RÁDIO CIDADE AO VIVO

sexta-feira, abril 14, 2017

Brasil já registra suicídios e mutilações ligados ao jogo ‘Baleia Azul’


Não bastassem as recentes tentativas de suicídio envolvendo estudantes da USP e toda a polêmica envolvendo a recém-lançada série “13 Reasons Why” (algo como 13 razões pelas quais), da Netflix, uma nova brincadeira macabra tem sido registrada em vários Estados brasileiros.

Trata-se de um suposto jogo de incentivo ao suicídio, o “Blue Whale”, ou o desafio da Baleia Azul, que teve origem nas redes sociais da Rússia.

Nele, os adolescentes são previamente selecionados para participar de 50 desafios, cumprindo tarefas que incluem escrever frases e fazer desenhos com lâminas na palma da mão e nos braços, assistir a filmes de terror de madrugada, subir no alto de um telhado ou edifício, escutar músicas depressivas, mutilar partes do corpo. A última “missão” é a morte.

Ao menos três Estados brasileiros (Mato Grosso, Minas Gerais e Paraíba) estão investigando casos de suicídio e de mutilações relacionadas ao jogo.

Em Vila Rica (MT), uma menina de 16 anos cometeu suicídio na terça (11). Segundo a polícia, ela deixou duas cartas onde falava sobre as regras e a cronologia das ações a serem cumpridas e também apresentava alguns cortes nos braços e coxas.

À revista “Veja”, a mãe da garota relatou que a filha havia mudado de comportamento nos últimos dois meses e que encontrou um papel em que a estudante havia escrito com a própria letra regras a serem cumpridas, como “abrace os seus pais e diga a eles que os ama”, “peça desculpas”, “tire a sua vida”. O documento está com a polícia.

Em Pará de Minas (MG), a polícia investiga a morte de um jovem de 19 anos que, segundo a família, também estava participando do “Baleia Azul”. À polícia, a mãe do jovem relatou que ele vinha tentando deixar o grupo, mas sofria uma pressão muito grande e nos últimos dias agia de forma estranha.

Afirmou ainda que ele já tinha cumprido alguns desafios, como tirar uma fotografia assistindo a um filme de terror, filmar a ele mesmo no alto de um edifício e chegou a se cortar tentando desenhar uma baleia no braço com uma lâmina de barbear quebrada, desafio que não terminou.

A Polícia Civil mineira, que investiga o caso, diz que o grupo que Gabriel participava está sendo investigado e foram encontrados participantes com idades entre 10 e 20 anos de todos os Estados brasileiros.

Na Paraíba, o setor de inteligência da Polícia Militar abriu na terça-feira (11) uma investigação para apurar a participação de estudantes de João Pessoa no “desafio da Baleia Azul”. As denúncias são de que alunos de uma escola da capital estariam participando do grupo e já teriam realizado “tarefas” de automutilação.

Essa é uma situação muito séria. E é preciso um especial cuidado na forma como essas notícias estão sendo divulgadas. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), quando o assunto é veiculado ao público de modo adequado, pode ocorrer o efeito de prevenção de mortes e discussão saudável.

Por outro lado, quando feito de modo descuidado, o resultado pode ser exatamente o oposto. Um manual da OMS orienta, por exemplo, que devem ser evitadas descrições do método usado para provocar a morte.

O número de suicídios entre jovens tem aumentado em todo o mundo e, na maioria dos casos, há algum transtorno mental associado, em geral, a depressão.

Por isso, pais, muita atenção com seus filhos adolescentes, especialmente quando apresentarem mudanças bruscas de comportamento. Nos dois casos relatados acima, no Mato Grosso e em Minas, os jovens deram sinais de havia algo errado. Infelizmente, não houve tempo hábil para nenhuma intervenção.

O “desafio da baleia azul” é também um caso de polícia. Instigar uma pessoa ao suicídio é crime, passível de pena de dois a seis anos de prisão. Se souber de grupos incentivando o jogo, denuncie.

E, por fim, não custa lembrar que o CVV (Centro de Valorização da Vida) presta um serviço incrível por meio do telefone 141. Também é possível entrar em contato e receber apoio emocional via internet, a partir de email, chat e Skype 24 horas por dia

Fonte: Folha Press
Leia Mais ››

Decano da corrupção diz que esquema existe há 30 anos


Em depoimento ao Ministério Público Federal (MPF), como parte do acordo de delação premiada, o empresário Emílio Odebrecht, ex-presidente executivo e atual presidente do conselho de administração da empreiteira Odebrecht, disse que o esquema descoberto pela Operação Lava Jato ocorre há mais de 30 anos na relação da construtora com a classe política.

Ao descrever aos procuradores da força-tarefa da Lava Jato como se dava a relação dele com a classe política, Emílio Odebrecht afirmou que a troca de favores entre os políticos e as empresas é algo “institucionalizado” no país há décadas.

“O que nós temos no Brasil não é um negócio de cinco ou dez anos. Estamos falando de 30 anos. [Me referi] ao sistema de fazer política. Tudo que está acontecendo é um negócio institucionalizado. Uma coisa normal, em função de todos esses números de partidos [envolvidos]”, disse Odebrecht.

Patriarca da maior construtora do país, Emílio Odebrecht disse ainda que, apesar de ter deixado a presidência executiva do grupo em 2002, cuidava pessoalmente das demandas da empresa com presidentes.

“Desde 2002, vinha lutando para passar [o relacionamento] com o [presidente da] Venezuela, Hugo Chaves, com o José Eduardo Santos, presidente de Angola, e o [ex-presidente] Lula para Pedro Novis [atual presidente-executivo do grupo] e para o Marcelo [Odebrecht, que presidia o grupo até ser preso na Lava Jato]. Com essas pessoas com quem eu, não tendo tido a oportunidade de poder transferir a relação, uns não aceitavam, outros pelo convívio de 35 anos, não quiseram, continuei dando apoio a essas pessoas”.

Em seu depoimento, Emílio Odebrecht também criticou a imprensa que, segundo ele, tem agido com “demagogia”. “Eles [partidos] brigavam era por cargos? Todo mundo sabia que não era. Era por orçamentos gordos. Ali que se colocava os partidos e seus mandatários com a finalidade de arrecadar recursos”, disse.

“Há 30 anos que se faz isso e o que me surpreende é quando eu vejo todos esses poderes, a imprensa, tudo como se isso fosse uma surpresa. Me incomoda isso. Não exime em nada a nossa responsabilidade, a nossa benevolência, nada do que nós praticamos, mas passamos a olhar isso como normalidade, porque 30 anos é difícil as coisas não passarem a serem normais”, disse Emílio Odebrecht na delação premiada.

