RÁDIO CIDADE AO VIVO

segunda-feira, junho 05, 2017

TSE muda horário da segunda sessão de julgamento da chapa Dilma-Temer

O presidente Michel Temer e a ex-presidente Dilma Rousseff (Foto: Lula Marques/ Agência PT)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou nesta segunda-feira (5) ter alterado o horário da segunda sessão destinada ao julgamento da chapa formada por Dilma Rousseff e Michel Temer em 2014.
Inicialmente, a sessão estava marcada para as 19h desta quarta (7), mas, a pedido do relator, ministro Herman Benjamin, foi remarcada para as 9h. O julgamento começará nesta terça (6), às 19h.
O TSE não explicou os motivos da mudança, mas, na prática, a medida dará mais tempo para o julgamento, uma vez que a sessão poderá se estender por toda a quarta feira - também haverá sessões na quinta (8), às 9h e às 19h.
O julgamento
O julgamento da chapa Dilma-Temer começou em 4 de abril, mas foi adiado porque os ministros da Corte decidiram reabrir a etapa de coleta de provas, ouvir novas testemunhas e dar prazo adicional para as defesas entregarem as alegações finais
Será julgada uma ação do PSDB na qual a legenda acusa a chapa vencedora das eleições de ter cometido abuso de poder político e econômico e ter recebido propina oriunda do esquema de corrupção que atuou na Petrobras, investigado na Lava Jato. Os advogados da chapa negam as acusações.
A ação foi apresentada dois meses após o candidato do partido, Aécio Neves, ser derrotado por Dilma e Temer. Atualmente, o PSDB comanda ministérios a convite de Temer e é o principal partido de sustentação do governo, ao lado do PMDB.
Programação
Pela programação, o julgamento no TSE será retomado nesta terça com a leitura do relatório do ministro Herman Benjamin. O parecer descreve detalhes do processo ao longo da tramitação. O documento tem mais de mil páginas, mas o ministro deve ler uma versão resumida.
Pelo roteiro previsto, falarão, ainda, durante as sessões, o representante do PSDB (autor da ação); as defesas de Dilma e de Temer; e o Ministério Público.
Em seguida, Herman Benjamin lerá o voto, no qual sugerirá a condenação ou absolvição da chapa. Depois, votarão os ministros: Napoleão Nunes Maia Filho, Admar Gonzaga, Tarcísio Neto, Luiz Fux, Rosa Weber e Gilmar Mendes.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Polícia britânica identifica dois dos três terroristas responsáveis por ataque

Os suspeitos Khuram Shazad Butt e Rachid Redouane, identificados pela polícia britânica como autores do ataque que matou 7 na London Bridge (Foto: Reprodução/Twitter/Metropolitan Police)

A polícia britânica identificou, nesta segunda-feira (5), dois dos três responsáveis pelo ataque que matou sete pessoas e feriu 48 no último sábado (3), em Londres. Os nomes dos terroristas são Khuram Shazad Butt e Rachid Redouane.
Khuram Shazad Butt, de 27 anos, era britânico de origem paquistanesa. Ainda de acordo com a polícia, ele era “conhecido das autoridades”, mas nada indicava que um ataque estava sendo planejado. De acordo com a BBC, ele era casado e tinha filhos.
A imprensa inglesa afirma que ele aparece num documentário de televisão exibido no ano passado pela emissora channel 4 e que trata de extremistas britânicos. No programa, chamado "The jihadis next door" (os jihadistas da porta ao lado) o terrorista foi filmado em eventos com a presença de dois notórios pregadores islâmicos.
O terrorista havia trabalhado anteriormente para a empresa de transporte londrina e numa rede de fast food, disseram os vizinhos.
Rachid Radouane, 30 anos, era marroquino de origem líbia. Ele não estava nos radares do serviço de segurança do Reino Unido.
"Os investigadores gostariam de escutar qualquer pessoa que tenha qualquer informação sobre esses homens, e que possa colaborar com a investigação. Há um interesse específico em saber sobre quais lugares eles podem ter frequentado e sua movimentação nos dias e horas antes do ataque", afirmou o chefe da unidade antiterrorista da polícia britânica, Mark Rowley.

Rowley também comentou sobre o trabalho da divisão antiterrorismo da polícia e do serviço de inteligência britânico.
"O tempo todo, o MI5 e a polícia estão realizando cerca de 500 investigações, envolvendo 3.000 indivíduos de interesse. Além disso, 20 mil indivíduos já foram assunto de interesse, e seu risco permanente está sujeito à revisão pelo MI5 e seus parceiros. Os serviços de segurança e inteligência desmantelaram 18 tentativas de ataque desde 2013, cinco delas desde o atentado de Westminster, há dois meses".
Ambos os homens residiam em Barking, bairro na região leste de Londres, e que no último domingo (4) foi alvo de uma operação da polícia que prendeu suspeitos de colaborarem com o atentado. Até agora, 12 pessoas foram presas - sete homens e cinco mulheres - e seis propriedades foram alvo de operações de busca. Um homem e uma mulher que foram detidos já foram liberados.
Junto com um terceiro terrorista, ainda não identificado, os dois foram alvejados pela polícia de Londres após atropelarem pedestres na London Bridge e esfaquearem pessoas que estavam na região do Borough Market. Leia mais sobre a sequência das ações.
Na noite de domingo, o grupo terrorista Estado Islâmico assumiu a autoria do ataque.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Jovem detido após tentar se passar por médico em Balneário Camboriú é encontrado morto

Jovem de 19 anos publica fotos nas redes sociais com artigos médicos (Foto: Reprodução/Facebook)

O rapaz de 19 anos que chegou a ser preso após tentar se passar por um médico em um hospital de Balneário Camboriú, no Litoral Norte catarinense, foi encontrado morto em Camboriú nesta segunda-feira (5), informou a Polícia Militar.
Ele foi detido na noite da última terça-feira (30), suspeito de tentar furtar o hospital, segundo a PM. O suspeito estava vestido como um médico, com credenciais furtadas de outra pessoa. Ao solicitar um novo crachá de acesso ao hospital, os seguranças o detiveram até a chegada da PM.
Segundo a PM, o corpo foi encontrado na cama da casa onde ele morava. A Polícia Militar também encontrou medicamentos tarja preta no local. Segundo o delegado Davi Queiroz, não há indícios de crime.
Na noite de quarta-feira (31), a Justiça concedeu liberdade provisória. Ele tinha dez boletins de ocorrência registrados contra ele, por fraude, furto em comércio e estelionato.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Sérgio Moro e advogado de Lula discutem durante depoimento de Pedro Corrêa na Lava Jato


