Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

quinta-feira, agosto 10, 2017

Velhinho é suspeito de fingir estar passando mal para facilitar ação de assaltantes

Você já viu esse velhinho na rua? Já se compadeceu pelas feições de autopiedade? Já parou para se compadecer com sua comiseração, estampada no rosto emoldurado pelos fios brancos que lembram uma solitária brisa do Ártico? Cuidado! Você pode estar sendo vítima de um golpe.

Desde o inicio da semana, proliferam relatos de pessoas que se depararam com esse velhinho, que se identifica como ‘Seu Luiz Antônio’. Ele aparece em circunstância de estar passando mal e, tão logo é socorrido, aparecem assaltantes para alvejar todos enredados na cena, menos o velhinho.

A reportagem conseguiu localizar uma das vítimas. Ela, que pediu para não ser identificada, deu a sequência do golpe:

1) O velhinho surge na rua exibindo dificuldades para se movimentar e simula passar mal;
2) Quem vai socorrê-lo se propõe a levá-lo ao destino que ele aponta;
3) Com dificuldade, as pessoas tentam colocar “Seu Luiz Antônio” dentro do carro. “Foi uma demora enorme. Uma cena para instalá-lo no meu carro. Primeiro uma perna, depois lentamente outra”, narra a vítima.
4) Nesse momento, aparecem dois homens armados que assaltam as pessoas que foram prestar socorro ao velhinho.
“O que eu achei estranho é que levaram as minhas coisas e a do outro rapaz que parou para socorrer esse velhinho, mas não mexeram com ele”, relata a vítima, que foi alvo da ação no bairro de Candelária, na manhã de segunda-feira (7).

De acordo com ela, ‘Seu Luiz Antonio’ negou ter participação no esquema. Ela o deixou nas imediações da Avenida Prudente de Morais e seguiu para a delegacia para prestar queixa. Os bandidos levaram suas joias, e a moto e o celular do outro homem que tentava ajudar o velhinho.

“Foi na terça-feira que comecei a receber relatos idênticos aos meus. Outras pessoas narrando terem passado pela mesma coisa que eu. Foi quando a ficha caiu que foi um golpe mesmo”, diz a vítima, que recebeu imagens de ‘Seu Luiz Antônio’ circulando em Macaíba, nas mesmas condições de autopiedade.

velhinho golpe 2

Golpe

Em outro relato, o corretor de seguros Pedro Gurgel narra que só não ficou no prejuízo porque não encontrou ‘Seu Luiz Antônio’ para entregar os R$ 2.700,00 que arrecadou.

“Eu o encontrei próximo à Unicat, quando meu carro se aproximou, ele parou de andar e se escorou na parede. Parei e perguntei se ele precisava de ajuda”, conta o corretor.

Daí em diante, o velhinho entrou no carro e contou que precisava de uma medicação que não tinha na Unicat. Estava com uma bengala e um terço e se disse aflito pela falta de medicação. Pedro pegou a receita médica e ligou para amigos representantes farmacêuticos.

“Mas ninguém tinha. Então peguei o endereço dele e fiz uma campanha para arrecadar dinheiro. Quando fui entregar, o endereço que ele me deu, em Ceará- Mirim, não existe”.

Pedro ainda foi a hospitais e a igreja. Ele, que tinha feito uma foto do velhinho dentro de seu carro, saiu exibindo a imagem e perguntando se alguém o conhecia. “Ninguém tinha visto esse homem por lá”.

Polícia apura

Com pelo menos um procedimento aberto contra ‘Seu Luiz Antonio’, a Polícia Civil investiga o caso.

Em contato com a reportagem, a assessoria de imprensa do órgão informou que um levantamento será feito para tentar dimensionar as vítimas alvo das mesmas circunstâncias.

Quem tiver informações que ajudem a elucidar o caso, pode ligar o disque denúncia, através do 181.

Fonte: Portal no Ar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!