RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net ou clique na imagem abaixo

Ouça pelo Listen 2 My Rádio ou clique na imagem abaixo

Imagem relacionada
Loading ...

sexta-feira, junho 16, 2017

Acidente com duas vítimas fatal na BR 405 próximo ao Forno Velho em Mossoró, RN


Um acidente de trânsito envolvendo uma motoneta Jonny e um carro tipo Pálio, ocorrido na noite desta sexta feira 16 de junho de 2017, no KM 8,2 da BR 405, próximo ao sítio Pedra Branca, na zona rural de Mossoró/RN deixou duas pessoas mortas no local. 

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, dois homens, identificados como Jonas Nunes da Silva de 37 anos e Luiz da Costa Lima, 39 anos, moradores do sítio Pedra Branca, trafegavam em uma motoneta Jonny de cor vermelha, sentido Mossoró, quando um carro tipo Pálio de cor prata, que trafegava no mesmo sentido, bateu violentamente na traseira da motocicleta. 

A motonete ficou enganchada no parochoque do carro e segundo a perícia foi arrastada com as duas vítimas por mais de 200 metros, provocando a morte instantânia dos dois ocupantes da Jonny. 

De acordo com a PRF, após o acidente, o motorista atropelador acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e depois por medidas de precaução e integridade física, evadiu-se do local. Uma Ambulância de Suporte Avançado ainda foi ao local, mas já encontrou as duas vítimas em óbito. 

Após a realização da perícia feita no local pela equipe do ITEP com as presenças da PRF e da Polícia Civil, os dois corpos foram recolhidos e encaminhados ao setor de medicina legal do ITEP para fins de necropsias. Familiares que estiveram no local, foram orientados a comaprecer a Delegacia de Plantão,para solicitar a guia de liberação cadavérica, para que os corpos possam ser liberados após a necropsia. A Polícia Rodoviária Federal deverá divulgar em 15 dias, o laudo apontando as causas do acidente.













Fonte: Fim da Linha
Leia Mais ››

Vídeo mostra o momento do acidente que matou a cantora Eliza Clívia e o marido em Aracaju

Sérgio Ramos postou esta foto no Dia dos Namorados. (Foto: Reprodução/Instagram)

O acidente que no início da tarde desta sexta-feira (16) matou a cantora paraibana Eliza Clívia, 37 anos, ex-vocalista da Banda Cavaleiros do Forró , e o marido dela, o baterista Sérgio Ramos, no Centro de Aracaju (SE) foi registrado pelas câmeras do circuito de segurança de uma loja. A cantora, que iniciou a carreira solo há quatro meses, estava na capital para divulgar um show, que seria realizado na noite desta sexta-feira (16), e fazer entrevistas.


As imagens mostram que o motorista do ônibus ainda tentou frear, mas acabou batendo no carro em que estava a cantora, o marido e os outros integrantes da banda. Eles tinham acabado de sair de uma entrevista em uma emissora de televisão local.
Segundo o coronel Vivaldi Cabral, comandante do policiamento de Aracaju, uma perícia foi realizada no local do acidente e o caso será investigado pela Delegacia Especial de Delitos de Trânsito.
Por nota, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp) disse que considera o caso uma fatalidade e informou que está à disposição das autoridades de trânsito para apuração das causas do acidente.

Sérgio Ramos postou esta foto no Dia dos Namorados. (Foto: Reprodução/Instagram)
Sérgio Ramos postou esta foto no Dia dos Namorados. (Foto: Reprodução/Instagram)

Sérgio Ramos era esposa de Eliza Clívia também era baterista da banda. (Foto: Rede Social/Instagram)
Sérgio Ramos era esposa de Eliza Clívia também era baterista da banda. (Foto: Rede Social/Instagram)

A cantora Eliza Clívia morreu na tarde desta sexta-feira (16) em um acidente automobilístico na capital sergipana. (Foto: Divulgação)
A cantora Eliza Clívia morreu na tarde desta sexta-feira (16) em um acidente automobilístico na capital sergipana. (Foto: Divulgação)


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) informou através de nota o estado de saúde das vítimas: Ceberton José dos Santos, 35 anos, dirigia o carro de passeio, foi retirado das ferragens e estava consciente, desorientado, com sangramento auditivo, mas sem sinais de fratura. Paulo Teixeira de Carvalho, 38 anos, estava sem sinais de fratura e reclamando de dor lombar. João Paulo Tavares da Silva, 32 anos, também não apresentou fratura e apresentou dores no tórax. Eles permanecem internados no Hospital de Urgência de Sergupe (Huse) sem previsão de alta.
O Instituto Médico Legal (IML) de Sergipe informou que os corpos já foram recolhidos e aguarda os familiares para serem liberados.

Horas antes do acidente, a cantora postou uma foto em uma rede social no estúdio de uma emissora de Aracaju (SE). (Foto: Reprodução/Instagram )
Horas antes do acidente, a cantora postou uma foto em uma rede social no estúdio de uma emissora de Aracaju (SE). (Foto: Reprodução/Instagram )

Última entrevista
Pouco antes do acidente, Eliza foi entrevistada ao vivo em um programa jornalístico da TV Aperipê. Na conversa falou sobre o cansaço nas viagens, a carreira solo, os 10 anos na Cavaleiros do Forró e o carinho pelos fãs sergipanos.

Fonte: G1
Leia Mais ››

[VÍDEO] PARTE DO CAMAROTE DO MOSSORÓ CIDADE JUNINA DESABA E ATINGE CARRO E MOTOCICLISTA


Uma parte da estrutura do camarote institucional do Mossoró Cidade Junina desabou e atingiu um veículo e uma motociclista, na tarde desta sexta-feira (16). A mulher trafegava pela Avenida Rio Branco, quando as placas desabaram atingiram um carro e a moto.
Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada para prestar atendimento a jovem que sofreu apenas escoriações leves. Ela foi encaminhada para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) para melhor avaliação.
O camarote institucional, que estava interditado após vistória do Corpo de Bombeiros, foi liberado ontem às 23h45 através de uma liminar da Prefeitura.
A Prefeitura de Mossoró ainda não se pronunciou sobre o caso.
A temporada de shows na Estação das Artes começou nesta quinta-feira, 15, com apresentação das bandas Aviões do Forró, Saia Rodada e John Modão.