Cristiano Zanin Martins, um dos advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e o juiz federal Sérgio Moro – que é o responsável pelos processos da Operação Lava Jato na primeira instância – discutiram durante a audiência realizada na manhã desta segunda-feira (5).
O bate-boca começou quando o advogado quis fazer uma pergunta ao ex-deputado do Partido Progressista (PP) Pedro Corrêa, ouvido nesta manhã como testemunha de acusação por videoconferência com Recife (PE). Veja no vídeo acima.
"O senhor vai negar que a testemunha responda a essa questão?", perguntou Cristiano Zanin Martins. O advogado queria saber se Pedro Corrêa confirmava uma afirmação feita em outro depoimento.
Anteriormente, o ex-deputado havia relatado que, quando foi chamado pelo Ministério Público Federal (MPF), em setembro de 2016, lhe foi informado de que faltavam informações para embasar a denúncia contra Lula. Por isso, Corrêa tentou colaborar e testemunhar. Ele fechou acordo de delação premiada com o MPF, mas a colaboração ainda não foi homologada.
Sérgio Moro interveio dizendo que Pedro Corrêa já tinha respondido e ratificado essa questão. O advogado de Lula insistiu e afirmou que a pergunta era relevante e pertinente, e o juiz federal declarou que a defesa estava confundindo a testemunha. "Vossa Excelência que parece que está respondendo no lugar da testemunha", disse Cristiano Zanin Martins.
No momento em que o advogado de Lula citou a condenação de Pedro Corrêa, Sérgio Moro questionou se Martins estava querendo humilhar a testemunha. "É inapropriado", disse o juiz federal. Para Sérgio Moro, a condenação da testemunha se trata de "fatos notórios".
O ex-deputado já foi condenado pela Lava Jato a mais de 20 anos de prisão por crimes como corrupção e lavagem de dinheiro. Atualmente, ele cumpre prisão domiciliar por razões médicas.
O juiz federal então perguntou se o advogado tinha mais alguma pergunta – "sobre fatos" – a fazer. Martins respondeu: "Eu fiz as perguntas. Se as perguntas infelizmente incomodam, eu lamento. Mas eu já fiz as perguntas e não tenho mais perguntas a fazer". A audiência foi encerrada logo em seguida.

'Eu não era um desconhecido do ex-presidente Lula'
O ex-deputado disse a Sérgio Moro que estranhou o fato de o ex-presidente Lula ter dito na audiência em que prestou depoimento em Curitiba que não tinha feito nenhuma reunião com ele. Corrêa mostrou um álbum e disse ter fotos de uma das reuniões onde estavam presentes vários políticos, inclusive ele e o ex-presidente Lula.
"Eu gostaria, inclusive, de anexar depois essas fotografias para mostrar ao processo de que eu não era um desconhecido do ex-presidente Lula, como ele afirmou, que não tinha nenhuma relação comigo. Eu vivia no Palácio do Governo e no Palácio do Planalto, porque eu era presidente do partido e, consequentemente, participava pelo menos duas vezes por mês das reuniões do conselho político", declarou o ex-deputado.
Pedro Corrêa também confirmou à promotora do MPF Isabel Cristina Vieira algumas declarações que fez durante um depoimento em setembro de 2016. Uma das questões relembradas e confirmada pelo ex-deputado foi de que houve pagamentos de propina nos contratos da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar) e da Refinaria Abreu e Lima (RNEST) para o Partido Progressista.
"Sim. Esses contratos tinham recursos que vinham para o partido tanto na RNEST quanto da Repar", respondeu o ex-parlamentar.
Ação penal
Nesta ação penal, o MPF acusa o ex-presidente Lula de receber como propina um terreno onde seria construída a nova sede do Instituto Lula e um imóvel vizinho ao apartamento do petista, em São Bernardo do Campo (SP).
De acordo com a força-tarefa da Lava Jato, esses imóveis foram comprados pela Odebrecht em troca de contratos adquiridos pela empresa na Petrobras.
Lula responde, neste processo, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Outras sete pessoas também são rés. A ex-primeira dama Marisa Letícia chegou a ser acusada. Contudo, Moro decretou a impossibilidade de puni-la. Marisa Leticia morreu em fevereiro deste ano.
O ex-presidente nega as acusações, e o Grupo Odebrecht tem afirmado que tem colaborado com as investigações. Instituto Lula afirmou que "nunca teve outra sede a não ser o sobrado onde funciona até hoje, adquirido em 1990 pelo Instituto de Pesquisas e Estudos do Trabalhador (Ipet)".
Denúncia do MPF
Conforme o MPF, a Construtora Norberto Odebrecht pagou propina a Lula via aquisição do imóvel onde seria construída nova sede do Instituto Lula, em São Paulo. O valor, até novembro de 2012, foi de R$ 12.422.000, afirmam os procuradores.
O valor consta, segundo a força-tarefa a Lava Jato, em anotações de Marcelo Odebrecht, planilhas apreendidas durante as investigações e dados obtidos a partir de quebra de sigilo.
A denúncia do MPF afirma também que o ex-presidente recebeu, como vantagem indevida, a cobertura vizinha à residência onde vive em São Bernardo do Campo, interior de São Paulo. De acordo com o MPF, foram usados R$ 504 mil para a compra do imóvel.
Este segundo apartamento foi adquirido no nome de Glaucos da Costamarques, que teria atuado como testa de ferro de Luiz Inácio Lula da Silva, em transação que também foi concebida por Roberto Teixeira, em nova operação de lavagem de dinheiro, conforme a denúncia.
Tanto Glaucos da Costamarques quanto Roberto Teixeira também são réus no processo.
Os procuradores afirmam que, na tentativa de dissimular a real propriedade do apartamento, Marisa Letícia chegou a assinar contrato fictício de locação com Glaucos da Costamarques.
Nota da defesa de Lula
Em nota, o advogado de Lula diz que há fragilidade no relato de Pedro Corrêa e que tentou adiar o depoimento dele, mas sem sucesso. Segundo Martins, o MPF ainda não deu nenhuma informação sobre o status do processo de delação de Corrêa. A defesa também afirma que pediu para adiar a audiência com Emilio Odebrecht, dono da Odebrecht, prevista para às 14h desta segunda, mas não conseguiu.
Leia a seguir a íntegra do texto:
"O ex-deputado Pedro Corrêa, cassado por quebra de decoro parlamentar em 2006, deixou hoje claro ao Juízo da 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba ter refeito anexos de seu depoimento à Força Tarefa do Ministério Público Federal, visando fechar sua delação premiada, com o objetivo de apenas completar informações a respeito do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Corrêa depôs ao MPF em 1/9/2016 e foi nesse momento informado de que estavam faltando elementos para embasar denúncia contra Lula, ocasião em que disse querer colaborar. A denúncia foi ofertada em 14/9/2016. Até hoje a delação de Corrêa não foi homologada, depois de ter sido barrada pelo ministro Teori Zavascki em 2016 por falta de provas das alegações apresentadas.
Diante da manifesta fragilidade de sua versão sobre encontros com Lula, Corrêa mostrou fotos - com a presença de Lula - de reuniões do Conselho Político, que participou como presidente do PP. Perguntado pela defesa, ele não teve como deixar de admitir que essas reuniões eram públicas, com agenda certa e acompanhadas pela imprensa. O ex-Presidente sequer participava desses encontros, fazendo apenas aparições ao final para o cumprimento aos presentes. Como Corrêa abriu a audiência mostrando essas fotos, ele se colocou não com a isenção de uma testemunha, mas como pessoa com interesse na causa, buscando a qualquer custo destravar sua delação.
A defesa de Lula pediu, no início da sessão, em atenção ao contraditório, à ampla defesa e à paridade de armas - como determina a Súmula 14 do STF - que o depoimento de Corrêa fosse remarcado e viu negado seu pedido. Foi relembrado que MPF havia assumido, na audiência de 08.05, o compromisso de informar previamente o 'status' dos processos de delação envolvendo pessoas chamadas a depor. E no caso de Corrêa não foi apresentada qualquer informação, embora o MPF tenha reconhecido a existência de negociações e de diligências documentadas.
Ao final da audiência, o Juízo deu ciência às partes de que o MPF havia juntado ao processo documentos relativos a processos de delação de executivos do grupo Odebrecht. Com a adesão de outras partes, pedimos então a redesignação da audiência prevista para a parte da tarde - a partir das 14 horas -, considerando não haver tempo hábil para conhecer os novos elementos, situação que ofende o contraditório, a ampla defesa e a paridade de armas. O juízo decidiu manter os depoimentos 'por economia processual', embora tenha constatado o prejuízo à defesa, tanto é que facultou futuro pedido de nova oitiva.
Cristiano Zanin Martins"
Outro processo
No outro processo que o ex-presidente responde no âmbito da Lava Jato em Curitiba, os procuradores da força-tarefa da Lava Jato citam três contratos da OAS com a Petrobras e disseram que R$ 3,7 milhões foram pagos a Lula como propina. O ex-presidente nega as acusações.
Eles afirmaram que a propina se deu por meio da reserva e reforma de um apartamento triplex em Guarujá, no litoral de São Paulo, e do custeio do armazenamento de seus bens.
Esta ação penal já está na fase final, das alegações finais. Na sexta-feira (3), o MPF pediu prisão do ex-presidente Lula e pagamento de R$ 87 milhões em multas no caso do triplex.
Agora falta as defesas de Lula e dos demais réus protocolarem as alegações finais para, então, haver uma sentença do juiz federal Sérgio Moro. O prazo para os defensores contestarem os argumentos do MPF, dentro do processo, vai até o dia 20 de junho.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Apenas 2% dos municípios do país concentram metade dos homicídios, diz Ipea

