Usuários Online

RÁDIO CIDADE AO VIVO

terça-feira, maio 23, 2017

Em Brasília, prefeito Ciro Bezerra busca parceria com o deputado Felipe Maia para realização do São João 2017


Participando da XX Marcha a Brasília em defesa dos municípios, o Prefeito Ciro Berra (DEM) aproveitou a viagem ao DF para buscar apoio junto ao Deputado Federal Felipe Maia (DEM) para realização do São João 2017 do município de Itaú-RN.

O encontro aconteceu no gabinete do Deputado, no fim da tarde de quarta-feira (18), que após uma conversa sobre o andamento do município de Itaú, o gestor Ciro Bezerra, fez o pedido a Felipe Maia que firmou a parceria para que a festa junina aconteça.

Participou da visita além do prefeito, a Secretária da Assistência Social, Jaíra Martins e o assessor de comunicação, Arlindo Maia.


Fonte: Assessoria de Comunicação
Leia Mais ››

Programa “Itaú Agora” aconteceu diretamente de Brasília


A 12ª Edição do Programa “Itaú Agora” desta quarta-feira, 17 de Maio de 2017, foi transmitido diretamente de Brasília, pela Rádio Cidade FM Itauense, onde acontecia a XX Marcha a Brasília em defesa dos municípios. Onde na oportunidade participaram: o prefeito, Ciro Bezerra; a secretária de Assistência social, Jaíra Martins e o assessor de comunicação, Arlindo Maia.
Tendo como pautas a XX Marcha e a divulgação da campanha de combate ao abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes (faça bonito), que ocorre anualmente no dia 18 de maio.
O Prefeito Ciro Bezerra (DEM), falou sobre a Marcha e os objetivos que a mesma buscava, destacando alguns os pontos considerados de suma importância, entre eles o anúncio feito pelo Presidente Michel Temer, na abertura da marcha, terça-feira 16, do parcelamento das dividas que os estados e município brasileiros possuem junto a previdência social (INSS).
Durante o programa foi relatado também sobre a luta da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) na pessoa do Presidente Paulo Zilkosvi, um municipalista que arregaçou as mangas em defesa dos municípios.
A Secretária da Assistência Social também falou sobre a Marcha e as conquistas para a secretaria. 

Jaíra frisou sobre a campanha que está sendo realizada no município de Itaú em prol do dia 18 de Maio, dia de combate ao abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes; convidando toda população para participar da programação elaborada pelos conselheiros e a secretaria em parceira com a equipe preá bike.
Finalizando trazendo a informação ainda da marcha, onde o ministro das cidades, Bruno Araújo, anunciou a continuação do programa minha casa, minha vida, para os municípios com menos de cinqüenta mil habitantes. E a busca das emendas voluntárias junto ao Ministério do desenvolvimento social e agrário (MDSA), onde o prefeito e a secretária lutam para a construção da sede do CRAS, o centro de convivência e um veículo automotor.


Fonte: Assessoria de Comunicação
Leia Mais ››

PF PRENDE MOSSOROENSE QUE DEU APOIO A QUADRILHA DE ASSALTANTES EM JAGUARUANA-CE


A Polícia Federal prendeu às 9h desta terça-feira 23 de maio de 2017, o mossoroense Francisco Caio Felipe, de 29 anos, acusado de participar do assalto ao Banco do Brasil do município de Icapuí, no Ceará, que fica na divisa com a cidade de Tibau/RN. O ataque a agência bancária aconteceu em março deste ano.

De acordo com informações da Comunicação Social da PF Francisco Caio deu apoio a quadrilha que tentou assaltar agências bancárias no município de Jaguaruana, em abril deste ano. Na ação, a polícia conseguiu prender quatro assaltantes. Ao todo, 7 foram mortos e um ficou ferido em confronto com a polícia. As investigações foram coordenadas pela Polícia Federal de Mossoró e Polícia Civil do Ceará.
O mandado de prisão, cumprido hoje, foi expedido pela juíza da vara única da Comarca de Icapuí/CE. Francisco Caio foi preso no bairro Bom Jardim, onde ele reside. 
Além de participar do assalto ao banco da cidade, o criminoso também é suspeito de participar de outros crimes, um deles trata-se do assalto a uma loja no Vuco Vuco, em 2010, quando atirou contra um vigilante.
De acordo com a delegada de Icapuí Juliana Carvalho Rosene, durante o assalto ao banco, o acusado foi identificado por um policial, que de Mossoró e trabalha na cidade. Francisco Caio já cumpriu pena na Justiça Federal de Mossoró. 
Por conta disso, a delegada pediu apoio da Polícia Federal de Mossoró, nas investigações, que resultou na prisão do acusado. 

Fonte: Passando na Hora
Leia Mais ››

Duque apresenta à Justiça foto de encontro com Lula e diz renunciar de contas no exterior

Esta imagem em preto e branco, que mostra Lula e Duque, foi anexada pelos advogados do ex-diretor nos documentos protocolados  (Foto: Eproc/Reprodução)

O ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque protocolou nesta terça-feira (23), por meio de seus advogados, petição na qual cita provas de três encontros com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
No documento, há uma foto em que os dois aparecem lado a lado, registrada, segundo a defesa, em 2012.
A petição também cita um encontro entre ambos em 2 de junho de 2014, para a qual, ainda conforme os advogados, o ex-presidente chamou Duque para falar de depósitos feitos em contas no exterior. Os dados dos voos que teriam sido utilizados pelo ex-diretor para ir ao encontro são identificados no documento.
Duque também afirma na petição que renuncia do dinheiro depositado em duas contas no exterior – na Suíça e no principado de Mônaco --, “com a finalidade de colaborar com a justiça e corroborar sua colaboração judicial”. Os valores não foram divulgados.
“O requerente manifesta seu interesse de continuar colaborando com todas as investigações das quais tenha conhecimento de fatos relevantes sobre a Petrobrás”, pontua o ex-diretor, no fim da petição.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Supremo condena deputado Paulo Maluf por lavagem de dinheiro