Diante da relação promíscua com o poder público no Brasil, segundo ele, era praxe dentro da organização que os diretores tivessem experiência em subsidiárias da companhia no exterior para conviverem com “concorrência de verdade”. “Todos os companheiros da organização já passaram pelo exterior para ter uma visão de mundo. Conviver com concorrência efetiva, real. Disputa baseado em produtividade. Porque nos outros países, principalmente no Brasil, não se fazia muita engenharia”, disse.

Fonte: Portal Noar
Leia Mais ››

Delator diz que Odebrecht usou notas frias em sítio usado por Lula


O delator Alexandrino Alencar, ex-diretor de relações institucionais da Odebrecht, disse, em depoimento à força-tarefa da Lava Jato, que ele e o advogado Roberto Teixeira, compadre de Luiz Inácio Lula da Silva, combinaram de forjar notas fiscais das obras feitas no sítio frequentado pelo ex-presidente em Atibaia (SP).

A Odebrecht fez, em 2010, reformas na propriedade que, no papel, pertence a Fernando Bittar e Jonas Suassuna, amigos de Fábio Luiz Lula da Silva, filho de Lula. O ex-presidente e a família usam o sítio, que é alvo de investigação na Lava Jato.

Segundo Alencar, em março de 2011 ele recebeu um telefone de Teixeira pedindo que fosse até seu escritório porque estava preocupado em “formalizar” as obras realizadas no sítio Santa Bárbara, executadas e custeadas pela Odebrecht.

“Fui lá e ele estava preocupado, digamos, como é que poderia aparecer essa obra sem um vínculo com os proprietários do sítio. Então nós marcamos uma reunião uma semana, dez dias depois. Fui eu e o engenheiro [da Odebrecht] Emir conversar com ele. E ele estava preocupado, claramente preocupado”, disse Alencar.

“Aparece um pessoal de engenharia, construiu a coisa, foi embora. E essa conta, como é que parece?”, teria dito Teixeira a Alencar.

O delator disse então que Teixeira fez o pedido para que se forjasse a documentação. “Ele falou: a obra terminou… a obra de Atibaia, o sítio de Atibaia, porque o sítio é do Fernando Bittar e nós precisamos, como se diz, formalizar a obra.”

A saída encontrada, segundo Alencar, foi emitir notas fiscais frias das obras, que haviam terminado dois meses antes. “Isso foi feito com notas fiscais através… que o Emir conseguiu falar com o Carlos Rodrigues Prado [empreiteiro subcontratado para a obra] para fazer uma nota fiscal mostrando que foi pago pelo Fernando Bittar”, disse Alencar.

Segundo Alencar, os documentos fiscais foram forjados de maneira que se encaixassem no perfil econômico de Bittar, para não gerar suspeitas. “Foi feito um escalonamento do pagamento para não ficar uma coisa muito cara que inviabilizasse, digamos, como é que o Fernando Bittar ia pagar toda a obra?”.

O delator afirmou que a documentação foi entregue pelo engenheiro Emir a Teixeira. A reforma toda tinha sido orçada em R$ 500 mil, mas no final a empreiteira gastou por volta de R$ 1 milhão, segundo Alencar.

Todo o trabalho foi feito em segredo. “Eu sei que em função da sensibilidade do processo nenhum dos nossos funcionários usou macacão da Odebrecht e sei que a compra dos materiais feitos na região foram feitos todos em dinheiro vivo”, disse Alencar.

Ele afirmou que a obra foi um agrado ao ex-presidente. “A pessoa te pede. É um valor, digamos, nenhuma coisa absurda. É um agrado a se fazer a uma pessoa que teve essa relação toda com o grupo durante esse tempo todo. É uma retribuição, sem dúvida nenhuma.”

A Odebrecht começou a fazer a reforma do sítio após um pedido da ex-primeira-dama Marisa Letícia na festa de aniversário de Lula, em 2010, em Brasília. Alencar e Emílio Odebrecht foram até a capital na ocasião para entregar dois presentes a Lula: um livro que a empreiteira patrocinou sobre Dona Lindu, mãe do ex-presidente, e uma maquete do estádio do Corinthians, em Itaquera, zona leste de São Paulo.

OUTRO LADO

A assessoria do advogado Roberto Teixeira não conseguiu encontrá-lo para que ele comentasse os fatos narrados na delação do ex-diretor da Odebrecht Alexandrino Alencar.

A assessoria de Luiz Inácio Lula da Silva disse, em nota, que o sítio de Atibaia não é do ex-presidente. Segundo o comunicado, os proprietários provaram com documentos tanto a propriedade quanto a origem lícita dos recursos utilizados na compra do sítio de Atibaia. “Não comentaremos delações feitas para a obtenção de benefícios judiciais.”

Fonte: Folha Press
Leia Mais ››

RN terá mais de 2 mil homicídios pela primeira vez, projeta ONG


Setecentas vidas ceifadas em 2017. O número de homicídios já registrados no Rio Grande do Norte indica que o Estado viverá o ano mais violento da sua história.

Nunca antes tantos homicídios foram registrados nos primeiros meses dos anos. De 1º de janeiro a 13 de abril dos anos anteriores, as estatísticas foram as crescentes, conforme o Observatório da Violência Letal Intencional do Rio Grande do Norte:

Em 2015, eram 481 o número de mortes. No ano seguinte, a estatística foi a 539, chegando a 700 agora.

O Obvio projeta que, nesse ritmo, pela primeira vez na história, o Rio Grande do Norte vai romper a barreira dos dois mil homicídios em 2017, marca nunca alcançada.

Ao longo de 2016, o Estado quase rompeu a projeção desenhada para esse ano, quando registrou mais de 1.900 homicídios. É 2017, no entanto, que já vem rompendo todos os recordes quando o assunto é criminalidade.

Fonte: Portal Noar
Leia Mais ››

Águas da transposição chegam a Campina Grande


As águas do ‘Velho Chico’ chegaram hoje (13) à região de Campina Grande (PB), onde vão assegurar o abastecimento para mais de 716 mil pessoas em 18 municípios. O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, visitou o reservatório Epitácio Pessoa, localizado no município de Boqueirão, e destacou o esforço de todos os envolvidos para cumprir a meta de levar, ainda no mês de abril, a água ao local, que vive uma das maiores secas dos últimos anos. A estrutura começou a receber a água do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco, inaugurado no dia 10 de março.

O ministro destacou a importância do cumprimento do cronograma do governo federal, que havia garantido a chegada da água em abril. “Poder cumprir com os prazos faz com que a população possa ter a certeza da nossa atenção e priorização para o enfrentamento a essa seca, que tem trazido sofrimento a essa região. Desde 2011 não passava água aqui e poder ver a água chegando hoje, chegando forte, é a certeza de que todos que já sofreram podem ter um futuro novo de prosperidade, de produção e qualidade de vida”, destacou Helder Barbalho.