Comunidade alagada após chuva em Altamira; cidade paraense lidera rankig dos municípios mais violentos do Brasil (Foto: Mário de Paula / TV Liberal)

Metade dos homicídios no Brasil em 2015 aconteceram em 2% dos municípios do país. Os dados, que mostram a desigualdade no cenário de violência, fazem parte de estudo divulgado nesta segunda-feira (5) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).
Segundo o levantamento, em 2015, apenas 111 cidades concentraram metade dos homicídios no país. Os habitantes desses locais representam 19,2% de toda a população brasileira. Outro dado que aponta desigualdade é que 10% dos municípios brasileiros, totalizando 557, concentram 76,5% do total de homicídios no país.
A pesquisa ainda mostra o fenômeno da difusão da violência das grandes regiões metropolitanas para as cidades do interior, especialmente nas regiões Norte e Nordeste e nos estados de Goiás e Minas Gerais.
A Bahia se destaca como o estado com mais cidades entre as mais violentas, com nove na lista.
Entre as trinta cidades com maior taxa de homicídio em 2015, considerando apenas municípios com mais de 100 mil habitantes, dezoito são da região Nordeste. A Bahia se destaca como o estado com mais cidades entre as mais violentas, com nove na lista. Outras quatro cidades são do Norte, quatro do Centro-Oeste, duas do Sul e uma do Sudeste.
A cidade de Altamira (PA) lidera a lista dos municípios mais violentos, considerando a soma da taxa de homicídios e o número de Mortes Violentas com Causa Indeterminada (MVCI). A segunda maior soma foi registrada em Lauro de Freitas (BA), seguida por Nossa Senhora do Socorro (SE) e São José de Ribamar (MA).

Cidades mais violentas do país segundo o IPEA (Foto: Editoria de Arte/G1)
Cidades mais violentas do país segundo o IPEA (Foto: Editoria de Arte/G1)

As cidades menos violentas
O estudo também mapeou os municípios com a menor soma entre a taxa de homicídio o número de MVCI. Entre os 30 mais pacíficos, 24 ficam na região Sudeste e 5, na região Sul. O Norte tem apenas 1 cidade na lista das menos violentas e o Nordeste, nenhuma.

Quase todas as cidades consideradas menos violentas ficam nas regiões Sul e Sudeste (Foto: G1 )
Quase todas as cidades consideradas menos violentas ficam nas regiões Sul e Sudeste (Foto: G1 )

O estado de São Paulo é o que mais tem cidades na lista, com 19. A cidade de Jaraguá do Sul (SC) ficou em primeiro lugar na lista das mais pacíficas, seguida por Brusque (SC), Americana (SP) e Jaú (SP).

Jaraguá do Sul, considerada a cidade menos violenta do país em lista com municípios com mais de 100 mil habitantes (Foto: RBSTV)
Jaraguá do Sul, considerada a cidade menos violenta do país em lista com municípios com mais de 100 mil habitantes (Foto: RBSTV)

As diferenças entre os municípios
O Ipea destacou as diferenças entre a cidade mais violenta do Brasil em 2015, Altamira (PA), e a mais pacífica, Jaraguá do Sul (SC), que possam explicar a diferença do cenário de violência em cada uma. Uma delas diz respeito à forma como se dá o crescimento das cidades. Altamira passou por um período de crescimento desordenado em meio à construção da Usina de Belo Monte.
Outro ponto destacado é a disparidade socioeconômica entre as cidades. Altamira tem maior densidade demográfica, menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) renda per capita correspondente a menos da metade de Jaraguá do Sul.
O Ipea também cita as diferenças nas condições do mercado de trabalho, geração de renda, desempenho econômico e politicas púbicas como fatores que explicam a disparidade dos índices de violência nas duas cidades.

Fonte: G1
Leia Mais ››

STJ autoriza quebra de sigilo telefônico do governador Raimundo Colombo

O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo (Foto: Reprodução/RBSTV)

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) autorizou a quebra de sigilo telefônico do governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo. A autorização é referente à investigação sobre um suposto pedido de contribuição de R$ 2 milhões em caixa 2 para campanha ao governo do estado, conforme delação de ex-executivos da Odebrecht.
Por meio de sua assessoria de imprensa, o governador Raimundo Colombo disse que "apoia totalmente a decisão". "É uma forma de esclarecer todos os fatos", afirmou o governador.
Conforme o STJ, a quebra do sigilo é válida pelo período de 1º de junho de 2012 a 28 de fevereiro de 2015. Além do governador, o ex-secretário da Fazenda Antônio Gavazzoni e o ex-secretário de Comunicação Ênio Branco terão o sigilo quebrado no mesmo período, informou o STJ. O G1 tenta contato com Gavazzoni e Branco na tarde desta segunda (5).
Os executivos Fernando Reis e Paulo Roberto Welzel, da Odebrecht, delatores do suposto repasse, também tiveram quebra de sigilo autorizada.
O ministro do STJ Luis Felipe Salomão declarou que a quebra do sigilo telefônico dos investigados é essencial para que se possa “identificar eventual comunicação entre os agentes e a confirmação de sua localização nas datas e períodos apontados”.
Delação do ex-diretor da Odebrecht Ambiental, Fernando Cunha Reis
O ex-diretor da Odebrecht Ambiental Fernando Cunha Reis afirmou que foi apresentado a Raimundo Colombo, na época senador, em um jantar no apartamento de Ênio Branco, atual diretor da Celesc, em 2010.
Disse que, no mesmo ano, Colombo pediu R$ 2 milhões em contribuição de campanha não contabilizada, em um encontro na sala VIP do Aeroporto de Congonhas.
Nessa ocasião, falou do interesse em fomentar a participação do setor privado na Celesc, nos portos e no setor de saneamento.
O delator informou que Colombo recebeu o codinome Ovo na operacionalização do pagamento por parte da Odebrecht.