Fonte: Passando na Hora
Leia Mais ››

Donald Trump anuncia cancelamento do acordo com Cuba

Trump discursa em Miami (Foto: Evan Vucci/AP)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta sexta-feira (16) que cancelará o acordo entre os Estados Unidos e Cuba assinado por Barack Obama em 2014.
"Eu estou cancelando o acordo completamente unilateral da última administração [Obama] assinado com Cuba", afirmou Trump em um comício realizado em Little Havana, na cidade de Miami, tradicional polo de exilados cubanos nos Estados Unidos.
Trump anunciou que reforçará o embargo contra a ilha e que seu governo adotará novas restrições a viagens de americanos para Cuba e a proibição para empresas norte-americanas de fazer negócios com empresas cubanas controladas pelas Forças Armadas do país latino-americano. O presidente denunciou o que chamou de "natureza brutal" do regime de Raúl Castro em Cuba. "Em breve alcançaremos uma Cuba livre", afirmou o presidente.
Discurso em um local simbólico
Em seu discurso, realizado no Manuel Artime Theater, que leva o nome de uma das brigadas da fracassada invasão da Baía dos Porcos, em 1961, Trump explicou como pretende rever a política de normalização relações com a ilha iniciada por seu antecessor.
Acompanhado pelo vice-presidente Mike Pence, por vários membros de seu gabinete, pelo governador da Flórida, Rick Scott, por congressistas de origem cubana como Marco Rubio, Mario Diaz Balart e Carlos Curbelo e representantes de da comunidade de exilados cubanos, Trump disse que os dissidentes José Daniel Ferrer e Berta Soler, que não foram autorizados a viajar para Miami, "estão aqui com a gente."

“Negociaremos um acordo melhor [com Cuba]”, anunciou Trump, salientando, todavia, que isso será possível somente no caso ocorram avanços democráticos “concretos”, e a realização de “eleições livres” e a “libertação de prisioneiros políticos”.
“Quando os cubanos realizarem medidas concretas, estaremos prontos, dispostos e capazes de voltar à mesa de negociação do acordo, que será muito melhor ", disse Trump.
“É importante que haja liberdade em Cuba e na Venezuela”, declarou o mandatário, salientando como Cuba sofre há "décadas" por causa do regime de Castro, algo que não deve se repetir na Venezuela, relatou a agência EFE.
Há uma 'ideologia depravada' em Cuba, diz Trump
Trump agradeceu a comunidade de exilados cubanos por ser a "voz dos sem voz" e disse que eles fazem a diferença na luta para parar a perseguição do regime contra os dissidentes e para acabar com a "ideologia depravada" que existe em Cuba. Neste sentido, o republicano disse saber o que está acontecendo na ilha e lembrar do que aconteceu, o que o leva a mudar a sua política em relação à ilha.
Segundo fontes da Casa Branca, permanecerão ativas as relações diplomáticas e os acordos que permitem às companhias aéreas e de navegação dos EUA de aterrissar e atracar na ilha. Ao contrário, será interrompido o fluxo de dinheiro destinado aos serviços de segurança da ilha, acusados de aumentar a repressão.
O que surpreendeu do discurso do Trump foi a declaração que o governo americano continuará a proteger os chamados "sonhadores", imigrantes cubanos sem documentos que chegaram nos EUA quando eram crianças. Criado pela administração Obama em 2012, o programa tem como objetivo evitar a repatriação forçada dessas pessoas e proporcionar-lhes uma autorização de trabalho. O Departamento de Justiça dos EUA anunciou que o programa permanecerá em vigor.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Ioga com cabras é a última moda nos Estados Unidos

 Adonna Ebrahimi tenta manter a concentação enquanto uma cabra-bebê se apoia em suas costas  (Foto: Mark RALSTON / AFP)

A donna Ebrahimi se alonga em seu colchonete de ioga tentando manter a postura da cobra, enquanto duas cabras bebês se equilibram em suas costas.
Bem-vindos à "ioga com cabras", a última moda nos Estados Unidos: jovens e idosos fazem fila para participar destas aulas populares que deixam os participantes não só dizendo "namastê", mas também gargalhando.
A nova modalidade é realizada em sítios pelo país com cabras anãs nigerianas - cabras em miniatura da África Ocidental - que vagueiam enquanto os praticantes de ioga fazem suas rotinas de exercícios.
"No início eu tinha um pouco de medo porque não sabia se as cabras iam pular nas minhas costas", diz à AFP Ebrahimi, depois de participar de uma aula nos arredores de Los Angeles.
"Mas depois que você está lá e sente o calor do animal, e você está no pasto, sob o sol, com as árvores e o céu azul em volta, você se sente relaxado e em paz", conta Ebrahimi, de 53 anos.

  Instrutora Meridith Lana dá aula de ioga com cabras em fazenda na Califórnia  (Foto: Mark RALSTON / AFP )
Instrutora Meridith Lana dá aula de ioga com cabras em fazenda na Califórnia (Foto: Mark RALSTON / AFP )

Cerca de 20 pessoas e 15 cabras - 11 filhotes e quatro mães - participaram desta aula ao ar livre.
Enquanto a instrutora Meridith Lana estimulava os participantes a "exalar", "contrair o abdome" e "ficar atento à postura", ouvia-se ao fundo o balido dos animais, que pulavam nas costas dos alunos, comiam seus cabelos e barbas e lambiam seus rostos.
Alguns também responderam o chamado da natureza.
'Não tem preço'
"São adoráveis e amigáveis", diz Lana após a aula. "É verdade que elas comem seu cabelo e deixam 'presentes' no seu colchonete, mas é tudo muito divertido".
"A terapia que você encontra aqui não tem preço", acrescenta.
Danette McReynolds, cuja família é proprietária das cabras, explica que decidiu aceitar a proposta de acolher as aulas para arrecadar dinheiro para sua filha de 16 anos e uma amiga, que planejam expor os animais em um evento em Wisconsin neste verão boreal.