Nas próximas duas semanas, o governo da Paraíba reforçará as captações necessárias para levar água, além de Campina Grande – segunda maior cidade do estado-, aos moradores de mais 17 cidades: Barra de Santana, Caturité, Queimadas, Pocinhos, Lagoa Seca, Matinhas, São Sebastião de Lagoa de Roça, Alagoa Nova, Boqueirão, Boa Vista, Soledade, Juazeirinho, Cubati, Pedra Lavrada, Olivedos, Seridó e Cabaceiras.

Fonte: Portal Noar
Leia Mais ››

CARRO DE BANDA COM INSTRUMENTOS MUSICAIS LEVADO DE ASSALTO EM MOSSORÓ.


Levaram de assalto carro Doblo placa MZL 6169, com guitarra, Sax, teclado Psr710, pedaleira gt10, iluminação da banda Forró de Pegador. Assalto ocorreu na Abolição IV. Por favor quem tiver alguma informação ligar para: (084) 988028122, ou para o 190. Informações que carro já foi localizado porém os instrumentos nada ainda.

Fonte: Passando na hora
Leia Mais ››

Fugitivo de Alcaçuz é preso pelo GTO, armado até os dentes no bairro Belo Horizonte em Mossoró


O Fugitivo da penitenciária de Alcaçuz em Nísia Floresta região da Grande Natal, Bomfim Tarcísio da Silva,"Júnior Play" foi capturado pelo Grupo Tático Operacional (GTO) da Polícia Militar, nesta manhã de sexta feira 14 de abril em Mossoró no Oeste do Rio Grande do Norte. 

O apenado, condenado por tráfico de drogas e roubos, foi preso em via pública na Rua São José no bairro Belo Horizonte, zona sul da cidade e com ele a equipe do GTO apreendeu um revolver calibre 38 com três munições intactas, uma escopeta calibre 12 com quatro cartuchos não deflagrados, um Rádio Comunicador (HT), geralmente usado para monitorar as conversas da PM, além de um documento de identidade falsa em nome de Ivanildo Cardoso de Morais. 

O GTO, sob o comando do Sgt Lima, realizava patrulhamento pelo BH, quando recebeu uma denuncia sobre a possivel existência de um foragido da justiça naquela bairro e após algumas buscas a equipe conseguiu localizar e prender o suspeito. 

O presidiário, que fugiu da penitenciária estadual de Alcaçuz durante a rebelião ocorrida no início do ano foi encaminhado à Delegacia de Plantão, juntamente com o material apreendido com ele e apresentados a Polícia Judiciária que adotará as medidas cabíveis.



Fonte: Fim da Linha
Leia Mais ››

Homem é preso após matar o próprio pai em Felipe Camarão


Um homem identificado como Francisco de Assis da Silva, de 26 anos foi preso em flagrante na madrugada desta sexta-feira (14), na rua Santa Isabel, no bairro Felipe Camarão após assassinar o próprio pai com um golpe de faca no abdômen. A vítima José Brito da Silva tinha 59 anos e bebia com o filho quando ocorreu uma discussão entre eles.

De acordo com o relatório da Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa o crime ocorreu por volta de 1h, pai e filho, além de outras pessoas da mesma família participavam de uma bebedeira quando em um dado momento foi iniciada uma briga que culminou no assassinato. Francisco de posse de uma faca desferiu um único golpe no abdômen de José que morreu antes da chegada do socorro.

Ainda segundo o relatório do delegado de plantão o autor do assassinato não fugiu do local e acabou preso em flagrante pela Polícia Militar. Francisco foi levado em seguida para o prédio da DHPP e autuado em flagrante delito. O servente de pedreiro relatou que estava arrependido por ter praticado o crime.

Fonte: Portal BO
Leia Mais ››

Policial reage e suspeito é morto em tentativa de assalto na zona Sul


Um homem identificado como Andrienderson Wagner Oliveira de Lima, de 20 anos foi morto na noite desta quinta-feira (13), após trocar tiros com um policial rodoviário federal durante uma tentativa de assalto a uma lanchonete, na Avenida Nascimento de Castro, em Lagoa Nova. Um segundo suspeito que também participou da ação conseguiu escapar possivelmente ferido.

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar o fato ocorreu por volta das 21h, os dois homens chegaram na lanchonete, especializada em venda de açaí e anunciaram o assalto de armas em punho, porém um dos clientes do estabelecimento era um agente da Polícia Rodoviária Federal que reagiu dando voz de prisão.

Ainda segundo a polícia os suspeitos atiraram iniciando alí uma troca de tiros que resultou em um dos assaltantes baleado e morto no local. O segundo envolvido correu em direção a avenida Jaguarari e fugiu em um carro possivelmente baleado na perna. O policial e os outros clientes nada sofreram.

A Divisão de Homicídios esteve no local e colheu informações ouvindo testemunhas do fato. O Policial Rodoviário Federal se apresentou ao delegado da DHPP devidamente como orienta a lei para os devidos esclarecimentos.

Fonte: Portal BO
Leia Mais ››

Moradores encontram jacaré em área urbana na Zona Norte de Natal

População conseguiu imobilizar o jacaré e acionou o Corpo de Bombeiros. (Foto: Divulgação / Corpo de Bombeiros)

Moradores da avenida Paulistana, na Zona Norte de Natal, encontraram um jacaré, na tarde desta sexta-feira (14). O animal estava em frente à lagoa de captação do conjunto Panatis, no bairro Potengi.
Após visualizar e neutralizar o reptil, amarrando-o com uma corda, a população acionou o Corpo de Bombeiros. Uma equipe se deslocou para o local por volta das 14h40.
De acordo com a central de operações do Corpo de Bombeiros, o jacaré tem aproximadamente 1 metro de comprimento. O animal foi resgatado e foi levado para o Aquário Natal, na Redinha.

Fonte: G1
Leia Mais ››

No RN, bonecos da malhação de Judas são batizados de Lava Jato e Odebrecht

Judas são confeccionados com roupas velhas, trapos e jornais (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Neste Sábado de Aleluia (15), a malhação de Judas terá dois protagonistas inusitados no bairro Santo Antônio em Mossoró, cidade da região Oeste do Rio Grande do Norte. Batizados de 'Lava Jato e 'Odebrecht', os bonecos foram confeccionados pela auxiliar de serviços gerais Aída Maria de Souza, que organiza a festa na rua onde mora.
“Faz mais de dez anos que eu faço essa brincadeira. Sou muito feliz porque todo ano eu faço, porque Jesus me dá saúde para brincar com eles”, diz, sorridente. As vizinhas também ajudam a preparar tudo e participam da festa. “Quando eu vejo a fumaça sair eu corro para cá para ver o fogo queimar aí. Aí é bom”, conta a aposentada Maria Antônia Viana.
Os bonecos são feitos com roupas velhas, trapos e jornais. Seguindo o costume, eles serão surrados e queimados como símbolo da morte de Judas Iscariotes, o apóstolo que traiu Jesus Cristo na tradição cristã. Segundo relatos bíblicos, Judas entregou Jesus aos seus inimigos por 30 moedas de prata. Dominado pelo remorso, o apóstolo cometeu suicídio enforcando-se em uma figueira.
Este ano, Aída e suas vizinhas decidiram "malhar" simbolicamente as figuras da Operação Lava Jato, que investiga um esquema bilionário de corrupção, desvio e lavagem de dinheiro envolvendo a Petrobras, empreiteiras e políticos, e da empresa Odebrecht, uma das principais envolvidas no escândalo.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Foragido de Alcaçuz é preso com armas e identidade falsa em Mossoró