Disse que, em agosto de 2012, Colombo convocou o então diretor da Odebrecht para uma reunião no gabinete do Centro Administrativo do Governo do Estado, na qual expôs a necessidade de eleger o prefeito de Florianópolis Cesar Souza Junior (PSD). Para tanto, disse que o próprio governador pediu R$ 3 milhões em contribuição não contabilizada.
Em dezembro de 2013, segundo a delação, o governador convidou o ex-executivo para um almoço privado no Palácio da Agronômica, explicou que não tinha conseguido viabilizar as privatizações, mas disse que faria no segundo mandato e pediu R$ 5 milhões, apresentando José Carlos Oneda como o responsável pela arrecadação da campanha. Oneda é o atual diretor de finanças e relações com Investidores da Celesc. Ele não foi localizado pela RBS TV.
Em agosto de 2014, o ex-diretor da Odebrecht disse que encontrou o atual Secretário de Estado da Fazenda, Antonio Marcos Gavazzoni, e que pediu R$ 2 milhões em contribuições não contabilizadas para a reta final da campanha. O encontro foi em um restaurante da capital.
No depoimento ao Ministério Público Federal, Fernando Cunha Reis disse que perguntou a Gavazzoni se o governador sabia do pedido, e ele confirmou que sim.
Segundo o delator, o responsável por receber o valor foi André Agostini Moreno, indicado como primo do governador.
Delação do ex-diretor da divisão sul da Odebrecht, Paulo Roberto Welzel
Em sua delação, o ex-diretor da divisão sul da Odebrecht, Paulo Roberto Welzel, confirmou as denúncias do superior hierárquico Fernando Cunha Reis. Ele também fala sobre a reunião na sala VIP do Aeroporto de Congonhas, onde Raimundo Colombo teria pedido R$ 2 milhões.
Como atuava diretamente na região Sul, ressaltou ter participado de reuniões na SC parcerias com o objetivo de tratar da venda de ativos da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan).
Em uma dessas reuniões, tomou conhecimento do encaminhamento de um projeto de lei, encaminhado pelo governo, para mudar a constituição estadual e facilitar a privatização.
Disse que durante essas negociações, em 2012, conheceu o senador Dalírio Beber (PSDB), que então era presidente da Casan.
Paulo Welzel relata ainda que em 2014 recebeu do secretário da Fazenda, Antonio Gavazzoni, o pedido de contribuição para a campanha de dois candidatos a deputado estadual.
Segundo o delator, eram R$ 500 mil para Gelson Merísio (PSD) e outros R$ 500 mil para José Nei Ascari (PSD).
O que disseram os citados
Ênio Branco disse à RBS TV que "as informações divulgadas estão sendo avaliadas para entender o contexto e, oportunamente, vai se manifestar".
A assessoria do atual secretário de Estado de Assuntos Estratégicos, Cesar Souza Junior, disse que ele jamais manteve qualquer relacionamento com a empresa citada.
José Carlos Oneda não foi localizado.
Em nota, os deputados estaduais Gelson Merisio e José Nei Ascari informam que não existem sobre eles quaisquer procedimentos investigativos instaurados, em qualquer esfera do poder judiciário, relativo aos fatos da Lava Jato. Na próxima semana, devem apresentar todos os documentos oficiais que comprovam a inexistência de qualquer procedimento investigativo.
Beber afirmou não ter tido acesso ao processo. "Recebo com surpresa a inserção do meu nome no rol dos investigados. Não tive, até o presente momento, qualquer acesso ao processo para conhecer o conteúdo do que me é atribuído. Rechaço com veemência toda e qualquer denúncia de prática de ilícitos. Estou indignado, mas absolutamente tranquilo, pois minha consciência em nada me acusa", declarou.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Suspeito de assalto a banco é preso ao desembarcar em aeroporto com maleta que bloqueia alarme

Suspeito de assalto a banco foi preso ao desembarcar em aeroporto com maleta que bloqueia alarme de agências (Foto: Polícia Civil de Mato Grosso)

Um suspeito de integrar uma quadrilha que assaltava bancos em Mato Grosso foi preso na madrugada desta segunda-feira (5) ao desembarcar em um voo comercial no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.
Segundo a Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), Josimar Gomes Amado, de 30 anos, desembarcou em um voo de Curitiba (PR) com um equipamento que desliga sinais de áudio, vídeo e alarme de bancos. De acordo com a GCCO, o equipamento poderia gerar risco e até queda da aeronave.
Ele seria o último integrante da quadrilha presa na Operação Lepus, feita em abril deste ano. A organização criminosa roubou mais de R$ 2 milhões de três agências bancárias no estado.
“A maleta, que possui um botão de acionamento capaz inibir os sinais transmitidos de maneira remota, veio dentro do avião e poderia gerar risco e até levar a queda da aeronave, que transportou de Curitiba a Cuiabá”, explicou o delegado Luiz Henrique Damasceno.
Conforme o delegado, a maleta foi despachada em Curitiba, dentro de uma caixa de papelão enrolada entre cobertores. Josimar foi abordado ao retirar a mala da esteira das bagagens após o desembarque.
O assaltante embarcou no avião apresentando documento falso, em nome de Luiz Fernando. Ele foi autuado por uso de documento falso, além do cumprimento da prisão preventiva. O suspeito foi encaminhado para a sede da GCCO, em Cuiabá, onde deve ser interrogado ao longo do dia.
Operação
A operação apontaram os suspeitos Jorge Marcelo Souza Nazário, Antônio Fernandes dos Santos, Everton Pereira Oliveira e Josimar Gomes Amado como integrantes de organização criminosa responsável por, pelo menos, três crimes de roubo a banco cometidos durante 2016 em Cuiabá, causando prejuízo superior a R$ 2 milhões aos estabelecimentos bancários.
Na ocasião, os suspeitos Jorge Marcelo, Antonio Fernandes e Everton, foram presos e o suspeito Josimar Gomes não havia sido localizado. Na lista dos crimes atribuídos à organização criminosa, está um roubo a banco no bairro Jardim Industriário, ocorrido no dia 1º de abril de 2016, ocasião em que os suspeitos permaneceram por várias horas no interior do estabelecimento bancário, fazendo funcionários reféns.
Nesse caso, para entrar no estabelecimento, os suspeitos se disfarçaram de policiais utilizando fardamento militar.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Quartas de final da Copa do Brasil ficam sem confrontos estaduais em sorteio

Equipes conhecem adversários das quartas e caminho até a final (Foto: Felipe Siqueira/GloboEsporte.com)

