Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

quarta-feira, agosto 09, 2017

Energia elétrica sobe 6,0% e tem maior impacto individual no IPCA de julho

A energia elétrica ficou 6,0% mais cara em julho, o que levou o item a responder pelo maior impacto sobre a inflação do mês, o equivalente a 0,20 ponto porcentual para a taxa de 0,24% registrada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no período, conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O aumento decorreu da entrada em vigor da bandeira tarifária amarela, a partir de 1º de julho, representando uma cobrança adicional de R$ 2,00 a cada 100 KW/h consumidos. Houve ainda contribuição do aumento na parcela do PIS/Cofins na maioria das regiões pesquisadas, além do reajuste de 7,09% em Curitiba, a partir de 24 de junho, e de 5,15% em uma das concessionárias de São Paulo, em vigor desde 4 de julho.

Como resultado, o grupo Habitação saiu de uma queda de 0,77% em junho para um avanço de 1,64% em julho. Também pesou no bolso das famílias o aumento de 1,21% na taxa de água e esgoto, sob influência de reajustes nas regiões metropolitanas de Fortaleza (11,27%) e de Porto Alegre (1,90%).

Fonte: Estadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!