RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net ou clique na imagem abaixo

Ouça pelo Listen 2 My Rádio ou clique na imagem abaixo

Imagem relacionada
Loading ...

quinta-feira, julho 13, 2017

Vasco vence o Vitória, deixa abatimento de lado e crava primeiro triunfo fora


O Vasco deixou de lado o abatimento após a derrota para o Flamengo e a confusão com a torcida em São Januário, na última rodada, e conseguiu nesta quarta-feira, no Barradão, sua primeira vitória fora de casa no Campeonato Brasileiro. A equipe bateu o Vitória por 4 a 1 e chegou a 19 pontos na competição, no sétimo lugar. O zagueiro Kanu marcou dois gols, um contra e um a favor, os atacantes Thalles e Paulo Victor e o meia Guilherme decretaram a vitória da equipe cruz-maltina. O Rubro-Negro permanece com 12 pontos, na zona de rebaixamento - 17º lugar.

PANORAMA
Na próxima rodada, domingo, dia 17 de julho, às 11h, o Vitória enfrenta o Palmeiras, em São Paulo. O Vasco, às 16h, enfrenta o Santos no estádio Nilton Santos. A equipe cruz-maltina não pode jogar em São Januário, que está interditado após o conflito ocorrido com torcedores no clássico com o Flamengo, na última rodada. O clube será julgado na segunda-feira e corre o risco de multa e perde de mandos de campo.

PRIMEIRO TEMPO
Aplicado, o Vasco começou a partida com muita intensidade e uma postura ofensiva, o que deixou o jogo bastante aberto. O primeiro lance de emoção foi com Rafael Marques, que acertou o travessão em cabeçada após escanteio. Era um ensaio. O gol saiu pouco depois, aos, 13. Escudero pegou um rebote e bateu cruzado para o meio da área, e Kanu desviou para o próprio gol: 1 a 0 Vasco. Em desvantagem, o Vitória passou a tentar pressionar mais o adversário no campo de defesa. Teve chances claras, mas não conseguiu vencer Martín Silva, primeiro com Carlos Eduardo, que desviou cruzamento rasteiro com o bico da chuteira, depois com André Lima, com o gol aberto, e por último Renê após bate-rebate dentro da área. 

SEGUNDO TEMPO
Na segunda etapa, o Vitória aumentou a pressão para tentar a reação. O Vasco manteve a estratégia de se fechar e buscar os contra-ataques. André Lima teve uma chance ao desviar um cruzamento, mas a bola foi fraca e facilitou a defesa de Martín. Em uma das poucas jogadas bem tramadas, Wagner tinha um ataque promissor, mas o árbitro marcou erradamente um impedimento. O esforço do Rubro-Negro veio aos 25. Kanu, que havia marcado contra, desta vez fez certinho. O zagueiro aproveitou o cruzamento de Patric e mandou no canto esquerdo do goleiro cruz-maltino. Não durou muito a igualdade. Quatro minutos depois, aos 29, Guilherme deu ótimo passe para Thalles, que driblou o goleiro Fernando Miguel e mandou de perna esquerda para a rede: 2 a 1 para os visitantes. Nos acréscimos o Vasco ainda conseguiu ampliar. Aos 46, o garoto Paulo Victor, que entrou no lugar de Thalles, recebeu sozinho e tocou por cobertura, vencendo Fernando Miguel. Aos 49, Guilherme recebeu dentro da área, se livrou da marcação e fechou a primeira vitória vascaína fora de casa: 4 a 1. 

KANU TÁ EM TODAS
Em todo lugar do campo que a torcida olhava, lá estava Kanu. O zagueiro do Vitória fez de tudo na derrota para o Vasco, nesta quarta-feira. Gol contra, gol a favor, levou cartão amarelo, discutiu... 

BASE RESOLVE
A vitória do Vasco por 4 a 1 no Barradão teve participação decisiva de jogadores formados na base do clube. Thalles, Paulo Vitor e Guilherme marcaram e ajudaram a equipe a conseguir o primeiro triunfo fora de casa na competição. A partida teve também a estreia do atacante Paulinho, de apenas 16 anos, que ficou em campo nos últimos quatro minutos.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!