 Cabra-bebê sobe nas costas de aluna durante aula de ioga em fazenda na Califórnia  (Foto: Mark Ralston/AFP)
Cabra-bebê sobe nas costas de aluna durante aula de ioga em fazenda na Califórnia (Foto: Mark Ralston/AFP)

"Nós não sabíamos se as aulas iriam bem, mas decolaram, estamos com todos os lugares ocupados", disse. "As pessoas adoram. Elas abraçam as cabras e relaxam".
Lana assegura que interagir com as cabras é uma experiência similar a brincar com um animal de estimação, atividade que alivia o estresse e faz as pessoas se sentirem melhor, conforme foi demonstrado em estudos clínicos.
"A felicidade que as cabras proporcionam é ótima", disse. "Todos os animais são terapêuticos, mas as cabras têm algo que é simplesmente incrível".
"Você pode estar na postura da criança e de repente você não consegue se levantar porque tem uma cabra nas suas costas. Se tem uma coisa que essas cabras fazem é permitir que você esteja mais consciente", afirma.

Cabras passeiam entre praticantes de ioga durante aula em fazenda  (Foto: Mark Ralston/AFP)
Cabras passeiam entre praticantes de ioga durante aula em fazenda (Foto: Mark Ralston/AFP)

Vários de seus alunos disseram que, embora as cabras tivessem se metido no meio de alongamentos e posturas de ioga, elas eram uma distração bem-vinda, que faz com que os participantes riam e queiram voltar depois.
"Foi pura liberação de tensão e frustração", disse Judy Waters, que participou de uma aula com seu marido e vários outros amigos, um dos quais estava comemorando seu aniversário.
"Você não pode ficar de mau humor quando há um monte de cabras bebês em volta de você, trepando por aí e repartindo ternura", afirmou.
Houve, ainda, um bônus adicional: "Eu não pensei no governo em Washington nenhuma vez durante essa hora inteira", riu Waters. "Eu faria isso todas as semanas, se pudesse", completou Waters.

Praticante de ioga interage com bebê-cabra durante aula (Foto: Mark Ralston/AFP)
Praticante de ioga interage com bebê-cabra durante aula (Foto: Mark Ralston/AFP)

Fonte: G1
Leia Mais ››

Turista francês atropela filha de 10 anos com motorhome, no Pantanal de MS

Bombeiros socorrem menina atropelada por motorhome (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Um turista francês atropelou a filha de 10 anos na quinta-feira (15), ao manobrar o motorhome em que a família viajava, na Estrada Parque, em Corumbá, no Pantanal de Mato Grosso do Sul.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, por volta das 14h (de MS), o motorista foi fazer uma manobra no ponto do Pantanal denominado Curva do Leque e não viu a filha que estava atrás do veículo.
O motorista passou com o motorhome sobre a perna direita da menina, que ficou gravemente ferida. Ela foi socorrida pela família, que acionou o Corpo de Bombeiros.
Os socorristas encontraram com os turistas no meio do trajeto ao hospital. A menina foi imobilizada e encaminhada ao Pronto Socorro de Corumbá. Ela passou por cirurgia e está em observação no setor de pediatria da Santa casa do município.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Jovem de 22 anos procura socorro médico e diz que é estuprada por pai e irmãos desde a infância

Jovem procurou a UBS da Vila Toninho (Foto: Reprodução/Google Maps)

Uma jovem de 22 anos procurou uma unidade de saúde em São José do Rio Preto (SP) alegando não "aguentar mais" sofrer abusos sexuais do próprio pai e dos três irmãos. Os médicos da UBS chamaram a polícia e um boletim de ocorrência foi registrado nesta quinta-feira (15) como estupro.
Segundo o boletim de ocorrência, a jovem procurou a Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Vila Toninho para receber atendimento médico. Ainda de acordo com o registro, a garota disse que era estuprada desde a infância e que o último abuso - com os quatro envolvidos - teria acontecido há 15 dias.
Internação
A vítima contou ainda que, após um dos estupros, ela chegou a ser internada por três meses no Hospital Psiquiátrico Bezerra de Menezes, devido a uma pancada na cabeça.
A jovem foi encaminhada para o Hospital de Base, onde permanece internada e será avaliada por um médico legista. O caso foi registrado no plantão policial e está sendo investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Homem com faca é detido diante do parlamento britânico

Segurança no Parlamento em Londres é reforçada após incidente envolvendo homem armado com faca (Foto: REUTERS/Peter Nicholls)

Policiais britânicos armados dispararam uma arma de choque contra um homem que puxou uma faca enquanto corria na direção de guardas que protegiam um dos portões do Parlamento de Westminster, em Londres, nesta sexta-feira (16), disseram testemunhas. Agentes antiterrorismo investigarão o incidente.
A polícia disse que um homem agia de maneira suspeita perto de um dos portões do Parlamento onde um militante matou quatro pessoas - entre eles um policial - menos de três meses atrás. "O homem puxou uma faca. Ninguém ficou ferido", disse a polícia.
Após disparar a arma de choque conhecida como Taser, os policiais detiveram o homem. Policiais armados apontaram para o homem enquanto ele era contido e colocado em uma van da polícia, disseram à Reuters testemunhas no local.
A polícia não declarou o ocorrido como uma ação terrorista. "Dada a localização, as circustâncias e aos recentes eventos trágicos, o comando contra o terrorismo vai investigar esse incidente", afirmou a corporação.
Uma testemunha no local contou à Reuters que o homem, que a polícia disse ter cerca de 30 anos, havia corrido em direção a um dos portões.
"Dava para ver que ele era suspeito, ele estava lá de punhos cerrados. Parecia um tipo bem raivoso", disse Bradley Allen, de 19 anos, à Reuters.
"Segundos depois eles estavam com ele no chão, preso. Policiais ao redor dele, dizendo a todos para recuarem".
"Havia cerca de três ou quatro policiais, um deles gritando para o público se afastar", relatou outra testemunha, que pediu para não ser identificada, à Reuters.
"O cara estava no chão, de frente para o piso, ao lado da Praça do Parlamento. Eles o prenderam no chão e estavam alertando que iriam lhe dar um choque de novo".
O Parlamento disse estar ciente do incidente. "Não há motivo para alarme, mas por favor, continuem se mantendo vigilantes", disse a Câmara dos Comuns, a câmara baixa do Parlamento britânico.
Os portões do Parlamento foram fechados e policiais armados estavam patrulhando como de costume dentro do perímetro, segundo relato de um repórter da Reuters que está dentro do edifício.
O incidente ocorreu menos de três meses depois de um homem lançar um carro contra pedestres na Ponte de Westminster e em seguida matar um policial a facadas nos arredores do Parlamento, o primeiro de três ataques fatais no Reino Unido, que colocou seus serviços de segurança em estado de alerta.