Bonfim Tarcísio tinha fugido de Alcaçuz no dia 14 de janeiro deste ano. (Foto: Divulgação / PM)

Polícia Militar prendeu, nesta sexta-feira (14), um dos presos que escaparam de Alcaçuz no dia 14 de janeiro deste ano, durante rebelião que deixou pelo menos 26 mortos. Bonfim Tarcísio da Silva foi localizado em uma residência, na rua São José, no bairro Belo Horizonte, em Mossoró.
O major Maximiliano Fernandes, comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar, informou ao G1 que, no momento da abordagem, Bonfim Tarcísio estava de posse de uma espingarda calibre 12, com quatro munições, e um revólver calibre 38, com mais três munições.
Além disso, o foragido de Alcaçuz também usava um identidade falsa com fotografia dele, mas nome de outra pessoa. Bonfim, que já respondia por tráfico de drogas e roubo, foi conduzido para a delegacia da Polícia Civil para ser autuado pelo flagrante das armas e documento falso.
A fuga do dia 14 de janeiro deste pelo menos 54 fugitivos, de acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania do Rio Grande do Norte. A unidade foi palco de uma rebelião que deixou 26 detentos mortos. Inicialmente, a informação divulgada pela Sejuc era de 56 foragidos - a lista não contava com dois foragidos recapturados na Paraíba. Outros dois foram recapturados posteriormente e retirados da lista.
Confira a lista dos nomes dos detentos fugitivos:
Adeilson Nunes da Silva
Alan Dantas Marques
Alef Marrone da Silva
Antonio Ezequiel da Silva
Bonfim Tarcísio da Silva (Recapturado)
Caio Victor da França Silva
César da Silva Costa
Douglas Winnes Silva de Jesus
Eclesiastes Alves de Carvalho
Edivanildo Souza de Oliveira
Edson Corsino de Oliveira
Estefanio Silva Caetano
Etifanio Sheridan Lucas
Fabio Luiz de Oliveira
Francisco Alex Silva Câmara
Francisco Cleanto da Silva Barbosa
Francisco Danilo Nunes Aquino
Francisco das Chagas Barbosa dos Santos
Francisco Job de Oliveira
Francisco Rodrigues da Silva
Gilberto Lopes de Moura
Gilvan Rocha da Costa
Igor Alves do Nascimento
Iraclan Nascimento Queiroz
Iranilson dos Santos Silva
Izaquiel Ramos da Silva
Jeferson Santos da Silva
Jesus Alisson Cavalcanti Pereira (Recapturado)
Joalison Bruno Cabral
Jobson Luiz de Carvalho
José Batista de Souza
José Carlos Firmino sa Silva
José Francisco Xavier Neto
José Ivanildo Pinheiro de Lima
José Lindemberg Dantas Nascimento
Josenaldo Vilela Araújo
Kelvin Nascimento da Silva
Kleber Cordeiro de Morais
Laerte Ambrosio de Oliveira
Luan Franklin Anselmo da Silva (Recapturado)
Natécio de Lima
Pedro Bezerra de Oliveira
Rafael Silva de Souza
Reinaldo da Silva Xavier
Renato Berg Lopes da Silva
Rodrigo Leandro Santos
Ruliklebson Nascimento de Souza
Rumascelli Afonso de Oliveira
Shakespeare Costa de França
Thiago Balbino da Fonseca (Recapturado)
Thiago de Souza Vilarinho
Thiago Batista Coelho
Valdemir Gomes de Oliveira
Walter Valério Tenório de Araujo
Willame Albano da Silva (Recapturado)

Reconstrução de Alcaçuz
O governo do estado deverá gastar mais de R$ 3,2 milhões para recuperar e reforçar a segurança na penitenciária estadual de Alcaçuz, após rebeliões que deixaram pelo menos 26 detentos mortos. O valor total previsto pela Secretaria de Infraestrutura para execução das obras de reforma nos pavilhões 1, 2 e 3 e construção de uma cerca na área externa é R$ 2.693.214,20. Além disso, cerca de R$ 600 mil estão sendo gastos na reconstrução do Pavilhão 5, de acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania.
Investigação
A comissão especial composta por quatro delegados da Polícia Civil que investiga a matança de presos em Alcaçuz, massacre ocorrido durante as rebeliões de janeiro, deve ouvir até 400 presos daquela unidade. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal. Pelo menos 26 presos morreram. Destes, 15 tiveram as cabeças arrancadas. Muitos corpos também foram esquartejados e depois queimados dentro das celas. A matança é considerada o episódio mais violento da história do sistema prisional potiguar.
Até o momento, um total de 114 internos foi ouvido, ainda durante as semanas que ocorreram os confrontos. Destes, cinco foram apontados como líderes de uma das facções criminosas envolvidas nos confrontos, já indiciados pelos assassinatos e transferidos para presídios federais.

Fonte: G1
Leia Mais ››

'Legítima defesa', diz suspeito de matar sargento da PM na Grande Natal


O suspeito de matar o sargento da PM José Cabral do Nascimento Junior, confessou o crime, nesta sexta-feira (14). Em depoimento à polícia, o suspeito afirma que atirou três vezes contra o sargento em legítima defesa, pois teria sido ameaçado. “Para eu não morrer, quando ele passou, eu atirei nele. Foi legítima defesa”, disse Luiz Paulo Nogueira, de 23 anos (veja vídeo).
O crime aconteceu no último dia 6, no Golandim, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. Paulo foi preso no dia 12. No momento da prisão, o suspeito praticava um sequestro relâmpago.
Nas imagens, divulgadas pela Polícia Civil, Luiz Paulo está sendo interrogado e descreve o momento do crime. Ele começa relatando que o sargento estava na rua e fez um comentário sobre ele. Paulo diz que se sentiu ameaçado e então resolveu matar o policial. "Eu atirei nele. Foi legítima defesa”, afirmou. “Eu tava na esquina e ele estava na rua. Ele olhou pra mim e desse “vagabundo é na bala”, disse o suspeito sobre a motivação do crime.
“Ele viu que eu ia atirar nele. Dei três tiros com minha arma e peguei a pistola dele e efetuei mais disparos”, disse o homem. Luiz Paulo tinha um revólver calibre 38 e fugiu levando a arma do sargento Cabral. De acordo com a Polícia Militar, no momento da prisão, o suspeito estava com uma arma similar à usada no crime.
Segundo o delegado responsável, Natanion Freitas, a arma do sargento também já foi recuperada.
Morte do sargento
O sargento da PM José Cabral do Nascimento Junior, de 43 anos, foi baleado e morto, no final da manhã do dia 6 de abril, no Golandim, em São Gonçalo do Amarante. A vítima foi atingida por disparos efetuados por um homem que fugiu em uma motocicleta. O policial trabalhava no setor de protocolo da corporação.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Policial rodoviário federal reage a assalto e mata suspeito na Zona Sul de Natal

