Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

quinta-feira, agosto 03, 2017

Grêmio sofre, joga mal, mas conta com "lei do ex" e afunda mais o Atlético-GO na lanterna

O resultado foi fundamental, mas o fato é que o rendimento do Grêmio não lembrou em nada as últimas apresentações do vice-líder do Brasileirão. O Tricolor jogou mal na noite desta quarta-feira, no Estádio Olímpico. Encontrou muitas dificuldades contra o Atlético-GO, que por detalhes não abriu o placar no primeiro tempo. Mas se aproveitou da "lei do ex", com gol marcado pelo volante Michel, campeão da Série B no ano passado pelo Dragão, para se manter na caça do Corinthians.


A TABELA
A vitória deixa o Grêmio com 36 pontos, na segunda colocação. Já o Dragão segue na lanterna, com 12 pontos.


Na próxima rodada, o Atlético-GO fecha o primeiro turno contra o Fluminense, no sábado, às 19h, no Maracanã. Já o Grêmio enfrenta o Atlético-MG, na Arena, às 16h de domingo.


PRIMEIRO TEMPO
Parecia que o lanterna Atlético-GO na verdade era o vice-líder. Dominou o Grêmio, que parecia sem intensidade e sem querer jogar no primeiro tempo. E esteve muito próximo de abrir o placar. Parou em grande defesa de Marcelo Grohe e depois no travessão. Apesar do 0 a 0, quem merecia sair com o placar positivo era o Dragão. Mas faltou efetividade.

SEGUNDO TEMPO
Na etapa final, o jogo ganhou em emoção. Walter, duas vezes, levou perigo ao gol de Marcelo Grohe. Fernandinho apareceu no jogo e tornou-se o jogador mais lúcido do Tricolor. As dificuldades e o rendimento abaixo do normal se manteve. Mas o Grêmio martelou e conseguiu seu gol em cobrança de escanteio curto. Léo Moura enfiou bola na área, Lincoln só rolou e Michel anotou o gol para dar a vitória ao Tricolor.

LEI DO EX
Michel fazia seu primeiro jogo em Goiânia após sua passagem pelo Atlético-GO no ano passado. Justamente pelo destaque na campanha do título do Dragão na Série B, acabou contratado pelo Grêmio. E a lei do ex... Ah, ela pouco falha! O volante escorou para o gol vazio e nem comemorou muito. Segundo ele mesmo, por respeito ao clube goiano.

QUE PINTURA
Walter esbanja categoria, independente das questões físicas que sempre está envolvido. Nesta noite, comandou o ataque do Dragão, ditou o ritmo e ainda, de quebra, deu uma bela caneta em Kannemann.

QUASE DO DRAGÃO
No primeiro tempo, o Atlético-GO merecia - e muito - a vitória. Por detalhes, não abriu o placar. Em cobrança de falta de Andrigo, Roger Carvalho desviou e acertou o travessão de Grohe. Alguns centímetros e a história da partida poderia ser diferente.

Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!