Segurança no Parlamento em Londres é reforçada após incidente envolvendo homem armado com faca (Foto: REUTERS/Peter Nicholls)
Segurança no Parlamento em Londres é reforçada após incidente envolvendo homem armado com faca (Foto: REUTERS/Peter Nicholls)

Fonte: G1
Leia Mais ››

Trump reconhece que está sendo investigado por demitir Comey do FBI

O presidente dos EUA, Donald Trump (Foto: Reuters)

O presidente americano, Donald Trump, reconheceu, nesta sexta-feira (16), que está sendo investigado pela demissão do ex-diretor do FBI, James Comey. Em uma mensagem publicada em seu Twitter, ele criticou o processo, que chamou de caça às bruxas.
"Estou sendo investigado por demitir o diretor do FBI, pelo homem que me disse que deveria demitir o diretor do FBI. Caça às bruxas!".
O presidente não cita nenhum nome, mas a mensagem foi publicada após o mesmo ter se mostrado enfurecido e tachado de "falsa" a informação de que o procurador especial Robert Mueller está o investigando por possível obstrução à justiça.
Todavia, não está claro se o republicano se refere a Mueller, que foi nomeado procurador especial sobre a conspiração russa após a saída de Comey, ou ao vice-procurador-geral americano, Rod Rosenstein, que elaborou um relatório no qual recomendava a demissão de Comey a Trump.
O mandatário também voltou a insistir na ausência de provas sobre um conluio com a Rússia para vencer as eleições do ano passado, apesar de várias investigações sobre o tema.
"Após sete meses de investigações e audiências em comissões sobre meu 'conluio com os russos' ninguém foi capaz de mostrar qualquer prova. Triste!", escreveu no Twitter.
O Departamento de Justiça e várias comissões do Congresso investigam alegações de cumplicidade entre a Rússia e o comitê de campanha de Trump para ajudá-lo a vencer as eleições e chegar à Casa Branca.
O caso virou uma espessa nuvem sobre a Casa Branca e, apesar dos desmentidos diários, o presidente não foi capaz de dissipar a mesma.
De acordo com o presidente, "apesar da falsa caça às bruxas que acontece nos Estados Unidos, a economia e o emprego estão ótimos. Regulações para baixo, empregos e entusiasmo para cima!".
Trump voltou a criticar a imprensa das "notícias falsas" por sua presença intensa na rede social.
"A mídia das notícias falsas detesta quando eu uso o que se tornou uma rede social muito poderosa - mais de 100 milhões de pessoas! Eu consigo contorná-los", escreveu Trump.
O presidente já afirmou em diversas oportunidades que considera toda a polêmica sobre seu relacionamento com a Rússia o que chama de "fake news".
Em um tuíte recente, Trump escreveu que os americanos "testemunha, a maior caçada às bruxas na história política americana, liderada por algumas pessoas muito ruins e conflituosas".
Notícias publicadas por parte da imprensa americana indicam que o procurador especial designado para acompanhar o caso da Rússia, Robert Mueller, está investigando o próprio presidente.
Trump seria objeto de investigação por suposta obstrução de justiça, ao ter pressionado o ex-diretor do FBI James Comey a 'esquecer' de continuar investigando um alto funcionário da Casa Branca, o ex-assessor Michael Flynn.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Tudo certo? Fifa e Rússia descartam problemas com ingressos, grama e obras

Fatma Samoura, da Fifa, e Vitaly Mutko, do COL 2018, garantem que Rússia está pronta para a Copa das Confederações (Foto: Thiago Dias)

A secretária-geral da Fifa, Fatma Samoura, e o presidente do Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo de 2018, Vitaly Mutko, garantiram nesta sexta-feira que toda a infraestrutura necessária está pronta na Rússia para a Copa das Confederações, que começa no sábado com o duelo entre os donos da casa e a Nova Zelândia, em São Petersburgo – partida com transmissão ao vivo do SporTV e SporTV Play, às 12h (de Brasília), e tempo real do GloboEsporte.com. Mas o clima entre os dirigentes e jornalistas na entrevista coletiva de apresentação do torneio pesou em alguns momentos. Afinal, como que o país resolveu todas as críticas sobre o gramado da Arena Zenit, a baixa procura por ingressos e as recentes denúncias de “abusos e exploração” de operários nas obras dos estádios do Mundial?
- Temos a obrigação e podemos dizer que estamos totalmente prontos para o campeonato. Tudo está funcionando. Fizemos o possível para garantir a segurança de todos – disse Mutko.
- Todos os detalhes técnicos foram resolvidos, podemos dizer isso 24 horas antes do início da competição. Devemos ter a melhor Copa das Confederações de todas – acrescentou Samoura.
Mas os problemas enfrentados pela organização até aqui foram muitos. Vamos por partes. Sobre ingressos, a Fifa divulgou que 65% das entradas colocadas à venda foram adquiridas por torcedores até o momento. Porém, somente um jogo já está com a carga totalmente comercializada: Rússia x Portugal, dia na próxima quarta, em Moscou, pela segunda rodada do Grupo A, com direito a Cristiano Ronaldo em campo. A entidade acredita que o público passará a demonstrar mais interesse durante o campeonato, comprando bilhetes na última hora.
Para a estreia, a Fifa disponibilizou 51 mil ingressos para os torcedores. Até a manhã desta sexta, 43.800 haviam sido vendidos. Questionado sobre os altos valores das entradas (há opções de até R$ 800 para a final), Mutko afirmou que o COL trabalhou em conjunto com a Fifa para conseguir preços mais acessíveis aos russos:
- Claro que o preço é estabelecido pela Fifa, com experiência em torneios anteriores. Tenho que comentar que a Fifa introduziu quatro categorias de ingressos, uma só para russos, com valor mínimo de 960 rublos (R$ 54). É barato. Acredito que quando o campeonato começar o interesse vai aumentar e as pessoas irão para os estádios.
Ao ser questionado sobre o relatório da ONG internacional Human Rights Watch (HRW) sobre as condições de trabalho dos operários nas obras das arenas do Mundial, Mutko adotou um semblante sério e contra-atacou a pergunta com um convite para o repórter inglês ir com ele à qualquer uma das construções e verificar por conta própria se há algo errado. Ao seu lado, Alexey Sorokin, CEO do COL, negou as informações divulgados pela ONG, que incluíam a morte de 17 trabalhadores.
- O COL e a Fifa monitoram as condições dos operários há alguns anos. Não podemos confirmar a posição da HRW. Fizemos mais de 70 inspeções nos estádios, as condições foram monitoradas e não vimos nada que infringia ou sinais negativos que poderíamos usar na nossa lista de observação. As inspeções são feitas por institutos especializados, de segurança do trabalho, e temos mais de 100 empresas contratadas. Não confirmamos essa informação – afirmou Sorokin.
E sim, o convite foi aceito pelo repórter inglês para visitar alguma obra.