Foram definidos na manhã desta segunda-feira os confrontos das quartas de final da Copa do Brasil, em sorteio realizado na sede da CBF, na zona oeste do Rio de Janeiro. Com a competição se afunilando, os clássicos regionais eram inevitáveis. Entretanto, apesar de rivais de Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais presentes, não haverá clássicos estaduais nesta fase da competição. O Atlético-MG encara o Botafogo, o Flamengo pega o Santos, o Grêmio enfrenta o Atlético-PR, enquanto Palmeiras e Cruzeiro medem forças.
Veja os confrontos*:
Atlético-MG x Botafogo
Flamengo x Santos
Grêmio x Atlético-PR
Palmeiras x Cruzeiro
*os clubes da esquerda fazem o primeiro jogo em casa
Cerca de meia hora depois das definições dos confrontos, um novo sorteio foi realizado para definir os mandos de campo. Para evitar jogos na mesma cidade em datas próximas, o sorteio foi dirigido. Com isso, Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras abrirão em casa seus confrontos com Botafogo, Santos e Cruzeiro, respectivamente. Por serem representantes únicos de seus estados, Grêmio e Atlético-PR tiveram o mando sorteado separadamente, com o clube gaúcho com a responsabilidade de fazer a primeira partida em casa.
Chaveamento definido até a final
O que os clubes e torcedores já sabem é o caminho até as finais caso avancem, já que não haverá mais sorteios de confrontos nas próximas fases - apenas de mandos de campo. De um lado, quem passar de Atlético-MG e Botafogo encara o vencedor de Flamengo e Santos. Do outro lado da tabela, quem ficar com a vaga entre Palmeiras e Cruzeiro enfrenta Furacão ou Grêmio.
Datas previstas
As datas previstas para os jogos de ida são 28 de junho ou 5 de julho. A distância para as partidas de volta é grande - serão disputadas no dia 26 de julho ou 9 de agosto. Todos em quartas-feiras. Estas, porém, são apenas "datas base". Poderão haver pequenas alterações nos dias dos confrontos, como deslocamento de determinada partida para quinta-feira, por exemplo, para se adequar às transmissões e para não coincidir com jogos da Libertadores e da Sul-Americana. Os dias exatos das partidas só serão definidos após o sorteio das competições continentais, que acontecem dia 14/06.

Clubes não podem mais inscrever jogadores
Enquanto os clubes seguem em buscas de reforços para a sequência da temporada, o regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) impede que novos jogadores sejam inscritos para o restante da Copa do Brasil. De acordo com o artigo 6º, o prazo limite para inscrição se encerrou no dia 24 de abril.

"Mini-Libertadores"
Dos oito times nas quartas de final, sete deles entraram diretamente nas oitavas por participarem da edição deste ano da Libertadores - sendo que seis deles (Atlético-MG, Atlético-PR, Botafogo, Grêmio, Palmeiras e Santos) ainda estão na competição continental (apenas o Flamengo saiu). O único clube que vem disputando a Copa do Brasil desde a primeira fase é o Cruzeiro. Para o diretor de competições da CBF, Manoel Flores, a presença de tantos clubes que atuaram na Libertadores deve-se mais ao fato da força dos times que da entrada direta nas oitavas de final:
- Isso é muito relativo. Essa regra vem desde 2013, e naquela ocasião, Flamengo e Atlético-PR, ambos que começaram desde a primeira fase, fizeram a final. Já em 2014, tivemos uma final mineira, clubes que entraram adiantado. A Copa do Brasil é muito equilibrada e busca dar chances para todos os times sim. É inegável o poderio desses clubes, eles estão de parabéns, fizeram belíssimos trabalhos e a gente espera que a competição continue forte - disse o dirigente.
Seis campeõs nas quartas de final
Dois times ainda na briga pelo título de 2017, seis deles já levantaram a taça do torneio. Atual campeão, Grêmio é o maior vencedor, com cinco títulos, seguido por Cruzeiro (4), Flamengo e Palmerias (3). Santos e Atlético-MG possuem um título cada. Botafogo e Atlético-PR já foram finalistas, mas estão em busca da primeira taça. Dentre os confrontos nas quartas, apenas Palmeiras e Cruzeiro já se encontraram em finais, em 1996 e 1998, com um título para cada.

Fonte: Globo Esporte
Leia Mais ››

Secretária de Educação no RJ sugere que professores 'comprem um jegue' para ir até escolas


Professores da rede municipal de educação de Seropédica, na Baixada Fluminense, reclamaram da falta de transporte para chegar a escolas mais distantes e a secretária de Educação e primeira-dama da cidade respondeu com uma solução inusitada: sugeriu que os professores comprassem ou alugassem um jegue.
A secretária Municipal de Educação, Cultura e Esporte, Sônia Oliveira de Souza, fez o comentário durante uma reunião com diretores das escolas municipais porque, segundo a Secretaria de Educação, os pais estavam reclamando que os professores usavam os ônibus escolares. Quando ela fez a sugestão, o jornal Perfil gravou e o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação cedeu ao Bom Dia Rio.
“O funcionário, até porque todos os funcionários agora recebem ajuda de custo para o transporte. ‘Ah, mas a escola é longínqua’. Isso não é problema meu. Quem fez concurso sabia e quando ele foi escolher a escola dele também. Então é assim, gente, olha, eles irão se comprometer com vocês a auxiliar as crianças no ônibus. Aquele que não quiser ajudar não tem problema, não é obrigado, mas eu também sou obrigado a dar carona pra ele. Ele vai a pé ou então ele aluga um jegue. Tem um monte de jegue aí na rua baratinho. Com R$200 você compra um jegue", diz a secrtária na gravação.
Para a coordenadora do Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (Sepe) de Seropédica, Roseli Rodrigues de Novaes, a reação dos professores com esse comentário foi de indignação.
“Os professores ficaram indignados, revoltados, com essa atitude da secretária. Uma fala infeliz em uma reunião de diretores onde ela dá orientação aos diretores de como levar instrtuções aos professores. Que tipo de educadores nós vamos ter nas escolas? Educadores oprimidos? Educadores assediados moralmente?", disse Roseli.
Ainda de acordo com a coordenadora, os professores e funcionários recebem R$ 160 por mês para trabalhar cinco dias na semana e esse valor não é o suficiente para pagar a passagem.

"Tem escolas no município que você tem que pegar três ônibus para chegar até ela [escola]. Você gasta esse valor de R$ 160 em uma semana, em 15 dias. Não dá. E a desvalorização é muito grande. Os professores são humilhados", lamentou Roseli.
Em nota, a Secretária de Educação reconheceu que foi infeliz na sua declaração. Ela disse que sua reação foi consequência da reclamação de pais insatisfeitos com o fato de professores estarem ocupando o ônibus escolar.
"Foi um desabafo infeliz. Peço desculpas aos que se sentiram constrangidos. Minha reação foi consequência das reclamações de pais e mães de alunos que procuraram a prefeitura para se queixar de que alguns professores estavam ocupando indevidamente o espaço dos alunos nos ônibus escolares. Os professores de Seropédica recebem R$ 160 mensalmente como ajuda de custo de transporte. Estavam economizando dinheiro com a utilização indevida do transporte exclusivo para os alunos. Não esperava que a minha reação numa reunião com diretoras fosse ter essa repercussão toda. Foi quase uma brincadeira. Não tive a intenção de magoar ninguém.", afirmou a secretária em nota.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Justiça Eleitoral nega pedido de prisão de Anthony Garotinho