A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) condenou nesta terça-feira (23), por 4 votos a 1, o deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) pelo crime de lavagem de dinheiro. Os ministros decidiram fixar a pena em 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão em regime fechado.
Durante o julgamento, os ministros decidiram que o regime fechado é incompatível com o exercício do mandato de deputado federal e, com isso, a Mesa da Câmara será notificada para que declare a perda da função.
A Câmara só será notificada da decisão após publicação no "Diário de Justiça Eletrônico". O prazo para publicação é de 60 dias. Depois de publicada a decisão, a defesa ainda poderá entrar com recursos no Supremo para questionar determinados pontos da decisão.
Além da pena, a Primeira Turma estipulou multa de 248 dias-multa, sendo cada dia-multa fixado em cinco salários mínimos vigentes à época dos fatos (2006), além de ter imposto uma punição de pagamento de três vezes o valor da multa.
Segundo o tribunal, o valor seria "ineficaz" diante do patrimônio de R$ 39 milhões que Maluf tem. Com isso, foi determinada multa de aproximadamente R$ 1,302 milhão em valores a serem atualizados.
A Primeira Turma também declarou a perda dos bens objeto de lavagem de dinheiro.
Entenda o caso
Maluf é acusado de usar contas no exteior para lavar dinheiro desviado da Prefeitura de São Paulo quando foi prefeito da capital, entre 1993 e 1996.
O julgamento foi iniciado na Primeira Turma do STF em 9 de maio e interrompido após o voto do relator, ministro Luiz Edson Fachin, pela condenação.
De acordo com a denúncia, uma das fontes do dinheiro desviado ao exterior por Maluf seria da obra de construção da Avenida Água Espraiada, autal Avenida Jornalista Roberto Marinho.
Maluf foi acusado de usar contas bancárias em nome de empresas offshores (firmas usadas para investimentos no exterior) para enviar dinheiro desviado e reutlizar parte do dinheiro da compra de ações de empresas da família dele, a Eucatex. Segundo o MPF, mais de R$ 172 milhões foram aportados na empresa por meio desse esquema.

Ao votar em 9 de maio, o ministro Fachin informou que, das cinco acusações de lavagem de dinheiro, quatro prescreveram em razão do tempo decorrido das acusações e da idade do deputado - prazos de prescrição para pessoa acima de 70 anos caem pela metade. Maluf tem 85 anos.
Em relação a um dos crimes de lavagem, no valor de US$ 15 milhões, Fachin considerou que houve crime permanente, ou seja, que ele foi praticado continuamente entre os anos de 1998 a 2006.
Fachin afirmou que há provas da materialidade e autoria do crime permanente, que ocorreu durante todo o tempo em que o dinheiro estava sendo escondido no exterior.
Além desse caso, Paulo Maluf responde a outras três ações penais no Supremo. Em uma delas, é acusado do crime de corrupção passiva por conta dos desvios da mesma obra pela qual foi condenado, e outra por crimes financeiros. Na terceira ação, Paulo Maluf é acusado de falsidade ideológica eleitoral.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Aécio recorre no STF contra afastamento do mandato e pede novo relator


A defesa do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) apresentou nesta terça-feira (23) recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) contra decisão que o afastou do mandato após abertura de inquérito para investigá-lo por corrupção passiva, obstrução de Justiça e organização criminosa.
A investigação foi autorizada pelo ministro relator da Lava Jato, Luiz Edson Fachin, após delação dos donos do frigorífico JBS, Joesley e Wesley Batista.
Os advogados argumentam que o afastamento da função de um senador por um único ministro representa "ilegalidade" porque trata-se de uma pessoa escolhida por "vontade popular". Para a defesa, só os parlamentares poderiam tomar essa decisão.
O recurso pede ainda que o relator do caso revogue as medidas cautelares e, caso não faça isso, leve a questão para análise dos cinco ministros que formam a 2ª Turma do Supremo, colegiado que analisa os casos da Lava Jato.
Aécio pede ainda que o caso seja distribuído a um novo relator por considerar que não há conexão do que é investigado neste inquérito relacionado à delação da JBS com os fatos atribuídos ao senador na Lava Jato.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Associação de peritos diz que não é possível analisar áudio sem o gravador


O presidente da Associação Brasileira de Criminalística (ABC), Bruno Telles, afirmou nesta terça-feira (23) em entrevista ao G1 que não é possível realizar uma perícia "confiável" e "minimamente conclusiva" em um áudio sem que o equipamento utilizado para gravá-lo seja analisado.
Nos últimos dias, diversos peritos deram entrevistas e realizaram perícias independentes sobre a gravação de uma conversa entre o presidente Michel Temer e o dono da JBS, Joesley Batista. A defesa do presidente contratou o perito Ricardo Molina, que afirmou que a gravação é "imprestável" como prova numa investigação e não seria aceita em uma "situação normal".
Com base na gravação e em informações prestadas por Joesley e o irmão Wesley Batista, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin autorizou a abertura de inquérito para investigar o presidente pelos crimes de corrupção passiva, obstrução à Justiça e organização criminosa.
"Sem os gravadores, não é possível analisar e tirar conclusões confiáveis. Não há como."
Para o presidente da ABC, que reúne peritos oficiais de todo o país, qualquer análise feita sem que o gravador tenha sido periciado não pode ser levada em conta até que a Polícia Federal conclua a perícia oficial.
"A PF pediu os gravadores. Sem os gravadores, não é possível analisar e tirar conclusões confiáveis. Não há como. É preciso saber se o gravador é o causador dos ruídos, qual o software que utiliza, e qualquer coisa que fuja disso, pode e deve ser questionada", disse o presidente da ABC.
"Todos esses que estão vindo à mídia, fazem perícia técnicas, não oficiais, e nem sempre entregam um trabalho confiável. [...] Vivem de serem contratadas por clientes e fazem perícias técnicas, não oficiais. Não tem nada de errado nisso, mas muitos desses não têm competência técnica e até mesmo situação financeira para se manter atualizados e com bons equipamentos", afirmou Telles.

"Nenhum parecerista que é contratado por um cliente vai elaborar uma perícia para piorar a situação de quem o contratou."
Ele disse ainda que os "pareceristas" que elaboraram as análises até o momento "absolutamente não sabem o que estão fazendo". Bruno Telles afirmou também que, muitos desses, são "curiosos" que aparecem na mídia.
Durante a entrevista, o presidente da associação ressaltou que nenhum perito contratado por alguém "vai elaborar uma perícia para piorar a situação de quem o contratou".
"O perito, o parecerista técnico tem que defender o ganha-pão dele. Não tem problema nenhum, é o trabalho dele. [...] É muito caro. Eu duvido muito que algum parecerista técnico tenha condição de bancar um equipamento para realizar essa análise", complementou.
Ao questionar as análises já realizadas, Bruno Telles explicou que, normalmente, uma perícia demora 30 dias para ser concluída.
"Mas acredito que a PF vai dar total prioridade a isso, e a análise dificilmente será feita por uma pessoa só", concluiu.