O gramado da Arena Zenit nesta sexta: cobertura atrapalha a entrada do sol dentro do estádio (Foto: Thiago Dias)
O gramado da Arena Zenit nesta sexta: cobertura atrapalha a entrada do sol dentro do estádio (Foto: Thiago Dias)

Por fim, os dirigentes tiveram que explicar como está o gramado da Arena Zenit, estádio que demorou dez anos para ficar pronto e consumiu, segundo os dados oficiais do governo, um investimento de cerca de R$ 2,3 bilhões (a imprensa europeia fala em até R$ 4,9 bilhões). O campo não foi aprovado por jogadores do Zenit na inauguração em abril e acabou sendo trocado totalmente pelo COL durante o mês de maio.
Desde então, não houve mais nenhuma partida no local e até os treinamentos de Rússia e Nova Zelândia desta sexta, véspera da abertura da Copa das Confederações, foram transferidos para outros espaços. Segundo Mutko, o gramado está em perfeita condições para a partida de sábado. Mas há ainda outra polêmica sobre o assunto: por que a tecnologia “sliding field" não está sendo utilizada para ajudar na melhoria do campo?
A Arena Zenit é uma das cinco que possuem tal sistema em todo o mundo – as outras são Sapporo Dome (Japão), Estádio da Universidade de Phoenix (Estados Unidos), Gelredome (Holanda) e Veltins-Arena (Alemanha). Pelo projeto, o campo pode sair do estádio, que é parcialmente coberto, e pegar sol por inteiro fora. Mas, no momento, a Fifa montou uma estrutura temporária para as redes de televisão bem no espaço onde o gramado ficaria ao lado da arena. De acordo com o COL, a situação não deve mudar tão cedo e o órgão ainda estuda uma solução para o que será feito até a Copa do Mundo.
- O estádio está pronto, tudo foi feito. Depois do torneio, será usado pelo Zenit, que vai jogar aqui e preservar a infraestrutura. Sobre o campo, nós faremos a decisão depois, as recomendações já foram dadas, há certos detalhes a resolver porque há uma infraestrutura temporária que tem ser mantida ao redor do estádio. Eu gostaria de ver todo o sistema construído funcionando, teremos que ver após como vai ser. Em acordo com a Fifa, vamos manter a estrutura montada ao lado para o ano que vem. O estádio é parcialmente coberto, é difícil manter o gramado em bom estado, mas vamos dar um jeito de mantê-lo em boa condição – afirmou o chefe do COL.

Espaço para saída do gramado, ao lado do estádio, está com estrutura de emissoras de televisão. É possível ver um dos trilhos (Foto: Thiago Dias)
Espaço para saída do gramado, ao lado do estádio, está com estrutura de emissoras de televisão. É possível ver um dos trilhos (Foto: Thiago Dias)

Fonte: Globo Esporte
Leia Mais ››

Ministro interino da Cultura pede demissão do cargo


O ministro interino da Cultura, João Batista de Andrade, pediu hoje (17) demissão do cargo. Em carta enviada ao presidente Michel Temer, Andrade afirma não ter interesse em ser efetivado no comando da pasta.

“Comunico, respeitosamente, meu desinteresse em ser efetivado como ministro da Cultura”, diz trecho da carta divulgada nas redes sociais do Ministério da Cultura. “Assim sendo, confirmo minha disposição para contribuir da forma mais proativa possível com a transição de gestão no Ministério da Cultura, até a nomeação dos próximos ministros da Cultura e seu secretário executivo”, acrescenta o texto.

Então secretário executivo da Cultura, Andrade assumiu interinamente o cargo de ministro em maio, após o deputado Roberto Freire (PPS-PE) anunciar a saída da pasta. À época, Freire atribuiu a decisão ao fato de Michel Temer não ter renunciado à Presidência, como foi sugerido pelo PPS, após vir a público o conteúdo da delação premiada do empresário Joesley Batista, dono da JBS.

Procurado, o Palácio do Planalto ainda não se manifestou sobre o pedido de demissão.

Fonte: Agência Brasil
Leia Mais ››

PSB lamenta falecimento da ex-governadora Wilma de Faria


O Partido Socialista Brasileiro (PSB) manifesta seu pesar pelo falecimento da ex-governadora do Rio Grande do Norte, Wilma de Faria.

Aos 72 anos, Wilma esteve filiada ao PSB por mais de duas décadas, com uma trajetória marcada pela ética e o compromisso público.  Nascida em 17 de fevereiro de 1945, na cidade de Mossoró, interior do Rio Grande do Norte, era professora formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte e iniciou sua carreira política em 1986 ao ser eleita deputada federal com quase 150 mil votos, sendo a mais votada na disputa. Em 1988, foi eleita prefeita de Natal e reeleita outras duas vezes (em 1996 e 2000). Em 2002, se tornou a primeira mulher a comandar o Executivo do Rio Grande do Norte, sendo reeleita.

Em 2012, foi eleita vice-prefeita de Natal, na chapa de Carlos Eduardo Alves (PDT). Atualmente, não mais pelo PSB, estava licenciada do mandato de vereadora. O PSB manifesta suas condolências aos familiares, amigos e conterrâneos da ex-governadora.