O secretário de Governo de Campos dos Goytacazes e ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, chegou a ser preso na Operação Chequinho (Foto: Wilton Júnior/Estadão Conteúdo)

A Justiça Eleitoral negou nesta segunda-feira (5) o pedido de prisão do ex-governador do Rio Anthony Garotinho (PR). O juiz eleitoral da 100ª Zona, Glaucenir Silva de Oliveira, afirma que não consegue "enxergar como poderia o réu usar matérias nada jornalísticas para atacar autoridades".
O pedido foi feito pelo Ministério Público (MPRJ) com a alegação de que Garotinho usava o blog pessoal para coagir testemunhas da Operação Chequinho, que investiga um suposto esquema de compra de votos em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.
"Não há fundamento para este decreto de prisão, valendo notar, entretanto, que por suas palavras e suas manifestações, o réu poderá ser acionado na Justiça por quem se sentir ofendido", escreve o juiz Glaucenir na decisão.
O promotor Leandro Manhães pediu a prisão de Garotinho à Justiça afirmando que o ex- governador vem usando as redes sociais para criticar testemunhas que ainda serão ouvidas no processo em que ele é reu. O político chegou a ser preso pela Polícia Federal em novembro de 2016.
Em nota divulgada na sexta-feira (2), o advogado de Anthony Garotinho, Fernando Fernandes, informou que o promotor está desafiando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ao pedir prisão de Garotinho e ingressa com exceção do juiz substituto. Segundo Fernandes, as razões constantes no pedido são uma afronta a decisão do TSE, que deu liberdade de manifestação ao ex-governador.
Prisão de Garotinho
Em 16 novembro de 2016, o então secretário de governo de Campos, Anthony Garotinho, foi preso pela Polícia Federal no Rio de Janeiro. Ele chegou a passar uma noite no presídio em Bangu, mas foi solto no dia seguinte.

Anthony Garotinho foi transferido para Bangu quando preso, depois de passar por hospital. (Foto: G1 )

Em 24 de novembro de 2016, o TSE concedeu habeas corpus a Garotinho para substituir a prisão preventiva decretada por medidas cautelares. Na ocasião, os ministros disseram que a prisão preventiva de Garotinho, determinada pelo juiz da 100ª Zona Eleitoral, não se sustentava legalmente.
Entre as medidas cautelares definidas para a prisão domiciliar de Garotinho, o Plenário do TSE decidiu que o ex-governador não poderia manter contato com testemunhas listadas até o fim da instrução processual. O Tribunal estabeleceu, na época, a fiança em cem salários mínimos.
Além disso, Garotinho teria que comparecer a todos os atos do processo sempre que intimado, não poderia mudar de endereço e não deveria se afastar de sua residência por mais de três dias sem prévia comunicação ao juízo. Se qualquer dessas medidas fosse descumprida, sem a devida justificativa, seria restabelecida a ordem de prisão.
Operação Chequinho
A Operação Chequinho investiga um esquema de compra de votos em Campos, que segundo o Ministério Público Eleitoral usava o programa social Cheque Cidadão. Vereadores, servidores públicos e eleitores chegaram a ser presos, mas todos já foram soltos.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Homem é preso por matar e enterrar inquilino no quintal de casa em Petrolina, PE

Corpo foi enterrado no quintal da casa onde o suspeito morava com a vítima (Foto: Divulgação / Polícia Civil)

Um pedreiro de 33 anos foi preso, neste domingo (4), após confessar ter matado e enterrado o corpo de um homem, de 43 anos, no quintal da casa onde mora, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. O crime ocorreu há cerca de nove dias e só foi descoberto porque o suspeito procurou a delegacia e comunicou o homicídio. O pedreiro disse ainda que matou a vítima porque ele teria abusado sexualmente da mãe, que é deficiente física.
Segundo informações da Polícia Civil, o assassinato ocorreu no dia 27 de maio, na Rua da Chesf, no bairro José e Maria, Zona Leste da cidade. A vítima tinha um quarto alugado na casa do suspeito.


“Ele alega que ocorreu durante a noite, quando chegou na residência e desconfiou que o homem estava abusando da mãe. Ela é deficiente física, não fala, não anda, vive em estado vegetativo. Os dois tiveram uma discussão e durante a briga ele pegou um pedaço de pau e deu três pauladas na cabeça da vítima. Ele ficou pensando o que fazer com o corpo e resolveu enterrar no quintal, onde tinha um buraco de um pé de mamão. Ele aumentou a cova e enterrou”, conta o delegado responsável pelo caso, Daniel Moreira.

Na delegacia, o suspeito deu detalhes de como ocorreu o crime e não mostrou arrependimento.
“Eu sai para tomar duas cervejas com a mulher. Quando voltamos, me deparei com ele dentro do quarto [da mãe]. Minha mulher quem viu e perguntou o que ele estava fazendo. Perguntei o que ele estava fazendo lá e ele disse que tinha escutado um barulho. Eu disse que não era para ele está dentro da minha casa. Ai eu fui lá, dei três pauladas e matei. Se ele estivesse vivo eu fazia de novo, fazia a mesma coisa”, declarou o suspeito.
Uma equipe da força tarefa de homicídios foi até a residência indicada, junto com equipes do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto de Medicina Legal (IML).
“Após o crime ele fugiu para a cidade de Lagoa Grande, junto com a mãe e ficou pensando onde iria deixar a genitora, porque ele queria se apresentar na delegacia. Ontem [4] ele procurou nossa equipe, mostrou o local e ele mesmo cavou, com uma frieza que impressiona”, detalhou Daniel Moreira.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Trem descarrila em Belo Horizonte


Um trem descarrilou, na noite deste domingo (4), em um trecho que fica no bairro Floresta, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Não houve feridos e o acidente não impactou o trem de passageiros.
A Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) informou que o acidente não prejudicou o funcionamento do metrô.
A VLI informou que cinco vagões tombaram e que o acidente aconteceu por volta das 19h. A composição ferroviária tinha ao todo 4 locomotivas e 90 vagões que carregavam soja do Triângulo Mineiro para o porto em Vitória (ES). Circulam nesse trecho 22 trens por dia, sendo 11 carregados e 11 vazios.
As equipes da empresa foram acionadas imediatamente. Uma das linhas já se encontra apta para circulação de trens. Cerca de 70 profissionais estão mobilizados no local para dar continuidade aos trabalhos de retirada dos vagões e reparos da segunda linha.
A previsão é que os serviços sejam concluídos em 24h. As causas do acidente estão sendo apuradas por uma comissão de especialistas da empresa.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Jogador de Copa do Mundo, Cheick Tioté morre quando treinava na China


O mundo do futebol foi atingido por uma tragédia nesta segunda-feira. O volante Cheick Tioté faleceu durante um treinamento do Bejiing Enterprises, o seu clube na China. A morte do meio-campista marfinense foi confirmada pelo seu empresário, Emanuele Palladino.

Tioté, de apenas 30 anos, sofreu uma parada cardíaca quando treinava pelo time chinês. Palladino anunciou a morte “com profunda tristeza”. “Não podemos dizer mais no momento e pedimos que a privacidade da sua família seja respeitada neste momento difícil. Pedimos para todos as suas orações”, acrescentou.