Fonte: G1
Leia Mais ››

'O Congresso tem que mostrar que não vai parar', diz Meirelles

Henrique Meirelles participa de evento em 23 de maio, em São Paulo (Foto: Darlan Alvarenga/G1)

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, defendeu nesta terça-feira (23) a necessidade do avanço das reformas no Congresso e disse que a agenda econômica vai continuar "independente de qualquer coisa" e não pode ser interrompida pela crise política.
"O Congresso tem que mostrar que não vai parar e vai continuar votando as questões fundamentais para o país", afirmou Meirelles em seminário sobre infraestrutura, em São Paulo.
Em sua primeira aparição pública após a divulgação da delação da JBS na semana passada, que provocou uma crise política envolvendo o presidente Michel Temer, Meirelles não comentou diretamente o assunto nem respondeu a perguntas, e evitou falar a palavra crise. Disse estar numa “agenda intensa de trabalho” com membros do legislativo e agentes econômicos “visando assegurar que todo esse projeto continue”.
“A última coisa que nós precisamos agora é a economia começar a ter problema porque temos aí essas questões que estão sendo discutidas na área da política”, disse o ministro, que voltou a afirmar que o país “já está em trajetória de crescimento”.
Segundo Meirelles, é preciso, no entanto, avançar com as reformas para “sustentar essa trajetória de crescimento” e garantir o ajuste das contas públicas.
"Existe uma consciência nacional de que as reformas precisam ser feitas", disse Meirelles citando que Rodrigo Maia, presidente da Câmara, estima que a votação da reforma da Previdência aconteça no começo de julho.
Meirelles também citou também a conversa que teve com investidores em teleconferência feita na véspera, na qual disse ter questionado os analistas se “existe dúvidas de que a política econômica que está sendo seguida vai continuar”.
Em teleconferência com investidores na segunda-feira, Meirelles também ressaltou a importância das reformas. Ele admitiu, no entanto, que a votação da reforma da Previdência poderia atrasar "semanas" diante da crise política.
Aplausos ao falar que agenda vai continuar
O ministro foi aplaudido pela plateia ao comentar que muitos poderiam estar “preocupados com o que vai acontecer amanhã”, enquanto ele decidia usar a oportunidade para falar sobre a agenda de reformas defendida pelo governo para aumentar a produtividade da economia brasileira.
“Eu acho que essa é a agenda que o país está engajado e que vai continuar, independente de qualquer coisa. É a minha hipótese de trabalho. É nisso que eu acredito”, disse antes receber os aplausos de empresários e investidores.
Embora o seu nome esteja sendo ventilado como um possível candidato à Presidência no caso de uma eventual eleição indireta, Meirelles procurou enfatizar que seu compromisso é de médio e longo prazo, através da condução de uma agenda de reformas estruturantes e de micro reformas que visem a melhora da produtividade.
“Aposto no futuro do país, estou comprometido a isso, e estou de fato trabalhando dia e noite nessa direção”, disse o ministro ao encerrar sua palestra.
Na sua chegada ao auditório, ao ser questionado pelo G1 se há alguma chance dele ser candidato a presidente, Meirelles apenas sorriu e acenou para as câmeras, sem responder.
A organização do evento chegou a anunciar que o ministro daria uma entrevista coletiva e reservou uma área para o encontro com jornalistas, mas Meirelles deixou o local sem falar com a imprensa.

Meirelles participou em São Paulo de seminário sobre infraestrutura (Foto: Darlan Alvarenga/G1)
Meirelles participou em São Paulo de seminário sobre infraestrutura (Foto: Darlan Alvarenga/G1)

Agenda de microreformas
Entre as mudanças para melhorar a produtividade do país e reduzir a burocracia, Meirelles citou medidas em estudo para reduzir o tempo de abertura de empresas, simplificação do pagamento de tributos e maior facilitação para os procedimentos de importação e redução.
Segundo o ministro, juntamente com a aprovação das reformas da Previdência e trabalhistas, essa agenda econômica tem o potencial de elevar o crescimento do PIB nos próximos 10 anos de uma média de 2,3% para algo em torno de 3,7%.

Fonte: G1
Leia Mais ››

PF prende Agnelo e Arruda por fraudes nas obras do Mané Garrincha

O governador eleito do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), ao lado do vice-governador Tadeu Filippelli, em pronunciamento em hotel de Brasília.  (Foto: Givaldo Barbosa/Agência O Globo)

A Polícia Federal prendeu na manhã desta terça-feira (23) os ex-governadores do Distrito Federal José Roberto Arruda (PR) e Agnelo Queiroz (PT) e o ex-vice-governador Tadeu Filippelli (PMDB), que ocupava o cargo de assessor do presidente Michel Temer. Eles são alvos de uma operação que investiga um esquema de corrupção na reforma do estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília.
Às 11h55, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República informou que Filippelli foi exonerado. Ele havia sido nomeado em 22 de setembro de 2016, ficando exatos 8 meses no cargo.
Também foram levados em prisão temporária, o ex-chefe de gabinete de Agnelo Queiroz, Francisco Cláudio Monteiro, o ex-presidente da Novacap Nilson Martorelli, o presidente do grupo Via Engenharia Fernando Márcio Queiroz e o suposto operador de Agnelo, Jorge Luiz Salomão.
Último a se apresentar à Polícia Federal, Agnelo Queiroz chegou ao prédio da superintendência da corporação no Setor Policial Sul por volta das 15h30.
As investigações apontam que o deputado federal Rogério Rosso (PSD-DF) também recebeu dinheiro desviado das obras.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Justiça determina bloqueio de até R$ 26 milhões de ex-governadores e ex-vice do DF

Tadeu Filippelli (PMDB), à direita, ex-vice-governador e atual assessor especial do presidente Michel Temer, chega à sede da Polícia Federal em Brasília após ser preso pela Polícia Federal na Operação Panatenaico (Foto: Nilton Fukuda/Estadão Conteúdo)

A Justiça do Distrito Federal determinou, nesta terça-feira (23), o bloqueio de até R$ 26 milhões dos ex-governadores José Roberto Arruda e Agnelo Queiroz e do ex-vice-governador Tadeu Filippelli, que atualmente exercia a função de assessor do presidente Michel Temer.
Os três também são alvos de mandados de prisão temporária por, supostamente, integrarem um esquema de corrupção que superfaturou obras do estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, em troca de propina.
Para Arruda e Agnelo o bloqueio de bens é de até 10 milhões, cada um. Filippelli deve ter R$ 6 milhões em bens bloqueados, de acordo com a decisão. Outras sete pessoas também são citadas no pedido do Ministério Público Federal de bloqueio de bens – o montante total chega a R$ 50 milhões.
Às 11h55 desta terça, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República informou que Filipelli foi exonerado do cargo. Ele havia sido nomeado em 22 de setembro de 2016, ficando portanto exatos 8 meses no cargo.
A construtora Via Engenharia, que participou de todo o processo licitatório no consórcio com a Andrade Gutierrez, também foi alvo de bloqueio de bens. Por determinação da 10ª Vara Federal, o valor é de até R$ 100 milhões.