Tiro feito pelo suspeito atingiu farol do carro do policial; bala ficou alojada no local (Foto: Divulgação/PRF)

Um policial rodoviário federal reagiu a um assalto na Zona Sul de Natal e matou a tiros um dos suspeitos. O fato aconteceu na noite desta quinta-feira (13) no bairro de Lagoa Nova. O homem, de 20 anos, morreu na hora. Segundo a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), um outro suspeito ainda participou da ação e conseguiu fugir.
Ainda segundo a DHPP, o caso aconteceu por volta das 20h40 em uma lanchonete que vende açaí, que fica na avenida Nascimento de Castro. Dois suspeitos armados chegaram em um carro escuro e anunciaram o assalto. Quando os clientes estavam começando a passar os pertences, o policial reagiu.
Eles chegaram a trocar tiros, um dos criminosos foi atingido e morreu na hora. Não se sabe se o outro homem foi baleado, mas ele conseguiu fugir. Segundo a PRF, o tiro feito pelo suspeito atingiu o farol do carro do próprio policial rodoviário. A bala ficou alojada no local.
Ainda de acordo com a PRF, o homem morto já tinha passagem por assalto, mas havia sido solto por ordem de um alvará em dezembro de 2016.
O policial, que não deixou o local, se apresentou para prestar esclarecimentos sobre a ação.

Fonte: G1
Leia Mais ››

[É HOJE] Espetáculo Teatral "Via Sacra - Uma Grande Paixão", acontecerá nesta Sexta-Feira da Paixão em Itaú-RN


A Paróquia Nossa Senhora das Dores e a Juventude Semear se preparam para o Espetáculo Teatral "Via Sacra - Uma Grande Paixão", que será realizado HOJE, 14 de abril, às 19h no Adro da Igreja Matriz de Nossa Senhora das Dores em Itaú-RN. 

Com mais de 50 pessoas envolvidas, entre atores e equipe técnica, o espetáculo promete emocionar e encantar a todos com a história da maior prova de amor à humanidade. 

A Juventude Semear realiza esse projeto desde 2015, mais é nesse ano de 2017 que o projeto cresceu e trás muitas novidades em sua estrutura, atuação, figurinos, luzes, som e muito mais... tudo isso para a evangelização e em louvor ao amado Jesus. 

Não perca, HOJE às 19hs no Adro da Igreja Matriz.

Fonte: Ataulidades
Leia Mais ››

Jovem de 23 anos é baleado em tentativa de homicídio no Abolição V em Mossoró.


A Polícia Militar registrou na noite desta quinta feira 13 de abril, uma trentativa de homicídio por arma de fogo no conjunto Abolição V em Mossoró no Oeste Potiguar. 

A vítima, segundo a PM foi identificada como Arthur Mikael de Lima de 23 anos de idade,alvejado com cerca de tiros na região torácica. 

O jovem foi socorrido por uma ambulância de suporte avançado (Alfa) do Samu para o Hospital Regional Tarcísio Maia e segundo a equipe de socorristas o estado dele é considerado grave. 

Até o momento não há informações sobre a motivação do crime. A Polícia Militar foi acionada para o local, mas mesmo com buscas na região não conseguiu localizar os suspeitos. 


Fonte: Fim da Linha
Leia Mais ››

OPERAÇÃO DA PM PRENDE ADOLESCENTE ACUSADO DE TER PRATICADO CRIME EM APODI-RN

A imagem pode conter: atividades ao ar livre

Nesta quinta feira 13 de abril, em uma operação conjunta da Polícia Militar alfa 01, juntamente com o GTO e o apoio do Dr. Renato Oliveira de Apodi/RN conseguiram apreender no município de Viçosa um adolescente acusado de ter praticado um crime de homicídio no município de Apodi, na região oeste do RN.
A Polícia apreendeu o adolescente de iniciais I. J. F. S de 17 anos, residente no bairro Baixa do CAIC em Apodi. O mesmo é acusado de ter matado, Maikon Alexandro Fernandes Pompeu “Neném” de 23 anos, residente na rua Ademar Leão em Apodi.
Segundo Informações da Polícia a vítima estava trabalhando em uma oficina, lixando um veículo na manhã da última quarta-feira (12) de abril, quando dois elementos chegaram em uma motocicleta e dispararam contra a vítima, que veio a óbito no local.
Com o menor foi encontrada uma motocicleta HONDA FAN PRETA E PLACA OJT 3410 APODI, roubada na comunidade de juazeiro Sábado dia (08) de abril. O menor ainda confessou a prática de um assalto no município de Felipe Guerra, onde com a ajuda de um comparsa, armados tomaram uma motocicleta de assalto no centro da cidade, de uma vítima que chegava em um estabelecimento comercial na fuga a motocicleta quebrou e foi abandonada.
O adolescente foi conduzido para a delegacia de Polícia Civil em Apodi, onde serão realizados todos os procedimentos de praxe, em seguida o menor será recambiado para o município de Mossoró para uma instituição de menor.

Fonte: Na Ficha da Polícia
Leia Mais ››

CRIME DE HOMICÍDIO FOI REGISTRADO NO DISTRITO DE GRAVATÁ EM CEARÁ MIRIM RN

A imagem pode conter: planta, atividades ao ar livre e natureza

Um crime de homicídio foi registrado no final da manhã desta quinta-feira (13) no distrito de Gravatá em Ceará Mirim/RN. Segundo informações a vítima morta a tiros foi identificada como sendo Iranildo Teófilo Silvino, vulgo "Lilico", 18 anos, morador da Rua do escuro s/n.

Uma equipe do ITEP esteve no local e removeu o corpo até a sede do órgão em Natal.