O meio-campista era presença constante na seleção da Costa do Marfim, tendo feito parte do grupo que disputou as edições de 2010 e de 2014 da Copa do Mundo, além da Copa Africana de Nações em 2010, 2012, 2013 e 2015, quando a equipe foi campeã.

Em 2010, inclusive, participou da partida em que a seleção do Brasil venceu a Costa do Marfim por 3 a 1 na Copa do Mundo, tendo ficado marcado pela entrada dura em Elano – o meio-campista não voltou a defender a seleção no torneio na África do Sul.

O jogador marfinense se transferiu em fevereiro para o Bejiing Enterprises, time que disputa a segunda divisão do futebol chinês e está na zona de rebaixamento do torneio, na 15ª colocação entre 16 participantes.

Antes disso, Tioté iniciou a sua carreira no Anderlecht, depois passando pelos holandeses Roda JC e Twente, antes de se transferir em 2010 para o Newcastle. Ele defendeu o time inglês por quase sete anos, tendo sido eleito o melhor jogador do clube em 2011. O marfinense disputou 161 partidas pelo Newcastle, com um único gol marcado, mas histórico, que levou o time a arrancar o empate por 4 a 4 com o Arsenal após estar perdendo por 4 a 0 em 2011.

Rafa Benítez, que comandou Tioté no Newcastle, destacou o caráter do jogador. “Em todo o tempo em que o conheci, ele foi um verdadeiro profissional, dedicado e, acima de tudo, um grande homem”, disse o espanhol. “Nossos corações estão com a família dele e amigos em um momento tão triste”.

O capitão do Manchester City, Vincent Kompany, que jogou com Tioté no Anderlecht, também prestou sua homenagem. “Cheick Tioté foi um dos mais agradáveis e fortes companheiros de equipe que já tive”, escreveu no Twitter.

Fonte: Estadão
Leia Mais ››

Governo estuda revitalização da produção de petróleo e gás


O Governo do Estado trabalha para revitalizar a cadeia produtiva de petróleo e gás. O Rio Grande do Norte, apesar da redução dos investimentos da Petrobras, ainda é o maior produtor de petróleo em terra do país e possui mais de 50% dos poços perfurados em terra.

Através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico – SEDEC, a administração realiza estudos para a operação dos poços que a Petrobrás não tem interesse. Estes poços seriam explorados por pequenos produtores numa atividade viável economicamente devido ao seu baixo custo – uma vantagem em relação à companhia petrolífera.

O governador Robinson Faria se reuniu nesta segunda-feira, 05, com diretores da Redepetro no RN, instituição que congrega empresas da cadeia produtiva do petróleo e do gás. “Temos uma oportunidade para manter e ampliar a produção em Mossoró e municípios próximos, onde a Petrobras vem reduzindo os investimentos. Com pequenos e médios produtores podemos recuperar a produção estimulando uma atividade econômica que vai gerar riqueza e empregos naquela região”, ressaltou o Governador.

O Secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Flávio Azevedo, explicou que a extração de petróleo por pequenos produtores é plenamente viável e citou o exemplo do estado do Texas, nos Estados Unidos da América, onde esta modalidade tem grande dinâmica.

“Mossoró tem capacidade instalada, empresas e técnicos capacitados, cursos de graduação e pós-graduação em petróleo e gás e empresas que dominam a tecnologia. Temos tudo pronto para operar e revitalizar a produção”, explicou Flávio Azevedo.

A Redepetro esteve representada pelo diretor-presidente Gutemberg Henrique Dias, vice-presidente, Cristo Jone, secretário-executivo, André Henrique, diretor de relações internacionais, Thiago Silvano e pelo presidente do Conselho Fiscal, Josivan Dantas. O Sebrae foi representado pelo coordenador da cadeia produtiva de petróleo, gás e energia, Robson Mattos.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Piloto americano aterrissa no RN durante volta ao mundo


O piloto americano Brian Lloyd, de 62 anos, tenta dar a volta ao mundo em um monomotor e deve aterrissar no Rio Grande do Norte nesta terça-feira, 6. A escala em solo potiguar estava prevista para a tarde desta segunda. Entretanto, de acordo com as informações colhidas pelo PORTAL NO AR, um problema técnico vai adiar a visita.

Brian vai pousar em uma pista na Lagoa do Bonfim, em Nísia Floresta. Ele é aguardado por pilotos e entusiastas da aviação no Rio Grande do Norte. O projeto do americano é concluir a rota iniciada pela compatriota dele, Amelia Earhart. Em 1937, quando tinha 40 anos, ela desapareceu no Oceano Pacífico ao tentar contornar o globo e nunca foi encontrada.

A viagem começou no primeiro dia 1º de junho quando o aviador partiu dos Estados Unidos com destino a Fortaleza, no Ceará. De acordo com Walter Fonseca, um dos pilotos que espera pelo americano no RN, “Brian está com uma pane no rádio e, por isso, a vinda dele hoje (segunda) a Natal foi adiada”.

Brian vai sobrevoar o mundo em dois meses, sozinho, a bordo do avião batizado de Spirit. A aeronave tem apenas um motor.

De acordo com Fonseca, “aviões comerciais voam longas distâncias diariamente mas voos oceânicos são mais difíceis para aeronaves de pequeno porte à hélice, que tem autonomia limitada”.

O público pode rastrear o voo pela internet, nas redes sociais e também através dos radioamadores.

Brian Lloyd

Brian Lloyd, de 62 anos, é um piloto, instrutor de vôo, engenheiro, educador e operador de rádio. Ele mora perto de San Antonio, Texas, EUA. Os vôos comemorativos são co-patrocinados pelo The Classic Aircraft Aviation Museum, sem fins lucrativos no Texas, e muitos outros indivíduos que contribuem para apoiar os voos através de doações.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Bandidos arrombam agência dos Correios em Acari


A agência dos Correios do município de Acari, distante 215 km de Natal, foi arrombada por assaltantes no final de semana.

Segundo as primeiras informações, os funcionários constataram o arrombamento apenas na manhã desta segunda, 5, quando abriram a agência. A empresa não informou se os bandidos conseguiram levar dinheiro.

O caso será investigado pela Polícia Federal, visto que a empresa pública pertence a União.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Banco do Nordeste premia as 3 melhores micro e pequenas empresas do RN; saiba quais são


O Banco do Nordeste entrega nesta terça-feira, 6, às 8h, no Restaurante Mangai, em Natal, o III Prêmio Banco do Nordeste da Micro e Pequena Empresa no Rio Grande do Norte, em reconhecimento aos empreendimentos que se destacaram por melhoria da competitividade e ideias inovadoras. Serão entregues três troféus para clientes das categorias Comércio, Indústria e Serviços. No RN, todos os vencedores vieram do interior, respectivamente, Carnaúba dos Dantas, Maxaranguape e Santa Cruz.

As micro e pequenas empresas selecionadas obedeceram a critérios como faturamento anual de até R$ 3,6 milhões, com pelo menos 12 meses de atividade; crédito do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) vigente; número de empregos gerados pelo empreendimento; evolução das receitas após os financiamentos; e práticas ambientais, de inovação e de gestão.