 (Foto: Editoria de Arte/G1)

Confira quem são as dez pessoas presas nesta terça-feira:
Agnelo Queiroz, ex-ministro do Esporte e governador do Distrito Federal entre 2011 e 2014
José Roberto Arruda, governador do Distrito Federal entre 2007 e 2010. Foi preso preventivamente durante o mandato, por suposto envolvimento em suborno a jornalista e teve o mandato cassado por infidelidade partidária.
Nelson Tadeu Filippelli, ex-vice-governador na gestão Agnelo. Por oito meses, até esta terça, trabalhou como assessor especial do presidente Michel Temer
Francisco Claudio Monteiro, ex-assessor de Agnelo. Durante o mandato do ex-governador, atuou como chefe de gabinete do Palácio do Buriti e Secretário Extraordinário da Copa 2014. Neste cargo, atuava diretamente na gestão do estádio
Nilson Martorelli, ex-presidente da Novacap. Responsável pela execução das obras públicas no DF, foi a empresa pública que assinou e monitorou todos os contratos com empreiteiras para a construção do estádio.
Maruska Lima Holanda, ex-diretora de Obras Especiais da Novacap. Funcionária de carreira da empresa desde 1998, ela coordenou a construção do Mané Garrincha como representante do governo.
Jorge Luiz Salomão, empresário do ramo de construção no DF. É citado pelo MPF como um dos "operadores ou representantes para arrecadar sistematicamente o dinheiro das construtoras", no suposto esquema de propina.
Sérgio Lúcio Silva de Andrade, empresário do DF. É citado pelo MPF como um dos "operadores ou representantes para arrecadar sistematicamente o dinheiro das construtoras", no suposto esquema de propina.
Fernando Márcio Queiroz, dono da Via Engenharia. A empresa do DF fazia parte do consórcio que construiu o Mané Garrincha, junto com a empreiteira Andrade Gutierrez.
Afrânio Roberto de Souza Filho, ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do Distrito Federal. Na ação do MPF, ele é citado como "operador financeiro" de Tadeu Filippelli, "conforme o acordo de leniência entre o MPF e a Andrade Gutierrez".
Segundo sentença do juiz da 10ª Vara Federal Vallisney de Souza Oliveira, o acordo entre as empresas garantiu a execução dos crimes denunciados: "fraude à licitação, lavagem de dinheiro, corrupção, peculato e associação criminosa".
Três acusados de terem participado do esquema, no entanto, tiveram o pedido de indisponibilidade de bens indeferidos. Segundo o juiz, a situação dos advogados José Wellington Medeiros de Araújo e Luiz Carlos Barreto de Oliveira Alcoforado, bem como do empresário Alberto Nolli Teixeira, sócio da Via Engenharia, "que sofrerão somente busca e apreensão, pelo menos até o presente momento, é diferente daqueles a quem se requer também prisão temporária".
Os mandados de prisão contra os políticos e outros seis acusados de envolvimento no esquema começaram a ser cumpridos pela Polícia Federal por volta das 7h desta terça-feira.

Polícia Federal do DF cumpre mandados de prisão temporária contra dois ex-governadores do DF   (Foto: Beatriz Pataro/G1 )
Polícia Federal do DF cumpre mandados de prisão temporária contra dois ex-governadores do DF (Foto: Beatriz Pataro/G1 )

Fonte: G1
Leia Mais ››

Mineirão foi usado em esquema para repassar R$ 30 milhões a Pimentel, diz Joesley Batista em delação


O empresário Joesley Batista, proprietário da JBS, disse em delação premiada que o estádio Mineirão foi usado para repassar R$ 30 milhões ao então governador eleito de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), em 2014. Batista falou que se encontrou com Pimentel no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, e que foi orientado pelo político a comprar 3% das ações do estádio da HAP Engenharia – uma das empresas que integravam o consórcio Minas Arena, que controla o estádio.
“Ele [Pimentel] me recebeu lá no hangar mesmo, R$ 30 milhões, tudo bem. Para viabilizar, ele me apresentou um sujeito, que era o dono de uma construtora, que me vendeu 3% de um estádio”, disse Batista na delação.
Batista contou ainda que o pagamento do valor foi acertado por meio do então tesoureiro da campanha do PT, Edinho Silva, e que Pimentel já havia conversado com a então presidente da República, Dilma Rousseff (PT), e que ela havia indicado que o valor deveria ser pago a Pimentel.
Por meio da assessoria, o governador Fernando Pimentel afirmou que o delator faz uma “acusação leviana e mentirosa” e que não apresenta provas ou evidências materiais. Pimentel nega que tenha recebido valores da JBS. Sobre a HAP, afirmou que a empresa já esclareceu publicamente que exerceu o direito de compra e venda de ações e que a transação seguiu trâmites legais, não tendo havido repasse a político ou partido.
A HAP Engenharia confirmou a operação de venda de 3% de 16% das ações, mas esclareceu que para a formalização da transferência ainda aguarda a anuência de instituições financeiras. A empresa foi questionada sobre o tempo decorrido desde 2014 e ainda não se posicionou. Afirmou também que os recursos foram totalmente destinados à operação da construtora, não tendo havido repasse de qualquer parte a político ou partido político. A HAP se colocou à disposição da Justiça para apresentar os comprovantes da transação e da destinação dos recursos e para prestar todos os esclarecimentos necessários.

A Minas Arena, concessionária que administra o Mineirão, nega que a J&F e a JBS sejam acionistas do estádio e afirma não ter recebido autorizações necessárias para formalização de compra e venda de ações.
Em nota, assessoria de imprensa da ex-presidente Dilma Rousseff, do PT, disse que as afirmações do empresário Joesley Batista são improcedentes e inverídicas, que ela jamais tratou ou solicitou de qualquer empresário, nem de terceiros, doações, pagamentos ou financiamentos ilegais para campanhas eleitorais.
O diretório regional do PT-MG garantiu que todas as informações referentes à prestação de contas eleitorais, assim como de seus candidatos, foram devidamente apresentadas à Justiça Eleitoral.
O PT Nacional não vai se posicionar.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Vereadora de Farroupilha diz que nordestinos 'sabem roubar que é uma maravilha'