Partido Socialista Brasileiro – PSB

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Internet em alta velocidade chega em 346 escolas públicas da Grande Natal


O governador Robinson Faria, ao lado da secretária de Educação do RN, Cláudia Santa Rosa, da reitora da UFRN, Ângela Paiva, inauguram, na próxima segunda-freira (19), a Rede Giga Metrópole, projeto que oferece internet banda larga para 346 escolas públicas do Estado. O evento contará com a presença do ministro da Educação, José Mendonça Filho, do diretor geral da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), Nelson Simões da Silva e do presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Silvio de Sousa Pinheiro. O lançamento acontecerá no Centro Estadual de Educação Profissional Senador Jessé Pinto Freire (Cenep) a partir das 10h.

Todas as escolas públicas de Natal, São Gonçalo do Amarante, Parnamirim e Macaíba já estão utilizando a internet em alta velocidade, somando 346 instituições de ensino. O projeto é uma parceria entre o Instituto Metrópole Digital, a Secretaria de Estado da Educação e Cultura (SEEC) e o Ministério da Educação (MEC), sendo este responsável pelo financiamento. No total, foram investidos no Rede Giga Metrópolemais de R$ 11 milhões, repassados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para a SEEC.

Até dezembro de 2012, segundo estudo publicado pelo instituto Metrópole Digital da UFRN metade das escolas públicas da região metropolitana de Natal não possuíam conexão com internet e a outra metade tinha acesso somente a uma banda média de 370 kbps. A partir desta constatação, foram iniciados entendimentos entre SEEC, UFRN através do Instituto Metrópole Digital (IMD) e o Ministério da Educação com o objetivo de conectar, através de uma rede de alta velocidade, todas as escolas públicas da região metropolitana de Natal.

A solução encontrada foi a criação da rede Giga Metrópole, uma extensão de uma rede metropolitana anterior chamada de Rede Giga Natal, de onde foi compartilhado o uso de um par de fibras ópticas, cedido pela RNP ao Governo do Rio Grande do Norte visando implantar uma rede corporativa de alta velocidade interligando os diversos setores de interesse do governo.

Atualmente, graças ao Sistema Integrado de Gestão da Educação (SIGEDUC) a maioria da gestão da educação estadual tem sido realizada de forma informatizada, iniciando uma nova fase onde está sendo possível acompanhar indicadores, o monitoramento da evolução dos estudantes e a atuação de professores e escolas. Apesar disso, como o SIGEDUC só funciona em ambiente web, até a criação do Giga Metrópole ainda existiam diversas fragilidades nas escolas em relação ao uso desse sistema.

Para a interligação física das diversas escolas da rede pública de ensino ao backbone (espinha dorsal) da Rede Giga Metrópole foram implantadas redes de acesso utilizando tecnologia óptica e sem fio. Todo o procedimento para implantação da Rede e dos laboratórios de ensino foram conduzidos pelas equipes do Centro de Operações da Rede Giga Natal e da SEEC, respectivamente, designadas para essa finalidade.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Universidades do RN lamentam morte da “professora Wilma”


As universidades do Estado (UERN) e Federal (UFRN) se pronunciaram, através de notas, sobre a morte da ex-governadora Wilma de Faria. Ela foi professora da UFRN, onde iniciou a vida profissional.

Nota da UFRN

Com natural consternação a Universidade Federal do Rio Grande do Norte registra o falecimento de Vilma de Faria.

Exercendo o mandato de vereadora, após uma trajetória política que a levou às mais variadas funções, dela se pode dizer que foi uma mulher singular.

Singular, pelo destemor de enfrentar desafios que a levariam ao proscênio da cena política. Singular, pela obstinação de valorizar a condição feminina, arrostando preconceitos e incompreensões. Singular pela coragem de enfrentar as vicissitudes – políticas ou pessoais – com a mesma disposição de luta que levava os correligionários a considerá-la uma guerreira.

Prefeita, Governadora, Deputada Federal, jamais hesitou em colocar o interesse público acima do interesse pessoal, como jamais escondeu o orgulho de haver iniciado a sua vida profissional como professora do Departamento de Educação, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, no ano de 1979.

Descanse em paz, professora Vilma. Seus familiares, amigos e colegas da UFRN se solidarizam nesse instante de dor.

Nota da UERN

É com pesar que a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) registra o falecimento da ex-governadora Wilma de Faria em Natal.

Wilma de Faria é considerada pela comunidade acadêmica como uma das governadoras mais importantes para a UERN pelos importantes investimentos realizados em sua gestão. Destaque para a implantação da Faculdade de Medicina e do Campus de Caicó.

Em vida o reconhecimento veio com o título de doutora honoris causa entregue em 2005.

Além de governadora, Wilma de Faria foi deputada federal constituinte, prefeita e vice-prefeita de Natal e atualmente ocupava o cargo de vereadora na capital do Rio Grande do Norte.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Despedida a Wilma vai do caderno ao caixão


Separam a frente do altar da porta central da Catedral Metropolitana de Natal 70 peças de cerâmica verde-musgo. Próximo às 11h desta sexta-feira, as peças começaram se ocupar por quem foi dar o último adeus a ex-governadora Wilma de Faria. Quando finalmente a fila se estendia da porta ao caixão, “O Caderno”, de Toquinho, começou a reverberar na igreja, na voz de padre Fábio de Melo. A canção segue pontuada em itálico ao longo do texto.

Tanto mais se avançam em direção ao caixão, mais as pessoas se consternam.  Sou eu que vou seguir você do primeiro rabisco até o bê-a-bá.

“Eu tinha que vir. Ela fez tanto por nós”, desabafou Mara Celine de Gouveia, 54, para quem Wilma representava exemplo de persistência. Sou eu que vou ser seu colega, seus problemas ajudar a resolver, te acompanhar nas provas bimestrais, você vai ver.

À cabeceira do caixão, os dois filhos mais famosos de Wilma contrastam claramente. A deputada Márcia Maia é como uma fortificação intransponível. Ao invés de receber as condolências, é ela quem consola quem já chega aos prantos após atravessar as 70 peças de cerâmica. Serei, de você, confidente fiel se seu pranto molhar meu papel.