Fonte: Na Ficha da Polícia
Leia Mais ››

JOVEM FOI BALEADO NO PESCOÇO E NA BARRIGA DURANTE ATENTADO EM CURRAIS NOVOS


Por volta das 20h30min dessa quinta-feira (13) vários disparos de arma de fogo foram efetuados na rua Paraíba, bairro Santa Maria Gorete, onde um jovem de 24 anos identificado como JOÃO CARLOS SANTOS DA SILVA, residente na rua Carnaúba dos Dantas, foi alvejado no pescoço e na barriga.
O jovem foi socorrido para o Hospital Regional Mariano Coelho e seu estado de saúde é considerado grave.
Nesse momento todas as viaturas da Polícia Militar realizam um cerco no bairro a procura dos acusados, que seriam dois e estariam a pé.
No local impera a lei do silêncio e as pessoas, com medo, se recusam a passar informações. A rua Monsenhor Paulo Herôncio, vizinha a rua Paraíba, é frequentada por viciados e João Carlos é suspeito de ter envolvimento com tráfico de drogas.

Fonte: Jota Dantas
Leia Mais ››

ACIDENTE COM VÍTIMA FATAL NO BAIRRO DIX SEPT ROSADO EM NATAL-RN NA MANHÃ DESTA QUINTA-FEIRA

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, motocicleta e atividades ao ar livre

Um grave acidente com vítima fatal foi registrado na manhã desta quinta-feira (13) nos cruzamentos das avenidas Interventor Mário Câmara e Jerônimo Câmara no bairro de Dix-Sept Rosado, em Natal. Segundo informações um caminhão da transportadora Potiguar fez uma conversão errada atingindo um motoqueiro que veio a óbito no local.

A PM isolou a área até a chegada da equipe do ITEP que fez a remoção do corpo até a sede do órgão.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e atividades ao ar livre

Fonte: Na Ficha da Polícia
Leia Mais ››

Umarizal e mais 24 municípios tiveram a 1ª Cota do FPM de Abril zerada


Pelos menos 25 municípios do Rio Grande do Norte tiveram o FPM zerado na primeira cota do Fundo de Participação dos Municípios – FPM zeradas em abril. Entre os motivos mais comuns para uma ou mais parcelas do FPM vir zerada, está no fato das obrigações sociais, como por exemplo, o não recolhimento do INSS patronal e dos servidores, o que acaba ocasionando a retenção dos recursos pela Receita Federal.

Municípios com FPM zerados na primeira cota de abril/2017: Alto do Rodrigues, brejinho, Caicó, Florânia, Galinhos, Gov. Dix-Sept Rosado, Grossos, Ielmo Marinho, Itajá, Jaçanã, Jandaíra, João Câmara, Marcelino Vieira, Martins, Nova Cruz, Pedra Grande, Pedro Velho, Pureza, São José de Campestre, São Rafael, Senador Georgino Avelino, Touros, Triunfo Potiguar e Umarizal.

Fonte: Assis Silva
Leia Mais ››

FERIADÃO: Cautela e paciência para encarar fluxo intenso das estradas

Excesso de velocidade e ultrapassagens indevidas estão entre as maiores causas de acidentes rodoviários em datas comemorativas

Uma pausa no ritmo acelerado de trabalho é, para muitos, razão para comemorar. Melhor ainda é compartilhar esse momento de descanso ao lado da família e amigos ou transformá-lo em uma viagem para se desconectar da rotina.

Porém, antes de desfrutar do sossego, é preciso encarar um percurso pelas rodovias. Aos que vão estar atrás do volante no feriado prolongado de Páscoa, que começa na Sexta-feira Santa (14), é preciso cautela e paciência para enfrentar o movimento intenso das estradas.

Durante os quatro dias da Operação Semana Santa de 2016, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) estimou uma frota de 91.619.957 veículos em circulação. Embora o balanço do órgão tenha sido de 1.274 acidentes nas rodovias federais no período, o índice de óbitos e o de ocorrências graves foram reduzidos, respectivamente, em 18% e 44%, em comparação à mesma data de 2015.

As ultrapassagens indevidas corresponderam a 20,6% das infrações registradas na operação da PRF, enquanto 100 condutores foram presos por dirigirem sob efeito alcoólico e 68,5 mil veículos foram autuados por trafegar acima da velocidade permitida.

Para o diretor da Perkons, empresa que atua na gestão de trânsito, Luiz Gustavo Campos, a prudência do motorista permanece como engrenagem crucial para diminuir esses episódios. Nesse sentido, conter os altos índices de acidentes também é repensar a associação errônea entre trânsito e velocidade.

“É uma mudança de cultura que só é possível, sobretudo, com um forte trabalho de educação na formação de cidadãos mais conscientes, cuidadosos e respeitadores das leis do trânsito e da preservação da vida”, reforça.

Fonte: O Mossoroense
Leia Mais ››

Garantia-Safra é liberado para agricultores de 24 cidades do RN

Garantia cobre prejuízos nas lavouras de feijão, milho, mandioca, algodão e arroz (Foto: Reprodução EPTV)

Mais de 6 mil agricultores familiares do Rio Grande do Norte começam a receber este mês o Garantia-Safra. A portaria que libera o seguro, referente à safra de 2015/2016, foi publicada na quarta-feira (12) pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead), do governo federal.
No estado, o benefício será concedido a agricultores de 24 municípios onde houve perda de pelo menos 50% da produção devido à seca. Em fevereiro, o pagamento do Garantia-Safra já havia sido autorizado para trabalhadores de outros 70 municípios em situação de emergência.
O seguro, no valor de R$ 850, é disponibilizado em cinco parcelas de R$ 170 e pode ser retirado em agências da Caixa Econômica Federal e lotéricas nas datas definidas no calendário da Caixa Econômica Federal para o pagamento de benefícios sociais.
Podem aderir ao programa os agricultores de municípios onde o seguro é concedido cuja renda média mensal não supere um salário mínimo e meio, excluídos os benefícios previdenciários. Para participar, é preciso se inscrever na data e local definido pela prefeitura e pagar uma taxa de R$ 17.
A adesão ao programa deve ser feita sempre antes do início do plantio. No Rio Grande do Norte, as inscrições para a safra 2016/2017 já foram encerradas. De acordo com a Sead, as inscrições para o biênio 2017/2018 poderão ser feitas a partir de julho.
Municípios beneficiados
Areia Branca
Doutor Severiano
Equador
São Fernando
São Miguel
Timbaúba dos Batistas
Bom Jesus
Caiçara do Norte
Coronel Ezequiel
Guamaré
Jaçanã
Januário Cicco (Boa Saúde)
Japi
Lajes
Montanhas
Monte Alegre
Monte das Gameleiras
Passa e Fica
Pedro Velho
Poço Branco
Pureza
Serra de São Bento
Tangará
Vera Cruz.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Ex-prefeita de Natal é condenada a mais de 16 anos de cadeia


A ex-prefeita de Natal Micarla de Sousa foi condenada pelo juiz titular da 2ª Vara Federal, Walter Nunes da Silva Júnior. A sentença é de 16 anos, seis meses e dez dias, inicialmente em regime fechado. Micarla: drama na Justiça.
O magistrado aplicou essa pena por desvio de recursos públicos e associação criminosa, na denominada Operação Assepsia, esquema criminoso descoberto na gestão de Micarla, na área de saúde. Além dela, houve condenação do radialista Miguel Weber (ex-marido de Micarla), ex-secretário de Saúde Thiago Trindade, ex-procurador municipal Alexandre Magno Alves e o ex-secretário municipal do Planejamento Antônio Luna.