Uma vereadora de Farroupilha, na Serra do Rio Grande do Sul, criticou nordestinos em seu discurso durante a sessão de segunda-feira (22) na Câmara Municipal. Eleonora Broilo (PMDB) pediu a palavra depois de ouvir a manifestação de outros colegas (veja no vídeo acima).
"Eu acho que os nordestinos sabem muito bem se unir, sim, para roubar. Eles sabem ganhar propina. Eu acho que eles sabem se unir para aumentar a corrupção. Isso eu acho que eles são donos. Isso eu concordo plenamente. Talvez até eles não saibam nem falar muito bem, mas sabem roubar que é uma maravilha", declarou em plenário.
Em seguida, após ser alertada pelo vereador Tiago Ilha (PRB) de que poderia ser mal interpretada, a vereadora afirmou que cometeu uma falha ao não especificar que falava da classe política.
"Eu não tinha me dado conta. Na realidade, eu só quis falar sobre o político nordestino. O povo nordestino é um povo que merece o nosso respeito pelo sofrimento dele. Eles não têm culpa nenhuma do seu político. Eu quis realmente falar sobre o político nordestino", explicou, na mesma sessão.
De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Farroupilha, vereador Fabiano André Piccoli (PT), só pode ser tomada alguma medida contra a vereadora caso alguma bancada faça um requerimento de instauração de uma Comissão de Ética, com pelo menos um terço de assinaturas dos parlamentares.
"Até o momento não recebi nenhum requerimento, mas já há alguma movimentação acerca disso. Já defini que, se eu receber, vou deferir e será instaurada a comissão", assegurou.
Piccoli destacou, ainda, que em caso de ir à Comissão de Ética, o relatório pode apontar que não houve abuso por parte da vereadora, pode indicar uma advertência, pode acarretar em uma suspensão temporária do mandato ou na cassação do mandato da médica pediatra Dr. Eleonora.
Ao G1, Eleonora garantiu que não teve a intenção de ofender o povo nordestino. Segundo ela, o que aconteceu foi uma divergência de ideia com um outro vereador, que havia afirmado que os políticos nordestinos é que sabiam fazer política. Como discordava da afirmação do colega, resolveu se manifestar sobre tema.
"Achei que era uma afronta aos nossos políticos. Peguei o gancho e me manifestei sobre o assunto. Em cinco minutos eu não me manifestei como deveria. Fui infeliz", admitiu.
"Respeito muito o povo daquela região, minha afiliada mora lá e eu gosto muito do nordeste. Eu jamais falaria mal daquele povo, que é honesto, trabalhador e sofrido. E eu respeito qualquer trabalhador que seja honesto", acrescentou.
Ela ainda comentou que está sendo atacada nas redes sociais devido à manifestação, que em sua avaliação foi divulgada fora de contexto.
"Todas as pessoas que, de uma maneira ou de outra, foram agressivas comigo nas redes sociais, vão ser interpeladas judicialmente depois. Não se faz isso com uma pessoa", reclamou.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Autuori assume diretoria no Atlético-PR; Eduardo Baptista será novo técnico

Eduardo Baptista foi o técnico do Palmeiras até o início do mês de maio. Ele deve ser apresentado nesta terça (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)

O presidente do conselho deliberativo do Atlético-PR, Mario Celso Petraglia, irá anunciar mudanças na comissão técnica do time. Sai Paulo Autuori, que irá assumir um cargo de diretoria e entra um novo técnico. O anúncio está previsto para ser feito no final da tarde desta terça-feira e Eduardo Baptista, ex-Palmeiras, deve ser apresentado na coletiva. A informação foi confirmada por pessoas próximas ao clube e ao treinador.
O anúncio desta terça-feira antecipa o planejamento que Autuori e o Atlético-PR já tinham, mas com previsão de ser realizado no fim da temporada 2017. O treinador havia manifestado o interesse em deixar o cargo e assumir um papel de diretor, que sempre foi bem visto pelos dirigentes do Atlético-PR.
A antecipação da mudança estaria ligada ao momento do Atlético-PR e também de Eduardo Baptista. O clube não decolou no Brasileiro com duas derrotas, mas tem tempo para se preparar para as oitavas de final da Libertadores, que está prevista para o mês de julho. Autuori teria tomado a iniciativa de ligar para Eduardo e fazer o convite também aproveitando que o treinador está sem clube.
Eduardo Baptista foi demitido do Palmeiras no início do mês de maio depois de pouco mais de quatro meses à frente do clube paulista. Ele não resistiu à primeira derrota na Libertadores: 3 a 2 para o Jorge Wilstermann, na Bolívia, pela Libertadores. Anunciado em 16 de dezembro do ano passado, Eduardo comandou o Palmeiras em 23 jogos, com 14 vitórias, quatro empates e cinco derrotas – aproveitamento de 66,6%

Autuori já tinha interesse de assumir um cargo na diretoria do Atlético-PR. Anúncia antecipa programação (Foto: Giuliano Gomes/Agência PR Press)
Autuori já tinha interesse de assumir um cargo na diretoria do Atlético-PR. Anúncia antecipa programação (Foto: Giuliano Gomes/Agência PR Press)

Fonte: Globo Esporte
Leia Mais ››

Mineiro é encontrado morto nos EUA após cruzar a fronteira do México

Sidney da Silva fez o último contato com a família na quinta-feira (18). (Foto: Arquivo Pessoal)

Um mineiro de Conselheiro Pena, no Vale do Rio Doce, foi encontrado morto nos Estados Unidos após cruzar a fronteira pelo México. A informação foi confirmada pela família de Sidney da Silva, de 39 anos, na manhã desta terça-feira (23), mas a causa da morte ainda não foi informada.
Segundo uma parente, que não quis se identificar, Sidney fez o último contato com a família na quinta-feira (18). No domingo (21), legistas de Laredo, no Texas, onde o corpo foi encontrado, avisaram da morte do brasileiro. Ainda de acordo com a família, o passaporte e o número de um telefone estava ao lado do corpo.
Os familiares confirmaram que Sidney tentava entrar ilegalmente nos EUA pela terceira vez para encontrar a esposa e uma das filhas, de 2 anos, que moram no país. Eles aguardam mais informações sobre a morte do mineiro e fazem uma campanha na internet para arrecadar fundos para trazer o corpo para o Brasil.
O G1 procurou o Ministério das Relações Exteriores, mas até a publicação desta reportagem o órgão não se posicionou.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Real Madrid e Flamengo anunciam acordo de venda de Vinicius Junior

Real Madrid e Flamengo anunciam acordo de venda de Vinicius Junior

Agora é oficial. O Real Madrid e o Flamengo confirmaram nesta terça-feira o acordo para a futura transferência de Vinicius Junior. A joia da base Rubro-Negra será do clube espanhol a partir de julho de 2018, assim que completar 18 anos. O jovem de 16 anos seguirá no time carioca até 2019, mas a ida para o Real pode ser antecipada, caso os clubes cheguem a um novo acordo. O valor da negociação de Vinicius Junior com os espanhóis é de 45 milhões de euros (cerca de R$ 164 milhões na cotação atual), como revelado pelo GloboEsporte.com no início do mês.