Lauro Maia, por outro lado, está aterrado. Alterna entre sentar e levantar para executar a mesma tarefa: fitar a mãe no caixão. Ele balbucia coisas inaudíveis, antes de se ancorar em alguém e chorar. Não quis dar entrevistas. O que está escrito em mim, comigo ficará guardado se lhe dá prazer. A vida segue sempre em frente. O que se há de fazer.

Presidente do Conselho De Segurança Comunitário, Fábio Nascimento foi se aproximando do caixão com um objeto retangular sob o braço esquerdo. Só quando alcançou a corda de isolamento dentro da qual jaz Wilma encerrada no ataúde, o objeto do homem se revelou um quadro, erguido para Márcia Maia.

“Veja, aqui, em 2006, ela tirou esse momento para a gente. Sua mãe tinha disso, dona Márcia. Tinha disso”, repetiu Nascimento, sem conseguir concluir sua mensagem. A imagem parece ter desestabilizado Márcia, que recebeu chorando a pessoa seguinte. A reportagem foi atrás do homem e do quadro.

A imagem já até está desbotada. Nela, Wilma se cerca do que parecem ser escoteiros. Nascimento explica. “Essa foto no desfile de 7 de setembro de 2006. Nesse dia, ela me disse que não tinha luta onde não pudéssemos combater”, disse com a voz embargada.

Então, como que procurando um alívio para um dor repentina, elevou a mão ao peito antes de concluir: “Jamais me esquecerei dela”.

Só peço a você um favor, se puder, não me esqueça num canto qualquer.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Bandidos saqueiam equipamentos de TV no prédio da UERN


Na madrugada desta sexta-feira (16), a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) foi vítima da ação criminosa de bandidos que furtaram equipamentos da UERN TV – projeto capitaneado pelo curso de Comunicação Social da UERN e que atua na formação de jornalistas, radialistas e publicitários, além de desenvolver várias ações e programas especiais que são veiculados nacionalmente por meio de parceria com o Canal Futura.

A insegurança é um grave problema que atinge toda a sociedade e a UERN, infelizmente, não está imune a esses ataques que comprometem seu papel na formação profissional de milhares de estudantes.

As autoridades policiais foram contatadas e o Boletim de Ocorrência registrado. A UERN aguarda o trabalho de investigação da Polícia e solicita que as pessoas façam denúncias que levem ao paradeiro dos bandidos e a recuperação dos equipamentos.

Equipamentos furtados:

– 01 Câmera NX5 Sony
– 02 câmeras MC 2500
– 01 câmera DSRL Nikon D3200
– 02 LEDs 300
– 02 baterias de câmera
– 01 mesa de som de 16 canais.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Assembleia decreta luto de três dias pela morte de Wilma


O Poder Legislativo, por intermédio dos representantes do povo, os deputados estaduais da 61ª legislatura da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, lamentam a morte da vereadora de Natal, ex-prefeita da cidade e ex-governadora do Estado Wilma Maria de Faria.

Professora ou Dona Wilma, como muitos a chamavam, faleceu aos 72 anos com trajetória marcada como primeira mulher eleita deputada federal no RN, primeira prefeita de Natal e primeira governadora do Estado, eleita e reeleita. Em sua trajetória política, a “guerreira” também somou o trabalho como deputada constituinte e vice-prefeita de Natal, com atuação na área social e liderança em todo o Rio Grande do Norte.

Por todo o trabalho na política e história do RN, o Poder Legislativo decreta três dias de luto oficial pelo falecimento da ex-governadora.

Em nome dos deputados estaduais e do presidente da Assembleia Legislativa Ezequiel Ferreira de Souza, a Assembleia presta sinceras condolências aos familiares, amigos e admiradores de Wilma, pedindo a Deus que conforte a todos.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

“Queria viver um pouco mais”, disse Wilma antes de morrer


Nos derradeiros momentos de sua vida, Wilma de Faria sabia que o desfecho de sua passagem pela terra era iminente. Mas, como fez em toda sua trajetória, lutou. Seu peito arfou tentando se agarrar à vida até o último suspiro, dado às 23h40 dessa quinta-feira.

Wilma sabia que o destino estava próximo bem antes da falência de seus órgãos ser decretada. Há nove dias, ela confidenciou: “Queria viver um pouco mais”. O emprego do verbo já no passado foi pronunciado por ela, quando havia quase dez pessoas, entre filhos e amigos íntimos, no quarto da Guerreira. Não foi uma entonação de que estava desistindo, contou o amigo Cláudio Porpino, auxiliar de Wilma durante sua vida política, foi uma afirmação de quem ainda se propunha a viver.

A ex-governadora atravessou toda a quinta-feira entubada. Nada pronunciou. O que passou por sua cabeça no último dia em que viveu descerá ao solo do Cemitério Morada da Paz, hoje à noite.

Não tendo como nada pronunciar no último dia de vida, enquanto via família e amigos se revezarem em círculo à sua alcova, Wilma se comunicou com o olhar.

A agonia, a desesperança e a bravura em resistir são as descrições de quem testemunhou a guerreira empunhar o olhar como único instrumento que lhe restou para a luta.

Os filhos e amigos passaram a se alternar ao seu ouvido com telefones dos quais saíam canções católicas, na esperança de aplacar a dor, também relatou Porpino.