Fonte: Luciano Seixas
Leia Mais ››

Defesa de Henrique Alves nega acusações de delator da Odebrecht

1006594-16032016_dsc6771-

O advogado Marcelo Leal, representando o deputado federal Henrique Alves, emitiu nota negando que ele tenha participado de reunião onde foi discutida propina de R$ 40 milhões de dólares, conforme delatou Márcio Faria da Silva, um dos diretores da Odebrecht. O valor seria correspondente a propina de 5% no contrato entre a empreiteira e a Petrobras.

Veja a nota na íntegra:

A defesa de Henrique Eduardo Alves repudia veementemente as afirmações feitas pelo executivo da Odebrescht Márcio Faria em delação premiada, na qual aponta a sua participação em reunião ocorrida no dia 15 de julho de 2010 no escritório político do presidente Michel Temer, em São Paulo, com a presença deste, do então deputado Eduardo Cunha e do delator, ocasião em que teria tratado do pagamento de propina decorrente de contrato com a Petrobras.

Conforme já afirmado pelo próprio presidente da República, o acusado não se fazia presente em dita reunião, jamais tratou do assunto mencionado e sequer conhece o indigitado delator.

É inaceitável que seja dado crédito a afirmação realizada por pessoas envolvidas em ilícitos que se colocam na obrigação de acusar para gozar de benefícios legais.

Todas as medidas serão tomadas para esclarecimento da verdade e a responsabilização cível e criminal do dito delator.

Marcelo Leal

Fonte: O Mossoroense
Leia Mais ››

Roberval Feio, Anão, Jujuba, Amante: executivo da Odebrecht confirma apelidos de políticos



O ex-executivo da Odebrecht Benedicto Júnior confirmou em delação premiada ao Ministério Público os apelidos dos políticos e valores que foram pagos a eles pela construtora entre 2008 e 2014 (veja lista abaixo). Segundo o delator, muitos receberam caixa 2 em campanhas eleitorais.
A delação é uma das que embasaram a abertura de novos inquéritos da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) – a chamada "lista de Fachin". Informações sobre pessoas que não têm foro privilegiado foram repassadas a outras instâncias do Judiciário.
Benedicto confirmou ainda que tinha autonomia de Marcelo Odebrecht, ex-presidente do grupo, para fazer os pagamentos, que, segundo ele, também eram feitos pelos executivos André Vital, Carlos Armando Paschoal, João Antônio Pacífico, Luís Bueno, Sérgio Neves e Valter Lana. Benedicto era o responsável por consolidar a lista e discuti-la com presidentes de outras empresas, para que não houvesse duplicidade nas doações.

Leia abaixo a lista com o beneficiário, o ano do suposto pagamento, os valores (em reais) recebidos e os apelidos de cada político:
Antonio Carlos Magalhães Neto, prefeito de Salvador - 2012 - R$ 2 milhões – Codinome Anão
Mário Kertesz, ex-candidato à prefeitura de Salvador (PMDB) - 2012 - R$ 400 mil - Codinome Roberval Feio
Nelson Pellegrino (PT-BA), deputado federal - 2012 - R$ 1,5 milhão - Codinome Pelé
Paulo Câmara (PSB-BA), vereador de Salvador - 2012 - R$ 50 mil - Codinome Amigo C
Henrique Carballal (PV-BA), vereador de Salvador - 2012 - R$ 100 mil - Codinome Buzu
Valdir Pires - 2012 - R$ 80 mil - Codinome Soneca
Tiago Correia (PSD-BA), vereador de Salvador - 2012 - R$ 60 mil - Codinome Álvaro
Geraldo Junior - 2012 - R$ 90 mil - Codinome (inaudível)
Marcelo - 2012 - R$ 300 mil - Codinome Rio
Paulinho da Força (SD-SP), deputado federal - 2010 - R$ 200 mil - Codinome Boa Vista
Roberto Freire (PPS), ministro da Cultura - 2010 - R$ 200 mil - Codinome Curitiba
Rodrigo Garcia (DEM-SP), deputado federal - 2010 - R$ 200 mil - Codinome Suíça
Fernando Capez (PSDB), deputado estadual de SP - 2010 - R$ 100 mil - Codinome Brasília
Arnaldo Jardim - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Carajás
Carlos Munhoz - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Cruzeiro do Sul
Carlios Zarattini (PT-SP), deputado federal- 2010 - R$ 50 mil - Codinome Guarulhos
Campos Machado (PTB), deputado estadual - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Tabuna
Celso Russomanno (PRB-SP), deputado federal - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Tacaré
Duarte Nogueira, prefeito de Ribeirão Preto (SP) - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Ponta Porã
Edinho Silva, prefeito de Araraquara (SP) - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Cambé
Edson Aparecido - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Tupiara
João Paulo Cunha - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Santo André
José Anibal, ex-deputado e ex-presidente do PSDB - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Navegante
Vicente Candido (PT-SP), deputado federal - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Palmas
Francisco Charles - 2010 - R$ 30 mil - Codinome Campinas
José Genoino, ex-presidente nacional do PT - 2010 - R$30 mil - Codinome Natal
Ricardo Montoro (PSDB-SP), deputado estadual - 2010 - R$ 30 mil - Codinome Macapá
Beto Massafera - 2010 - R$ 30 mil - Codinome Ribeirão Preto
Eymael, ex-candidato à presidência (PSDC) - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Itatiaia
Vicentinho (PT-SP), deputado federal - 2010 - R$ 30 mil - Codinome João Pessoa
Eduardo Campos (PMDB-PE), ex-candidato à Presidência da República - 2008 / 2010 / 2012 - R$ 11 milhões - Codinome Neto
Marconi Perillo (PSDB), governador de Goiás - R$ 200 mil em 2010 e R$ 2,5 milhões em 2014 - Codinome Patati
Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), deputado federal - 2010 - R$ 700 mil - Codinome Viagra
Sergio Guerra, ex-presidente do PSDB - R$ 1,06 milhão em 2010 e R$ 450 mil em 2012 - Codinome (inaudível)
Bruno Araújo (PSDB-PE), ministro das Cidades - R$ 300 mil em 2010 e R$ 300 mil em 2012 - Codinome Jujuba
Garibaldi Alves (PMDB-RN), senador - 2010 - R$ 200 mil - Codinome Lento
Fernando Bezerra (PSB-PE), senador - 2010 - R$ 200 mil - Codinome Novilho
José Chaves - 2010 - R$ 100 mil - Codinome Chaveiro
Sandro Mabel (PR-GO), deputado federal - 2010 - R$ 50 mil - Codinome Biscoito
Inaldo Leitão - 2010 - R$ 100 mil - Codinome Cunhado
Robson Faria - 2010 - R$ 100 mil- Codinome Bonitinho
Rosalba Ciarlini (PP), prefeita de Mossoró (RN) e ex-governadora do Estado - 2010 - R$ 550 mil - Codinome Carrossel
Fabio Faria (PSD-RN), deputado federal - 2010 - R$ 100 mil - Codinome Bonito
José Roberto, ex-governador do DF - R$ 1,166 milhão - Codinome Parreira
Agnelo Queiroz, ex-governador do DF - 2010 - R$ 1 milhão - Codinome Comprido
Renan Calheiros (PMDB-AL), senador - 2010 - R$ 500 mil - Codinome Justiça
Ricardo Ferraço (PSDB-ES), senador - 2010 - R$ 400 mil - Codinome Nulo
Luis Paulo Veloso - R$ 400 mil em 2010 e R$ 100 mil em 2012 - Codinome Filhote
Marcio Lacerda, ex-prefeito de Belo Horizonte - 2012 - R$ 1 milhão - Codinome Porsche
Ideli Salvatti (PT), ex-ministra de Relações Institucionais e de Direitos Humanos - 2010 - R$ 300 mil - Codinome Fantasma
Gleisi Hoffmann (PT-PR), senadora - R$ 150 mil em 2008, R$ 450 mil em 2010 e R$ 3,5 milhões em 2014 - Codinome Amante
Yeda Crusius (PSDB-RS), deputada federal - 2010 - R$ 600 mil - Codinome (inaudível)
Beto Mansur (PRB-SP), deputado federal - 2014 - R$ 300 mil - Codinome BMW
João Paulo Papa (PSDB-SP), deputado federal - 2014 - R$ 300 mil - Codinome Benzedor
Luis Fernando Teixeira - 2014 - R$ 300 mil - Codinome Lamborghini

