pessoa vinculada ao atentado", disse a vice-procuradora-geral do país, María Paulina Riveros, em uma coletiva de imprensa. Ela esteva acompanhada do prefeito de Bogotá, Enrique Peñalosa, e do diretor da polícia, general Jorge Hernando Nieto.
O prefeito de Bogotá afirmou que as detenções conduzirão a resultados "muito em breve" e disse que os cidadãos colombianos podem ficar tranquilos. "A nossa democracia e as suas instituições ganharam outra batalha".

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!