RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net ou clique na imagem abaixo

Ouça pelo Listen 2 My Rádio ou clique na imagem abaixo

Imagem relacionada
Loading ...

quinta-feira, julho 27, 2017

Botafogo reverte vantagem, vence por 3 a 0, elimina Atlético-MG e avança na Copa do Brasil

Com um jogo praticamente perfeito no primeiro tempo, o Botafogo carimbou sua vaga para a semifinal da Copa do Brasil. Jogando no Estádio Nilton Santos, nesta quarta-feira, o time da estrela solitária venceu o Atlético-MG por 3 a 0, após perder o primeiro jogo por 1 a 0, em Belo Horizonte. Agora, terá pela frente o vencedor de Flamengo e Santos. O resultado complica mais ainda o momento vivido pelo Galo, que acabou de trocar de comando técnico, mas que não mostrou mudanças. Na primeira etapa, Carli e Roger colocaram o Botafogo em uma situação bastante confortável: 2 a 0. Quando o Atlético-MG apertou a pressão em busca do gol da classificação, nos minutos finais do segundo tempo, Gilson, em um contragolpe fatal, fez o terceiro dos donos da casa e garantiu a vaga.


PRIMEIRO TEMPO
O Botafogo mostrou seu cartão de visitas logo aos cinco minutos. Depois de uma pressão inicial, Carli aproveitou chute errado de Bruno Silva e, sozinho na área, desviou para explodir de alegria o Estádio Nilton Santos pela primeira vez. Aos poucos, o Atlético-MG equilibrou as ações e segurou o ímpeto dos donos da casa. Usando o lado direito, o Bota criava suas principais chances de perigo e, justamente no setor, chegou ao segundo gol. João Paulo cruzou na medida para Roger, que ganhou de Gabriel e testou para o fundo do gol, dando a vantagem que o time precisava para a classificação ainda na primeira etapa.


SEGUNDO TEMPO
Disposto a ter melhor sorte em seu primeiro jogo no comando, Micale sacou Robinho e Yago, após o intervalo, dando lugares para Rafael Moura e Rafael Carioca. No entanto, o Atlético-MG mudou pouco seu jogo, com muitos toques e posse de bola, mas sem chances de gol efetivas. Já o Botafogo contava com grande noite de Roger para puxar os contragolpes e levar perigo ao gol de Victor. A partir dos 20 minutos, o Galo aumentou a pressão e passou a chegar com mais força, principalmente em jogadas do lado esquerdo, com Fábio Santos e Cazares. No entanto, não obrigou Jefferson a fazer nenhuma defesa e ainda viu Gilson, em um contra-ataque perfeito, nos acréscimos, fazer o terceiro e jogar a pá de cal: 3 a 0. Botafogo classificado, Galo eliminado.


PARTIDÃO DE ROGER
Coletivamente, o Botafogo fez uma partida excelente no Nilton Santos. Os comandados de Jair Ventura correram muito do início ao fim, buscaram o placar necessário e foram impecáveis taticamente para matar o jogo. Individualmente, alguns jogadores se destacaram. O centroavante Roger é um deles. Fez o segundo gol botafoguense e deu muito trabalho à defesa atleticana. Ajudou na recomposição e marcação e ainda foi figura importantíssima nos contra-ataques, apesar de não ter a velocidade como característica principal. Saiu de campo exausto e aplaudido pela torcida. Com razão.


QUE FASE...
A crise do Atlético-MG, com a eliminação, só aumenta. No Brasileirão, o time não consegue vencer em casa e disputa posições na segunda metade da tabela. Na Copa do Brasil, o objetivo do bicampeonato não é mais alcançável. O Alvinegro, agora, aposta todas as fichas na Libertadores. No primeiro jogo das oitavas de final, derrota para o Jorge Wilstermann, na Bolívia, por 1 a 0. O desafio é reverter a vantagem, no Independência, e avançar para a próxima fase. Enquanto isso, Rogério Micale e o time precisam dar uma resposta no Brasileirão.


AGENDA
Sábado, às 16h (de Brasília), o Botafogo tem pela frente o São Paulo, também no Nilton Santos, pela 17ª rodada do Brasileirão. No domingo, no mesmo horário, o Galo pega o Coritiba, na capital paranaense.


Fonte: Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós, comente essa matéria!