- O Real Madrid C.F. e o Clube de Regatas do Flamengo chegaram a um acordo para a transferência dos direitos federativos do atleta Vinicius Junior a partir de julho de 2018. O jogador permanecerá no Flamengo até julho de 2019, ainda que possa jogar antes pelo Real Madrid se os clubes entrarem em acordo - diz a nota publicada em português e em espanhol simultaneamente nos sites do Flamengo e Real Madrid.

Anúncios de Real Madrid e Flamengo (Foto: Reprodução)
Anúncios de Real Madrid e Flamengo (Foto: Reprodução)

Minutos antes do anúncio oficial em conjunto, o treinador do Fla, Zé Ricardo, dava coletiva de imprensa no Ninho do Urubu. Solicitado a dar um recado para os torcedores do Real Madrid sobre Vinicius Junior, o técnico tentou desconversar, mas disse:

- Boas coisas estão por vir para o torcedor do Real, se for por Real. Mas espero ver ainda muito tempo no Flamengo brilhando com a camisa rubro-negra.

Descontados impostos e comissões, o Flamengo ficará com aproximadamente R$ 100 milhões. Desse montante, o Rubro-Negro receberá 2/3 (cerca de R$ 66 milhões) agora. O restante será parcelado até o atacante se apresentar na Espanha.

Quando isso vai acontecer ainda é uma questão indefinida. Vinícius Junior terá que se apresentar ao Real Madrid em julho de 2018, mas seguirá no Flamengo por mais seis meses ou um ano ao Flamengo por empréstimo. Nesse caso, a promessa iria para a Espanha somente em janeiro ou julho de 2019. A decisão será feita em conjunto pelos clubes. No entanto, na primeira janela, em julho de 2018, o jogador terá o direito de escolher se vai ou se permanece por mais tempo no Rio de Janeiro.

Vinicius Junior estreou pelo profissional do Flamengo contra o Atlético-MG e tietou o ídolo Robinho, ex-Real Madrid (Foto: Reprodução)
Vinicius Junior estreou pelo profissional do Flamengo contra o Atlético-MG e tietou o ídolo Robinho, ex-Real Madrid (Foto: Reprodução)

No início da semana, o Flamengo anunciou a renovação de Vinicius. Pelo acordo, a multa rescisória passou de 30 milhões de euros para 45 milhões de euros, exato valor que será pago pelo Real Madrid pela promessa rubro-negra. No último sábado, o atacante entrou em campo no Serra Dourada nos minutos finais da vitória por 3 a 0 sobre o Atlético-GO. Foi o segundo jogo do atacante como profissional.

Fonte: Globo Esporte
Leia Mais ››

IBGE encerra inscrições para 24,9 mil vagas temporárias

Sede do IBGE em Boa Vista (Foto: Diogo Menezes)

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) encerra nesta terça-feira (23) as inscrições do processo seletivo para 24.984 vagas temporárias de níveis fundamental e médio. Os salários vão de R$ 1,6 mil a R$ 1,9 mil. A Fundação Getúlio Vargas (FGV) é a organizadora responsável pela seleção.
As oportunidades são para atuar no Censo Agropecuário 2017. Do total das oportunidades, 5% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros.


As vagas de nível médio são para agente censitário municipal (1.272) e agente censitário supervisor (4.867). Os postos de nível fundamental são para recenseador (18.845).
O salário será de R$ 1,9 mil para agente censitário municipal e de R$ 1,6 mil para agente censitário supervisor. Para recenseador, a remuneração será por produção, calculada por setor censitário, conforme taxa fixada e de conhecimento prévio pelo recenseador, com base nas quantidades de unidades de estabelecimentos agropecuários recenseados.
As inscrições podem ser feitas das 14h do dia 24 de abril até 23 de maio pelo site www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/ibge-pss. A taxa é de R$ 39,50 para nível médio e R$ 22 para nível fundamental.
No ato da inscrição, o candidato deverá manifestar sua opção de função e UF/Posto de Coleta ou UF/Área de Trabalho, conforme o caso, em que deseja concorrer à vaga, e também, a UF/Posto de Coleta ou UF/Área de Trabalho onde realizará a prova.
A prova objetiva será aplicada em 16 de julho, das 13h às 17h.
A previsão de duração do contrato é de até 7 meses para agente censitário municipal e agente censitário supervisor e de até 5 meses para a função de recenseador.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Polícia descobre túnel usado para desviar combustível da Petrobras, em Artur Nogueira

Buraco em alojamento de Artur Nogueira levava a túnel onde combustível era furtado da Petrobras (Foto: Reprodução / EPTV)

A Polícia Civil de Artur Nogueira (SP) descobriu um túnel usado para desviar combustível da Petrobras. Nesta segunda-feira (22), um buraco foi localizado com uma ligação clandestina em um duto que transporta o produto da refinaria de Paulínia (SP) até uma das unidades da multinacional em Brasília (DF). Ninguém foi preso.
De acordo com a polícia, funcionários da empresa desconfiaram do problema quando perceberam uma queda na pressão do duto no ponto onde havia o desvio, nesta segunda. Técnicos verificaram a rede e os policiais encontraram um sítio onde havia um alojamento antigo, que estava sendo usado para cometer o crime.
Segundo informações passadas ao G1, o local tem cerca de 50 cômodos que foram usados anos atrás por operários da construção civil. Somente um dos cômodos estava com sinais de movimentação, o local escolhido para acessar o duto da Petrobras.
O buraco encontrado tem cerca de quatro metros de profundidade e dá acesso a um túnel por onde passa o duto da empresa. Mangueiras e equipamentos próximos ao buraco tinham resíduo de combustível, segundo os policiais.
Uma amostra do material foi recolhida pela perícia e encaminhada para análise para identificar o tipo de combustível que estava sendo desviado. O resultado deve sair em 30 dias.
O caso está sendo investigado pela delegacia de Artur Nogueira e não há informações de suspeitos. A Polícia Civil, no entanto, já identificou o proprietário do sítio e informou ao G1 que vizinhos contaram à polícia ter percebido uma movimentação nos últimos dias no local.
Representantes da refinaria de Paulínia passaram a noite no alojamento acompanhando a ação policial. A Transpetro, responsável pelo transporte e a logística de combustíveis da Petrobras no Brasil, é quem opera os dutos e acompanha o caso. A companhia apura como serão os procedimentos para restabelecer o funcionamento pleno do duto e informou que vai se posicionar sobre o ocorrido.

Alojamento usado por operários da construção civil escondia túnel para furto de combustível, em Artur Nogueira (Foto: Reprodução / EPTV)
Alojamento usado por operários da construção civil escondia túnel para furto de combustível, em Artur Nogueira (Foto: Reprodução / EPTV)

Fonte: G1
Leia Mais ››

Fábio Faria destina emenda de R$ 660 mil para instalação de poços em 50 municípios do RN


O deputado federal Fábio Faria (PSD) destinou uma emenda no valor de R$ 660 mil para a Secretaria de Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte (Semarh), especificamente para instalação de poços em 50 municípios das regiões Central, do Médio e Alto Oeste, Vale do Açu, Seridó e Agreste, bastante afetadas pelos efeitos da estiagem prolongada. Os recursos vão ajudar a reduzir o déficit no número de poços perfurados que ainda não funcionam.