O propósito da premiação, que reconhece, ao todo, 30 casos de sucesso, é contribuir para ampliar a cobertura do FNE e incentivar as empresas a buscar crescimento e desenvolvimento no campo de desempenho econômico-financeiro, qualidade da gestão e iniciativas inovadoras.

“O Prêmio MPE é uma oportunidade de reconhecer as boas iniciativas que se tornaram referência em suas atividades, graças ao apoio creditício do Banco do Nordeste. É importantíssimo para o Banco constatar que sua atuação tem feito a diferença na vida das pessoas”, afirma o superintendente de Negócios de Varejo e Agronegócio do Banco do Nordeste, Luiz Sérgio Machado.

O Prêmio BNB da Micro e Pequena Empresa é concedido em cada estado do Nordeste e do Norte de Minas Gerais/Espírito Santo.

No Rio Grande do Norte, os ganhadores são:

Comércio – Casa Pires Ferragens, Carnaúba dos Dantas

A empresa atua há 25 anos no varejo de materiais de construção. Humberto Pires, o fundador, abriu mão do quarto na casa dos pais, na Rua Cel. Quincó, para realizar o sonho de ter seu próprio negócio. Hoje, conta com três unidades e está investindo numa quarta: um armazém de madeiras. A Casa Pires virou referência para cidades bem maiores que a pacata Carnaúba dos Dantas, na região Seridó.

Indústria – Acqua Coco, Maxaranguape

A DD Gaspar Fabricação de Água de Coco e Sucos Eirele – EPP começou com um carrinho de rua, no centro de Natal, no ano de 2002 – na época, a água de coco envasada ainda era uma novidade. Com gestão eficiente e o apoio creditício do Banco do Nordeste, a empresa cresceu. Hoje, tem plantação com 8 mil pés de coco e fábrica de beneficiamento instaladas no município de Maxaranguape. Ainda compra a produção de outras fazendas para atender os mercados do Rio Grande do Norte, Ceará, Paraíba e Bahia.

Serviços – M4 Net, Santa Cruz

A M4 Net, de Santa Cruz, atende mais 20 municípios da região do Trairi com serviços de internet. Atualmente, tem uma carteira de 7 mil clientes e gera 40 empregos diretos. O financiamento mais recente junto ao Banco do Nordeste foi para investimento numa rede própria de fibra ótica, melhorando a qualidade serviços prestados.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Tiroteio em Orlando deixa 5 mortos e ligação com terrorismo é descartada


O xerife do Condado de Orange, Jerry Demmings, afirmou nesta segunda-feira que cinco pessoas morreram devido a um tiroteio na zona industrial de Orlando, além do atirador, que teria cometido suicídio.

Em seu perfil no Twitter, Demmings afirmou que o atirador estava carregando uma arma e uma faca, trabalhava no local do tiroteio e teria disparado em antigos colegas de trabalho.

O xerife disse, ainda, que “todos estamos alertas de graves incidentes em todo o mundo, mas não podemos conectar esse incidente a qualquer ameaça de terrorismo global”. O nome do atirador ainda não foi divulgado.

Há um ano, a cidade de Orlando foi palco de um tiroteio em uma casa noturna frequentada pela comunidade LGBT, que deixou 49 mortos e dezenas de feridos.

Fonte: Estadão
Leia Mais ››

Ex-prefeito de Nísia Floresta é condenado por contratar 2.421 funcionários irregularmente


Ex-prefeito de Nísia Floresta, George Ney Ferreira teve os direitos políticos suspeitos pela Justiça. A condenação por improbidade administrativa ocorreu por causa das 2.421 contratações temporárias feitas por ele enquanto prefeito do município, entre 2009 e 2012.

De acordo com o Ministério Público, as contratações irregulares aconteceram a partir da aprovação de leis municipais editadas pelo ex-prefeito e aprovadas pela Câmara de Vereadores anualmente. A cada lei era autorizada a contratação de um número determinado de funcionários pelo período de um ano.

Em 2009 foram contratados 498 pessoas. Em 2010, foram outros 540. Em 2011, mesmo sem uma lei municipal aprovada pelo Legislativo, foram 671 contratações, enquanto que em 2012 foram 712 contratados.

A defesa do ex-prefeito alegou que o Município realizou concurso em 1996, todavia o Ministério Público ingressou com uma Ação Civil Pública pedindo a anulação do certame. Uma vez que a ação ainda se encontra em grau de recurso junto ao Superior Tribunal de Justiça, o Município teria ficado impossibilitado de realizar novo concurso, uma vez que não tinha definição do Poder Judiciário quanto ao preenchimento das vagas, restando ao Executivo a contratação de temporários.

Além disso, a defesa de George Ney Ferreira alega que o ex-prefeito não agiu com má-fé ou dolo ao contratar os temporários, pensando no interesse público.

Apesar da argumentação da defesa, o juiz Tiago Neves Câmara considerou a conduta do ex-prefeito dolosa, uma vez que o gestor esteve a frente da Prefeitura da cidade entre 2005 e 2012, sem nunca ter realizado o concurso público para o preenchimento das vagas, bem como firmou Termos de Ajustamento de Conduta com os Ministérios Públicos Estadual e do Trabalho para realização dos certames e reconheceu a ilegalidade das contratações temporárias.

“Tais fatos confirmam que a conduta do demandado foi dolosa, posto estar ciente das ilegalidades cometidas, ter se comprometido a saná-las e, posteriormente, não cumpri-las, utilizando argumentos infundados para tentar justificar a ausência de concurso público”, frisa.

Na sentença, o juiz declarou a inconstitucionalidade da Lei Municipal 752/2012 e declarou nulos todos os contratos temporários firmados com base nessa lei.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Teto do setor de identificação do Itep desaba


O teto de PVC do setor de identificação, conhecido por II, do Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) caiu na manhã desta segunda-feira, 5, antes do expediente do órgão.

As emissões de antecedentes criminais estão suspensas temporariamente. De acordo com o Itep, a empresa terceirizada que presta serviço ao órgão já trabalha na reforma e adequação do prédio, que será desativado ainda este ano.

A expectativa do Itep é de que até o fim de 2017, as atividades do II já funcionem no prédio da antiga DRT, localizado também na Ribeira, na zona Leste.

Veja nota do Itep:

O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (ITEP-RN) informa que o teto de PVC do Instituto de Identificação (II) cedeu na manhã desta segunda-feira (5) antes do início do expediente no instituto. Apesar do incidente, o órgão ressalta que as providências já estão sendo tomadas para normalização dos serviços.

O II está abrigado em um imóvel que será desativado ainda este ano devido à aquisição de um prédio onde funcionará toda a parte de identificação civil e criminal. O imóvel que sediará todo o II é o prédio da antiga DRT, localizado também na Ribeira, próximo a sede do órgão.

O processo de licitação para reforma e entrega do imóvel adquirido está em andamento e a expectativa da direção é que o instituto de identificação passe a funcionar nesta nova sede até o fim do ano.

Em relação à queda do teto, o ITEP esclarece que a parte que cedeu foi apenas o forro de PVC. Com o incidente, as emissões de antecedentes criminais foram suspensas temporariamente. Funcionários da empresa terceirizada que presta serviço ao órgão já estão trabalhando na reforma e adequação do prédio.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››