Morreu como viveu: lutando. É tão dissonante a imagem de combativa se associar ao destino do esquife, resume o amigo, na atmosfera de seu velório com um riso de saudade ao dizer: “Temos a impressão de que ela vai se levantar desse caixão e sair dando bronca em todo mundo”.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Procuradora da República no RN rebate reportagem de ‘Isto É’



Acerca da matéria da Istoé (“O jogo político de Janot”) a procuradora da República Caroline Maciel esclarece que a revista deturpou as conversas privadas e sigilosas ocorridas entre então colegas de diretoria da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR).
Os diálogos, na verdade, diziam respeito à adoção de postura de membros da diretoria no sentido de evitar apoio a qualquer candidatura ao cargo de procurador-geral da República, cujo processo de inscrição estava aberto, entretanto com período de campanha ainda não iniciado.
Mesmo diante disso, a revista optou, de forma irresponsável, por publicar as conversas parcialmente, com ilações a partir de palavras mais fortes que simplesmente externavam preocupações com eventual acirramento dos ânimos e com possíveis conversas de corredores que viessem a ocorrer entre aqueles que defendessem seus respectivos candidatos. O fato é que, se na íntegra estivesse a publicação, verificar-se-ia que a procuradora da República preocupa-se em manter-se isenta na disputa.
No que concerne à reunião com o senador José Agripino, houve um encontro protocolar, pelo fato de a procuradora ser chefe administrativa da unidade do Ministério Público Federal do Estado do Rio Grande do Norte. Na ocasião, falou-se da investigação anunciada pela Procuradoria-Geral da República, entretanto a procuradora alegou não ter qualquer acesso à investigação realizada de maneira técnica e imparcial pela PGR.
Ainda durante o encontro institucional, a procuradora manifestou seu desconforto às equivocadas queixas feitas pelo senador a colegas, sendo certo que em absolutamente nada a reunião produziu resultados na operação Lava Jato, conduzida de maneira exemplar pelo Procurador Geral da República e pelos membros do MPF que atuam nas demais instâncias.
A procuradora preza pelo respeito à escolha da classe, que será concretizada no final deste mês de junho, e está convicta de que seus comentários presentes nos áudios, feitos na época em conversa privada com o colega de diretoria da ANPR, não foram confirmados pela realidade dos acontecimentos, especialmente em relação ao comportamento do Procurador-Geral da República.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

MPF no RN contesta reportagem sobre uso da PGR para fins políticos


A Procuradoria Geral da República no Rio Grande do Norte emitiu nota em que refuta com veemência a reportagem da Isto É deste final de semana. A publicação diz que há o uso do MPF para interesses pessoais do Rodrigo Janot, atual chefe da Procuradoria Geral da República e cita áudios do quais participam a procuradora Caroline Maciel, que teria alertado colegas sobre as circunstâncias dos bastidores ministeriais.

Confira:

A leviana matéria da revista Istoé (“O jogo político de Janot”) tem como único objetivo tumultuar o processo de elaboração da lista tríplice para a escolha do próximo chefe do Ministério Público da União e desgastar a imagem do Procurador-Geral da República em meio às mais graves investigações sobre corrupção já vistas na história do Brasil.

A matéria vale-se de ilações fantasiosas, tendenciosas e alimentadas por interesses espúrios, de deplorável conteúdo difamatório, muito distanciado da boa prática jornalística. É, sobretudo, um vil ataque à autonomia do Ministério Público, com a clara intenção de interferir na escolha a ser feita nos próximos dias sobre quem será responsável pelo destino do MPU nos próximos dois anos.

Esclarece a PGR que a divulgada conversa entre os membros do MPF não está mencionada no auto circunstanciado (relatório) da PF, juntado ao processo que hoje se encontra no Tribunal Federal da 3ª Região. Trata-se de conversa privada, irrelevante para a apuração dos graves crimes revelados nos autos.

Deliberadamente, a revista omitiu as informações da PGR acerca dos fatos que estavam em apuração, apesar de a resposta ter sido enviada dentro dos prazos jornalísticos estipulados pelo veículo de comunicação.

O procurador-geral da República Rodrigo Janot pauta-se por uma atuação técnica, no estrito rigor da lei, tanto na esfera judicial quanto na administrativa. Espera ser sucedido por qualquer um dos três integrantes da lista tríplice a ser enviada ao presidente da República, conforme anseio dos membros do MPF de todo o país.

É descabida a afirmação de que houve perseguição ao procurador Ângelo Villela. O membro do MPF teve prisão decretada pelo STF por grave risco à investigação da Operação Greenfield, como comprovado por meio de ação controlada. Os fatos são objeto de denúncia contra ele e o advogado Willer Tomaz de Souza, oferecida pela Procuradoria Regional da República da 3a Região.

Da mesma forma, não há perseguição a parlamentares. O procurador-geral da República não tem preferências políticas, não atua contra ou a favor de nenhum político ou partido. Deve obediência à Constituição e às leis, normativos que dão norte à sua atuação. O STF, pelo seu Ministro Relator ou pelo Colegiado, avalia todas medidas requeridas pelo PGR, na forma constitucional vigente.

A Procuradoria-Geral da República repudia, por fim, a impressionante e não menos leviana versão de que sua atuação tenha sido motivada por suposto apoio de políticos a candidatos à sucessão do PGR. Os indícios de fatos criminosos é que orientam as investigações do Ministério Público Federal. A Instituição não dá e nem dará tratamento diferenciado para investigados por estes terem ou deixarem de ter ligação de qualquer espécie com membros da Instituição.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Veja lista de cidades e prisões do RN alvos da ‘Juízo Final’


Investigadores do Ministério Público do Rio Grande do Norte cumprem 129 mandados de busca e apreensão, 21 mandados de prisão e 24 conduções coercitiva na Operação Juízo Final, contra o PCC.

As medidas estão sendo cumpridas em 18 cidades do estado, 13 estabelecimentos prisionais estaduais e um presídio federal.

A relação de cidades é a seguinte: Natal, Parnamirim, Ceará Mirim, Macaíba, Baía Formosa, Mossoró, Itajá, Felipe Guerra, Baraúna, Caraúbas, Martins, Pau dos Ferros, São Francisco do Oeste, Tenente Laurentino Cruz.

Já as unidade prisionais  estaduais alvo das ações são as litadas abaixo:

Penitenciária Rogério Coutinho Madruga (Pav. 5),

Alcacuz

Cadeia Pública de Natal

CDP Zona Norte

Complexo penal João Chaves

CDP Pirangi

PEP Parnamirim

CDP Parnamirim

Cadeia Pública de Mossoro

CPEAMN Mário Negócio

Cadeia Pública de Caraúbas

Presídio de Pau dos Ferros

CDP Patu

CDP Parelhas

CDP Jucurutu.

Além delas, há mandado sendo cumprido no presídio federal de Porto Velho, em Rodônia.

Já estão sendo encaminhadas ao Poder Judiciário 26 denúncias contra os alvos da operação pelos crimes de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. Outras denúncias ainda serão oferecidas.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››