“Os poços são uma das principais alternativas para garantir o abastecimento da população em áreas rurais durante a seca. Esses recursos vão ajudar diversos municípios do RN a terem água enquanto não chega a transposição do Rio São Francisco, um dos nossos pleitos mais fortes no Ministério da Integração Nacional”, afirmou o deputado.

O secretário da Semarh, Ivan Lopes Júnior, ressalta que, no Estado, existem diversos poços perfurados sem funcionar muitas vezes pelo fato da instalação ter um custo bem mais alto que o de perfuração. “Emenda de extrema importância para ajudar a secretaria a avançar nos serviços de instalação de poços pelo Estado, inclusive em centros urbanos. É angustiante ver muitas comunidades com poços, mas ainda sem água pela falta de instalação”, disse.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Homem responde por calúnia após inventar estupro no RN


Duas investigações realizadas pela Delegacia Municipal de Marcelino Vieira resultaram no indiciamento de Manoel Vandui da Silva e Pedro Pereira Juvêncio pela prática do crime de denunciação caluniosa. Os dois homens relataram falsos crimes e apontaram algumas pessoas para serem investigadas pela Polícia Civil.

No dia 25 de abril deste ano, Manoel Vandui, conhecido como Vanduí registrou boletim de ocorrência narrando ter sido vítima de um crime de estupro que teria ocorrido na cidade de Marcelino Vieira. “Diante da gravidade da notícia narrada por meio do boletim de ocorrência, nós demos início as investigações no sentido de apurar o suposto crime de estupro e instauramos o competente inquérito policial. Ocorre que com a conclusão dos trabalhos investigativos, constatou-se que não era verdadeira a versão apresentada por Vanduí, de modo que o mesmo foi indiciado pelo crime de denunciação caluniosa, pelo fato de ter dado causa a investigação policial contra uma pessoa, sabendo que a mesma era inocente”, detalhou o delegado da DP de Marcelino Vieira, Paulo Cesário.

Em outro caso, ocorrido em janeiro deste ano, Pedro Pereira Juvêncio registrou boletim de ocorrência narrando que a pessoa de Maria Tacia de Araújo, juntamente com seus dois filhos menores, estavam sendo vítimas de cárcere privado praticado por duas pessoas, na cidade de Tenente Ananias. “ Em razão da notícia crime, também instauramos o respectivo inquérito policial e concluímos que as informações prestadas por Pedro Pereira eram falsas. Assim, ele também foi indiciado pelo crime de denunciação caluniosa. Destacamos que as pessoas não podem achar que a Polícia pode ser utilizada para atingir fins diversos da lei, pois nós temos um compromisso com a sociedade”, afirmou o delegado Paulo Cesário.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Diretor da Caern nega possibilidade de privatização da empresa


Na manhã desta terça-feira (23), o Diretor Presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), Marcelo Toscano, afastou qualquer possibilidade de privatização da companhia.

Através da divulgação de ofício enviado à presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Maria Silva Bastos Marques, em 26 de outubro de 2016, Toscano ressaltou que ao aderir ao programa do Governo Federal, o Governador Robinson Faria descartou qualquer possibilidade de privatização, “há de ressaltar que a posição do Estado do Rio Grande do Norte é a de não privatizar a Caern ou de proporcionar qualquer outra modalidade de transferência integral de suas ações ao setor privado”, afirma através de ofício (anexo). O posicionamento de não privatizar a Caern tem sido reafirmado veementemente pelo Governador do Estado.

Os estudos que o Diretor se refere serão realizados através do Programa de Investimentos do BNDES. Toscano destaca que em todo país, 18 companhias de Saneamento aderiram ao programa. De acordo com o diretor presidente, Marcelo Toscano, o estudo visa avaliar as áreas da companhia que necessitam de investimentos.

A CAERN

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) foi criada em 2 de setembro de 1969 pelo então governador monsenhor Walfredo Gurgel. A empresa incorpora e põe em prática sua missão de atender toda a população do Rio Grande do Norte com água potável, coleta e tratamento de esgotos. Atualmente, a Caern é responsável pela maior obra do Governo do Estado que tem como objetivo deixar a cidade do Natal com 100% de cobertura de esgotamento sanitário.

Ainda sobre a Caern, vale destacar que, em 2016 foi destacada entre uma das 1000 Melhores e Maiores empresas do Brasil de acordo com o ranking da revista Exame da Editora Abril. A edição especial de julho de 2016, mostrou a companhia na posição 953, 45 posições acima da classificação anterior. Dentre as melhorias da empresa, além das obras, merece destaque, o atendimento ao consumidor que passou por uma reformulação em 2016; o novo contact center (115) funciona 24h para atender a população.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Arena das Dunas aguarda por currículos; mande o seu


A Arena das Dunas anunciou que está recebendo currículos para compor dados para cinco funções. Os interessados deverão comparecer para entrega dos documentos (cópia e originais) no dia 29 de maio, a partir das 9 horas, pelo Portão 3 (Rua Projetada).

Funções:

– Atendentes
– Volante ambulante
– Carregadores
– Garçons
– Operadores de caixa ambulante

Documentação exigida (cópia e originais):

– Curriculum
– PIS ou carteira de trabalho
– CPF
– RG
– Dados bancários em nome da pessoa interessada
– comprovante de residência

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

PM pega pais de santo em roubo de imagens no cemitério de Currais Novos


Nem os santos escaparam de assaltantes em Currais Novos, no Seridó Potiguar. Na noite dessa segunda-feira, 22, dois homens foram surpreendidos pela Polícia Militar quando furtavam esculturas religiosas do cemitério da cidade.

João Paulo Costa de Araújo, de 20 anos, e Genilson Aires da Silva, de 31, são pais de santo – de acordo com Jota Dantas, policial e blogueiro da região do Seridó. Eles estavam com quatro esculturas subtraídas dos túmulos.

A reportagem buscou ajuda de fiéis para identificar as imagens. Elas são do Padre Cícero Romão Batista, de grande devoção no Nordeste mesmo sem a canonização pela Igreja Católica, da Sagrada Família, do Divino Pai Eterno e de Jesus Ressuscitado.

Os dois ladrões foram conduzidos para prestar esclarecimentos na delegacia da Polícia Civil de Caicó.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Operação do MPRN em Natal tem cuidados além do comum


A operação que está andamento pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte está cercada de cuidados além do comum.