Fonte: G1
Leia Mais ››

Relator estuda reduzir prazo de 49 anos para obter a aposentadoria integral


Em meio à avalanche causada pela abertura de inquéritos contra dezenas de políticos pelo STF, o governo prepara mais concessões na reforma da Previdência e concordou em retirar um dos pontos de mais difícil aceitação, a necessidade de contribuir por 49 anos para obter a aposentadoria integral, desde que se garanta a aprovação da reforma, destaca a Reuters.
A proposta inicial do governo defende que o valor do benefício para os trabalhadores seja de 76% da aposentadoria integral com 25 anos de contribuição. Com 26 anos de contribuição, 77%, e assim por diante até chegar aos 49 anos de trabalho para obter 100% do benefício.
O mais provável neste momento é que o tempo de contribuição para que o trabalhador receba a aposentadoria máxima a que tem direito seja um período de 40 anos.
"O relator está analisando várias alternativas, fazendo as últimas contas", afirmou o presidente da Comissão Especial da reforma, deputado Carlos Marun (PMDB-MS), segundo a Reuters. "Ontem ficamos até o final da tarde analisando essas questões com a equipe econômica."
"Mas essa questão dos 49 anos de contribuição, que tanto prejuízo causou à reforma, vai deixar de estar presente no relatório", acrescentou.

A alternativa que está sendo trabalhada pelo relator da reforma, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), é que o ponto de partida do cálculo da aposentadoria – mínimo que o trabalhador aposentado receberia –, proposto como 51%, passaria a 60%. Como com cada ano a mais de contribuição o trabalhador ganha um ponto percentual, passaria-se a 40 anos para chegar à aposentadoria integral.
A mudança tiraria o peso dos 49 anos de contribuição, uma guerra de comunicação que o governo não conseguiu ganhar, mesmo com o discurso que a vasta maioria dos trabalhadores atualmente não recebe a aposentadoria integral.
Com os olhos nas eleições de 2018 e acusados com denúncias de corrupção, os parlamentares pressionaram para mexer também neste ponto, que não estava inicialmente previsto entre os que seriam negociados, diz a Reuters.
Cálculo dos benefícios
No entanto, para aliviar o impacto financeiro dessa mudança – que poderia passar dos 17% de redução no custo da Previdência calculado inicialmente para a reforma – o governo propõe mudar o cálculo do valor da aposentadoria.

Atualmente, usa-se os 80% maiores salários que o trabalhador recebeu ao longo da vida para chegar ao valor do benefício. Passaria-se a usar 100% do salários para o novo cálculo. "É uma das opções do relator. Mas ele ainda vai definir vários aspectos até segunda-feira", disse Marun à Reuters.
Nova regra de transição
Outro ponto que ainda estava em discussão, mas está praticamente definido, é a idade mínima para se aposentar para quem aderir ao novo processo de transição, que deve ficar em 50 anos para mulheres e 55 anos para homens, aumentando gradualmente em um período de 20 anos até chegar a idade mínima de 65 anos, definida na regra geral da reforma.
Isso significa que quem estiver no período de transição terá um período menor de contribuição – os anos que faltam mais um pedágio – mas só poderá se aposentar com 50 e 55 anos, respectivamente.
Os principais envolvidos na negociação devem voltar a Brasília no próximo domingo para que Oliveira Maia apresente seu relatório. De acordo com uma fonte governista, a intenção é que o relatório seja apresentado na segunda-feira a líderes da base aliada, antes da apresentação à Comissão Especial, na terça-feira.
"Mas vai depender do que ele realmente conseguir fechar. A gente não pode apresentar uma coisa que não esteja 100% fechada", disse uma fonte do Palácio.
Esta semana, ao apresentar aos parlamentares da base sua concordância em alterar a reforma – tratada até agora como praticamente inegociável – o presidente Michel Temer afirmou que o texto enviado pelo governo era uma mudança para 30 ou 40 anos, mas que aceitava uma reforma para 20 anos, desde que fosse aprovada.
A Previdência, disse o presidente, virou o "símbolo da vitória reformista, ou não, do governo".
O discurso foi feito antes da divulgação da decisão do ministro do STF Edson Fachin de permitir a abertura de inquérito contra quase uma centena de pessoas, incluindo dezenas de parlamentares e oito ministros do governo Temer.
Depois disso, a avaliação no Palácio do Planalto, de acordo com uma fonte, é que a aprovação da reforma, passou a ser ainda mais essencial para o governo, sob pena de, ao não aprovar, ser acossado pelas investigações de corrupção e ainda perder a confiança de que poderá melhorar a economia.

Fonte: G1
Leia Mais ››