Como é de praxe, os promotores repassam à assessoria de imprensa do órgão informações básicas sobre o desdobramento da operação, como seu nome, quantos mandados de busca e apreensão, além de prisão, são cumpridos.

Na ação desta terça, nenhuma dessas etapas foi cumprida, indicando que os promotores que participam da ação só pretendem disponibilizar mais informações quando a divulgação não comprometer a investigação.

O que sabe até o momento são registros feitos na imprensa por testemunhas dessas ações.

Houve cumprimento de mandado de busca e apreensão em um condomínio de luxo em Candelária, na zona Sul de Natal.

Houve ainda ação em uma loja de veículos na avenida Prudente de Morais.

A Polícia Militar participa da ação para o cumprimento dos mandados.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Tudo pronto para a 3ª Semana da Adoção no RN


A Coordenadoria da Infância e Juventude (CEIJ) do Tribunal de Justiça do RN realiza a partir desta quinta-feira (25) a terceira edição da Semana Estadual da Adoção. Com o tema “Adoção: conceitos e preconceitos”, o evento busca mobilizar famílias, instituições, simpatizantes da causa e pessoas interessadas em adotar criança ou adolescente. Atualmente, 33 crianças ou adolescentes estão aptas para adoção no Rio Grande do Norte. Outras 24 já estão vinculadas a processos de adoção.

De acordo com o juiz José Dantas de Paiva, coordenador da CEIJ, a meta é conscientizar as pessoas para se prepararem para fazer uma adoção legal e consciente. Em relação ao tema deste ano, o magistrado aponta que o número de pessoas que desejam adotar supera o de crianças ou adolescentes aptos a adoção, mas que esse passivo não é zerado.

O juiz da Infância e da Adolescência acredita que é preciso vencer a barreira do perfil exigido por algumas pessoas, que desejam adotar apenas crianças com determinadas características, o que prejudica aquelas com mais de sete anos de idade, grupos de irmãos, adolescentes e portadoras de algum tipo de deficiência.

É cada vez maior o nível de entendimento da sociedade para a questão da adoção e do esforço de autoridades, entidades e cidadãos para que as crianças e adolescentes brasileiros tenham direito a um lar.

Programação

A abertura oficial da Semana acontece às 9h, na Câmara Municipal de Parnamirim, com a realização de uma audiência pública sobre adoção, proposta pela vereadora Vandilma Maria de Oliveira.

No mesmo horário, no Hospital Santa Catarina, Zona Norte de Natal, acontecerá a primeira reunião interinstitucional do projeto “Entregar é Legal”, que visa conscientizar a necessidade da adoção pelas vias legais no âmbitos das maternidades. A reunião tem como tema “Como Fazer uma Adoção Legal?”.

Também na quinta-feira, às 14h, a Assembleia Legislativa do RN promove audiência pública sobre o tema, com propositura da deputada Cristiane Dantas.

Às 18h, o casal Luiz Schettini Filho e Suzana Sofia Moeller Schettini falam sobre os conceitos e preconceitos envolvendo a adoção. A palestra ocorre no auditório do CTGÁS, na Av. Capitão-Mor Gouveia, em Lagoa Nova. O psicólogo Luiz Schettini Filho é uma das referências nacionais quando o assunto é adoção, família e educação. Autor de vários títulos sobre a adoção, atua na área há mais de 45 anos e é pai de cinco filhos adotados.

Na sexta-feira (26), a Câmara Municipal de Mossoró realiza audiência pública às 14h, com propositura da vereadora Maria Isabel Araújo Montenegro.

No domingo (28), será realizada a Caminhada pela Adoção, no Parque das Dunas, em Natal, às 8h.

Saiba mais

A Semana Estadual de Adoção está na programação anual da Coordenadoria Estadual da Infância e Juventude e é realizada este ano com o apoio da Corregedoria Geral de Justiça, ONG Acalanto, Esmarn, Amarn, Assembleia Legislativa e Câmaras Municipais de Parnamirim e Mossoró.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Assembleia Legislativa consegue intervenção do Procon para reabertura de bancos no RN


A Assembleia Legislativa conseguiu junto ao Procon a garantia de que o órgão vai atuar para garantir a imediata abertura de pelo menos 12 agências bancárias no interior do Rio Grande do Norte. O deputado Hermano Morais (PMDB) participou de reunião na manhã de segunda-feira (22) com o diretor do Procon/RN, Cyrus Benavides, e recebeu a garantia por parte do órgão. A reunião foi resultado de uma audiência pública realizada pela Assembleia Legislativa, por proposição de Hermano, no dia 16 de maio.

Na ocasião, a população de vários municípios relatou o problema com a falta de agências devido às explosões causadas por criminosos. Em alguns casos, segundo relataram, havia terminais fechados há mais de 15 meses sem a substituição por parte das instituições bancárias. Por isso, Hermano fez a cobrança para que o órgão de defesa do consumidor atue nesse caso.

“Há moradores que precisam ir de São Paulo do Potengi até Macaíba para conseguir um terminal bancário, pagando transporte caro. É preciso garantir a segurança, mas a população não pode ser penalizada com a falta de bancos em suas cidades”, disse o deputado.

Hermano usou como argumento para a solicitação junto ao Procon medidas tomadas na Paraíba e Pernambuco, onde bancos receberam multas diárias pelo não funcionamento das agências e terminais. De acordo com o Procon, o caso será estudado e junto com o Sindicato dos Bancários, quando serão identificadas as cidades onde há a necessidade de reabertura de agências e se definirá o prazo para as providências dos bancos.

“Os bancos a cada ano que passa batem recorde de lucros e estão negligenciando a reabertura de suas agências, prejudicando a população. Esta precisa se deslocar para cidades vizinhas com intuito de realizar suas operações. O munícipio que ainda tem agências de bancos, principalmente públicos, convive com a superlotação e mau atendimento nos terminais. Isso é preciso mudar”, disse Hermano Morais.

Junto a Hermano, participaram da audiência no Procon Estadual com o coordenador Cyrus Benavides o poresidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), Benes Leocádio, e o presidente do Sindicato dos Bancários do RN, Gilberto Monteiro.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Rocha Loures entrega mala com R$ 500 mil à PF



O deputado afastado Rodrigo Rocha Loures entregou na sede da Polícia Federal, na noite desta segunda-feira (21), a mala com R$ 500 mil, informa a Folha.

Em delação, Joesley Batista afirmou que Rocha Loures foi indicado pelo presidente Michel Temer para tratar de assuntos de interesse da JBS.

Na última vez que a mala havia sido vista, o deputado afastado Rodrigo Rocha Loures saiu com ela de um estacionamento em São Paulo, em 28 de abril, e entrou correndo em um táxi.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››